História Do you love me or not? - Capítulo 34


Escrita por: ~

Visualizações 523
Palavras 1.604
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Musical (Songfic), Romance e Novela, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


AHHH
VOCÊSACHARAM MESMO QUE ESQUECI DO ANIVERSÁRIO DO MEU BEBÊ????
É CLARO QUE NÃO NÉ
E PRA COMEMORAR O ANIVER ATRASADO DE SHAWN, EU DECIDI FAZER UM IMAGINE DE NIVER DELE, ONDE VOCÊ É A PERSONAGEM E VAI COMEMORAR SEUS 19 ANOS.. A FIC AINDA NÃO TÁ PRONTA, MAS NO PRÓXIMO CAPITULO EU POSTO LINK PRA VOCÊS LEREM
EU ESPERO QUE GOSTEM DESTE CAPITULO!!!
FOI BEM DIVERTIDO ESCREVE-LO!!
RS
AMO VOCÊS E ATÉ LOGUINHO <3

Capítulo 34 - My grandmother is completely crazy!


                                                               Lily Point Of View.

As últimas semanas de provas na escola acabaram, iniciando assim as férias de natal. Nem acreditei quando primeiro de dezembro começou com aquela neve calma caindo por causa da estação de inverno ter se rigorizado mais, sendo assim  as malas foram feitas pelos meus pais e eu para irmos imediatamente para o sitio da minha avó.

Antes de tudo, iriamos buscar Shawn no aeroporto. No dia 15 já que iriamos ficar na minha avó até dia 25.

Meu coração palpitava. Minhas pernas tremiam. Era a primeira vez que os meus pais iam conhecer o Shawn pessoalmente.

Não que eles fossem maus, eles nunca trataram meus amigos com indiferença, sempre foram muito receptivos e educados, mas eu tinha uma certa incerteza sobre a relação que eles teriam com Shawn. Não é todo sogro e sogra que se dão bem com o genro e  implorei a Deus que essa praga não caísse sobre mim. Logo eu.

— Se acalme Lily! Vai ter um ataque do coração! — meu pai pediu nervoso e preocupado com minha pessoa que não parava de andar para lá e para cá quase fazendo um buraco no chão do aeroporto. As pessoas que passavam perto de nós, olhavam-nos intrigados e confusos. 

O que três pessoas paradas e loucas faziam as seis da manhã no aeroporto de Winnipeg, sem malas ( que estavam no carro)  e usando roupas que lembrava pijamas?  Não julguem. O avião do Shawn ia chegar neste horário ...

— Desculpa! eu estou muito nervosa e se o avião dele não chegar a tempo? e se o avião dele caiu?! — eu nunca me perdoaria se isso acontecesse. Meu pai revirou os olhos e minha mãe começou a pular de felicidades, apontando o dedo aonde várias pessoas segurando malas e cansadas  saiam da plataforma 15. A plataforma dele!

— Não é ele bem ali querida? Nossa que garoto lindo! — Dona Lucy exclamou sorridente e meu coração, literalmente parou ao ver a imagem de Shawn Mendes indo em nossa direção com duas malas de rodinha preta e uma cara de sono que o deixava fofo e sexy ao mesmo tempo.

Tive que me conter em não correr e o abraca-lo. Já estava chamando atenção demais. Mamãe não parava de suspirar apaixonadamente a cada segundo e papai foi o primeiro a ajudar Shawn quando ele chegou até nós, nervoso.

— Prazer Shawn, sou Bob. Pai da Lily, creio que ela já tenha lhe dito isto...— papai cumprimentou educadamente ao pegar as malas do garoto, o mesmo pediu que ele mesmo levasse. Aquela insistência sabe? Por fim, um ficou com cada mala e eu suspirei me preparando psicologicamente, quando ia dizer alguma coisa, mamãe atrapalhou.

— Ai você deve estar tão cansado fofinho! — minha mãe sempre querendo ser a mãe legal e que todo mundo prefere mais que a própria mãe. Ela começou a fazer carinho nos cachinhos de Shawn e eu fiquei surpresa com tal ato. Qual é mãe! Por que você não faz isto no papai? O Shawn é minha prioridade fofa!

— Nem muito sabe. Eu tomei dois copos de café, já estou acostumado com passeios longos. — ele falou tão surpreso quanto eu por minha mãe estar daquele jeito como faz com todos os meus amigos e amigas. Se tivesse uma cozinha por aqui iria trazer biscoitos e leite. Humpf!

— Ah bom, você poderá dormir no carro. Vamos demorar um pouquinho para chegar na fazenda. — Dona Lucy explicou e se aproximou do meu pai que estava entretido em sair do aeroporto. 

Dei uma tossida falsa e agradeci mentalmente quando minha mãe deixou Shawn respirar e ele deu as mãos para mim. Finalmente!

— Sua mãe é um doce — ele sussurrou enquanto viamos meus pais colocar as malas dentro do porta malas do carro. Dei um sorriso tímido e fomos logo entrando e sentando no banco traseiro do carro.

— Cinto de seguranças crianças. Ninguém aqui quer ser multado não é mesmo? — brincou meu pai e colocamos nosso cinto. Crianças. Eles acham que ainda temos 13 anos?!

 Não deu nem tempo de conversar com o Shawn, meus pais começaram a fazer um monte de perguntas.

— Então Shawn, você gosta de pescar ou fazer algum esporte ao ar livre? — é claro que meu pai iria fazer o convite para o pesque resort que fazíamos todo ano depois do ano novo. Droga, por favor, diz que é alérgico a peixe igual é a cachorros Shawn. Eu já não estava mais aguentado ir naquela pescaria idiota, apesar do resort ter piscina e sauna.

— Eu adoro pescar! Fazia isso com o meu pai e o meu avó quando morava em Pickering! — Ai merda! É claro que meu pai adorou o Shawn depois disso...

— Pickering?! Sabe que esse nome é muito familiar para mim. Tenho um grande amigo da faculdade que mora ainda lá...

— Será que não é o meu pai? É uma cidade tão pequena...— seria impossível.

— Como chama o seu pai?

— Manuel Mendes e minha mãe Karen, tenho uma irmãzinha  chamada Aalyiah também — explicou Shawn feliz e empolgado. É claro, ele estava super aliviado que meu pai não tinha o odiado.

— Esse mundo é mesmo pequeno. Eu conheci o Manuel na faculdade, seu pai é mesmo um amigão Shawn. Infelizmente nós perdemos o contato depois que nos formamos. E a sua avó está bem?! Ela mora ainda em Portugal?!

Eu fiquei completamente chocada!

Eu tinha uma possível ligação com Shawn Mendes mesmo que não soubesse?! Que incrível!

Shawn e eu sorrimos um para o outro e ele depositou um beijo na minha testa antes de responder meu pai;

— Sim! Minha avó está ótima. Vou avisar o meu pai sobre isso, ele vai ficar muito feliz!

— Que ótimo! Se me passar o contato do seu pai podemos marcar de todos irmos para o Resort, o que você acha querida? — perguntou a minha mãe. A mesma concordou sorridente, eu estava feliz por dentro. Caralho era muito informação para absorver... meu pai e o pai do Shawn já foram amigos!

Mas logo mamãe mudou de assunto. E o pior assunto pra falar  a verdade. Já estávamos na estrada que levava para as redondezas rural de Winnipeg.

— Então, como vocês dois se conheceram? A Lily não me falou muito sobre isso — ai droga. Como é que eu ia explicar para minha mãe que Shawn e eu nos esbarramos por acaso na excursão e eu implorei pro menino ser o meu namorado por conta de uma mentirinha besta. 

— Ahn, eu e a Lily nos esbarramos por acaso no zoológico quando ela estava em excursão. Eu pedi o número dela e começamos a conversar.. — Shawn explicou cauteloso. Eu tenho que dar um crédito para ele, eu comecei a mentira e ele estava ajudando! Eu me sinto tão culpada por isso!

— Interessante.. vocês acham que foi amor a primeira vista? — Dona Lucy chega de perguntas idiotas, por favor. 

Nos entreolhamos confusos, mas rindo por dentro. Minha mãe não sabe 1/3 do que houve entre mim e Shawn de inicio. Se ela soubesse acho que mataria nós dois.

— Eu acho que sim, foi uma atração muito forte. Não é amor? — gelei quando ele falou amor. Era estranho e meus pais ouviram.

— Sim, eu também acho que foi amor a primeira vista.

Depois disso, o assunto foi encerrado. Não conversamos mais. Demorou  mais de vinte minutos pra chegar no sitio da minha avó Jessica ( parte de mãe) e nesse meio de tempo eu deitei no peito de Shawn e ficamos abraços, cochilei e quando abri os olhos já estamos na entrada do sitio.

Aquelas arvores enormes, as pedrinhas que enroscavam e atrapalhavam a direção do meu pai e a enorme casa cor de salmão logo a vista. 

O Shawn começou a ficar nervoso novamente quando papai estacionou o carro e saímos um por um.

Peguei minhas malas e Shawn a dele. Papai e mamãe ficaram por observar o lugar e a paisagem de montanhas que tinha logo a frente do sitio, até ouvirmos um grito radiante vindo da minha avó Jéssica.

— Ai nem acredito que vocês chegaram! MInha nossa Lily, você está enorme mesmo que a gente tenha se visto no seu aniversário! — dei risada quando vovó se aproximou para me abraçar. Um abraço muito esmagado por sinal.

— Enorme de gorda você quer dizer.. — falei quando ela me soltou. Negou e olhou diretamente para Shawn que estava atrás de mim e olhando tudo muito confuso.

— E quem é esse ai? Não me lembro de ter permitido gente estranha na minha casa — é claro que minha a avó estava tentando botar medo no Shawn. Segurei o riso, a cara dele de pavor foi a melhor.

— É verdade né vó. Acho melhor deixar o Shawn dormir com os cabritos já que é meio que parente dele — ela não entenderia o real motivo. Mas depois que eu vi no instagram que as mendesarmys chamavam o Shawn de Cabra Berrante, eu não me conti em zoa-lo. 

Ele estava quase morrendo  do coração. Pobrezinho!

—  Tudo bem. Eu não importo em dormir com eles, posso ir embora se for atrapalhar.. — fiquei surpresa quando ele disse aquilo. Ai Shawn não faça meu coração derreter. Não era possível que ele não estava levando aquilo na brincadeira.

— Ai deixa de ser bobinho! Vamos nos divertir um pouco, minha casa é sua casa meu amor. Aliás vamos todos entrando, como é que você mesmo amor? — minha avó não perdoa uma.

— Shawn.

—Tudo bem ''Chaun'' — ela teve que errar o nome dele. — Vamos comer porque vocês dois estão muito magrinhos e desnutridos, a família toda já esta lá! Depois vocês podem colocar essas malas no quarto!

Minha avó é completamente louca!

'' Leiam as notas iniciais, é importante! Beijos!'


Notas Finais


ATÉ LOGUINHO MANAS <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...