História Don't Be Sad - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bangtan Boys, Bts, Gay, Hoseok, Jhope, J-hope, Jung Hoseok, Lemon, Min Yoongi, Sobe, Sope, Suga, Yaoi, Yoongi, Yoonseok
Visualizações 209
Palavras 589
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Fluffy, Lemon, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 9 - O novato;


  - Conheci um garoto novo hoje - Hoseok contou animado, enquanto devorada seu sanduíche de queijo.

  - O vermelho? Todo mundo está comentando - Yoongi se afundou ainda mais no banco gelado do refeitório.

  - É? Nós estamos juntos em algumas aulas, ele é legal e... Vermelho? - Arqueou a sobrancelha e riu baixo.

  - Sim, estão chamando ele assim por causa do cabelo. Como foi a aula, afinal?

  - Legal, não prestei muita atenção. Taehyung estava me contando do antigo colégio e...

  ...E mais um monte de baboseiras que Yoongi nem se deu o trabalho de ouvir. Não queria saber quem era Taehyung e nem o porquê da sua vida ser tão Interessante. Não queria saber quais as cores que ele já pintou o cabelo e nem quais são suas matérias preferidas, no entanto, Hoseok só abria a boca para falar maravilhas do novato. Jung era um lerdo, nem percebeu todas as vezes que Min tentou mudar de assunto. Foram no mínimo cinco.

  Yoongi tinha escrito um bilhetinho um pouco maior naquele dia, ainda estava cogitando a ideia de entregar. Queria que Hoseok soubesse o quão bem ele estava se sentindo esses dias e que não parava de pensar nas horas que passaram juntos. Que não via a hora de repetir todas aqueles momentos. Mas ver o mais novo tão entusiasmado com seu colega vermelho era desanimador e isso fazia com que o loiro se sentisse horrível. Sempre quis que Jung encontrasse pessoas legais e coisas assim, porém, agora que isso estava acontecendo, já não tinha tanta certeza do que desejara antes.

  Yoongi se levantou. Pronto para sair dali com uma desculpa qualquer mas fora puxado novamente pelo moreno e do seu lado estava a última pessoa que desejava ver.

  - Tae, esse é Yoongi e Yoongi, Taehyung - Jung os apresentou ainda mais animado.

  Tae? Tae?! Sério isso? Ok, Yoongi, não seja dramático, ele pode ter outros amigos, pensou. 

  - Hey, Yoongi, Hoseok comentou muito sobre você - estendeu a mão e sorriu simpático, esperando que o outro a apertasse.

  - Oi... Olha, eu preciso ir. Preciso mesmo - pendurou a mochila nas costas e deu passos largos até a porta do refeitório. Ignorou a mão do outro que ansiava pelo aperto.

  - Yoongi, o que foi? - Hoseok segurou o braço do loiro depois de o alcançar, este que nem mesmo encarava seu rosto.

  - To atrasado pra aula de literatura, Hoseok - respondeu rápido. Era péssimo inventando desculpas.

  - Hum. Mesmo?

. - Mesmo - puxou o próprio braço e voltou a andar. Escutou seu nome ser chamado e cessou os passos novamente.

  - Yoongi, bom... Eu queria te avisar que hoje eu vou embora com Taehyung. Ele é meu vizinho e como você mora na direção contrária, pensei que seria menos incômodo.

  - Sem problemas, como quiser - respondeu sem ânimo e seguiu rumo à sua sala enquanto xingava todos os palavrões possíveis já inventados.

  Queria dizer alto que não era um incômodo acompanhar mesmo sendo do outro lado e continuaria não sendo se fosse em outra cidade. Queria falar que não ligava de caminhar mais e também queria dizer que não tinha aula de literatura hoje, que fora só uma desculpa pra sair mais rápido dali. Não estava afim de conhecer alguém novo, muito menos se esse alguém estivesse roubando o que levou tanto tempo pra conquistar. Mas não fez nada disso. Embora, toda a situação causasse um incômodo terrível em seu peito, sabia que Hoseok estava se sentindo melhor e isso bastava.


Notas Finais


Perdoem se tiver algum erro.
Obrigada a todo mundo que está comentando, seja grande ou pequeno, me motiva muito, vocês são demais! ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...