1. Spirit Fanfics >
  2. Doce Fogo >
  3. Fim da turnê

História Doce Fogo - Capítulo 53


Escrita por:


Capítulo 53 - Fim da turnê


Fanfic / Fanfiction Doce Fogo - Capítulo 53 - Fim da turnê

 O segundo show do Bts no Brasil e o último da Turnê havia terminado. Cada um dos membros e os bailarinos estavam exauridos, terminando de trocar de roupa. Jin e J-hope ainda estavam falando com alguns jornalistas no camarim, e Jimim estava terminando de gravar algumas partes dos bastidores para a empresa postar no YouTube.

 

A equipe toda iria apenas jantar e já se iniciaria os trabalhos para desfazer toda aquela produção, empacotar tudo e colocar nas vãs que seguiriam para Seul. Uma outra equipe, bem menor, cuidava de finalizar as malas para a viagem na manhã seguinte rumo ao casarão do Barão Grimaldi para a gravação do MV. Dong Hee estava bem mais leve, a turnê havia terminado e mesmo com atrasos, o show tinha sido um sucesso.

 

Tanto que uma multidão se aglomerava em volta do Alianz, tirando fotos, dançando na chuva fina que caía, cantando alto as músicas ainda alvoroçados.

 

- Não dá pra acreditar nesse pessoal! Mesmo encharcados e com frio são tão felizes e amigáveis! - Disse Tae olhando pela janela com dó dos fãs mas desejando ser um deles, com tanta liberdade.

 

- Eles foram incríveis mesmo! Excelente forma de acabar uma turnê. - Responde RM.

 

- Onde está o Jungkook? Não o vejo desde que saímos do palco. - Pergunta Tae.

 

- Ele me disse que ia andar um pouco, queria fotografar alguns ângulos conceituais que ele viu por aí… - Disse Suga tentando dar um álibi para Jk, que nessa hora já estava se dirigindo para o estacionamento no subssolo para encontrar Cida.

 

Por causa da chuva, São Paulo estava impossível! A multidão que ainda estava em volta do local do Show também prejudicou muito o plano de Jungkook e Bin Shi. O Plano “A” era Roberto levar Cida até um restaurante reservado e bem discreto e depois buscar Jk e Bin Shi para encontrá-la devidamente. Ali eles teriam um jantar bem servido e calmo. Nas fantasias de Jk a sogra até falava um pouco da língua coreana, o que facilitaria ainda mais a concordância entre os dois.

 

Mas a realidade sempre bate na nossa cara, e a agora, Jungkook estava colocando em prática o seu Plano “D”, encontrar a sogra dentro do carro junto com Roberto e Bin Shi, às pressas, no estacionamento reservado no subssolo do Alianz Park. Absolutamente tudo havia dado errado no projeto inicialmente idealizado pelo garoto. Nem a roupa que ele tinha escolhido deu certo. Ele teve que pegar uma peça aqui e ali para se camuflar e poder descer rapidamente e encontrar a mãe de Júlia.

 

Dentro do carro estacionado em uma parte mais escura do local, estava Roberto cansadíssimo da viagem de Osasco para São Paulo que foi feita debaixo de muita chuva e em um trânsito infernal. No banco de trás estava Aparecida, também cansada, mas principalmente entristecida de ter que ficar escondida no escuro, como se fosse uma criminosa esperando Jk a mais de uma hora.

 

“Não quero essa vida pra Julinha, não quero.” - Pensava a mãe. Ela já estava um pouco mais calma, mas muito assustada pela multidão. Ela não lembrava de ver tamanho tumulto em sua vida por causa de um grupo de cantores.

 

Minutos depois, Bin Shi e Jungkook aparecem andando apressadamente pelo estacionamento. Jk estava usando roupas super largas, um casaco enorme preto, máscara higiênica coreana, brincos e o tal chapéu que Suga tinha aconselhado a não usar.

 

- Minha filha está namorando aquele “maloqueiro”? Porque ele está usando aquilo no rosto? Vai nos assaltar? - Diz ela bem alto fazendo Roberto rir bastante.

 

Bin shi já havia compartilhado como o Jungkook que Júlia não contou à mãe que eles tinham um relacionamento, e que a mulher não ficou muito feliz de ouvir a história de que ele não podia assumir a namorada. Ambos pensaram em desistir mas depois de conversarem mais um pouco decidiram que ficaria pior, Cida poderia achar que estavam brincando com a cara dela. Então, decidiram escrever uma carta simples em inglês para que Roberto traduzisse para a mãe. Eles esperavam que se isso não fosse suficiente, seria pelo menos uma boa apresentação.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...