História DON'T BE AFRAID - JACKSON WANG - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Got7
Personagens Jackson
Visualizações 93
Palavras 986
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - 2


Fanfic / Fanfiction DON'T BE AFRAID - JACKSON WANG - Capítulo 2 - 2

Narradora on

Com exatos 6 meses de gestação, Joy já havia descoberto que esperava um menininho. Apesar desse momento ser o mais maravilhoso e bonito da sua vida, Joy não estava 100% feliz. Sua gravidez se tornará de risco por conta de um empurrão que sofrera de uma ex namorada de Jackson. Além disso, sentia que seu marido estava distante, não a tocava, não chamava pelos apelidos carinhosos, nem dizia que a amava como antes. Passava muito tempo no trabalho, cogitava até traição. O relógio marcou 00h e Jackson ainda não tinha chegado em casa, deixando Joy ainda mais aflita e imaginando coisas.

Joy on

Estava deitada na cama fazendo carícias em minha barriga, meu bebê mexia e chutava bastante. Acho que assim como eu, sentia a falta do pai, não sei ao certo quando a ausência começou, por que nem parece que ele me ama mais, nem lembro qual foi a última vez que senti seus toques ou seus selinhos de bom dia, ou a palavra amor sair da sua boca. Não lembro da última vez que o vi nu, ele já nem deve sentir atração e desejo por mim, engordei devido a gestação. Todos os dias ele chega tarde e sai cedo, muitas vezes eu já estava dormindo ou pelos menos eu fingia estar, para ele não perceber que eu estava chorando.

Eu sinto sua falta,olho para minha aliança de casamento e penso "será que tudo que vivemos foi por água abaixo?". Pensei que essa gestação nos aproximaria.

Ouço a porta abrindo e Jackson adentrando o quarto, com suas típicas calças escuras e seus cabelos negros como a noite. Confesso que todas as vezes que ele tira a roupa, eu discretamente analiso cada parte do seu corpo para ter certeza que não há marca que outra pessoa possa ter deixado. Minha sorte é que ele nunca apareceu com nada incriminatório, apenas sua pele alva.

- Boa noite amo... Joy - Jackson proferiu quando viu meu olhar sobre ele, quase me chamou de amor, mas o que tá acontecendo com ele?

- Jackson, nós podemos conversar? - pergunto não aguentando mais a situação do jeito que está.

Jackson on

Fico tão triste ao perceber que Joy não me ama mais, que para ela, a minha presença já não faz mais diferença. Ela deve está me culpando pelo o que Seulgi fez. Seulgi é minha ex namorada que arquitetou um plano de vingança pelo término de anos atrás, pondo em cheque a gravidez e a vida de Joy.

Eu sou um idiota que acreditou que Seulgi tinha aceitado o fim de um namoro abusivo da parte dela. Acreditei que ela estava feliz pelo meu casamento e pelo meu filho a caminho. No fim ela só queria acabar com minha única felicidade, e talvez por isso Joy esteja assim. Fico olhando nossa aliança, e lembro dos momentos felizes que nossa união proporcionou e penso que tudo foi deixado de lado por um erro meu. Ela não me chama para tomar um simples banho com ela, não me avisou da última consulta com o pediatra. Eu fico até tarde no trabalho para poupa-la da minha presença e isso acaba comigo. Eu sinto falta do meu filho, eu sinto falta da minha esposa.

Chego em casa e já marcava meia noite em ponto, subo indo direto pro nosso quarto e encontro Joy fazendo carinho na sua barriga, nosso filho parecia está agitado pela cara de desconforto que Joy fazia.

- Boa noite amo... Joy.

- Jackson nós podemos conversar? - Ela pergunta olhando pra mim.

- Claro - digo sentando em sua frente na cama.

Narradora on

Depois de Jackson sentar na cama de casal, foi a vez da menor se acomodar com dificuldades pois o bebê estava bem agitado.

- Jackie, o que está acontecendo?, por que você se afastou de mim?, não me deseja mais?, não me ama mais? - Perguntou Joy com lágrimas nos olhos.

- Você que não me ama mais Joy - Jackson diz abaixando a cabeça.

- Como assim não te amo mais Jackie, eu tô esperando um filho seu - Diz confusa e recebendo mais um chute do bebê

- Você está distante, não me beija, nem olha pra mim, se você estiver me culpando pelo o que a Seulgi fez, me desculpa, eu sei que a culp...

- Jackie amor, eu não te culpo por nada, e você se afastou de mim, você nem me toca mais, como anda se aliviando esse tempo todo? Jackie, você anda me traindo? - A menor falava com tom de desespero.

- Te traindo Joy? Eu nunca faria isso, não teria forças para te trair, você sabe o quanto eu te amo? Você é tudo pra mim, por que achou isso? - Jackson pergunta tentando entender a situação.

- Por que você passava muito tempo longe de casa, longe de mim, eu achei que com a gravidez você havia parado de me desejar, de sentir atração por mim - Joy diz secando as lágrimas, com a gravidez suas emoções ficavam mais intensas.

- Eu jamais perderia o desejo por você, sabe o quão gostosa você é? E essa barriguinha te deixa mais linda do que você já é meu amor, eu não vinha pra casa pois pensei que nosso casamento estava acabado, eu só não queria aceitar.

- Eu também pensei Jackie, pensei que iríamos nos separar, e que tudo que nós vivemos e prometemos no nossos votos teria sido só palavras ao vento.

Jackson chega mais perto e abraça com uma certa força Joy, matando a saudade de meses.

- Eu te amo Joy, pra sempre, me desculpe por tirar conclusões precipitadas do nosso relacionamento - Jackson diz olhando nos olhos da menor.

- Eu também te amo muito meu amor, você é o homem da minha vida. Eu também tenho que me desculpar, jamais deixaremos isso acontecer novamente, não aguento mais ficar longe de você - Joy diz com um sorriso sincero brotando nos lábios.

- Amor, me desculpa por não ter conseguido te salvar naquela tarde com a Seulgi.


Notas Finais


Hello Hello my ladies, tudo bem? Aqui está de buenas.

Tô amando esse shipp, se você também tá gostando, comenta, se você não está gostando, comenta também. Não esquece de FAVORITAR.

Amo quando vocês comentam 😍

Fighting!

Bjins 😘

Att: B Vettel


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...