1. Spirit Fanfics >
  2. Don't you forget about me >
  3. Beijo correspondido

História Don't you forget about me - Capítulo 19


Escrita por: Dani077

Capítulo 19 - Beijo correspondido


Fanfic / Fanfiction Don't you forget about me - Capítulo 19 - Beijo correspondido

Assim que entramos na mansão, Nam e e eu vamos até a cozinha.


— Antes de almoçar, quer me dizer o que está acontecendo? 


— Eu terminei com o Tae.


— Você o quê?!!


— Você ouviu.


— Mas por que, se vocês estava se dando tão bem?


— O Yoongi não chegou ainda?


— Estou aqui! 


O ouço gritar da sala. Eu e minha boca santa. Não quero que Yoongi saiba que terminei com Tae. Sei que ele parece realmente estar mudando, mas ainda não estou totalmente confiante nisso.


— Falo com você depois Nam.


— Por que não pode falar na minha frente?


— Por que eu não quero, Yoongi!


— Eu achei que tínhamos voltado a ser amigos, mas pelo visto me enganei.


— Não é isso...


— Então é o que? Não confia em mim, é isso? Amigos confiam um no outro, e vou usar a frase da série stranger things, "amigos não mentem."


Droga, Yoongi tem resposta pra tudo. Parece que voltei a ser alguém importante pra ele. Com isso preciso contar a verdade pra ele, parte dela ao menos. Não vou dizer que terminei por estar me apaixonando por ele.


— Terminei com o Tae hoje.


— Sério?! Alice, ele deve ter ficado arrasado.


— Ele ficou. Me deu pena dele, fiquei triste. Gostava de estar com Tae, mas percebi que meus sentimentos não vão passar disso em relação á ele. O tenho como amigo, estava atraída por ele, mas a atração acabou.


— Eu sinto muito mesmo.


Yoongi sentindo muito por eu ter terminado com o Taehyung, só pode estar brincando com minha cara.


— Sente mesmo?


— Sim, sei que tinha ciúmes de você com  ele, mas ele parece ser legal. Percebi no dia em que pedi desculpas pra ele. Sei que não parece, mas minhas desculpas foram sinceras.


Notei que Yoongi disse "tinha ciúmes", quer dizer que ele não sente mais? Então ele não está mais atraído por mim, logo agora que voltei a me apaixonar por ele.


— Vou me afastar dele por alguns dias, até ele voltar a se sentir confortável comigo. Apesar de termos a apresentação ainda essa semana, vou me manter afastada dele. Prometemos continuar sendo amigos, já que gostamos de nos conhecer.


— Alice, pode se sentar conosco no intervalo. 


— Obrigada Nam, mas a Joy vai estar comigo provavelmente.


— Ela pode se juntar a nós, não vejo problemas.


— Vou falar com ela.


— Vou me sentar com vocês também.


— O trio está realmente de volta, espero que nunca mais nos separamos.


— Não vamos mais nos separar. — Digo ao Nam. 


Os pais deles chegam do trabalho, então almoçamos todos juntos em silêncio.


(...)


No quarto, estou lendo o mangá que Yoongi me deu, Vampire Knight, quando escuto batidas na porta. A abro e me deparo com Namjoon na minha frente.


— Entra.


Namjoon se senta na beirada da cama, me sento ao lado dele.


— Quer me contar a verdade? Porque terminou com o Taehyung? O que você disse pode ter convencido o Suga, mas não a mim.


— Estou me apaixonado pelo Yoongi.


— Alice...


— Eu sei Nam, não precisa me dizer que é uma burrada minha me apaixonar por ele. No entanto, agora que estou apaixonada por ele, parece que ele nem está mais atraído por mim.


— Sabe que é mentira, isso que acabou de dizer. Se eu não tivesse chegado na sala, vocês teriam se beijado. Vocês dois querem isso, Alice, não só você. Não sei o que Suga sente por você, mas é óbvio que ele ainda está atraído por você.  Percebi que ele está mudando, não duvide dessa mudança. 


— Mas ele disse antes que sentia ciúmes, ou seja, ele não sente mais.


—Ah, então é isso. Alice, não confie em tudo que o Suga diz. Estou feliz por você está apaixonada por ele. 


(...)


Eu ligo para Jihyo, contando tudo pra ela.


— Que situação em amiga. Queria estar aí com você. Ainda não acredito que você terminou com aquele cara lindo. Mas como você mesma diz, não escolhemos por quem se apaixonar. Só espero que se tudo der certo entre você e o Yoongi, que ele cuide de seu coração.


— Também espero por isso miga. A hora que você vir estarei te esperando. 


— Quando você vem pra cá?


— Não sei, estou com o trabalho da faculdade agora. É um pouco complicado. Nem parece que faz um mês que estou aqui. Acho que só mês que vem consigo ir aí.


— Sua família vai ficar chateada.


— Eu sei,mas não posso ir agora.


Encerro a ligação com ela, faço uma chamada de vídeo para os meu pais.


(...)


Na faculdade faço a apresentação do trabalho com o Tae, somos uma das primeiras duplas a apresentar. O professor adorou nosso trabalho. No intervalo, eu e Joy nos sentamos com o Nam.


(...)


A semana passa voando, é sábado de manhã, eu e Nam estamos na cozinha, pra preparar o bolo pra receber a Jihyo.


— Estou morrendo de saudades dela.


— Nem fala Nam. Pena que meus pais não poderam vir, nem eu pude ir até eles. A faculdade está tomando muito meu tempo. Tenho prova essa semana, então quero estudar amanhã. Não estou reclamando, eu amo estudar artes visuais. 


— Eu entendo. Vamos começar a fazer o bolo de chocolate pra ela. 


Nam pega os ingredientes, já que não sei onde estão, no entanto, quando ele vai pegar a farinha de trigo no armário, ele derruba uma parte em cima de si, pois o pacote estava meio aberto. Não consigo parar de rir, com Nam coberto de farinha no rosto.


— Para de rir, pequena Alice.


— Desculpa Nam, você está engraçado, parece um fantasma.


— Pareço? Que tal deixar você parecida também.


— Não, Nam.


Mas Nam não me ouve, ele pega uma porção de farinha com as mãos dentro do pacote, e as joga em mim. Começamos assim nossa guerra de farinha de trigo. Até Yoongi chegar. A cozinha está uma bagunça, cheio de farinha espalhado no chão.


— Que bagunça é essa?


— Estamos fazendo bolo pra Jihyo.


— Pelo visto Alice, não saiu o bolo, ambos estão sujos de farinha.


— Quer um pouco Suga?


— Não irmão, muito obrigado. Só deixa a cozinha limpa, se nosso pai ver, ou a empregada da casa, vão ficar furiosos com vocês.


— Pode deixar que limpamos. — Responde Nam. 


Não consigo me segurar, quando Yoongi se vira pra sair da cozinha, pego a farinha de trigo do pacote com a mão, e jogo na cabeça do Yoongi. O mesmo se vira de frente pra mim, e me olha furioso, os olhos cobertos pela farinha. Nam sai de fininho da cozinha, passando por nós.

O desgraçado me deixou sozinha com o Yoongi.


— Desculpe Yoongi, só estava brincando.


— Te  desculpo se me limpar.


— Está bem.


Yoongi fecha os olhos, enquanto tiro a farinha do rosto dele.


— Pode abaixar a cabeça, pra mim tirar o resto da farinha de seu cabelo.


Ele se abaixa, e passo a sacodir os cabelos de Yoongi. O mesmo abre os olhos e me olha. Nossos olhares se cruzam, e ficam preso por alguns minutos. Yoongi se aproxima de mim, e sem mais delongas me beija. E que beijo! Correspondo o beijo dele, entreabrindo meus lábios para receber a língua dele de encontro com a minha. Ele me segura pela cintura, enquanto meus braços estão em volta de seu pescoço. Yoongi me puxa pra mais perto de si, me deixando alguns centímetros longe do chão. O mesmo explora toda minha boca com seu beijo quente, avassalador. Juro que poderia me entregar pra ele ali mesmo na cozinha, se não fosse o meu bom senso. Yoongi se afasta de mim, e me olha.


— É... Preciso ir... tenho que fazer algumas coisas.


— Espera aí, Min Yoongi!! Você me beija, e acha que vai sair assim?!


— Aconteceu, só isso. Você acabou de terminar com o Taehyung.


— Só isso?! Queria tanto me beijar e me levar pra cama quando cheguei aqui. Agora vai fingir que foi só um beijo?!


— Eu não quero só te levar pra cama! Não foi só um beijo! Droga Alice, estou gostando de você!


Não consigo acreditar no que acabo de ouvir, Yoongi está gostando de mim. Meu amor pode ser correspondido, ou estou me precipitando? Calma Alice, muita calma. Preciso saber se os sentimentos dele por mim são reais, e não só uma forma de tentar me levar pra cama.





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...