História Dividida - Capítulo 49


Escrita por:

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Erza Scarlet, Gajeel Redfox, Gray Fullbuster, Jellal Fernandes, Juvia Lockser, Laxus Dreyar, Levy McGarden, Lucy Heartfilia, Lyon Vastia, Mirajane Strauss, Natsu Dragneel
Tags Fairy Tail, Gale, Gruvia, Jerza, Lobisomens, Miraxus, Nalu, Romance, Sobrenatural, Vampiros
Visualizações 14
Palavras 1.389
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Yo minna...
Gomen ne... não estava muito bem ultimamente...
To trabalhando o dia inteiro e de noite tem a faculdade... fiquei totalmente sem tempo para escrever.
Mas cá está a autora-chan com mais um capítulo para vocês.
Espero que gostem...
Entramos na reta final da parte II da fanfic.
Boa leitura.

Capítulo 49 - Reencontro


Juvia pov’s on

Juvia e as meninas voltam a correr, passando por becos e subindo algumas escadinhas nas ruas.

O som de vozes estava ficando mais alto e próximo. Juvia e as meninas continuam acelerando até que paramos em uma rua mais larga e movimentada. 

Parecia ser o centro comercial da cidade, havia pessoas para todos os lados conversando e caminhando.

Juvia olha para as meninas e assente, voltando a correr. 

Conforme Juvia e as meninas iam se aproximando cada vez mais do centro, as ruas iam aumentando e mais pessoas apareciam. 

O som do relógio ecoa de novo e Juvia começa a olhar para os lados desesperada.

_ Onde ele tá?_ pergunta a Lucy, visivelmente preocupada. 

_ Continuem procurando._ disse a Mira e todas continuam a procura pelo relógio.

_ Ali!_ disse a Levy apontando pra ponta do telhado da torre.

Juvia e as meninas olham e se reúnem num mini círculo.

_ Temos 15 minutos, é melhor nos.. _ Erza interrompe sua frase ao olhar para trás de Juvia e Lucy e arregalar os olhos.

Juvia se vira lentamente e vê dois dos homens que tinham nos cercado minutos antes procurem ao seu redor.

_ Hey!_ gritou um deles ao olhar em nossa direção, começando a correr.

_ Droga. Temos que ir. Agora!_ exclamou a ruiva e todas rapidamente voltam a correr. 

Juvia e as meninas correm o mais rapido que conseguem, passando em ruelas e becos. As pessoas nos olhavam sem entender e saíam do caminho.

A torre do relógio foi ficando cada vez mais perto. O coração de Juvia batia forte no peito. Juvia só conseguia pensar em chegar até Gray-Sama a tempo.

Juvia e as meninas seguem por uma rua estreita e logo param ao ver que tínhamos chego no pátio da torre, repleto de pessoas.

_ Onde eles tão?_ pergunta a Levy, ofegante.

Juvia procurava em todos cantos e logo o relógio soou de novo, marcando meio-dia. 

Juvia passa as mãos nos cabelos e olha pras meninas desesperada, voltando a passar o olhar em cada canto.

Juvia olha para cima, colocando o braço na frente do rosto pelo sol, arregalando os olhos.

_ É claro. Sol. Eles não vão estar entre as pessoas, fora das sombras._ disse a Juvia, começando a procurar nos cantos onde tinham mais sombra, começando a correr ao reconhecer a silhueta familiar.

O relógio continuava badalando e Juvia e as meninas corriam como nunca.

Juvia se esgueirava entre as pessoas, empurrando algumas levemente para conseguir passar. 

Assim que Juvia tem total visão, os olhos de Juvia se fixam em Gray-Sama, parado sob o beiral de uma das casas, próximo a entrada do castelo, olhando para os meninos.

_ Gray… Sama..._ Juvia sussurra falho, parando em frente a uma fonte ao dar as 12 badaladas.

As meninas param ao lado de Juvia e tampam a boca ao ver os meninos com lágrimas nos olhos. Em segundos, o olhar de Juvia se encontra com o de Gray-Sama que arregala seus olhos, fazendo os meninos se virarem e olharem para Juvia e as meninas. 

Juvia abre um sorriso e rapidamente o desfaz ao ouvir gritos. Juvia olha para trás e o tempo parecia ter ficado cada vez mais lento.

Os mesmos homens de preto se aproximavam rapidamente de Juvia e das meninas. Juvia vira a cabeça para a direita e olha para Erza e Lucy que começavam a subir na fonte ao seguirem o olhar de Juvia e arregalarem os olhos. Juvia então olha para a esquerda e olha para Mira e Levy que faziam o mesmo.

Juvia sente Lucy segurar o braço de Juvia e a puxar, fazendo Juvia se virar e pular na água.

Juvia e as meninas passam dentro da fonte, sem se importar por estar molhando nossas roupas por completo. Juvia apenas olhava para Gray-Sama que desencosta da parede e começa a se mover na direção de Juvia e das meninas junto a Natsu, Jellal, Laxus e Gajeel.

Juvia só conseguia ouvir a respiração de Juvia e o som das batidas do coração de Juvia aceleradas. Tudo parecia ter parado ao redor. 

O olhar de Juvia se encontra com o de Gray-Sama e a distância entre nós dois ficava cada vez menor. 

Juvia sente Lucy apertar a mão de Juvia e olha pra mesma que mantinha o olhar pra frente.

As pernas de Juvia pareciam que iam explodir de dor, mas Juvia as forçou a continuar a se mexerem. 

Juvia e as meninas atravessam a praça e seguem pela escadaria da entrada do terreno do palácio. Gray-Sama e os meninos corriam na direção de Juvia e das meninas em velocidade humana para não exporem sua natureza e em segundos Juvia estava nos braços de Gray-Sama.

_ Gray-Sama..._ Juvia o aperta e sente o mesmo apertar a Juvia.

_ Você tá mesmo aqui... _ disse Gray-Sama olhando para a Juvia e abrindo um sorriso.

Juvia assente e encosta a testa na de Gray-Sama, sentindo o mesmo levantar Juvia no colo.

_ Vamos sair daqui._ disse ele e olha para os meninos que seguram as meninas no colo. 

Gray-Sama e os meninos começam a correr e conforme Juvia, as meninas, Gray-Sama e os garotos iam se afastando das pessoas e do movimento, a velocidade sobrenatural ia aparecendo e rapidamente estávamos longe do movimento e dos homens que estavam atrás de Juvia e das meninas. 

Gray-Sama coloca Juvia no chão e os meninos fazem o mesmo.

_ Não acredito que vieram até aqui._ disse Gajeel.

_ Por que fizeram isso?_ pergunta o Laxus.

_ Porque não queríamos perder vocês… pra sempre._ respondeu a Mira.

_ Mesmo que… não quisessem mais nada com a gente… Não íamos deixar que tomassem a decisão errada._ disse a Levy.

_ Mesmo depois de todo esse tempo… ainda se preocupam?_ perguntou o Natsu.

_ Hai. Pra ser bem sincera… Nunca deixei de pensar em você._ disse a Lucy, olhando para o Natsu.

_ Acho que… nenhuma de nós poderia deixar de se preocupar ou esquecer._ disse a Erza, olhando para Juvia e as meninas.

_ Hai._ disse Juvia e as meninas juntas.

Gray-Sama olha para Juvia e leva a destra ao rosto de Juvia.

_ O que fizemos… não tem perdão... Pensamos que não precisavam mais de nós._ disse Gray-Sama, olhando nos olhos de Juvia.

Juvia nega e deita o rosto na palma da mão de Gray-Sama.

_ Aonde quer que Juvia fosse… Juvia pensava em Gray-Sama e desejava que estivesse com a Juvia mais do qualquer coisa._ disse a Juvia, suspirando de leve e dando um passo para trás._ O que importa é que agora vai ficar tudo bem.

Gray-Sama suspira baixo e segura as mãos de Juvia.

_ Juvia..._ Gray-Sama é interrompido por um barulho de palmas, olhando para trás e rosnando baixo.

_ Que momento encantador. Creio que tínhamos um trato senhores._ disse um homem alto com a pele pálida e seus olhos vermelho carmesim.

_ Lie, não temos mais._ disse Gray-Sama, passando o braço na frente de Juvia.

_ Agradecemos pelo seu tempo, mas já tomamos nossa decisão._ disse Jellal, atento ao homem mais velho.

_ Tsc tsc tsc, não é assim que funciona._ respondeu ele, olhando para Juvia e as meninas._ Creio que Vossa Majestade ficará honrado em conhecer nossas… convidadas._ disse ele, fazendo uma pausa antes de terminar a frase, fixando o olhar em Juvia.

_ Creio que não._ disse Natsu, colocando Lucy atrás de si.

O homem estala os dedos e outros dois aparecem atrás de si, rosnando.

Gray-Sama e os meninos rosnam e se preparam para atacar quando Silver-San aparece e fica entre os dois.

_ Chega. Não há motivos para brigarmos._ disse ele, olhando de Gray-Sama para o homem misterioso.

Igneel-San, Metalicana-San e Makarov-San aparecem e os meninos suspiram.

_ Excelente. Me acompanhem._ disse o mais velho, se virando e seguindo em frente com os outros dois.

_ Obedeçam._ disse Igneel-San e todos assentem.

Gray-Sama segura a mão de Juvia e Juvia a aperta, respirando fundo e olhando para Gray-Sama.

_ Confie em mim._ disse ele e Juvia assente.

O grande grupo segue o homem misterioso e em minutos estávamos em frente ao castelo.

Juvia está com um péssimo pressentimento…

Continua….


Notas Finais


O que acharam?
Tentei fazer partes bem emocionantes e que fizessem o kokoro bater a mil com cenas slow motion kkkkkk
Mas a autora-chan aqui não é muito boa com cenas de ação. Gomen ne.
Até o próximo.
Postarei quando der...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...