História Distant love - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Drama, Originais, Romance, Yaoi
Visualizações 3
Palavras 900
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Lemon, Magia, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shonen-Ai, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Olá aqui quem digita é o Saito, como prometido eu trouxe o primeiro capitulo para vocês caro leitores, espero que gostem e aproveitem e se puderem me deixem comentários e opiniões. Beijos de chocolate!

Capítulo 1 - "Garoto dos Sonhos"


.

Haruka On

TRIMMM, TRIMM, TRIMM, TRIMM!!!

- M..mas o que é isso? Comecei a procurar o meu celular no criado mudo que estava posicionado ao lado da minha cama e logo o achei, peguei o mesmo em minhas mãos pequenas e pálidas e olhei para a tela e então vi que já eram 6:50 da AM, dei um salto na cama e fui correndo para o banheiro, chegando lá eu comecei a me despir e liguei o chuveiro para logo começar a tomar um banho quente.

Depois de meia hora eu sai do banho e me enxuguei, fui até o meu roupeiro e vesti uma calça skinny preta junto a uma camisa preta de manga curta, calcei meu tênis da Vans e coloquei um casaquinho xadrez na cor vermelha.

- Será que está bom? - Perguntei me olhando no espelho e dando pequenas voltinhas mas logo parei quando ouvi o barulho da porta ser aberta e a minha mãe entrar.

 

- Nossa filho! Vai a um desfile meu anjo? Perguntou ela me fazendo corar um pouco.

- Mamãe, não fala assim....está me deixando sem jeito. Falei indo até a mesma e lhe dando um selar na testa no qual para fazer esse ato era preciso eu ficar nas pontas dos pés.

- Tudo bem, desculpe mas você está lindo meu anjo. Senti os braços dela me envolverem e logo sua mão subir para meus cabelos loiros e fazer um gostoso cafuné.

- Obrigado mãe, agora vamos comer que estou morrendo de fome. Falei fazendo drama e logo ela sorriu meiga e me soltou para logo me guiar para cozinha onde uma mesa farta nos esperava.

- Bom dia filho! Meu pai falou sem nem mesmo me olhar pois estava lendo o seu jornal e tomando o seu café.

- Bom dia pai! Falei indo até ele e lhe dando um selar estalado na bochecha esquerda, caminhei até a mesa e peguei uma maça vermelha que estava na fruteira. – Mãe, que hora é?

- São exatamente 7:20. Ela falou de modo tranquilo enquanto fazia o seu café com leite.

- Ah, droga! Estou atrasado! Falei pegando minha mochila que já estava na cozinha e fui até minha mãe, lhe dei um beijo na bochecha e logo fiz o mesmo com o meu pai. – Tchau! Falei saindo correndo da cozinha e indo em direção a porta, abri a mesma e corri para fora de casa, após caminhar algumas quadras eu ouvi um som alto de uma buzina de carro, curioso como sempre eu olhei para o lado e avistei o carro do meu best friend, nesse momento eu agradeci imensamente aos céus por ele ter conseguido tirar carteira mas enfim, esperei ele parar o carro e entrei no mesmo.

- Nossa eu te amo! Falei fechando a porta e me jogando no banco.

- Eu também te amo my princess, mas e aí? Para qual desfile vamos? Ele falou divertido e deu partida no carro.

- Meu Deus, por que todo mundo está falando isso hoje? Falei enquanto verificava algumas mensagens em meu celular.

- Talvez seja porque você está um cat? Mas tipo assim, “Só acho”.

Olhei para ele e vi um sorriso brotar em seus lábios enquanto ele dirigia, corei um pouco e abri o porta luvas.

- O que tem de novo? Falei mexendo nos Dvd’s de musicas.

- Tem esse aqui. Ele esticou o braço para o banco de trás e pegou um DvD. – Comprei ontem, o vendedor disse que esse era o ultimo do estoque. Falou voltando a prestar atenção na rua.

Dei de ombros e comecei a analisar a capa, tinha um homem bem bonito que me chamou a atenção mas eu nem dei muita bola, coloquei o DvD no som e liguei o mesmo, esperei a telinha subir e me remexi no banco tentando achar uma posição confortável.

- Hum, estão dizendo que essa cara está fazendo muito sucesso com as garotas, elas o chamam de “Garoto dos Sonhos”

Heide falou estacionando na única vaga que tinha no estacionamento do colégio.

- Puff , ele só é mais um daqueles caras que s....

Parei de falar quando olhei para tela do som e vi o tal de “Garoto dos Sonhos”, senti meu coração falhar uma batida quando ele começou a fazer um movimento bem obsceno no chão, ele era realmente bonito, na verdade ele era lindo! E ele tinha algo que tirava a minha concentração, talvez seria aquela boca? Ou aquele corpo forte? Quem sabe aqueles movimentos?

Só de pensar nisso eu já fiquei todo vermelho e logo percebi que Heide estava rindo da minha cara.

- Ele é só mais um daqueles caras que? Falou divertido e tirou o seu cinto de segurança.

- Puff, cala a boca. Falei todo corado e tirei meu cinto, desliguei o som e sai do carro.

Quem era ele? E por que o meu coração estava batendo tão forte?

 

Pensei por alguns segundos antes de ser tirado de meus pensamentos pelo sinal da primeira aula, caminhei  com Heide para a sala e me sentei na primeira classe.

Aquela seguiria tranquilamente se não fosse por aquele maldito “Garoto dos Sonhos”.

Calma Haru, isso é só uma atração física, vai passar e amanhã você já nem irá lembrar desse garoto.

Isso era oque eu tentava falar para o meu cérebro mas pelo jeito ele não iria dar muita bola.

 

 

 


Notas Finais


Acabou, espero que tenham gostado,farei capítulos maiores não se preocupem e até a proxima! Beijos de chocolate <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...