1. Spirit Fanfics >
  2. Don't kiss me, You'll be diabetic >
  3. Amargo

História Don't kiss me, You'll be diabetic - Capítulo 1


Escrita por: e MeggzinhaJeon


Notas do Autor


Oioi gente então essa vai ser a minha primeira vez fazendo uma fanfic então eu resolvi pedir a ajuda da minha amiga Megg pra poder criar ela comigo, espero que vcs gostem :) ~ Jully

Oii Megg aqui, espero que dêem muito amor para nossa fanfic do nosso raio de sol favorito💛 estamos nos esforçando PACAS pra não ter preguiça e seguir com esse "sonho", obrigado à você ser humano maravilhoso que decidiu nos acompanhar :3

Boa leitura!

Capítulo 1 - Amargo


Fanfic / Fanfiction Don't kiss me, You'll be diabetic - Capítulo 1 - Amargo

Coréia do Sul, Daegu, 15:30 PM, 2020

P.O.V ______.


Era setembro, dia 18 no ano de 2011 quando eu recebi a pior notícia que poderia ter, a morte de meus pais, que aconteceu por culpa de um acidente de carro um tanto quanto suspeito, aconteceu tudo muito rápido, e na época eu tinha apenas 15 anos e estava desesperada não sabia o que fazer, e como se não bastasse tudo isso para a minha infelicidade acabei por ir morar com minha única tia que era um verdadeiro monstro, ela sempre me maltratou e vivia dizendo que eu era a culpada pela morte de meus pais. Tive que aguentar todas as suas humilhações e escândalos por cerca 3 longos anos até que resolvi criar coragem e acabar com tudo isso de uma vez, Na faixa etária de meus 18 anos resolvi que iria fugir para ir morar com Kenen, meu melhor amigo, desde criança eramos amigos e ele sempre me apoiou em tudo e me ajudava toda vez que precisava de alguma coisa, assim poderiamos continuar se não fosse pelo o seu desaparecimento que acabou em mais uma tragédia, depois de um tempo desde o seu desaparecimento ele foi encontrado misteriosamente no dia do aniversário de 9 anos da morte dos meus pais... Porem ele também estava morto.


Neste exato momento estou olhando para a paisagem cinza e triste que está fora do ônibus, meu humor não se encontra diferente... Para uma pessoa que perdeu a família e cresceu em meio de varias mágoas receber a notícia que o seu melhor amigo havia sido encontrado e que ele estava morto não estava ajudando em nada para reconstruir o meu psicológico destruído. Mesmo que não tivesse a certeza eu já havia aceitado depois de um tempo que Kenen já estaria morto, eu queria poder ter a esperança de tentar pensar que talvez ele estivesse vivo porem a minha esperança morreu assim q meus pais também se foram...


Eu agora tenho 24 anos e estou seguindo para o apartamento onde Kenen e eu moravamos, preciso das minhas coisas para iniciar a minha mudança para Gwangju, preciso deixar Daegu para trás e tentar recomeçar minha nova vida, aqui é um lugar cheio de magoas e de dores para mim e não quero e nem posso continuar neste local, preciso tentar recomeçar o mais rápido possível.


•°•°•°•°•°•°•°•


Paro em frente ao nosso apartamento, olho desde o chão até a porta de saída de emergência que fica lá em cima, solto um grande suspiro e entro pela porta principal.


- Decidiu afogar as mágoas em bebidas Sr. Jeong? - Sun Shin Ae, síndica do prédio. Por volta dos 45, essa mulher adora ver a desgraça no olho de qualquer um.


Não, decidi que vou me mudar... De vez -  sorrio minimamente.


- Acha que os apartamentos Addison são bons demais para você?


- Acho que não vou precisar pagar o aluguel para uma corrupta, com licença - entro pela porta do apartamento e a tranco deixando a Sr. Sun gritando sozinha.


Olho em volta, cada parte, cada rachadura, cada teia de aranha daquela sala, aquilo me trazia lembranças, sendo boas ou ruins. Estive fora desde que Kenen foi encontrado, fiquei pelas ruas e dormi em alguns hotéis baratos, eu ficaria em qualquer lugar, menos nesse apartamento, eu conseguia ouvir ele aqui... Esse lugar me causa arrepios.


- Bom... Hora de arrumar as malas - sorrio - Ah... suspiro ______ não seja tonta, fingir que esta tudo bem não melhorará a situação - chuto uma bola de meia que rola até embaixo do sofá, me abaixo pra pegar e me surpreendo com o que encontrei - Então você está ai.


Era um porta retrato, uma foto minha e de Kenen, procurei isso por todo o lugar, um sorriso involuntário aparece em meu rosto assim como uma lágrima involuntária aparece no vidro daquele porta retrato.


- Não posso me distrair - limpo minha bochecha - tenho muito o que fazer ainda.


•°•°•°•°•°•°•°•


Malas prontas, apartamento vazio e sem graça, sentirei falta. Tranco a porta e desço até a portaria onde não havia ninguém, deixo as chaves no balcão sem me importar com o que a Sr. Sun diria, apenas saio silenciosamente e desço a rua na espera de um táxi ou um ônibus.


Minha vida deu um "reset" e eu voltei ao nível 1...


Notas Finais


OK ok, se ficou ruim espero que vcs compreendam que é a minha primeira vez fazendo isso, me perdoem se tiver algum errinho tbm, beijos de luz do Hobie pra vcs e ate o próximo capítulo 💜💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...