História DNA (Deixe-Nos Amar) - Capítulo 25


Escrita por:

Postado
Categorias Meninas Super Poderosas (The Powerpuff Girls)
Personagens Ace, Arturo, Big Billy, Docinho, Durão, Ele, Explosão, Florzinha, Fortão, Fuzzy Confusão, Lindinha, Macaco Louco, Personagens Originais, Prefeito de Townsville, Princesa MaisGrana, Professor Utônio, Senhorita Bellow, Senhorita Keane
Visualizações 113
Palavras 3.562
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olha quem retornou das cinzas
Euzinha mesmo, e gente antes que vocês me matem eu tenho uma explicação para esse sumiço eu sei que vocês não tem nada haver com a minha vida pessoal mas acho que vocês merecem saber o que aconteceu Mas só nas notas finais então
Boa leitira 💕💕

Capítulo 25 - A Flor Da Submissão


Fanfic / Fanfiction DNA (Deixe-Nos Amar) - Capítulo 25 - A Flor Da Submissão


OBS: LEIAM AS NOTAS FINAIS,POR FAVOR  



Já era por volta de duas e meia da manhã e Blossom se encontrava no laboratório do Professor, todos incluindo o mesmo já estavam dormindo mas a garota não tinha tempo pra isso, ela precisava descobrir mas alguma coisa sobre o ELE e precisava saber disso agora 


Nenhumas das peças se encaixava, até então tudo que sabiam é que o ELE não está com 100% de tudo seu poder e que ele quer as crianças, mas pra que? E por que ele quer isso? Blossom não descansaria até encontrar todas essas respostas que precisava 


Ela se jogou na cadeira do computador com alguns papéis que tinham acabado de imprimir e os resultados eram sempre os mesmos; Nada! Ela voltou a digitar no computador até que sente duas mãozinhas puxando sua saia 


Blossom: Brake? O que está fazendo acordado a essa hora? - ela pergunta olhando pro garoto que estava de pijama, coçando os olhos - 


Brake: eu que pergunto, por que você está aqui? Por que não está dormindo com o Meu pai lá em cima? - ele pergunta - 


Blossom: estou apenas fazendo uma pesquisa - ela diz ignorando a última fala dele - mas você ainda não respondeu a minha pergunta - 


Brake: eu vim beber água, mas ouvi um barulho vindo daqui e resolvi ver o que era - ele diz - agora responde a minha - 


Blossom: eu já respondi - 


Brake: uma mas eu fiz duas - 


Blossom: e qual era a outra? - 


Brake: por que você não está dormindo com o meu pai? - diz sem nenhum pudor algum fazendo Blossom se lembrar dos braços do ruivo a abraçando por trás enquanto dormiam fazendo ela se arrepiar   - 


Blossom: - cora mas se lembra que ele é uma criança - c-omo a-ssim? Eu durmo com ele todo dia - Ela diz nervosa torcendo para que o Brake não percebe-se isso -  


Brake: então por que ele não está dormindo ainda, te esperando? - ai sim Blossom quase teve um infarto - 


Blossom: Comoéquié??- ela diz tudo junto - 


Brake: é verdade, eu fui lá dar Boa noite pra ele e ele não estava dormindo; estava lendo um livro - diz e ela se acalma - 


Blossom: ai era só o que me faltava! - ela quase grita - primeiro o jogo de palavra, depois ele dorme me abraçando toda noite e agora mais essa paranóia! Qual é o problema dele  - 


Brake: sabe de uma coisa - ela olha pra ele - eu não entendo vocês adultos por que vocês não ficam juntos de uma vez e param com essa paranóia? - ele repete a última fala dela - 


Blossom: quando você crescer vai entender, - ela suspira - eu não posso manchar a memória da sua mãe desse jeito e....- ele a interrompe - 


Brake: Para de falar da minha mãe! - ele grita - se ela realmente me amasse ou amasse meu pai ela não faria tubo que vez, não tinha me abandonado e não tinha tentado me matar - Blossom arregala os olhos e ele começa a chorar - eu só queria que alguém me pegasse no colo e me protegesse eu não tenho culpa do que ela fez é tão difícil entender isso?! - ele já não tinha mas controle de suas lágrimas que caiam sem parar  - 


Blossom: Brake - ela suspira - eu não fazia ideia disso tudo, me desculpa já é a segunda vez que eu Fasso isso - ela diz pegando ele no colo ainda sentada na cadeira - o que eu posso fazer pra você me desculpar? - pergunta enxugando as lágrimas dele - 


Brake: Da uma chance pra mim e pro meu pai, a gente gosta mesmo de você  - ele diz ainda chorando - 


Blossom: - suspira - tudo bem pequeno, eu vou dar uma chance pro seu pai - 


Brake: e pra mim? - 


Blossom: - sorri - Brake não importa o que você faça eu vou sempre estar aqui - diz e logo ela é abraçada pelo garotinho - 


Brake: eu te amo, m-ãe  - não era a primeira e nem a segunda vez que ele a chamava de mãe, Blossom até se acostumou  - desculpa tia Blossom eu só....- ele diz se soltando do abraço e ela coloca o dedo na boca dele - 


Blossom: eu também te amo filho - ela diz e ele sorri de orelha a orelha abraçando ela de novo mas dessa vez muito mais apertado - agora vamos dormir mocinho, já está tarde - 


Brake: tudo bem - ele sai do colo dela e logo a puxa fazendo a mesma se levantar da cadeira - e você vem também, já é tarde também para adultos ficarem acordados - 


Blossom: Tudo bem espertinho, deixa só eu salvar esses dados e já vou pra cama - ela começa a mexer no computador - 


Brake: eu espero - disse "ele é insistente mesmo" ela pensa, logo ela termina de salvar os dados e desliga o computador e sai do laboratório com o Brake - Ah tia Blossom - ele chamou - vo-cê p-pode me col-ocar pra do-ormir - ele diz envergonhado - 


Blossom: Brake, está com medo? - pergunta - 


Brake: Não estou não! - diz-  Eu só não quero ter outro pesadelo - ele abraça as pernas dela - pooor favooor - diz manhoso - 


Blossom: tudo bem, vamos - ela diz e abre a porta do quarto onde as crianças dormem Que agora tinha 3 camas já que eles não gostaram nem um pouco de dormirem na mesma cama (vai entender ;-;), Brooke dormia babando na cama a esquerda com lençóis azuis e um polvo laranja nos braços, Burst dormia esparamado na cama a direita com lençóis verdes abraçando um pano verde claro, e Brake foi direto para sua cama no meio com lençóis vermelhos e Blossom o cobriu e beijou sua testa - Boa noite pequeno - ela diz e caminha até a porta - 


Brake: tia Blossom - ele sussurra para não acordar os outros mas ela ouve e se vira pra ele que fazia um coração com as mãos - eu te amo - diz - 


Blossom: - sorri - eu também te amo - ela devolve o coração e ele sorri se virando pro lado e ela sai do quarto fechando a porta com cuidado para não acordar ninguém, ela encara a porta do quarto que dividia com o ruivo e começa a pensar no que o Brake tinha falado  - é acho que o Brake tem razão, uma provadinha não faz mal a ninguém - ela sorri maliciosa caminhando até o quarto - 




                         

































Brick: Blossom já imprimiu os dados? - pergunta olhando alguns papéis em cima da mesa ambos estavam no laboratório do Professor no Cais - 


Blossom: sim e não adiantou muita coisa - ela entrega alguns papéis pra ele - nenhum dos resultados deu positivo, o ELE não está usando magia - 


Brick: estranho ....- comenta - 


Blossom: também acho, o ELE sempre usou seus poderes em tudo, não faz sentido nenhum ele ter parado agora - 


Brick: pacto - ele sussurra - 


Blossom: como? - 


Brick: e se ele fez um pacto, ou melhor algum tipo de acordo com uma pessoa que não deixa ou tirou os poderes dele - ela ri - qual a graça? - 


Blossom: O ELE não pode fazer pacto ou acordo com ninguém, ele é proibido de fazer isso, então sua hipótese é impossível - 


Brick: e posso saber por que? Vocês nem sabem qual é o nome dele e......- ela o interrompe - 


Blossom: minhas irmãs não sabem, Brick o ELE não é qualquer demônio ele tem muito poder por isso que não faz sentido nenhum ele não estar usando os poderes, por que ele é.............- ela sussurra no ouvido dele que arregala os olhos na hora - entende agora? - 


Brick: pode ser, mas eu ainda não descarto a minha teoria - ele cruza os braços e vai até o outro computador - 


Blossom: mimado - revira os olhos - 


Brick: eu ouvi! - 


Blossom: kkk - ela ouve o laptop tocando - pode falar - diz assim que vê a imagem da sua irmã na tela - 


Bubbles: Blossom, encontramos uma nova pista do ELE - ela fez um sinal pra que ela prosseguisse - vou te mandar as fotos - diz e aparece fotos de um portal sendo aberto e a Princesa entrando nele - 


Blossom: os portais do ELE não são assim  - diz - 


Bubbles: foi o que pensamos - diz - se não é magia é  - 


Blossom: tecnologia - completa a fala da irmã - eu já sei o que fazer, obrigada Bubbles - ela sorri mas logo uma tosse é ouvida - 


Mitch: cof,cof, cof, a ideia de olhar as imagens das câmeras de segurança foi minha então eu mereço o crédito - 


Butch: É crédito por ser um perfeito idiota isso sim - responde - 


Mitch: O que você falou aí?! - grita 


Butch: você me ouviu! - responde 


Buttercup: Deu vocês dois! Se continuarem assim os dois vão ficar roxos!! - 


Butch: se você quer me dar chupões é só pedir, ButterBabe - diz malicioso - 


Mitch: O  nome dela é BUTTERCUP! - 


Butch: eu chamo ela como EU quiser! - 


Mitch: Seu Filho Da Pu....- 


Blossom: CHEGA!!! SE EU OUVIR MAIS UM PIU DE VOCÊS HOJE, NÃO VÃO ACORDAR VIVOS AMANHÃ!! ENTENDERAM?!?! - Os repreende e todos se calam - Ótimo, E Bom trabalho Mitch - 


Mitch: Obrigado minha rosinha! - diz se gabando  - 


Blossom: e o que vocês estam fazendo aqui? Não era pra vocês estarem treinando? - 


Bubbles: e nós vamos, é só que....- quando ela ia terminar Brick fecha o laptop com força quase quebrando o mesmo - 


Blossom: BRICK!! - grita de espanto - você ficou maluco?? Que ideia foi essa?? - 


Brick: Eu odeio quando você fala com ele! - diz indo pro outro lado do laboratório pegando sua maleta - 


Blossom: Ele quem? Será que dá pra você parar de agir como uma criança e falar comigo direito?! - ela se aproxima dele - 


Brick: - ia responder mas recebe uma ligação - eu preciso atender - ele diz olhando seu celular - não mexa na minha maleta!! - diz antes de sair - 


Essa maleta ele levava pra todo lugar, e sempre dizia a mesma coisa "Não mexa!!" E aquilo a intrigava se era alguma coisa tão importante assim por que não guarda em um lugar melhor? 


Ela ia descobrir isso agora, abriu a maleta e tinha alguns envelopes com coordenadas de vôos, desenhos de armas e algumas coisas da empresa, nada de mais! Ela já ia fechar quando viu uma coisa que a chamou a atenção, era um envelope preto ela logo estranhou e o abriu, assim que viu o que tinha lá dentro seu queixo foi parar no chão  


Blossom: ele tem fotos..........m-inh-as??! - diz ainda tentando se recuperar do choque - Co-mo? - 


Brick: O QUE VOCÊ ESTÁ FAZENDO???? - grita assim que entra no laboratório - eu mandei não mexer!! Será que você não entende?? - 


Blossom: Brick...........o que é isso? - ela diz e ele cora - pode me responder!!? - 


Brick: não era pra você ver isso!! - ele pega o envelope e as fotos da mão dela - 


Blossom: Brick, por favor - ele olha pra ela - fala comigo o que tá acontecendo com você? -


Brick: - suspira - você quer mesmo saber? - ela acenti - a culpa é sua, eu virei um louco por sua causa e você parece não perceber isso! - ela arregala os olhos - eu não sei o que casete você fez na minha vida mas eu não vou deixar você sair dela nunca mais - 


Blossom: Brick......- ela diz antes de beija-lo com desejo e vontade já que ambos desejaram isso a muito tempo  - se você queria isso, por que não me pediu? - pergunta assim que se separaram - 


Brick: e você por acaso me dava chance? - diz - tudo que eu falava você me cortava ou me ignorava - ele diz e ela fica vermelha - sabe de uma coisa, eu devia te punir por ser uma garotinha má  - 


Blossom: punição? - pergunta -


Brick: sim, bebê uma punição - ele coloca as mãos na cintura dela com possessão e a coloca em cima da mesa, e começa a tirar a camisa deixando a mostra seu tanquinho e seus braços fortes  - você não vai poder me tocar, pequena - 


Blossom: Mas.....- 


Brick: sem mas! Agora é minha vez de brincar - ele sorri malicioso e começa a beijar o pescoço dela arrancando da mesma suspiros, logo ele desce os beijos até os seios ainda cobertos pela blusa; ele se livra dela e encara os seios da garota cobertos agora pelo sutiã  - são maiores do que eu pensava - diz fazendo a garota sorrir - 


Blossom: a quanto tempo pensa em fazer isso? - pergunta colocando os braços em volta do pescoço dele - 


Brick: a muito tempo - ele se separa dela tirando seu cinto, e ela olha pra ele com os olhos arregalados - vem aqui - 


Blossom: O que você vai fazer com isso? - pergunta e ele ri sádico - 


Brick: acho que você sabe - ele se senta na cadeira dando duas batidinhas na sua perna para que ela se sentasse  - não vou falar de novo - a encara com os olhos em um tom mais escuro de vermelho - 


Ela esitou por um tempo, mas foi até ele caminhando em passos lentos quando chegou até o ruivo ela se sentou no seu colo, ele logo a virou em sua pernas fazendo a mesma ficar empinada pra si, ele abaixa o short dela junto com a calcinha logo os tirando do corpo da mesma e começa a alisar a bunda dela ( Au/on: Sim eu AMO a ideia dos Reds sadomasoquistas 😏😏❤)  - 


Blossom: Brick......por fav-or, Aah! - disse assim que levou uma cinturada - 


Brick:calada! - ele diz dando outra cinturada  -  o que eu disse pra você não fazer, antes de sair? - 


Blossom: não mexer na sua maleta  - responde - 


Brick: e o que você fez? - pergunta-  


Blossom: mexi na sua maleta - 


Brick: e o que você merece agora? - ele bate de novo - 


Blossom: AAH!! Por que tinha que ser de couro? - ela pergunta e ele ri batendo de novo - quando acabar minha bunda vai ficar totalmente vermelha - 


Brick: exatamente como eu gosto de ver ela - diz e você ainda não me respondeu -


Blossom: eu não sei, senhor por favor para, isso dói - 


Brick: vou pegar leve com você hoje - ela sai de seu colo e se ajoelha na frente dele - o que você......? - 


Blossom: O que foi ruivinho? Achou que só você pode se divertir? Vou te dar o troco por ter deixado minha bunda dormente - ela abaixa a calça dele e aperta o volume por cima da cueca fazendo ele suspirar - você gosta ruivinho? - 


Brick: mete logo a boca - diz rouco e ela ri obedecendo as ordens do ruivo - Aarg i-isso! - ele geme enquanto a garota continuava os movimentos - 


Ela chupava com vontade e massagiava o que não cabia na sua boca com as mãos, Brick já estava sem sanidade alguma nem nas suas melhores fantasias ele esperava que seria tão bom assim, essa garota sem dúvida alguma mexia com ele de um jeito que nem o mesmo sabia e ele faria tudo por ela 


Brick: Ooh, Blo-ssy eu v-ou.....- ele puxa a garota pelo cabelo e a beija antes que ela pudesse terminar o trabalho  - 


Blossom: Mas, por quê? - pergunta quando eles se separam por falta de ar fazendo uma liga de saliva entre suas línguas - 


Brick: eu só quero gozar dentro de você - ele beija o pescoço dela deixando chupões no mesmo, a mesma se ajeita no colo dele fazendo suas intimidades se chocarem, ela começa a rebolar no colo dele provocando uma sensação gostosa para ambos - 


Brick: Blossom eu não tenho camisinha - ele diz e a mesma sorri saindo do seu colo - ei aonde você vai? - pergunta ao ver a mesma ir até sua bolça - 


Blossom: pegar isso - ela diz mostrando uma camisinha pra ele - 


Brick: posso saber por que você tem isso? - pergunta - também queria me provar? - 

Blossom: mais ou menos - ela diz voltando até ele, entregando a camisinha pro mesmo - não pense que só por que eu estou em uma missão senhor Brick eu não possa me divertir com outras pessoas - ela sorri maliciosa e a expressão dele muda na hora - 


Brick: a partir de agora você só se diverti comigo! - ele a puxa pro seu colo - 


Blossom: Aahh Br-rick  - geme assim que ele a penetra com força  - 


Brick: cavalga pra mim, vai - ele sussurra rouco no ouvido dela, assim a mesma da início aos movimentos e ele coloca as mãos na cintura dela a ajudando  - Caralho tão apertada, Oow - ela continua cavalgando no colo dele, mas logo ele se levanta com ela no colo e a coloca deitada em cima da mesa e começa a estoca-la  - 


Blossom: Aahh, B-bri-ck mais for-te - ela suplica e ele logo obedece a estocando com força ela começa a rebolar pedindo mais contato - Aahhh  - 


Brick: Rebola pra mim, minha gostosa - ele acelera os movimentos - Goza comigo Blossy, Aawh......- geme antes de chegar ao ápice junto da garota que gemia seu nome - Porra vai tempo que eu sentia isso - 


Blossom: talvez seja por minha causa - ela o puxa dando um beijo calmo e doce - já eu não sinto nada da cintura pra baixo - 


Brick: eu acho bom você se acostumar por que da próxima vez eu não vou ter pena de você - 


Blossom: próxima vez? - pergunta - você ainda quer mais? - 


Brick: é claro - ele sorri - eu preciso tirar aquela fala da minha cabeça, sem falar que eu ainda nem provei eles - aperta os seios da garota que ainda estavam cobertos pelo sutiã -  


Blossom: Ah.....- geme arrastado - 


Brick: eu vou falar um vez só e quero que você preste atenção - ele segura o queixo dela - você nunca mais vai sair de perto de mim ouviu? E quando essa missão acabar você vai voltar comigo pra minha casa e não vai mais sair de lá - 


Blossom: não sabia que você era tão possessivo assim - diz encarando seus olhos vermelhos - 


Brick:  o Brake também é, então acho que vai ser difícil ele te soltar agora já que você é minha mulher - 


Blossom: SOU O QUE?! - 


Brick: se é a mãe do Brake você vai ter que casar comigo, estou errado? - pergunta olhando a face espantada da garota - mas não vou te força a casar comigo - 


Blossom: ainda bem.....- 


Brick: vamos ter muito tempo pra conversar sobre isso depois porque a única coisa que eu quero agora é ficar perto de você - ele afunda seu rosto no pescoço da ruiva inalado seu cheiro - 


Blossom: uma hora possessivo e outra criança - ela ri - eu devia me procupar com isso? - 


Brick: já que você é a culpada, sim! - responde - Ah e antes que eu me esqueça, se você continuar de gracinha com aquele seu amigo os dias dele estão contados - ela arregala os olhos e empurra ele fazendo o mesmo a encarar  - 


Blossom: você tá com ciúme no Mitch? - pergunta - só pode ser brincadeira - 


Brick: to com cara de quem tá brincando? - pergunta rouco - eu tenho ciúme de qualquer um que ousar tirar você de mim, e se ele ou qualquer pessoa tentar tirar você de mim eu mato - 


Blossom: e se eu quiser ficar com outro? - ela cruza os braços - 


Brick: você não tentaria e se tentar eu te mato - responde seco - 


Blossom: mata é? - pergunta debochada - e por que? - 


Brick: porque é muito melhor te ver morta do que nós braços de alguém que não seja eu! - ele caminha até ela - aceita que é melhor Blossy, você é minha só porque eu quero que seja assim - 


Blossom: se é assim eu entro no seu jogo - ela o puxa - se eu sou sua você também é meu - 


Brick: completamente  - ele a beija - agora se veste, vamos ver o Brake treinar, - 


Blossom: como eu queria estar com meus poderes, eu mal consigo andar - diz e ele a pega no colo - ei, eu não podi ajuda - 


Brick: vai querer apanhar de novo - ele pega o cinto com a outra mão e a garota se esconde em seu peito - foi o que eu pensei - 


Blossom: eu te odeio, Brick - 


Brick: também amo você meu amor - ele beija a testa dela - 
















Notas Finais


Então gente esse capítulo já estava pronto e ia ser postado dia 13/05 (dia das mães ) mas o que aconteceu foi que minha vó passou mal de madrugada ela vomitou sangue então desde desse dia estávamos na luta pra conseguir um hospital pra ela se tratar, achamos e ela estava enternada des do dia 09/06 e infelizmente ela não resistiu e faleceu no dia 26/07 (dia das avós) e esse período todo nós ficamos junto dela por que a doença que ela tinha não tem cura e já estava em um estado muito avançado, isso impacto muito na minha vida e na minha cabeça; eu perdi o capítulo e não conseguia escrever de novo. Minha vó é e sempre será minha inspiração ela me criou desde bebê me ensinou a andar, falar e ela que me colocava pra ver as meninas super poderosas quando eu era pequena, ela sabia que eu gostava então sempre que passava na TV ela me avisava e via comigo o desenho então eu devo tudo a ela ❤
Me desculpem de verdade ter feito vocês esperarem tanto pelo capítulo, eu de verdade não queria ter feito isso com vocês porque eu sei como é esperar um capítulo de uma fanfic, mas espero que vocês entendam
O próximo não vai demorar muito, e é isso gente obrigada por não desistirem da fanfic


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...