1. Spirit Fanfics >
  2. Dorit >
  3. 1x08 - Red like watermelon (Vermelho igual a melancia)

História Dorit - Capítulo 9


Escrita por:


Notas do Autor


Para abrilhantar Sabrina Zeldzaam Van Der Vinne
Boa leitura!
Beijoss*
Macri

Capítulo 9 - 1x08 - Red like watermelon (Vermelho igual a melancia)


Fanfic / Fanfiction Dorit - Capítulo 9 - 1x08 - Red like watermelon (Vermelho igual a melancia)

1.8.1

Acabava de sair do banho, cheirava a melancia seu cabelo. Estava enrolada na toalha, saiu do banheiro e foi direto para o quarto. Fitou a vista lá fora e percebeu algo estranho na piscina da casa.

Estava vermelha. Ela foi até a varanda e seus olhos ficaram arregalados ao ver o que tinha na piscina. Um grito agudo saiu de sua boca, ganhando a atenção do namorado que correu até ela.

― O que foi? ― James soou preocupado e depois viu a piscina. ― Caramba! ― Soou surpreso e puxou Belona para dentro. ― Fica calma ― pediu ao colocá-la sentada na cama.

― Calma? ― Bel soou baixo e começou a chorar. ― Era uma garota.

― Calma Bel ― ele a abraçou.

Não sabia quem tinha feito aquilo e quem era aquela garota. Só queria que a namorada se acalmasse. Ouviu uma batida na porta e ele deixou entrar. Vincent estava com os olhos vermelhos, como se ainda estivesse chorando.

― Você também viu? ― Belona soou com a voz embargada e ele assentiu.

― Era a minha prima ― ele soou baixo surpreendendo Frankie.

― Mangel? ― Arqueou a sobrancelha e o Mattos negou.

― Sabrina, Frankie. ― Contou ainda em choque parado no batente da porta. ― Como isso foi acontecer? Ela nunca se envol

― Bel ― Frankie interrompeu ele ―, melhor você ir. Daqui a pouco a polícia chega e você não está em condições para falar nada.

A morena assentiu, apesar de continuar a estranhar como Vincent chama seu namorado pelo primeiro nome. Levantou ao passar a mão sobre o rosto, pegou sua roupa que estava na cama e andou até o banheiro. Trancou a porta em seguida.

― Não fale sobre isso aqui ― Frankie soou baixo e firme ao Van Der Vinne.

― É minha prima! ― Vincent retrucou.

― Eu sei Vincent. Mas acho melhor você contar ao seu tio primeiro do que a polícia. ― Soou sugestivo.

― Tem razão ― ele suspirou saindo do quarto em seguida.

1.8.2

Havia acabado de acordar, ainda rolava na cama com preguiça. E notou a ausência de uma pessoa ao seu lado. Abriu os olhos percebendo que estava sozinho. Levantou num pulo pegando o celular no criado mudo e avistou um bilhete por baixo do smartphone. Pegou e leu reconhecendo a letra legível que constava.

“Saí e da próxima vez que me doparem vai ter volta.

Com amor,

Mangel”

― Saiu para onde? ― Ben soava pensativo enquanto tentava ligar para ela.

― Aqui é a Mabella, deixe a mensagem após o sinal. ― A voz dela soou na caixa postal.

― Bella onde você está? Me liga.

Ele pediu e desligou a ligação em seguida. Foi até seus contatos achando o nome de Kristan. Apertou o número e logo a chamada foi feita.

― Mas o que foi agora? ― Kristan atendeu sonolento do outro lado da linha, já que foi acordado.

― Minha prima está com você? ― Ben perguntou.

Derran se virou, olhou o quarto e só achou Ryan dormindo numa outra cama.

― Não, por quê? Ela sumiu de novo? ― Perguntou despreocupado.

― Ela deixou um bilhete falando que saiu e não atende o celular. ― Explicou. ― Pensei que vocês estavam juntos.

― Não e é provável de ― Ele parou de falar. ― Eu tenho que conversar com vocês ainda hoje.

― Sobre o quê? ― Van Der Vinne estava curioso.

― Tudo. Me encontra no Amore Café do campus em meia hora? ― Pediu ao se levantar da cama.

― Claro, até lá. ― Desligou e atendeu a chamada de Vincent. ― Ela sumiu e está puta da vida com a gente.

Vincent fungou o nariz vendo o corpo de Sabrina que estava com o cabelo ruivo pintado nas pontas de rosa. Ele se lembrou de Mangel com o cabelo pintado, mas não achou uma ligação entre isso. O corpo estava sendo levado da piscina por oficiais. Já estava a ambulância e o carro de polícia em frente a Ômega Chi. Além disso tudo haviam muitos curiosos e os próprios moradores da casa.

― Cara ― ele soou baixo sem se importar com o que o Benjamin tinha falado ―, mataram a Sabrina.

― O que? ― Ben estava espantado.

― Você tem que vir para cá e com a Mangel. Não sei como vamos falar ao tio Rick isso.

― Ela sumiu e está puta da vida com a gente. ― Ele repetiu. ― Mas como mataram a Sabrina? Ela não é igual a gente. Por que matariam nossa prima? ― Seus olhos foram tomados pelas lágrimas.

― Não sei Joe. ― Vincent soou irritado. ― Só vem logo! ― Mandou e desligou sem querer falar mais nada.

― Não adianta brigar com ele ― Frankie soou firme ao lado do Van Der Vinne.

― E se foi minha culpa? ― Vincent se perguntava confuso. ― Eu mandei o vídeo, talvez os outros

― Para de falar merda ― o interrompeu. ― Ninguém tem culpa de nada.

Continuou firme e foi falar com um policial. Van Der Vinne suspirou e sentiu uma mão sobre seu ombro. Se virou encarando Thomas com um olhar solidário.

― Eu sinto muito pela sua prima ― Lovet soou baixo ao tirar a mão de Vincent.

― Valeu ― respondeu cabisbaixo.

― Mas ontem ela não estava na festa ou estava? ― Soou pensativo.

Vincent ficou pensativo igual a Thomas. Ele se recordava do que tinha acontecido depois da festa.

“Eu e Liz estávamos nos beijando pelo corredor. Até que paramos para buscar o ar e eu abri a porta do meu quarto voltando a selar meus lábios com os dela. Nos separamos assim que fechei a porta e percebi que a loira estava com seus olhos verdes arregalados fitando minha cama. Mirei no colchão e encarei confuso a ruiva que estava com as pontas do cabelo pintada de rosa, de braços cruzados sentada no meu colchão.

― O que você faz aqui? ― Soei firme a Sabrina.

Ela descruzou os braços e se levantou olhando firme com seus olhos verdes a Liz.

― Oi Liz, tchau Liz. ― Acenou para a loira.

Nos deixou confusos. Eu já não esperava algo bom daquela visitinha surpresa de minha prima. Sabrina sempre foi imprevisível, pior que a irmã mais velha.

― Quem vai sair daqui será você ― soei firme, mas não consegui resposta da menor. ― O que você quer Sabrina?

― Ok. ― Ela me mirou. ― Eu descobri o que minha irmã fez em Londres. Mas isso não pode sair daqui, entenderam.

― Não quero saber o que sua irmã aprontou em Londres.

Retruquei, mas fiquei pensativo. O que Mangel pode ter feito para ela se afastar de todos? E principalmente do pai? Ela sempre foi a favorita do tio Rick. Porém desde que voltou, tudo mudou. Ela não suporta falar sobre o pai e meu tio também não gosta de citar a filha.

― Sério, Vincent? ― Sabrina soava sugestiva ao ficar cara a cara comigo. ― E se eu te contasse que minha querida irmã se envolveu com um Darkstorm?

Dei um passo para trás e comecei a rir. Era impossível disso acontecer. Mangel não suporta nenhum Darkstorm. E além disso tudo em Londres não tem Darkstorm.

― Mas eles não são de Londres ― Liz disse pensativa enquanto eu cessava meu riso.

― Mangel nunca se envolveria com um Darkstorm Sabrina. ― Soei firme. ― Dá para sair do meu quarto? E como você entrou aqui?

― Estamos numa festa. É fácil entrar e sair dela sem ser notada Vince.

Ela comentou e me lançou uma piscadela, saindo do quarto em seguida. Suspirei pensativo e Liz ficou na minha frente com sua cara de preocupada.

― Tem alguma chance da Sabrina estar falando a verdade?

― Sinceramente, eu não sei. Sabrina pode ser pior que Mangel quando quer. Não dá para saber a diferença de uma manipulação e de uma verdade. ― Comentei intrigado. ”

― Vincent! ― Thomas soou firme despertando o garoto notando que Benjamin estava ali sem a prima. ― Você não me respondeu ― o mais velho o fitou com uma cara de interrogação. ― Essa sua prima estava na festa?

― Não. Eu não lembro de ter visto Sabrina na festa. ― Ben respondeu por ele. ― E acho que quem faz as perguntas aqui é a polícia ― soou um pouco firme na defensiva.

― Cadê a Mangel? ― Vincent perguntou ignorando qualquer outra coisa.

― Já disse que ela saiu, não atende a droga do celular e está puta da vida com a gente. ― Benjamin explicou. ― E o tio Rick está vindo para cá com a tia Cristina.

Thomas saiu deixando os dois conversando a sós. Parou em frente à casa vendo que Alice estava espantada do lado de Grace.

― Thommy o que aconteceu? ― A de cabelo curto perguntou.

― A prima do Vincent foi encontrada morta na piscina. ― Contou deixando as duas assustadas.

― Isso teria a ver com a mensagem daquele vídeo? ― Grace perguntou baixo.

― Mas Mangel está vivinha da silva ― Alice comentou.

― A outra prima e eu não sei se é por conta daquilo ― Thomas explicou.

― Sabrina? ― Grace questionou e ele assentiu. ― Scarllet precisa saber disso. ― Soou decidida e pegou o celular saindo em seguida.

― Quem é Scarllet? ― Thomas fitou Alice.

― Meia-irmã da Sabrina e da Mangel.

Contou e em seguida sentiu que tinha mais pessoas chegando. Um carro tinha parado e dele saltou Ryan, Kristan, Devon e Scott. Todos querendo alguma resposta do que estava realmente acontecendo.

― O que aconteceu? ― Scott perguntou espantado.

― A prima do Vincent foi encontrada morta na piscina.

Alice contou e Kristan sentiu um aperto no peito.

― Angel? ― Perguntou choroso.

― Não, a irmã dela. Sabrina. ― Thomas explicou fazendo com que o Derran soltasse o ar que estava prendendo. ― Ela nem estava na festa. Como essa garota apareceu simplesmente na piscina?

― Acho que eu sei o que pode ter acontecido ― Ryan soava pensativo ganhando a atenção de todos.

― Aquele vídeo foi um aviso que algo ruim ia acontecer? ― Devon soou sugestivo enquanto Kristan censurava o primo com o olhar.

― O que pode ter acontecido? ― Alice soou um pouco firme fitando o Macrae.

― Mangel brigou com a irmã de novo e cumpriu o que prometeu.

Ryan falou deixando os olhos de todos arregalados. Estavam assustados enquanto Kristan negava com a cabeça.

― Mas você só sabe falar merda mesmo, ein? ― O mais novo retrucou firme. ― Angel não mataria nem uma mosca. E quem ameaçou alguém ali foi a Sabrina e não ao contrário. Sendo que as duas já estão de bem.

Ele despejou as informações e entrou imediatamente na casa, ignorando os outros. Tinha que dá apoio a Van der Vinne e ao Joe, seu melhor amigo.

― Eu ainda aposto na Mangel ― Ryan soava firme. ― É que ele está apaixonado pela assassina, tem que tomar cuidado que pode ser o próximo. ― Zombou e riu em seguida.

Alice negou com a cabeça. Não tinha paciência para os garotos da KT e principalmente para o idiota do presidente deles.

― Ridículo isso. Mangel está com o Keaton Dowich junto com Anabella e Zac Dowich. ― Contou deixando Ryan surpreso.

― E meu primo está sendo chifrado de novo ― ele comentou.

― Dowich. Eles não são os primos famosos? ― Thomas perguntou a gêmea.

― São. Anabella e Mangel tem passe livre para andar com eles por aí junto das priminhas lindas dos dois! ― Grace exclamou.

Em seguida um carro preto parou e dele saltou Mabella junto com Anabella, Keaton e Zac. Passaram por todos, graças a segurança e entraram na casa.

― Isso não vai prestar ― Ryan comentou com um sorrisinho travesso e puxou eles para dentro do local.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...