História Dorminar - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Os Vingadores (The Avengers)
Personagens Anthony "Tony" Stark, Bucky, Feiticeira Escarlate (Wanda Maximoff), Natasha Romanoff, Steve Rogers, Thor
Tags Capitão América, Homem De Ferro, Steve Rogers, Stony, Tony Stark, Vingadores
Visualizações 61
Palavras 1.096
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Droubble, Lemon, LGBT, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi oi amoras. Tudo bom?
Mais um capitulo ai pra vocês.
Sem enrolação, Bos leitura 💕💥
Qualquer erro perdoem-me JARVIS não colabora.

Capítulo 5 - Encontro



Chegando em sua casa, Steve encontra Bucky sentado no sofa olhando o celular.

O loiro possuia um sorriso grande nos labios, logo o moreno de cabelos longos notou. 

-Que sorriso è esse Rogers?

O loiro olha para o amigo e suspira.

-Preciso te contar uma coisa. 

Steve senta ao lado do amigo e o encara.

-Lembra que te falei que conheci alguem? 

-Alquele que voce falou que nao suportava o cara e que ele era um desgraçado? Sim, lembro.

Steve revira os olhos.

-Então...o "cara" chama Stark e...

-Pera que? Voce ta falando do Anthony Stark? O dono das empresas de carros mais fodas do mundo?

Steve arquea a sobrancelha.

-Sim..?

-Ele è foda demais cara. Mas serio, me conta. O que tem o Stark?

-Então...ele me chamou pra sair. Na verdade, eu tratei ele muito mal. Então chamei ele pra sair como pedido de desculpas. 

Bucky estava de boca aberta, nao esperava que Steve Rogers poderia ter um encontro...principalmente com ANTHONY STARK.

-Eu nao acredito. Que foda Steve. Que dia vai ser? 

-Amanha de noite.

-Vou te deixar lindo para o Sr. Stark.

Ele sorri e Steve retribui o sorriso.

-Mas não agora. Vamos jantar.

Os dois se levantam e vao para a cozinha preparar algo para comer.

Bucky nao queria destruir a felicidade do amigo, mas ele era apaixonado pelo Stark a muito tempo. Os dois haviam estudado juntos, mas Bucky nunca teve coragem de dizer que gostava de Tony. Ja haviamse beijado uma vez,quando o Stark havia ido fazer trabalho com o outro. A iniciativa tinha partido do Stark, Bucky ainda se recordava do beijo.Foi um beijo lento,as linguas brigavam por espaço, as maos de tony estavam bo pescoço de Bucky o puxando para mais proximo, as maos de Bucky em sua cintura. Nao sabiam quando nem como mas estavam deitados com Tony em seu colo,  maldita hora para tocar o celular os trazendo de volta para a realidade.

Bucky queria aquele baixinho para ele. Queria os labios do moreno nos seus novamente. Maa Steve nao poderia saber...NUNCA!



Tony estava em sua casa, pensava em como seria o encontro com o loiro que tanto desejava. Esse era o moento exato para mostrar que Tony nao era aquele monstro que Steve imaginava.

E ele provaria que era diferente!


A terça passou rapido, o sol brilhava mas o vento gelado ainda estava ali,impedindo as pessoas de vestirem roupas curtas. 

A noite caiu, o momento do encontro havia chego. 

Stark usava um blazer preto e um sapato de couro escuro. Pegou sua Porsche perta e seguiu para o caminho que Steve havia mandado no seu celular. 

Ao chegar o loiro ja o aguardava na entrada do predio. Ficou de boca aberto com o carro que o moreno tinha.

Entrou e o encarou.

-Boa noite Sr. Rogers.

-Boa noite Sr. Stark.

O moreno logo acelerou cantando pneu. Ele estava maravilhado, amava carros. E aquele era magnifico.

Depois que olhou todos os detslhes do carro, seu olhar caiu sobre o moreno que dirigia concentrado. 

-Então...para onde vamos? 

Steve pergunta sem graça. 

-Surpresa.

O loiro volta o olhar para o chão da rua. 

Steve ja nao estava mais reconhecendo esse lado da cidade. O moreno ja havia pego a estrada.

-Tony? Onde estamos indo?

O moreno suspira e diz.

-Vou te levar para um restaurante numa cidade vizinha...mas se você quiser, podemos voltar e...

-Não, relaxa. 

O silencio premaneceu ali.

Logo chegaram ao local, Rogers ficou impressionado com o lugar. Era muito chique, nao conseguiria pagar um prato se quer. A menos que trabalhasse por pelo menos um ano. Seus olhos passavam por todo o local.

-Gostou?

Stark perguntou sorrindo, ele estava claramente apaixonado pelo loiro. 

-Eu amei mas...

O Stark o olhou e pegou em sua mao.

-Hoje esta tudo por minha conta. Não precisa se preocupar. 

Eles se olham e sorriem, logo um homem de terno vem ate eles.

-Boa noite senhores. Ola senhor Stark.

-Boa noite Loki. Tenho uma reserva.

-Ah sim. Vou encaminha-los ate a mesa, sigam-me.

Disse o homem os guiando ate uma mesa mais arrastada das outras.

-Obrigada Loki.

-Precisando é so chamar Sr.Stark.

O homem se afasta e Stark pega o cardápio. Uma moça de cabelos louros se aproxima.

-Posso anotar os pedido?

-Claro. Eu quero um Vinho carmin de peumo, e um "saumon grillé garni de mix de salad".

Naquele cardápio so tinha coisas que Steve nunca havia comido na vida. Então pegou o mais barato que encontrou.

-Para mim pode ser um....an, caesar salad au poulet.

A moça anota os pedido e se retira.

-Vai comer so isso? 

-Sim!

Steve sorri.

-Então... não tivemos oportunidade de nos conhecer muito bem ne?

-Sim.

-Então me conte sobre você. 

-Me chamo Steve Rogers, trabalho como dançarino no club nos finais de semana e nos dias de semana trabalho no Starbucks. Tenho 24 anos, moro num predio no Brooklin com meu melhor amigo. Acho que é isso.

-Oky...Minha vez! Sou Anthony Stark, sou dono da empresa Stark e dono das maiores empresas de Nova York. Moro na Torre Stark sozinho. Na verdade apenas com minha inteligência artificial.

-Inteligencia Artificial?

-Yeah! Eu mesmo quem fez. 

-Que legal cara.

Por enquanto estava tudo indo muito bem. O papo estava fluindo, o que deixava os dois bastante aliviados. 

Os pratos chegaram, estavam maravilhosos. Steve ficou ate com dó de comer de tao bonito que estava.

Depois que terminaram de comer, o moreno ja haviado pagado a conta. 

Ja haviam pedido o carro. Stark pegou na mao de Steve que olhou para as mãos e sorriu para o moreno.

Na volta para casa, eles estavam animados. Cantavam, gritavam, e se mexiam como podiam dentro do carro. Logo chegaram a casa do loiro.

O moreno estacionou o carro na frente do predio e olhou para o homem ao seu lado.

A rua estava deserta, so as luzes dos postes iluminavam a mesma.

-Stark...obrigada pela noite. Estava tudo maravilhoso. E me desculpa mais uma vez por ter sido tão grosso com voce.

-Nao precisa agradecer Steve. E nao se preocupe com o que aconteceu no passado. Vamos deixar para tras, Oky?

Steve sorri.

-Isso.

Eles ficam se encarando e Rogers desvia o olhar para a boca de Tony. Os labios rosados e convidativos de Stark fazia a boca de Steve salivar.

O loiro foi se aproximando de Tony que fez o mesmo.

Quando sentiu os labios do moreno tocando os seus. Era apenas um selinho, quer dizer, seria se o moreno nao tivesse pedido passagem colocando a lingua nos labios do loiro. Steve cedeu sem pensar duas vezes. 

As maos do loiro foi para o rosto de Tony que tinha os braços em volta do pescoco do loiro. 

As linguas dançavam, os labios se encaixavam perfeitamente. Rogers sentia borbolhetas em seu estomago como se fosse seu primeiro beijo. 

Terminaram o beijo com um selinho, mas permaneceram com os olhos fechados e com as testas encostadas.

-Steve.

-Oi.

-Me da uma chance.

O moreno sussurrou como se fosse um segredo. Steve sorri.





Notas Finais


Nao me matem, sou uma inocente autora que quer deixar seus leitores ansiosos. *Hehe*

O que sera que Rogers vai responder?
E o Bucky falando que gosta do Tony. Aiai.
É isso, por hoje é só.
Nos vemos nos comentarios.
Bay bay.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...