1. Spirit Fanfics >
  2. Do Jazz, aos prantos >
  3. Última melodia

História Do Jazz, aos prantos - Capítulo 1


Escrita por: RabbidLady

Notas do Autor


° Aviso °
A história contém muitas pausas e parágrafos curtos, recomendo ouvir um jazz de fundo para melhorar a leitura

° Narrativa °
Itálico = Pensamentos da protagonista
Em negrito = Diálogos

Capítulo 1 - Última melodia


“ É como dizem, você não pode ter tudo pra sempre, nada é infinito, por isso, Verônica, até o meu último suspiro, eu sempre a guardarei como uma memória. ”

E com essa última frase, acabo de concluir meu livro, é uma satisfação interna vê-lo completo

Eu guardo todo o material da forma mais calma possível, seria desagradável se o café derramasse justo agora

Olho para o relógio, são 22:46, eu fiquei 3 horas sentada aqui? Isso não importa

Olho tudo ao meu redor, é realmente um ambiente agradável, frequento este lugar desde que eu era uma garotinha

Enquanto eu estava perdida em minhas lembranças, sinto meu celular vibrar, ligo o mesmo olhando uma mensagem que eu havia recebido pela barra de notificações

. . . 

Infelizmente, o trágico dia havia chegado

Suspenso a tela do meu celular o guardando no bolso da calça, me levanto deixando a conta do café encima da mesa, visto meu casaco e saio caminhando sem pressa até o hospital

Minha vó acabou de falecer, a mesma que moldou minha personalidade e o jeito que sou, graças a ela descobri oque hoje seria minha paixão: O jazz

Eu estou triste, mas prometi a ela que não derramaria lágrimas em seu túmulo, a única coisa que ela me pediu, foi para nunca esquecer seus ensinamentos

Ao chegar no hospital, sou recebida com choros e soluços, alguns dos meus parentes já estão aqui, antes que eu pudesse perceber qualquer coisa, meu pai já veio correndo para meus braços, eu sabia que ele não estava bem, então apenas o deixei secar suas lágrimas em mim.

É certamente estranho, eu era a pessoa mais próxima de vovó, e não escorreu sequer uma lágrima em meu rosto, enquanto alguns que só querem saber da herança estão caindo aos prantos, desrespeitoso a minha falecida vó

Jasmine – Filha, por que não está chorando? Nem ao menos vejo tristeza em seu rosto

Sarah – Para falar a verdade mãe... Eu estou bastante triste por dentro, mas não acho que eu deva expor minha tristeza de forma física ou exagerada

Minha mãe me olha com desdém, eu já me acostumei com isso, ela nunca consegue me compreender, e sempre tira conclusões precipitadas de mim, meu pai por outro lado, sempre tenta entender meu lado da história, porém ele está bastante deprimido para prestar atenção em algo ao seu redor 

Após algumas horas, meus familiares já tinham ido para suas devidas casas, os únicos que permaneceram foram minha mãe, meu pai e eu

Jasmine Quer dormir na nossa casa hoje Sarah? Nós sentimos tanto a sua falta

Sarah Obrigada mãe, mas recuso, preciso de um tempo sozina

Bruce Eu entendo filhota, nós também precisamos de um tempo pra pensar sobre tudo, não é Jas?

Jasmine Sim, claro...

Minha mãe falava em um tom de tristeza, já meu pai, apesar de abalado ele continua com seu jeito carismático

Já era 00:05, hora de voltar pra casa. Me despeço dos meus pais onde ambos vão embora de carro, eles insistiram em me levarem até minha casa no carro, mas eu recusei, mesmo a esse horário gosto de ficar refletindo e criando novas idéias enquanto caminho pela cidade

Enquanto eu andava a caminho de casa, sinto passos atrás de mim, fico levemente preocupada com receio de ser algum ladrão, porém decido parar de andar e olhar para trás


Notas Finais


Olá, me chamo Ana, mas pode me chamar de Annie, não sou nenhuma escritora profissional, apenas quero expressar minhas idéias em formato de histórias para que outras pessoas possam se inspirar a escrever uma história legal também

° Redes Sociais em breve °


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...