História "Do You Want To Play?" - Longfic (Min Yoongi) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 8
Palavras 1.823
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Famí­lia, Ficção Adolescente, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Heslou abiguinhos \0/

MANOLO essa é minha primeira fanfic °-°, eu to nervouser.

Espero que gostem;
· Não tenho uma data correta sobre as postagens dos capítulos, portanto, vai na fé msm :v

。◕3◕。 ᴋɪssᴇs ɴᴏ ᴋᴏᴋᴏʀᴏ, ᴇ ʙᴏᴀ ʟᴇɪᴛᴜʀᴀ.

Capítulo 1 - - Algo fora do normal


Fanfic / Fanfiction "Do You Want To Play?" - Longfic (Min Yoongi) - Capítulo 1 - - Algo fora do normal

                ✿. . .

     Mãos. Apenas mãos.

Quentes e suaves, tão suaves que poderiam ser confundidas com pequenos bocados de algodão.

Sinto essas mãos tatearem minhas costas vagarosamente, até descerem cada vez mais, chegando perto de minhas nádegas cobertas por uma calça de tecido estreito.

Sério que o que estava em minha cabeça iria acontecer? Sério mesmo?

Já está em seu horário de acordar. – Tais palavras sendo sussurradas em meu ouvido, em seguida, tal mão alisando e apalpando minha bunda com uma certa força.

– Aigoo! Eu já lhe disse pra parar com essa porra de me acordar assim! – já irritada e com uma entonação rouca na voz, eu jogo meu travesseiro no Jimin. E o mesmo pega o travesseiro antes de colidir com seu rosto.  – E aliás, que caralhos você está fazendo no meu quarto?! – o repreendo aumentando o tom de voz, ouvindo uma de suas altas e exageradas risadas.

– Bom dia pra você também! – dá uma pausa para respirar e volta a rir novamente.

Sua naturalidade em me irritar sem a menor intenção, é algo fora do normal!

Observo Jimin com uma expressão carrancuda, após ele apertar minhas bochechas com sua mão direita, autimaticamente fazendo um bico se formar em meus lábios, enquanto ele dá gargalhadas satisfatórias como se fosse morrer rindo ali.  – Pare! – dou alguns tapas em seu braço e o empurro. Logo me levanto da cama e direciono-me até o banheiro para fazer minhas higienes.

Sentada sobre o vaso, fico vegetando sobre os acontecimentos dos últimos dias, e no quanto preciso de um tempo para ficar comigo mesma, relaxar, e quem sabe passar um tempo longe de todas essas frustrações de ter que estudar pela manhã, trabalhar a tarde, (tirando os períodos integrais da escola), e a noite, ter de ficar sozinha em casa, pois Jimin sempre tem algo para fazer. Sei lá.. Acampar, ou frequentar um psicólogo.

E foi aí que caiu a ficha. Sim, hoje é meu último dia de aula.

Olho para o relógio do banheiro e dou por conta de que meu oppa se deu ao trabalho de me acordar uma hora antes do que estou acostumada a acordar, ou seja, ainda dá tempo de fazer diversas coisas antes de sair. (Bem.. Pelo menos eu achava que sim).

 Dispo-me das minhas vestimentas de dormir e vou direto para o banho.

        •

                  •

                            •

Em frente ao meu guarda-roupas, coberta apenas de roupas íntimas...

Onde está a maldita calça reserva do uniforme?

Oppaaa!! Onde está a reserva do uniforme?! – pergunto com a cabeça para fora da porta, direcionada para as escadas.

– As duas estão na lavanderia! – o mesmo responde aos berros da cozinha.

                  Merda.

Bato a porta do quarto insinuando raiva, e pego uma meia-calça arrastão branca.

Acho que não irá fazer diferença se eu usar a meia normal ou a arrastão, portanto, será essa mesmo.

Me visto com uma saia ridícula e vulgar.

Pego meu par de converse branco e calço os mesmos.

Smile Hoya: Estou chegando, meu bem \(^O^)/.

Recebo uma mensagem do J-hope;

Ah.. Jung Hoseok..

Meu melhor amigo desde o primário, sempre presente em qualquer momento de minha vida. As vezes, chego a pensar que não mereço seu carinho e afeto. Eu.. Não sou alguém que se possa criar uma amizade, porém, ele é o único que enxerga algum “conteúdo” em meio a esta imensidão de lixo, que sou eu. É.. Nós passamos por muita coisa juntos.

Saindo de meus devaneios, vou correndo para a cozinha enquanto respondo a mensagem do Hobi. Mas a um passo de distância da porta da sala que leva para a cozinha, há alguém encostado no batente da porta.

Será..?

M-me dê licença..  – digo com a voz trêmula, temendo que seja quem eu estou a pensar que é.

Vejo o tal garoto afastar-se da porta, sem nem mesmo olhar para mim.

Adentro a cozinha sem lhe dirigir o olhar, apenas abro a geladeira, pego um suco e sirvo em um copo limpo para beber. Por alguma razão, não deixo de perceber sua mira fuzilante sobre mim, ele, que estava escorado agora no balcão, me admirava como se eu não estivesse sentindo. Quando boto o suco de volta na geladeira, e me viro..

– Você vai até a escola vestida assim? – não há tempo de pensar com o que eu me assustaria primeiro, se com sua voz  grave e intrigante, com suas pupilas dilatadas miradas no fundo das minhas, com um ar de quem me mataria se eu respirasse, ou com sua pergunta aleatória e totalmente indecente!

– Aish! Vou! E você, que eu saiba, é só um amigo idiota do Jimin, e isso não lhe dá o direito de opinar sobre minha roupa! – revido seu incômodo tentando sair desta situação, porém, Yoongi morde os próprios lábios, ainda me encarando como se eu fosse um pedaço de carne e ele um predador, e dá um passo a frente, me fazendo corar.

Dou um passo para trás e me vejo prensada contra a geladeira, e ele continua se aproximando, agora descendo o olhar até minha boca, que se encontra entreaberta, até o mesmo começar a acariciar minha bochecha, de maneira hipnotizante.

– Nay! O Hoseok está na porta te esperando! – acho que nunca fiquei tão feliz de ser interrompida em algo por ChimChim. Vejo que Jimin está com uma doce cara de bravo na porta da cozinha, de braços cruzados, olhando ora para mim, ora para Yoongi, e ouço um longo suspiro de insatisfação atrás de mim, evidente que era do Yoonie. (Ah, ele odeia ser chamado de Yoonie).

Abro um enorme sorriso me fazendo de desentendida e vou até Jimin rapidamente.

– Tenha um bom dia oppa! – deposito-lhe um beijo seco e um tanto estalado na bochecha de ChimChim, vou até o sofá pegar minha mochila já a botando nas costas e logo saio de casa, dando de cara com Hobi na porta.

Até que enfim! Pensei que tivesse morrido ali dentro! – Hobi suspira e eu o abraço fortemente. – Ah, meu bem, desculpe a demora, é que eu tive alguns.. “probleminhas na cozinha” – faço aspas com os dedos e solto uma risada.

Eu e o Smile sempre fomos para a escola juntos a pé, mas nos dias de chuva, pegamos ônibus. Raramente Jimin me leva para a escola.

A companhia dele é essencial para minha existência. Hobi é apaixonante, uma.. Caixinha de surpresas, eu diria. E eu o amo demais.

O caminho até a escola foi tranquilo, conversamos sobre tudo o que havia acontecido nos dias anteriores, já que ele não estava indo para a escola. 

Hoje não está frio, mas está nublado.

Ao chegar em frente a escola eu tive coragem e falei pra ele sobre o ocorrido com o Yoonie na cozinha mais cedo, e que se o oppa não tivesse chegado, teríamos nos beijado ou coisa pior, ali na cozinha mesmo. E, a partir deste momento, ele começou a ficar frustrado comigo por qualquer coisa, e eu suspeito que seja uma breve crise de ciúme, embora ele saiba que eu gosto do Yoonie à algumas semanas.

         •

                   •

                           •

O tempo até que passou rápido, e por um incrível milagre, essas reencarnações de demônios disfarçados de professores, não passaram nenhuma coisa difícil ou aliada aos cursos que pretendíamos nos fixar ou levar como profissão. 

– Quer dormir lá em casa hoje? – Hobi questiona aliviado, enquanto saímos pelo portão.  – Quero! – respondo animada e seguro sua mão, entrelaçando meus dedos aos dele.

Vejo Hobi corar de imediato, e acalmar seu fogo, então, como uma de minhas habilidades é fazê-lo ficar tímido, dou um beijo no canto de seu lábio.

Eu? Me aproveitando da situação? Jamais!

De forma aleatória, vejo alguém abraçar meu Hobi por trás e sussurrar algo em seu ouvido; a vadia da Dong-Sun!

Juro que as vezes me dá vontade de pegar uma tesoura bem pontuda e furar os olhos dela, apenas por chegar perto dele.

Ameaço soltar sua sua mão e fecho a cara, mas ele a aperta na intenção de não me soltar.

Esse fi de uma boa mãe ficou sem reação, acho até que ficou mais corado com o que ela disse.

Por favor.. – ele me repreende.

– Por favor o que!? – digo de maneira seca. Hobi para de andar, e me puxa, instantaneamente colando nossos corpos.

– Não faça isso comigo novamente, por favor.. – seus olhos estão exalando sua aflição, quase que marejados.

– Tudo bem..  – algumas lágrimas descem sobre meu rosto sem meu consentimento, mas Hobi as enxuga e me dá um beijo na testa, em seguida me abraça e suspira.  – Já passou.. Shh.. – me escondo em seu peito e o mesmo me guia enquanto andamos. 

Isso com certeza é história pra outro dia.

                  ✿. . .

Era óbvio que Jimin iria chegar em um momento inconveniente, sempre se mostrando presente no lugar errado, na hora errada. Não trocamos uma só palavra durante o tempo em que Nayeong estava fora, até ele me pedir pra que ficasse aqui tomando conta dela por essa semana, desde que não tentasse fazer nada “impróprio” com ela, e prometeu me recompensar muito bem. O que ele não faz por aquele namoradinho Jungkook hein.

De fato, ela estava com um uniforme tão... Curto. Não pude evitar observá-la, ela estava sexy naquele uniforme, ou eu só sou um tarado que se diverte com a inocência de menores de idade e que gosta de por medo nas senhoritas bolsas de esperma até que se sintam molestadas e estejam coradas, doidas para serem comidas.

É, deve ser isso.

Tem algo nela que me chama atenção. Não sei o que é.

Mas sei que ela não é que nem essas putinhas fáceis de levar pra cama.. Terei que ser cauteloso e tomar cuidado com o Jimin, caso queira que ela transe comigo. 

A porta é aberta e então subo o olhar para quem entrou.

Park Nayeong-mi.

O que você está fazendo aqui? – vai em direção a escada. – Quer saber? Nem responda! Não estarei aqui para ficar olhando essa sua cara de irritado. Vou dormir na casa do Hoseok.

Vou até a porta a passos largos e a tranco.

                  ✿. . .

– Não, na verdade não vai. Jimin saiu e me pediu pra cuidar de você, portanto, você não vai sair de casa hoje.

      O quê??!!! 

Largo a mochila na escada e vou até o mais velho.

– Você.. não.. vai.. me.. impedir.. de.. Sair! Eu.. Não.. Sou.. Sua.. Criança, e.. Você.. Não.. É.. Minha.. Babá! – digo pausadamente e ouço este soltar uma risada debochada.

– Não perguntei se você é criança ou não. Foda-se se você quer sair. Seu irmão está confiando em mim, pra não deixar você fazer merda. E te garanto que não estou nem um pouco contente de estar aqui, então, você vai subir, vai trocar de roupa e vai descer pra almoçar! Não quero ouvir reclamações, acho melhor você calar a porra da sua boca e ficar na sua, se não, eu te tranco no quarto e você só sai de lá quando o Jimin estiver aqui!. – ele retruca meus argumentos de forma ameaçadora, me deixando assustada. (Com mais medo do que eu já tinha, no caso).

Ele dá de ombros e vai pra cozinha com a chave em seu bolso.

Agora é oficial, Yoonie é um grande filho da puta!


Notas Finais


Eaiiimmmm  ╮( ̄▽ ̄)╭
Capítulo grande né noum? 🌚
Para ou continua abiguinhos?

Links das roupíneas da Nay:

Uniforme com saia:
https://pin.it/qt7pcz6pckl5bs

Tênizin:
https://pin.it/tktu2y5oqoyyr5

Meia-calça arrastão:
https://pin.it/xvtru3xifaxyl7


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...