História Divine world: A Existência além do mundo Real. - Capítulo 2


Escrita por:

Visualizações 7
Palavras 1.810
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Ficção, Romance e Novela, Sci-Fi, Seinen
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Nudez
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


~heya, segundo capítulo.

Como eu ja tinha escrito essa história, eu apenas dei uma polida, e reformulei, os cinco primeiros capítulos serão assim.

Capítulo 2 - O Bar Cabeça de Bode e Início da Aventura.


Fanfic / Fanfiction Divine world: A Existência além do mundo Real. - Capítulo 2 - O Bar Cabeça de Bode e Início da Aventura.

No último episódio conhecemos Hayato e sua nova escola, soubemos que a tecnologia do mundo havia sido expandida, a educação de todos os países teriam se tornado incrivelmente desenvolvidos, existindo em todos os pais espécies de cidades apenas para estudantes e assim era o Colégio Hitomiko, descobrimos que também os jogos eletrônicos haviam evoluído a ponto de que a realidade aumentada passou a estar ao mesmo nível do mundo real.

Hayato em sua escola acabou conhecendo todos seus colegas de classe graças a Sora um aluno que resolveu fazer uma dinâmica de apresentação. Logo após a isso o professor começou a distribuir vários Relógios onde seria um aparelho para várias funções e também havendo o dinheiro virtual dos alunos que cairia todo mês. Depois da sua primeira aula Hayato estava em uma loja local onde viu um novo jogo que se chamava “Divine World” Hayato por sua vez comprou o jogo e seu emulador e foi direto para seu prédio, mostrando que a estrutura do colégio seria de primeira classe. Chegando a seu quarto fez a instalação do Divine Emulator e então deu início ao novo mundo.

 

Iniciando Divine World.

Hayato se via em um espaço em branco em um corpo totalmente preto e começava a ver e a ouvir informações iniciais do jogo.

 

— Bem vindo a Divine World, iremos começar a tela de criação de personagem – Uma voz ecoava naquele local sendo a própria inteligência artificial do jogo.

 

Naquele exato momento aquele espaço branco mudou se tornando um lugar digitalizado onde haveria varias telas e várias opções.

 

— Aqui está à tela de criação de personagem fique livre para personalizar seu avatar e depois iremos para seção de classes, você tem a opção de usar o sistema que poderá deixar você com sua aparência original. – O Npc explicava para Hayato

Hayato optou por usar sua aparência original, porém com algumas alterações no cabelo e nos olhos como cor.

 

— Podemos ir em frente... – Hayato falaria depois de configurar sua aparência.

 

— Muito bem. – o Npc concordava.

 

Em seguida a o ambiente mudou para vários outros npc’s com aparências e armas diferentes de uma das outras.

 

— Aqui há as possíveis classes que você poderá escolher – O Npc mostraria cada uma delas.

 

Cavaleiro: Sendo forte e resistente em combate sendo o que ficaria na linha de frente nos combates, podendo portar escudo e espadas, machados e etc.

 

Arqueiro: Sendo uma classe à distância sendo mais rápidos que os guerreiros e portando armas como arco, bestas, estilingues e outras armas a distância.

 

 

 

Mago: Sendo mais lentos do que os Arqueiro, porém com muito poder mágico podendo conter domínio de vários elementos e até outras habilidades obscuras.

 

 

 

Assassino: rápidos e fortes tem a resistência maior do que um Arqueiro, mas não se compara com de um cavaleiro, porém devido às habilidades de ocultar e muito dano em partes letais consegue igualar ao poder de um cavaleiro

 

 

 

— Então qual sera sua escolha? – O Npc perguntaria para Hayato.

 

Hayato começou a observar em qual se sairia melhor, depois de alguns minutos ele tomou sua decisão.

 

— Irei escolher o Assassino. – Hayato foi curto e claro.

 

Então uma luz começou a cegar a vista de Hayato e então ele adentrou definitivamente o jogo.

 

Toka Town, 01 de Janeiro, 9h00 AM

 

 

Hayato finalmente aparecia dentro de uma cidade. Toka Towm era o lugar onde a maioria dos jogadores iniciou sua aventura pelo game, sendo uma cidade inicial para que pessoas de níveis baixos consigam prosseguir no jogo tranquilamente.

 

 

— Certo em jogos assim, eu tenho que subir de nível, porém não sei objetivo do jogo... – Hayato falava enquanto caminhava pela vila vendo vários Players caminhando pelo local.

 

De repente em seu visor viu uma pequena imagem em forma de carta então com sua mão direita passando o dedo para baixo, abriu uma tela onde tinha: opções, equipamentos, mapa, correio de voz, Hayato acessava seu correio de voz.

 

O recado dizia...

“Eu Yoshamaru convido todos que receberão esta mensagem de texto a comparecerem ao Bar cabeça de Bode as 11h00 Am para contar sobre o que descobrimos sobre o jogo.”

 

 

 

— Interessante... Irei saber mais do jogo, mas enquanto tenho tempo de sobra eu irei ver as lojas que poderei comprar em breve...

 

Hayato resmungava caminhando pela pequena cidade fazendo papel de turista pela cidade, depois de uma longa caminhada, analisou locais de vendas.

 

Bar cabeça de Bode, 10h55min Am

 

Hayato estaria na frente do bar, entrando no local pode ver vários Players, a maioria estaria bebendo e rindo bastante, alguns estariam trocando informações e jogando conversa fora.

— Tem muita gente aqui... – Hayato resmungava, avistando uma mesa vazia.

 

Hayato sentou-se uma cadeira e ficou apoiado com os cotovelos na mesa observando o movimento geral do bar. Então um homem chamou a atenção de todos e começou a falar.

 

—Olá a todos meu nome é Yoshamaru, obrigado por comparecem, percebi que muitos já estão situados com o jogo, e estão se divertindo bastante. —Yoshamaru falava abrindo um sorriso enorme, chamando atenção de todos.

Yoshamaru mostrava ser da Classe “Warrior”, então se personagem carregava uma espada grande sendo seu personagem bem forte fisicamente.

Todos ficariam em silêncio e então Yoshamaru colocou um disco de holograma onde se abriu um mapa com um ponto vermelho.

— Bom, descobrimos que o sistema de evolução desse jogo é baseado em niveis, estamos no primeiro nível; imagine uma escada esse jogo se baseia em subir esses degraus até o fim do jogo, vamos chamar cada nível de “Andar”, em cada andar é provável ter um Boss, que teremos que enfrentar para seguir em frente. — Yoshamaru explicou enquanto mostrava exemplos a partir do holograma.

— Vários jogos estão situados com esse tipo de progressão, assim todos os jogadores teriam que trabalhar juntos para zerar o jogo, assim como podemos ser independentes neste mundo, como mercadores, ou até mesmo viventes civis. — Yoshamaru explicaria enquanto pegava uma caneca cheia de vinho.

- Mas não sabemos quantos andares são, porém achamos a entrada para o primeiro calabouço e possivelmente o primeiro chefe. – Yoshamaru mostrava seu orgulho perante as todas as informações que conseguiu.

 

Muitos aplaudiam, mas de repente uma garota Ruiva levantou e se pôs a perguntar.

 

- Parabéns, porém como iremos derrotar este chefe se estamos nível muito baixo ainda? – A Garota questionava Yoshamaru de uma forma arrogante e grosseira

 

De repente todo mundo ficou em silêncio esperando uma resposta de Yoshamaru.

 

- Bom... Iremos fazer uma expedição para isso faremos grupos... Ou melhor, esquadrões para proporcionar uma Vitória sobre este chefe. — Yoshamaru sorria para garota.

 

A Ruiva ficou descontente, mas sentou e ficou em silêncio.

 

- Todos que quiserem formar suas equipes aqui e agora podem formar para caçarem juntos e conseguirem ficar mais fortes. – Yoshamaru falaria com alegria.

 

Hayato observando aquilo se sentiu meio incomodado.

—Eu sou um Assassino, formar equipes não será necessário.

 

- Bom teremos uma semana para expedição, treinem bastante e subam bastante de nível e venham preparados – Yoshamaru acenava para todos.

 

Então a conversa dentro do bar retornou novamente, Hayato pode ver vários Players conversando. Viu Yoshamaru conversando com a garota Ruiva que era bem grossa e arrogante com o mesmo, mas ainda insistia em criar um laço. Hayato vendo tudo isso resolveu partir para fora do local.

 

- Bom, irei caçar, afinal preciso estar pelo menos uns cinco níveis acima deles para aguentar a pressão sozinho. – Hayato resmungava.

 

Hayato fora do bar foi em direção a uma floresta próxima a vila que seria um local de caça.

 

- Vamos ver se não perdi a pratica. – Hayato sacou um especie de duas facas em forma de lua minguante ( karambit).

 

Então durante a caminhada na floresta Hayato avistou três lobos se alimentando de um presa menor. E observou que enfrentar os três seria uma má ideia então ele teve um plano.

 

- Irei atrair um de cada vez. – Hayato jogou uma pedra perto de um lobo afastados, porém isso fez que atraísse os três.

 

Então os lobos avistaram Hayato e correram para cima.

 

- Ótimo vou ter que lutar – Hayato levantava a guarda.

 

Hayato em um movimento rápido saltou avançando contra os três lobos, jogou suas facas na garganta de um dos lobos dando dano dobrado mostrando a barra de vida do inimigo mostrando que haveria tirado metade da vida devido ao ataque em um ponto vital.

 

- Se eu acertar o ponto vital acabarei tendo vantagem.

 

Hayato caiu de pé os lobos ficaram mais irritados correndo mais rápido contra o mesmo.

 

- Irei usar isso ao meu favor. — Hayato segurou suas facas ficando em posição de defesa.

 

Hayato vendo os lobos pularem deslizou por baixo pegando uma das facas fincadas no pescoço e atingindo dessa vez dos inimigos com dois chutes na parte do peito jogando-os para cima, porém um dos lobos conseguiu acertar fazendo Hayato perder um pouco da Barra de sua vida.

 

- Gwaah... - Hayato se levantava sentindo uma dor até real para um jogo.

 

Um dos três lobos acabou sendo morto desaparecendo em Pixels

 

- Um já foi o outro está ferido... – Hayato levantava suas facas, ficando em guarda.

Os lobos avançaram dessa vez tentando morder Hayato, vendo isso pulou em um tronco de árvore e em seguida voltava saltando em cima de um dos lobos dando dois ataques em seu crânio o matando.

 

- Isso! – Hayato comemorava enquanto via o segundo lobo desaparecendo.

 

Mas o terceiro lobo devido estar solitário ganhou um aumento de força atacando Hayato com uma mordida no braço dando um dano contínuo em Hayato durante sua mordida

 

- AAAAAAAH!! – Ele gritaria de dor mas em um reflexo começou atacar o lobo dando vários Hit’s fazendo desaparecer matando-o

 

Hayato cairia no chão ofegante e com muita dor e via a tela de ganhos depois daquela batalha.

 

EXP: 550

 

Level up 1-3

 

Loot: pele de lobo e dentes de lobo.

 

Gold recebido: 250$

 

— Acho que o sistema de dor deste jogo está um pouco alto para o começo — Hayato sabia que os jogos de realidade aumentada, teriam um sistema dentro do emulador, onde sua energia eletromagnética estimulava seus sentidos do cérebro, fazendo que os Players sintam dores, prazer, até mesmo seus sentimentos reais perante a uma situação.

 

- Okay da próxima vez irei ser mais cauteloso, mas pelo menos consegui subir2 niveis... – Hayato comemorava, mas veria sua barra de vida no tom amarelo, sendo que estaria na metade.

 

Hayato se levantou mesmo com braço machucado voltou para a vila e foi em direção ao centro médico da vila onde ficou em repouso. Então resolveu sair do jogo enquanto seu personagem se recuperava.

 

Quarto(colégio hitomiko), 15 de Janeiro, 21h30min PM.

 

- Passou muito tempo, acho que irei à lojinha comprar algo para comer...

 

O mesmo calçou seu tênis e saiu do seu quarto, porém não percebeu um pequeno hematoma no seu braço.

 

Contínua...


Notas Finais


Thanks.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...