História Do you trust me? {Jikook} - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Jktops, Jm!bottom, Kookmin
Visualizações 438
Palavras 1.325
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção, Ficção Adolescente, Lemon, Romance e Novela, Slash, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 5 - What's going on?


Fanfic / Fanfiction Do you trust me? {Jikook} - Capítulo 5 - What's going on?

JungKook Pov's

Puta merda. Não acredito nisso. Não sei se fico mais puto por quem está na porta nesse exato momento que atrapalhou tudo, ou pelo o que acabou de acontecer aqui.

Quando a campainha tocou, eu e Jimin olhamos assustados para a porta, e depois um para o outro. A campainha toca novamente e eu escuto a voz de Namjoon vindo lá de fora.

— JungKook, eu sei que você está aí. Abre a porta logo, tá frio aqui fora.

Me levanto pegando Jimin no colo e coloco ele no sofá. Antes de ir abrir a porta, dou um beijo na bochecha dele, o que faz ele ficar corado, cheio de vergonha.

"O que e que Namjoon tá fazendo aqui essa hora?"

JungKookie, abre logo — escuto agora, a voz de Jin.

Tudo certo para dar errado.

Caminho até a porta, e abro-a. Jin pula e me dá um abraço, enquanto Namjoon revira os olhos, provavelmente sentindo um pouco de ciúmes.

— Certo, certo — disse Namjoon, tirando Jin de perto de mim — a gente tava perto e iria te chamar para sair, mas você não respondia as mensagens e nem atendia as ligações. E você não é disso, então passamos aqui porquê ficamos preocupados. — disse ele se explicando.

- Tá tudo bem? — perguntou Jin, com uma expressão preocupada.

- T-ta sim...hum, eu tava so assistindo um filme com o Jimin — falo gaguejando de nervosismo, apontando para Jimin e dando espaço para que eles entrem no apartamento — a gente terminou o trabalho mais cedo e decidiu ver um filme.

— Ah, tudo bem — disse Jin, dando um sorriso doce — então, eu e o Nam podemos ver com vocês?

— Cla-claro — falei ainda gaguejando, e rindo de Jimin que tinha ficado muito vermelho. Namjoon e Jin se sentam, antes cumprimentando Jimin. — Vou pegar uma coberta, já que está realmente frio. — falo saindo da sala e indo em direção ao quarto procurar algumas cobertas.

Quando volto, Jin está abraçado a Namjoon. Namjoon dava beijinhos no rosto de Jin, o fazendo corar diante s Jimin.

Entrego uma coberta para NamJin, que estavam mais afastados de Jimin e eu. Me sento ao lado de Jimin, nos cobrindo. Aperto o play e o filme começa de novo.

Observo NamJin, que estão prestando atenção no filme e decido fazer o mesmo. Enquanto isso, eu sentia a mão de Jimin na minha coxa, subindo cada vez mais para perto da minha virilha. Antes de chegar perto, ele para e aperta com força, enfiando as unhas na minha coxa sob o pano da calça de moletom, e eu tenho que me segurar para não dar um gemido alto. Mordo o lábio forte,sentindo um leve gosto de sangue, olhando para Jimin que tinha a expressão mais inocente no rosto, como de não soubesse o que está fazendo. Me aproximo da orelha do Jimin e susurro:

— Se você continuar você vai ter que me chupar que nem você fez com aquele pirulito — falo me afastando, olhando no fundo dos seus olhos.

Logo depois de falar isso, Jimin sobe mais a mão, agarrando meu pênis por cima da calça e me olhando inocentemente, com um sorriso malicioso. Ele morde o lábio eu fico com uma vontade enorme de beijar ele. Eu estava com medo de que Namjoon pegasse a gente, caso acontecesse seriam horas de sermão. Não por ter ficado com um cara, mas sim por não ter contado pra ele.

Jimin da uma olhada em NamJin, que está atento ao filme, e quando tem passe livre, se inclina e beija meu pescoço, fazendo com que eu feche os olhos em aprovação e segurando os gemidos. Jimin me olha cheio de desejo, e sobe a mão pela minha barriga, logo descendo ela de novo e adentrando a minha calça. Ele me agarra com força, e se tiver um jeito de ficar mais duro do que eu já estava, eu não sei qual.

Se passam uma hora, nada do filme acabar para NamJin irem embora para que eu fizesse Jimin me chupar. Jimin estava me provocando a uma hora, fazendo leves movimentos no meu pau.

O filme acaba. Finalmente.

O celular do Jimin toca. Ah não.

Jimin atende, com uma expressão preocupada com o que ouvia.

—Tá bom, já tô indo. Chego aí daqui a pouco — diz ele, me olhando desapontado — JungKookie, não vou poder ficar...o Tae disse que precisa de mim e disse que é urgente — diz ele revirando os olhos — a gente se vê amanhã, tudo bem?

— Mas tá tarde pra você andar sozinho a noite e...

— Tudo bem, a gente pode levar ele antes de irmos, não é Namjoonie? — me interrompe Jin, olhando para Namjoon — a gente já estava indo mesmo...

— Por mim, tudo bem... obrigado — disse Jimin agradecendo. — amanhã eu vou chamar o Tae e a gente passa aqui para fazer alguma coisa, tudo bem? — falou olhando nos meus olhos, cheio de segundas intenções.

— Tudo bem... hyung, você pode vir aqui rapidinho? Queria falar um negócio com você — falo, puxando ele para um canto longe de NamJin e sussurrando para ele - será que você podia manter...

— Manter em segredo o que aconteceu hoje? — disse ele, levantado uma sombrancelha e dando um sorriso malicioso, enquanto eu fazia que sim com a cabeça — tudo bem, sem problemas Senhor eu sou hétero, não fale comigo JungKook.— diz dando risadinhas.

— Você merece umas palmadas, sabia? - falo em um susurro rouco, quase inaudível — adoraria deixar sua bunda marcada.

— Quem sabe um dia, uh? — fala, fazendo uma cara inocente e me dando um beijo no rosto, o que me faz corar na frente de NamJin.

Me despeço dos meninos e decido tomar um banho e ir deitar. Tento dormir, mas só consigo ficar lembrando desse dia, pensando se isso tinha mesmo acontecido ou se foi só um sonho.

15 minutos depois, mando uma mensagem para Jimin.

Jimin Pov's 

Jin e Namjoon são ótimas pessoas. Eles foram super gentis comigo me levando até a casa do Tae, que não ficava longe.

Quando cheguei na casa do Tae, apertei a campainha e ele me puxou para dentro, apressado, como se estivesse esperando atrás da porta.

— O que houve, Tae? — falei, preocupado com ele.

— O YOONGI ME CHAMOU PRA SAIR! — falou em um tom desesperado.

— Kim Taehyung - falei, indignado — EU NÃO ACREDITO QUE VOCÊ INTERROMPEU MINHA QUASE-FODA PARA ISSO!

— Ai meu Deus — falou me olhando surpreso — com quem?

— Eu estava na casa de quem? — falo, percebendo que ele tá me olhando surpreso — isso mesmo.

— Ai, desculpa. Mas JungKook nera hétero? — fala, me olhando ainda surpreso.

— Pois é, era — falei, dando uma risadinha maliciosa — era até que eu rebolei no colo dele.

— VOCÊ O QUE? — diz Tae, surpreso

— Fiz um Lap Dance nele por causa de um jogo e acabou rolando uns beijos. Mas fica quieto, não conta pra ninguém.

— Fica tranquilo. Minha boca é um túmulo.

Meu celular toca indicando notificação de mensagens novas.

2 mensagens de JungKookie

JungKookie: Jiminnieeee

JungKook: Tá tudo bem?

Você: Oi Kookie, tá sim

Você: o palhaço do Taehyung só queria me contar fofoca

Você: e você, tá bem?

JungKookie: estaria melhor se você não tivesse me abandonado com um problema enorme entre as pernas :c

Você: podemos resolver isso outra hora ;)

Você: não tenho pressa, rs

JungKookie: hmm, ok.

JungKookie: que horas você e o Taehyung vão chegar na minha casa, amanhã?

Taaae — grito o Tae, que estava distraído com o celular, provavelmente com mensagens de Yoongi — Vamos na casa do JungKookie amanhã?

— E atrapalhar vocês de novo? Nem pensar. Inventa uma desculpa e diz que não deu pra eu ir.

Você: O Tae não quer ir :((

Você: Acho melhor eu ficar em casa, tenho algumas coisas pendentes à fazer. A gente se vê na faculdade, segunda.

JungKookie: Tudo bem. Até segunda então, Jiminnie. Bj.

Me deito na cama do Tae, tentando processar tudo o que havia acontecido hoje.

O que está acontecendo comigo ?

O que está acontecendo com JungKook?


Notas Finais


Desculpem a demora sz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...