1. Spirit Fanfics >
  2. Do ódio ao amor (Jarchie) >
  3. 1 ano

História Do ódio ao amor (Jarchie) - Capítulo 2


Escrita por: SprouseApa

Capítulo 2 - 1 ano


Fanfic / Fanfiction Do ódio ao amor (Jarchie) - Capítulo 2 - 1 ano

1 ano:

A câmera tremia na mão de Mary, que tentava arrumar a gravata no pequeno e gorducho bebê que era seu filhote. Ela finalmente apoiou a câmera em uma estante, deixando a filmagem reta.

Ela e Gladys decidiram que fariam vídeos caseiros de seus filhos para mostrar a eles no futuro. Eram mais comuns as filmagens deles separados, por que agora quando eles estavam estavam juntos, eles não charavam mais, e sim faziam manha e gritavam. Mal sabiam as duas que gritos seriam as coisas mais comuns a saírem das bocas de suas crianças quando estivessem juntos.

-Tenta fazer eles se abraçarem.- a voz da ruiva se escutou de  trás da câmara.

-Você acha mesmo que esses dois se abraçariam? Quer fazer os dois abrirem um berreiro?!?

-Vai amiga! Vai dar certo, eu juro!

A morena revirou os olhos e se ajoelhou ao lado dos dois pequenos no tapete. Archie estava usando uma bermudinha, uma camisa social e uma gravata borboleta. Para completar o look, o garoto também usava um suspensório.

Sim, colocaram aquelas roupas em um bebê.

Jughead usava as mesmas roupas que Archie, só que em vez de usar uma camisa social branca, ele estava a usar uma camisa social azul escura. 

Gladys pegou os dois e os colocou um mais perto do outro. Por um momento, os dois permaneceram imóveis, se encarando. As mães das crianças trocavam olhares assustados, com medo do que estava por vir.

Então, Archie estendeu a mão e deu um enorme tapa na cabeça do colega. Forsythe caiu no choro, enquanto o menino ruivo gargalhava.

Apesar de quererem repreender o ruivo, ambas assistiram o garoto rir. Um riso fofo e contagiante, apesar de ter origem em uma tragédia. Jughead ainda chorava, e Gladys o pegou no colo.

-Isso foi uma péssima ideia.

Ela riu baixo enquanto se levantava com o bebê no colo, e viu o olhar brincalhão de Mary quando a amiga passou carregando o moreno chorão.

-Você não devia ter feito aquilo.- repreendeu seu filho. Aquilo só causou outra rodada de risadas no pequeno menino.

E agora, mais um ano a frente....



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...