1. Spirit Fanfics >
  2. DoiDoi's scary aventure (DHMIS) >
  3. Culpa

História DoiDoi's scary aventure (DHMIS) - Capítulo 11


Escrita por:


Notas do Autor


Espero que gostem. 。◕‿◕。

Capítulo 11 - Culpa


Autor's POV

Pessoal, vocês estão aí? - o amarelo perguntava... - só para saber...

Logo o sequestrador começava a puxar Manny com força da cadeira. Ele está virado ao canto da sala. Manny estava sendo filmado. - pessoal? Onde eu... - "range".

Após isso tudo, o monstro começava a rodar pela sala, dando um grito ao ouvido de Manny. - eu não quero! - várias rodas deixavam cada vez o amarelo mais aguniado de viver. Fazendo ele começar a chorar.

Coma! - logo era retirado uma parte do saco, os instintos do menino faminto deixavam com que ele esperimentasse aquilo. Era um sanduíche podre, sem opção, Manny começava a mastigar aquilo.

Não está bom! Eu quero meu pai! - Yellow Guy começava a virar um escândalo, então o mesmo o empurrava da cadeira, para fora dela. - ei, o que está fazendo? Eu não entendo...

Bruaah! - um grito era dado a seus ouvidos, fazendo Yellow parar de atrapalha-lo.

Robin's POV

O que está acontecendo? Que barulheira! - me deparo com a porta rangido, logo quando me deixo a reparar. A porta estava aberta, Manny saia de lá assustado. - Manny! - começava a gritar o nome dele não podendo fazer nada sobre , pois, estava sobre uma cadeira com as cordas do Stand do inimigo a volta.

Robin, é você? - perguntava a mim...

Logo olhava o grandão que olhava seriamente a nós. - o que você quer? - o mesmo babava em meu rosto, se despedia. - será que Harry ficará bem?

Robin eu... - reparava o deley para continuar sua fala. - depois de todos esses dias, dês de que conheci vocês, foram dias inesquecíveis! Eu estou com  medo...

O mesmo endagava enquanto eu botava um sorriso ao rosto. - vocês me fizeram continuar por esse caminho. A não ter medo, eu aprendi isso com vocês... - logo uma ideia me vinha tendo.

Podemos usar as cadeiras para nos livrar das cordas! - começava a fazer minha teoria. - mais isso seria bem improvável. - barulhos começavam a vir da porta. Quando deparei, Harry! Comecei a falar o nome do mesmo.

Olá caras... - sua cara estava mais vermelha que o conveniente. É como se, dentro daquela sala, o monstro tivesse o torturado gravemente.

- Harry, você está b... - então o bicho começava a tampar minha boca com fitas.

Ei seu idiota escroto! - dizia apontando a Harry.

Si... - o mesmo era enterrompido com a fala do outro.

Comece a ler! Ao contrário, você irá morrer, está bem? - começavam a ficar apavorados, uma câmera começava a filmar. O monstro sigurava seu tacapi em mãos, ele respirava fundo quase atacando Red Guy, com ataques escandalosos.

O seu novo prefeito está com a gente... Até o famoso Wakey-Wakey, nós corremos socorro, se querem ajudar, por favor, nos ajudem. Aceitamos arrecadações de dinheiro com mil dólares a tacha máxima. Então vamos nos despedindo, por favor, nos ajude! - então um grito era dado para dar medo ao vermelho, logo o arruaceiro se despedia dali, com um olhar bravo em seu rosto.

Tolos! - dizia Harry respirando com menas ofegancia. - se acreditarem nele, só estarão dando dinheiro a um criminoso que quer botar um fim a está cidade.

Estamos na casa do meu pai? - o amarelo era interrompido. - pessoal... - amarelo tentava falar, mas logo era novamente interrompido.

Não é hora! - Duck dizia bravo com Manny... Começava a perceber Yellow chateado. Robin virava sua cabeça para o lado oposto do amarelo. - Manny, me perdoe. É que eu, estou tão sério com tudo... O pior de tudo é que, o nome de Wakey-Wakey estava esposo ao papel. Sem ele ninguém viesse! - dizia com um olhar intenso.

Robin... Você está bem? - o vermelho tentava me consolar! Mas logo impedia o mesmo com um simples, "no!". - entendo... - começavamos a prestar atenção a parede aos nossos lados. - ele está nos observando, não está? Todo esse tempo ... - então ficávamos sem nenhum plano a cabeça.

Pessoal, depois de tudo que eu passei, eu aprendi uma lição muito importante... - Manny puxava papo, então, o menino começava a lagrimejar. - não importa onde. A única coisa que é importante nessas horas, é que estamos juntos. Isso que aprendi! Mesmo se morrermos aqui... Morreremos igual amigos...

Manny, eu... O amarelado dava uma fungada.

Desculpem-me mesmo caras, mas, não vamos nos mostrar facos para tal ato. Vamos nos manter erguidos, sempre de pés! - "o que não era o caso". Tirando este fato bobo, suas palavras eram como lições valiosas para mim.

Logo Harry deparava a nós dois chorando. - ei gente, vamos tentar nos acalmar... - o vermelho começava a lagrimejar junto... Era como se todos nós, tivéssemos aceito nossas mortes. Vamos morrer aqui, isso não é tão ruim assim. Porque estamos juntos!

Então o bicho entrava, então começava a empurrar minha cadeira, já com minha boca fechada com fita. Tentava gritar de ajuda, nada. Era como se... Não estaremos juntos... Não mais... - ei, deixem Robin... O que vão fazer? - amigos, suas vozes podem ter ficado cada vez mais distantes, mas, mesmo assim... As cordas eram estilhaçadas...

Wryyyy! - socos seguidos era recebido por seu tacapi, não pude fazer nada a tal ato... Manny, Harry... Tudo que passamos, valeu apena? Sinto Manny e Harry a meus ombros. Sim, nunca tive tanta certeza antes, lágrimas começavam a sair de meus olhos... Adeus caras... Dês de que nos conhecemos..m viemos para cá... - aqui está, sejam bem vindo a sua nova casa! - ele estava ali!

Harry's POV

Ficávamos sem falar por longo tempo, até que percebo Manny encomodado. - você está bem?

Harry... - "sim" respondia ao garoto. - teria de alguma forma, ele ainda estar vivo?

Ficava surpreendido com a pergunta e voltava meus olha as para baixo. - olha eu...

Eu vou sair! - "o que?" Me perguntava. - mesmo que for pequena, é uma chance! - dizia saindo da corda... Seu corpo estava todo perfurado por agulhas ao usar seu Stand para se libertar.

Nota: Manny pode se soltar da corda pois, o sequestrador na hora não estava prestando atenção ao amarelo.

Depois de tanto que a gente aguentou... Juntos... - Manny dizia com uma postura séria. Pela primeira vez pude ver que, Yellow sabia que sempre estava conosco... Não sei como mas...

Então o amarelo se despedia da porta.

Manny's POV

Preciso correr rapidamente, preciso achar Robin! "Uh?" Ouvia um barulho, logo corria rapidamente a direção ao mesmo. Logo me reparava. Os cadeados, são aqueles mesmo cadeados... Isso é... - Circus!

Batia na fechadura, nada aconteceu. Começava a ficar ofegante, mais espinhos surgiam em mim por usar meu Stand. Isso concerteza é o Stand do sequestrador, mas como ele poderia ter duas habilidades diferente? Me perguntava.

Grin grin grin grin grin grin!!! - tentava arrebentar. Mais ferrões surgiam a meu corpo. - C-coff, coff! - dizia num tom ofegante. Começava a espirrar sangue pelo chão. Então me sentava a frente da porta. "Agh!" Começava a ouvir barulhos da sala, cada vez, mais berros vinham, eu ficava cada vez sem pânico. Eu... Simplesmente não sei! Até que ouvi o último grito... Lágrimas começavam a sair do meu rosto. Começava a chorar sem parar sem saber o que fazer quanto a isso. Logo me deparava com Robin?

Vocêa aindanão perdeu, continue, sei que conseguirá vencer! Vou te dar uma dica: você está com ela! Logo me surpreendia, então retirei um pedaço de caco de meu braço e voltava a fechadura.

Vamos lá! Grin grin grin grin grin grin!!! - está fechadura, é feita de ferro! Todos esses ferrões, são de ferro! Então a resposta para isso é... Começava a usar Circus para transformar um ferrão em um formato parecido a de um lookpeck. Vai, vai, precisa dar certo, eu preciso, salva-lo!

Autor's POV

Então o o monstro tirava o tacapi em meus, antes que pudesse fazer qualquer coisa... - ei ubaguba! Eu estou aqui! - dizia o amarelo em um tom ofegante com espinhos em todo seu corpo! - terá muito mais de onde veio esses! Circus! Green Slud... - Logo reparava ao mesmo as suas costas. - ploh! - então mais espinhos apareciam.

C-coff, coff! Ei você, você irá pagar por Robin e Wakey-Wakey! - então os dois entravam em posição de luta. O monstro pulava em direção ao amarelo, mas então o mesmo desviava sem problemas. Então os dois ficam de caras. - grin grin grin grin grin grin grin grin grin grin grin grin grin!!! - uh?

Antes de notar, o monstro avia desviado e chegado as suas costas... - grin! - errava um gancho ao vilão e se afastava ofegantemente. - C-off, coff... Os espinhos em meu corpo estão dificultando! Eu não irei conseguir tirá-los a tempo. - então o monstro dava um ataque surpesa.

Se acha que acabou... Está muito enganado! Grin grin grin grin grin grin!!! - realizava um gancho, o mesmo era afetado. Mas para minha surpresa o homem usava a chance que tinha enquanto espinhos me perguntavam para usar seu tacapi em meu rosto. Então me desvio e acerta meu ombro, logo dou um evasiva. - uff! - aliava da pressão. - eu irei ganhar de você, não importa quantas vezes ferrões irão me perfurar! Robin... Eu irei mata-lo, assim poderemos voltar a vermos nossos shows, nós três, como nos velhos tempos!

Wryyyy! - o monstro vinha.

Grin! - então assim era introduzido, a grande batalha!

Continua...


Notas Finais


Agora chegamos no último capítulo desse arco! (✷‿✷)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...