História Do nada você apareceu na minha vida (Sterek) - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Teen Wolf, X-Men
Personagens Allison Argent, Breaden, Cora Hale, Corey Bryant, Derek Hale, Hayden Romero, Isaac Lahey, Jean Grey (Garota Marvel / Fênix), Lydia Martin, Malia Tate, Personagens Originais, Peter Hale, Pietro Maximoff (Mercúrio), Professor Charles Xavier, Scott McCall, Scott Summers (Ciclope), Stiles Stilinski, Theo Raeken
Tags Sterek
Visualizações 289
Palavras 1.287
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, LGBT, Sobrenatural, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Aaah! Voltei, gente eu sumi porque estava me preparando psicologicamente pra esse encontro de Jean e Stiles. Ah e tem mais, lembram que eu tinha várias idéias pra Fic? Eu ainda tenho mais não em todas as partes, tipo eu não sabia e nem sei como vou escrever esse encontro. Pq eu escrevo tudo na hora, e as vezes fica bom, mais chega de ladainha. Boa leitura!

Capítulo 15 - Mãe?


Fanfic / Fanfiction Do nada você apareceu na minha vida (Sterek) - Capítulo 15 - Mãe?

Pedro nos levou até a Mansão X. E meu Deus, a mansão era gigante. Meu coração estava nas minhas mãos, minhas pernas bambas, minhas mãos trêmulas, e tive a leve impressão de sentir um pingo de suor.

Entramos pela porta e era uma sala gigante e não tinha nenhuma pessoa ali, quer dizer, nenhum mutante. Tive uma sensação de já ter estado ali, mais não tenho lembranças.

Pedro deu um olhar dizendo um "Já volto" e subiu as gigantes escadas.

Ele voltou com uma mulher, era ela, com os cabelos vermelhos, pele branca, praticamente a roupa inteira vermelha. Os olhos brilhantes que foi se encontrando com os meus.

A bela mulher veio correndo em minha direção, com os olhos cheios de lágrimas. E eu nem tentei me conter com as minhas, fui logo a chorar, ela me abraçou forte e eu retribui.

A saudade era tanta que fomos se ajoelhando no chão.

-Meu filho- Ela disse com a voz falha

-Mãe- Disse e rapidamente funguei o choro.

Senti uma aura em nossa volta, uma aura quente.

-O encontro das Fênix- Uma voz falha e abafada se instalou na sala que só se escutava choros de emoção

Ergui a cabeça e vi um idoso numa cadeira de rodas, ele era careca e vestia um palitó

-Xavier- Falei em meio ao choro

-Eu mesmo

-Porque você ficou tanto tempo longe?- Virei minha cabeça denovo a mulher em que eu estava abraçados, minha voz era rouca e falha

-Pra sua proteção- Ela fungou- Mais eu fui te procurar depois, eu juro que fui- Ela falou meio desesperada

-Ei, tá tudo bem- Eu assenti a cabeça- Só não quero te perder denovo

-Não vai perder, nunca mais vou sair do seu lado- Ela passava a mão em meu rosto

-Vem Logan, vamos deixar eles sozinhos- Xavier falou para um cara alto com barba grande e cabelo um tanto estranho, não tinha reparado a presença do moço, a emoção estava tomando conta de mim

Minha mãe e eu nos sentamos no sofá e Lydia, Scott, Isaac, Alisson e Derek sentaram no outro. A sala era tão grande que tinha três sofás e três poltronas

-Bom, deixa eu apresentar meus amigos que vieram comigo nessa viagem- Suspirei para pegar um pouco de ar, já que o mesmo me faltava pelo choro de minutos atrás- A ruiva é a Lydia, acho que quando eu era pequeno eu te falei dela

-Sim, sim, falou- Ela disse sorrindo pra Lydia, a mesma estendeu a mão pra comprimentar minha mãe

-Prazer, Lydia Martin, sou muito amiga do Stiles

-Oh, o prazer é todo meu

-Do lado de Lydia tem a Alisson, ela é uma caçadora de lobisomens, mais ela mudou o código da família e não caça mais, porém se defende com as armas que era usada pra matar lobisomens

-Prazer, Alisson Argent- Alisson estendeu a mão

-O prazer é todo meu- Minha mãe estendeu a mão de volta- Lobisomens? Como assim lobisomens?

-Longa história, já te conto. Ao lado de Alisson tem Derek, Derek é meu namorado

-Oh, fico feliz que Stiles esteja namorando- Minha mãe estendeu um sorriso gigante, um sorriso que os pais dão quando estão orgulhosos dos filhos

-Derek, Derek Hale- Derek retribuiu o sorriso, e que sorriso, pelo amor de Deus. Derek estendeu a mão pra minha mãe e ela retribuiu o aperto de mão

-Ao lado de Derek tem Scott, mãe você já conhece Scott, filho de Melissa

-Scott?- Ela se levantou e Scott também, eles deram um abraço- Como você está grande, e bonito

-A senhora também está muito bonita

-Como está sua mãe?- Minha mãe sentou do meu lado novamente

-Ótima, muito bem

-Continuando, e por fim, ao lado de Scott, Isaac, namorado de Scott

-Isaac Lahey, muito prazer- Ele a comprimentou com um aperto de mão

-O prazer é meu- Ela retribuiu o aperto de mão- Agora me conta esse negócio de Lobisomem

-Vou resumir, uma noite, os policiais acharam um corpo na floresta, mais faltava o outro pedaço do corpo, então eu fui na casa do Scott, convidei ele pra ir na floresta achar o outro corpo. Papai me achou na floresta e por sorte não viu Scott, ele me fez voltar pra casa, Scott ficou na floresta, o tio do Derek mordeu Scott. Scott virou Lobisomem, depois Derek ajudou Scott a controlar os poderes lupinos, e Derek mordeu Isaac, nos primeiros dias de Lobisomem de Isaac foi horrível, você tinha que ver mãe- Falei e todos na sala riram e Isaac fez uma  cara feia- Logo Derek mordeu Érica e Boyd, depois Scott virou Alpha, sem precisar matar ninguém, um verdadeiro Alpha, ele mereceu o poder de Alpha, logo depois Scott conheceu Alisson, Alisson era caçadora de lobisomem, o vô louco dela fez ela se voltar contra Scott, mais Alisson esqueceu as ideias do vô e ajudou Scott e mudou o código da família Argent. Aí descobrimos que Lydia é uma Banshee, pode prever a morte, e pode gritar tão alto que faz seus ouvidos quase explodirem. Depois veio Kira, ela é uma kitsune, aí veio Malia, que perdeu a família num acidente de carro e virou coiote mais depois ela voltou a forma humana. Aí Scott teve que morder Liam pra ele não cair do último andar do prédio da escola. Devo tá esquecendo de várias pessoas mais se eu falar tudo eu fico três anos explicando

-Então Scott é um verdadeiro Alpha

-True Alpha- Scott disse

-De tudo que falei você só prestou atenção no Scott

-Talvez

-Você não fica impressionada com o fato de Stiles falar rápido e não perder a respiração- Scott perguntou

-Eu já me acostumei

-Depois que você teve sua falsa morte Stiles começou usar o sarcasmo pra tudo- Scott voltou a falar

-E é esse sarcasmo que me faz levantar todos os dias- Isaac falou

-Eu fico tão orgulhosa do meu filho fazer bem pra tanta gente

-Stiles é especial- Lydia disse

-Muito- Derek falou pela primeira vez

-Ai gente, assim eu choro- Coloquei a mão no meio feito drama

-Vocês tem onde passar a noite?

-Não- Respondemos todos ao mesmo tempo

-Eu tenho uma casa separada daqui, podem dormir lá, eu moro sozinha e lá tem vários quartos

-Pode ser- Falei

Ficamos lá conversando mais algumas coisas. Minha mãe disse que amanhã teria que falar com Xavier. Logo ela levou-nos pra casa dela. Separamos os quartos, eu e Derek em um, Scott e Isaac em outro, Lydia e Alisson no outro e minha mãe no dela mesmo

Minha mãe tava fazendo janta, Alisson e Lydia no quarto delas se arrumando, Derek tomando banho no quarto que dormimos e Scott e Isaacna sala. Fui até a cozinha e me encostei na bancada

-Hey Stiles, como seu pai está? Você quase não falou dele- A ruiva falou sem tirar os olhos da panela

-Depois que você teve sua falsa morte ele começou a beber, mais não durou muito tempo. Ele sempre foi um ótimo pai, preocupado comigo, e tem sido descuidado da alimentação. Aí eu separo a comida dele, só legumes

-Oh meu Deus, você sempre me orgulha a cada coisa que você me conta- Ela parou com as panelas e veio falar comigo na bancada

-Depois da sua falsa morte eu tenho tido ataque de pânico

-Frequentemente?

-Faz tempo que não tenho

-Sinto muito

-Não sinta, tenho mais uma coisa pra te contar

-Diga

-Não vai ficar chateada, né

-Não vou

-Papai e tia Melissa estão namorando

-Oh meu querido, está tudo bem, eu quero que seu pai seja feliz, e outra, ele não iria ficar solteiro pra sempre. Não estou brava com nenhum dos dois, depois que vim pra cá, Ciclope vem sido romântico comigo. Não aconteceu nada porque pensei que seria muita idiotice de minha parte deixar meu filho e meu marido pra viver um outro romance

-Eu não iria ficar bravo com você

-Mais eu carregaria uma culpa

-Você não teve problemas com meu namoro com Derek?

-Não, vou amar do jeito que você é, e se namorar com Derek te faz feliz, qual o problema?

-Nenhum

-Então, se você está feliz eu tô feliz

-Mãe

-Hum?

-Eu te amo

-Eu também te amo










Notas Finais


Hihi, o capítulo não ficou tão grande igual aos normais mais não ficou tão pequeno como o anterior. Gostaram? A Jean é um amorzinho, né? Revelações nesse capítulo, tá ficando que nem aquelas novelas mexicanas do SBT, opa sem divulgação aqui pq não tô recebendo dinheiro pra isso, sou dessas. Até o próximo capítulo meus amores ❤🌚


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...