1. Spirit Fanfics >
  2. Dishonored .sirius black >
  3. Seven

História Dishonored .sirius black - Capítulo 8


Escrita por:


Capítulo 8 - Seven


──────────⊱◈◈◈⊰───────────

7. Caitlin Yaxley

A garota se encontrava agitada, não conseguia controlar sua perna e a ficava balançando era uma situação um pouco cômica de ser ver, já que a garota sempre foi uma menina calma e não deixava transparecer suas ansiedades. 

Já havia se passado dois dias do beijo e a garota como algo comum de si estava fugindo de Sirius Black, seus amigos já havia percebido que algo estava fora do normal, pois ela não dirigia a palavra a ele, nem para implicar mais.

Caitlin não havia tomado nenhuma decisão sobre o que fazer em relação a Sirius, mesmo que ela gostasse muito dele e decidisse se relacionar com ele, ela estaria indo contra tudo que seus pais queriam para ela, a loira não tinha coragem e nem atitude para isso, ela precisava de suas amigas.

A aula de Transfigurações era sua última aula do dia, Marijge estava ao seu lado totalmente concentrada na aula e quando olhou por cima do ombro viu sua amiga ruiva revirando os olhos por algum comentário de James que estava sentada ao seu lado. Caitlin pegou um pedaço de pergaminho e escreveu um bilhete para Lily.

"Encontre-me na biblioteca, preciso de você" - Caitlin

Ficou olhando para a amiga que apenas balançou a cabeça sinalizando um tudo bem. A aula se prolongou por mais alguns minutos e a professora Minerva McGonagall dispensou a turma, Caitlin rapidamente pegou seus livros e ficou esperando Mari na porta, quando a garota saiu ela pegou no braço da amiga que pedia uma explicação, ao chegar à biblioteca a garota loira procurou a mesa mais afastada e se sentou.

—  Agora da para me explicar porque me arrastou assim por todo o castelo? —  Mari diz arrumando suas roupas e se sentando na cadeira a frente de Caitlin.

—  Eu quero contar algo para vocês, mas preciso das duas aqui — Caitlin diz, olhando para porta achando que assim Lily viria mais rápido.

Marijge decide não pergunta mais nada, conhece a amiga enquanto a ruiva não chegar ela não passará nenhuma informação, as duas ficaram em silêncio até que Caitlin vê uma cabeleira ruiva passar pela porta com James, a menina franze a testa ao não entender a razão do garoto estar ali.

—  Porque James veio junto? —  Essa é a primeira coisa que sai da boca de Caitlin quando eles se aproximam e o rapaz a olha ofendido, o garoto se senta ao lado de Mari e Lily ao lado de Cait.

—  Porque ele é um intrometido, ele viu o bilhete e não e deixo em paz até vim — Lily diz sem paciência fazendo Mari rir.

—  Ei, eu também sou seu amigo e quero fazer parte da reunião—  James diz — E eu sei que vamos falar sobre o Sirius e ele precisa de uma defesa — Ele diz rindo.

—  Claro, veio defende o namorado James — Mari diz brincando com James que apenas balança os ombros rindo também.

—  Foco pessoal — Caitlin diz — Eu vou falar para vocês, algo que guardei durante muito tempo, mas agora eu preciso de conselhos.

 A menina contou sobre a relação dela e de Sirius e do beijo recente, mas deixou de fora a noite em que tiveram no quinto ano, James e Lily em todo o momento ficavam se olhando com cumplicidade já Mari parecia confusa com toda a confissão.

—  Eu já sabia — Disse James e Lily ao mesmo tempo, quando a amiga terminou de falar — Ei, falamos juntos — Eles riram, Caitlin percebeu que estavam bem próximos decidiu que depois iria falar com a Evans.

—  Porque só eu não sabia? —  Diz Mari que fez um bico.

—  Porque Sirius Black é uma boca aberta que não sabe ficar quieto — Caitlin diz brava —  O problema é que agora não sei o que fazer —  A garota diz emburrada.

—  Cait respira e mantenha a calma —  Lily diz calmamente —  Você primeiramente tem que decidir o que realmente sente pelo Sirius, segundo, eu conversei com ele e sinceramente ele gosta muito de você e só esta esperando um sinal —  Caitlin se surpreende ao saber que ele conversou sobre ela.

—   Ele realmente gosta de você Cait, eu não to falando isso porque ele é quase meu irmão, mas sim porque você também é minha melhor amiga e eu quero muito que vocês se resolvem para ele para de torrar minha paciência —  Ele diz rindo, mas Cait vê sinceridade no amigo.

—  Então, tem mais uma coisa que a gente escondeu de vocês esse tempo —  Caitlin diz sem graça —  Eu e ele já ficamos em uma noite antes de voltarmos para o quinto ano e no outro dia quando acordei, ele simplesmente já tinha ido embora, sem um bilhete ou tchau —  A garota diz frustrada —  Eu passei dias tendo sonhos com aquela noite e depois parou, mas depois do beijo eu sonhei novamente —  Ela diz envergonhada.

Os amigos da garota ficam chocados, esperavam que eles tivessem uma relação profunda, mas não a esse ponto e acabaram dando risada.

—  Teu corpo sente saudade dele —  Mari diz rindo e os amigos continuam rindo, deixando a garota mais envergonhada

—  É simples Caitlin, levanta daqui vá procurar Sirius e marquem um encontro e deixa rolar calmamente —  James diz como se fosse algo fácil.

—  Eu acho isso uma ótima idéia —  Lily diz —  Faça as coisas sem pressão, tente esquecer um pouco de seus pais ou Regulus, apenas se entregue ao momento e depois você decide se Sirius realmente vale a pena —  A garota diz.

—  Mas quando eu fico próxima dele eu perco o controle de tudo, minhas emoções, meu corpo e minha mente parecem que pode entrar em erupção ao qualquer momento —  Caitlin diz —  Eu sei que realmente gosto dele — Ela diz assumindo o sentimento. 

—  Isso é normal Caitlin, olha somos da melhor casa de Hogwarts —  Diz Mari fazendo Lily e James revirar os olhos —  Somos lindas e inteligentes, mas quando eu vejo Remus eu quero pular da torre de astronomia de tanta vergonha —  Mari se vira pro James e aponta o dedo para ele —  Se você disseres isso para ele eu mesma te jogo de la de cima —  O rapaz apenas ri com a confissão da coreana que se volta a Caitlin novamente —  Apenas para de pensar a planejar muito só agi.

A garota escuta todos os conselhos e fica agradecida por saber que tem todos ao seu lado.

—  Obrigada pessoal, eu amo vocês —  Caitlin diz, os amigos se levantam e se fazem um abraço em grupo.

[...]

Depois da conversa com os amigos, Caitlin estava decidia do que iria fazer, ela iria falar com Sirius e ela estava disposta a deixar as coisas acontecerem entre os dois, ela estava procurando o rapaz em todo o lugar, até que o encontrou sentado com Marlene Mckinnon e decidiu ir até eles.

—  Sirius —  Caitlin diz envergonhada, ao ouvir a voz da garota o rapaz se vira rapidamente —  Eu preciso falar com você —  O rapaz se vira para Marlene que se levanta e sai o deixando sozinho com Cait

—  Decidiu parar de correr de mim —  Ele diz com um sorriso de lado —  Podemos conversar agora?

—  Me perdoa por ser assim Sirius, sempre fugir de você eu apenas não sabia como agir—  A menina diz—  Eu esperei por tanto tempo que você viesse falar comigo e você simplesmente passava do meu lado e fingia que nunca havia acontecido nada

—  Eu já pedi perdão por isso e te expliquei o porquê —  Ele diz chateado.

—  E eu entendo, mas não é fácil esquecer, eu só tinha você era eu e você contra os nossos pais e de repente um dia você acordou e decidiu que viveria sem mim —  A garota diz segurando as lágrimas, ao percebe Sirius abraça a garota, a menina deixa cair algumas lágrimas no peito do rapaz, ela o abraçou de volta.

—  Em nenhum instante eu quis viver sem você Caitlin —  Ele diz —  Por favor, me da uma chance de mostrar isso —  A garota respira fundo ao ouvir isso e levanta a cabeça encontrando os olhos cinza do rapaz —  Seja minha garota, prometo que não irei desperdiçar essa chance.

—  Eu quero viver todos os momentos Sirius, eu aceito ser a sua garota, eu confio em você —  Caitlin diz e vendo que o garoto se encontra sem reação ao escutar o sim, ela pega na nuca do rapaz e o beija.

Com o beijo Caitlin descobriu o hálito de menta do rapaz era sua coisa preferida e que nos braços dele era o lugar em que ela mais queria ficar. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...