História Dois para nove - Capítulo 1


Escrita por: ~

Visualizações 585
Palavras 833
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fluffy, Harem, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá!!!
E ahhh saiu hehe eu resolvi fazer com eles reais mesmo, espero que gostem, é pequena, mas não sei bem quantos capítulos hehe e como alguns membros são menores de idade, então não vai ter cenas hot como os outros da série ok? Espero que entendam hehe aqui só vai ser love cute cute mesmo <3
Boa leitura <3

Capítulo 1 - Um fim de semana de folga


Fanfic / Fanfiction Dois para nove - Capítulo 1 - Um fim de semana de folga

  

   Daehwi sorriu aliviado ao colocar a cabeça na cama e respirar fundo, um dia de folga, amém!

  Ahhhhhhhhhhhhh ele nem acreditava, depois de quase quatro meses de programa, um mês e meio de preparação para o debut, gravações, programas e promoções, depois de quase seis meses eles iam finalmente ter um fim de semana de descanso!

  Tinham ganhado prêmios, eram um dos grupos mais ouvidos nas rádios, com views nos sites musicais, download, eles tinham conseguido... Eles tinham! Eles tinham feito!

— Olha só esse sorriso.

  Ele ouviu a voz de Jihoon antes dele surgir no batente da porta do quarto em que dividia com Jinyoung e Sungwoon e compartilhou uma troca de sorrisos singela. Eles tinham sido quase que completamente filmados dia e noite, e agora finalmente iam ter uma pausa, aquela noite era só ele e os membros no dormitório.

  Eram só eles para eles...

  Então ele se sentou na cama e abriu os braços:

— Saudades.

  E Jihoon veio para si lhe dando um beijinho gostoso que fez Daehwi suspirar, até que enfim, não aguentava mais não poder beijar seus namorados... E sim, namorados.

  Ele namorava nove dos dez membros, ele e Daniel.

  Claro que era totalmente escondido, secreto, exclusivo deles mesmo.  Descobriu que estava apaixonado por alguns ainda no programa do Produce, mas quando o grupo foi finalmente formado ele soube, seu coração já era da metade deles e a outra foi questão de dias até se apossarem dele também.

  Então ele se deu conta que estava muito ferrado, porém Jisung era o líder deles e notou aquilo, notou que era mais sério do que fanservice padrão. Ele veio conversar consigo e Daehwi contou tudo, se abriu mesmo ao mais velho. Então descobriu que não era o único com aqueles sentimentos, os outros também estavam meio confusos com todos aqueles sentimentos fortes, mas compartilhavam da paixão por ele e por... Daniel.

  Foi estranho, ele não podia compreender completamente, mas com o decorrer dos dias e conversando um a um, eles acabaram chegando a conclusão que podiam experimentar aquilo, experimentar como seria namorar assim. E se provou ótimo... muito. Embora fossem quase momentos roubados, escusos, beijinhos aqui, carícias lá, algo tão rápido e tão bom que ele sabia que estava tonto pela nevoa de amor ao seu redor.

  E quando trocava olhares com Danny sabia que o sentimento era muito parecido.

  Assim que as luzes se apagavam, e as câmeras paravam, quando tudo aquilo era desligado ele corria para cama de um dos membros só para dormir agarradinho em alguém. Jinyoung sempre estava lá para o abraçar também, mesmo fora da cama, eles tinham essa liberdade com as câmeras, mas lógico que ele não exagerava, contudo ele era carente e sabia disso.

  E adorava mimos...

  E os membros o mimavam.

  Sorriu de novo e acabou mordendo de leve a orelha de Jihoon se sacudindo como uma criança:

— Um fim de semana todo, Jihoon, ahhh ‘tô animado!

— Eu sei que está! - E ele recebeu a mordidinha de volta seguido por um riso – Mas vamos todos assistir um filme juntos hoje então venha logo, eu te espero lá.

  E ele se levantou dando sua típica piscadinha e Daehwi sorriu de orelha a orelha, depois que ele saiu acabou deitado na cama de volta e sacudindo as pernas em um mini surto idiota.  Eles iam ficar todos juntinhos essa noite?

  Ahhhhhhhhhhhh!!!

 

 

 

— Ei Dalieta! Sai logo daí!

  Ong resmungou na porta do banheiro e ele riu enquanto desligava o chuveiro. Ong agora só o chamava assim quando não havia câmeras por perto.

  E não era a única coisa que viviam se provocando, afinal dormiam no mesmo quarto, muitas vezes na mesma cama, as vezes quase avançavam o sinal junto que prometeram não avançar enquanto os menores ainda fossem menores... Mas quase sempre era difícil, ele era doido pelo Ong, Jisung e Sungwoon e eles eram seus Romeus: Romeuong, Romeusung e o que não foi para o ar: Romeuoon.

— Estou saindo!

  Gritou, se enrolou na toalha e abriu a porta, vendo Ong o encarando na porta de braços cruzados:

— Isso é provocação, Dalieta! - Ele sorriu e deu de ombros entre sem graça e divertido. Então Ong o puxou o beijando como se não houvesse amanhã e por fim deu um tapa na sua bunda rindo baixo – Sai daqui sua tentação, eu quero tomar banho.

  Ele passou por ele e entrou no banheiro fechando a porta. Danny riu sem som colocando as duas mãos na boca e fechando os olhos. Sabia que estava mexendo com fogo, mas não resistia...

— Sério Danny-ah, um dia ele não vai fugir, sabia! - Jisung comentou estreitando os olhos e depois veio para ele e lhe deu um beijinho tirando a toalha, a enrolando e batendo nele no mesmo local que Ong, mas agora com o tecido felpudo – Vá! Se vista, eu te espero lá fora!

  E quando ele fechou a porta, Danny deitou na cama rindo:

— Eles teriam aquela noite todinha para eles, hummmmmm....

  Queria muito aquilo, muito, muito mesmo!

 

 

 


Notas Finais


Beijocas!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...