História Doentio Amor - Park ChanYeol - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Chanyeol, Hentai, Imagine Chanyeol, Imagine Exo, Obsessão, Violencia
Visualizações 130
Palavras 512
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Literatura Feminina, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Steampunk, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá.
Agradeço desde ja por esta lendo minha fanfic, espero que gostem e não esqueçam de votar $-$

Capítulo 1 - XprólogoX


Fanfic / Fanfiction Doentio Amor - Park ChanYeol - Capítulo 1 - XprólogoX




__ Silêncio na corte. __ A juiza ordena, aquele era o julgamento mais importante da pequena cidade de Apgujeong-dong, todos esperavam a sentença do criminoso que aterrorizou a população por meses. __ Eu juíza de paz, Choi Minah, declaro o réu, Park ChanYeol, culpado. __ decreta. __ Pelos crimes brutais que cometeu, sera sentenciado a passar 20 anos, no hospital Psiquiátrico em Seul. __ completa e encerrou o julgamento do rapaz que mantinha se sem expressão na cadeira, ate ser levado por uma escolta militar para fora do tribunal. 




Pov.s Morgana....





Hoje eu começo meu trabalho em um manicômio meio afastado mais um dos melhores da cidade, apesar de ser iniciante tenho ótimas indicações, o que ajudou minha entrada la.




Me arrumo com uma calça jeans preta, meio colada e uma blusa social azul marinho, coloco o jaleco na bolsa, vestiria so quando estivesse lá. 




Começo a dirigir e checo meu email, com a ficha do meu primeiro paciente. 


Ficha do Paciente 502


Nome: Park ChanYeol

Nascimento: 13 de outubro de 1992 (26 anos) Apgujeong-dong, Coreia do Sul

Altura: 1,83cm

Sangue: Tipo A

Peso: 68 kg

Diagnóstico: Psicopatia, Sociopatia, Esquizofrenia, Hikikomori.

Data de Internação: 09/02/2005


Chego até o manicômio, e desco do carro entrando pego minha identidade e mostro para a recepcionista, ele digita algumas coisas no computador e me entrega um craxa me mandando para o 3° andar, sigo na direção da sala que me indicaram e logo um homem vem me receber. 


- Boa Tarde Senhorita Reed. - me comprimento com um aperto de mão. - Sou o doutor MinSeok, filho do diretor desse manicômio e vim lhe instruir sobre seu primeiro paciente, e te explicar como funciona nossa instituição Ok? - fala se sentando na cadeira e eu concordo repetindo seu ato. - Seu horario e de meio período ja que você e estagiária, fara relatórios mensais de seus pacientes, deve manter total sigilo sobre a vida dos pacientes, tera sua própria sala para interagir com os mesmos mais poderá andar pela ala de pazer do manicômio com eles se você quiser, o caso do Park e delicado ele esta aqui a 10 anos, não fala mais que sim ou não, ou seja e monossilábico, e muito difícil de se lidar mais ainda não apresenta nem um risco grave ate agora.


- Entendi - concordo pensando no paciente, ele vei para cá com 16 anos se meus cálculos não estiverem errados.


- Um enfermeiro vai leva lá ate sua sala, e daqui alguns minutos Park ChanYeol sera levado para sua sala também, bem vinda a o Hospital Psiquiátrico C.R.U.E.L. - aperta minha mão me levando ate a porta.


Após isso um cara chamado Sehun me levou ate minha sala ele parecia ser simpático ate, visto o jaleco e me sento na cadeira apoiando os cotovelos na mesa, a porta logo se abriu revelando um homem alto branco, de cabelos pretos, pode se dizer que ele e bem avantajado, e seu olhar era perdido, escuro, e quase assassino preso em uma camisa de força. 


Ele entra e se senta na cadeira do outro lado de minha mesa, me olhando fixamente.


- Olá Park ChanYeol...


Notas Finais


Espero que tenham gostado, não esqueça de aperdar no "♡" baby..."-"


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...