História Dragon Ball High school - Capítulo 17


Escrita por: e Arielo

Postado
Categorias Dragon Ball
Personagens Bardock, Bulma, Chichi, Gine, Gohan, Goku, Personagens Originais, Vegeta
Tags Bardock, Bra, Bulma, Chichi, Gine, Goku, Pan, Trunks, Universo Alternativo, Vegeta
Visualizações 132
Palavras 1.602
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Esporte, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


boa leitura a todos

Capítulo 17 - Rendição


Fanfic / Fanfiction Dragon Ball High school - Capítulo 17 - Rendição

As aulas já haviam acabado e raditz foi até o dormitório  de tights buscar a carta.

-oi – tights fala atendendo a porta – quer entrar?

-acho melhor não – raditz fala com asa mãos no bolso – eu tenho muita matéria para colocar em dia, e tá sendo bem puxado – ele conclui para espanto de tights

-bom se você tem certeza. Ela então deixa a porta aberta e vai até a sua gaveta pegando um envelope branco e o entregando – desculpa eu não resisti e abri estava ansiosa

-tudo bem, você seria a única pessoa que eu tinha interesse em compartilhar mesmo – raditz fala carinhosamente deixando tights desconcertada.

-tem certeza que não quer entrar? – ela insiste

-Tights eu ... não sei se devo... eu ainda não te superei então... – raditz fala deixando tights ainda mais desconcertada

-tudo bem então – ela fala com um sorriso

-obrigada de novo eu já vou indo – raditz ia sair quando tights o beija novamente

Ele retribui o beijo, ela agora abraça o pescoço dele e ele a puxa mais pra próximo dele colando os corpos o beijo se torna mais intenso, mais profundo. As mãos dela descem pelas costas dele apertando eles vão entrando para o quarto e ela tira o blazer do uniforme dele e começa a frouxar a gravata e os dedos vão abrindo muito rapidamente os botões. Ele abre o zíper do vestido dela que cai em seus pés o coração de ambos batiam descompensado eles não estavam pensando estavam se entregando no sentimento que ambos tinham eles fecha a porta com o pé os beijos só diminuíam para buscar o ar, ela sente as pernas encostar na cama deixando seu corpo cair sobre a mesma sendo seguida pelo corpo de raditz. Ele esta com o corpo totalmente sobre o dela e no meio de suas pernas. O beijo se separa e a boca dele agora começa a percorrer uma trilha de beijos e chupões no pescoço de tights que aperta forte suas costas gemendo fracamente com a respiração acelerada pelo contato. Ele sobe as mãos lentamente da cintura dela até seus seios os apertando demoradamente a boca desce até eles os mordendo e sugando então a boca continua descendo até a barriga ...mais baixo chega ao ventre. Tights suspirava e gemia sofredoramente, raditz tira assim sua calcinha abocanhando sua intimidade ele dá um gritinho para logo depois gemer. A língua dança eroticamente sobre seu clitóris a fazendo ser tomada por uma violenta onda de calor, sua intimidade pulsava intensamente seu corpo era tomando por uma onda de sensações prazerosas, raditz introduz dois dedos em sua vagina enquanto acelerava os movimentos de sua língua movimentando os dedos dentro dela, e não demora mais ela goza gemendo o nome dele que fica mais excitado do que nunca com isso. Como ele sentia falta. Ela não era uma droga mais sem dúvida seu corpo sofria a abstinência do dela. não aguentando mais tights pede para raditz a penetra-la. Ele tira a calça e a boxer posicionando-se na porta e entrando nela. Uma onda de prazer percorreu o corpo de raditz naquela hora. Nada era como estar dentro dela, nenhum prazer era igual aquele. ele começa a movimentar-se aumentando rapidamente o ritmo e intensidade ele esta desejoso daquele corpo a muito tempo. Os gemidos de ambos ecoavam pelo quarto. ele metia cada vez mais forte e mais fundo nela que gemia cada vez mais alto em seu ouvido o deixando cada vez com mais vontade de ir fundo. então ele sente o gozo dela chegando com o corpo ficando mais mole e respiração mais intensa e a temperatura do corpo dela aumentando. Ele intensifica as investidas a fim de gozar com ela. E logo os dois estão se derramando um no outro, os beijos voltam ate ficarem sem ar encostando as cabeças um no outro. Finalmente depois de um curto tempo ele sai de dentro dela. deitando-se do lado dela.

Ela deita sobre o peito dele que passa a correr os dedos suavemente pelos cabelos loiros. Eles ficam assim por um tempo até que Bulma entra de uma vez no quarto pela porta destrancada apenas foi encostada. Fazendo tights dá um pulo puxando os lençóis cobrindo o casal. Bulma cora violentamente pelo fragrante ao casal. Ela corre saindo pela porta

-seus indecentes – Bulma fala do outro lado da porta entre risos.

Raditz e tights se levantam e se vestem rapidamente. Tights dá um beijo em raditz que agora estava mais confuso do que nunca.

Tights não fala nada apenas abre a porta e raditz sai vendo Bulma o encarar. Ela cora novamente então Bulma entra fechando a porta. Raditz apenas balança a cabeça e vai para o seu quarto. tinha realmente muito trabalho. Já que vários professores aceitaram os trabalhos atrasados de raditz.

Ele pega um energético para ajuda-lo a se concentrar um pouco já que tinha

Quando Trunks voltou para o seu dormitório, encontrou Bra pensativa sentada na cama dele, então se aproximou dela a surpreendendo. 

- Está muito tempo aqui me esperando? - Pediu curioso se sentando do lado de Bra e a abraçando. 

- Mais o menos uma meia hora... 

- O que houve você está tensa? - Perguntou preocupado o arroxeado. 

- Eu e Goten terminamos, ele conheceu uma garota e se apaixonou... 

- Então só tem agora eu e você? 

- Sim - Murmurou Bra encarando seu ficante. 

- Bra, aceita namorar comigo? Quero assumir você publicamente 
como minha namorada.... aceita? - Questionou apreensivo. 

- Claro que aceito seu bobo! - Sorriu antes de puxar Trunks para um beijo quente e sôfrego. 

- Eu te amo Bra! - Confessou Trunks antes deitar a garota na cama e começar a despí-la. 

- Eu também meu lindo.... 

Enquanto, Trunks e Bra se acertava e se divertiam no dormitório, Goten e Marron conversavam abraçado a beira do lago. 

- Então, você terminou com Bra? 

- Sim, meu amor, agora sou somente seu - Sussurrou no ouvido da garota que sorriu. 

- Você me deixa imensamente feliz meu amor! Já posso contar aos meus primos que 
estamos namorado. 

- Quem são seus primos? - Pediu curioso. 

- 18 e 17 conhece eles? 

- Sim, eles tem uma fama um tanto medonha, nem dá de acreditar que você são parentes. 

- Seu bobinho, eles são legais, um dia desses apresento vocês! - Sussurrou antes de puxar Goten para 
um beijo carinhoso. 

- Vou adorar. Que tal irmos para um local mais privado? 

- Uhuummm seu danado! Que tal nas salas abandonadas do Bloco D? 

- Perfeito! Vamos - Gesticulou o rapaz antes de se levantar, pegando na mão da moça 
e a conduzido para o local tanto desejado

 

 Já era por volta das 22 hrs quando chichi resolve sair para tomar um ar. Havia terminado uma onda de exercícios e estava com a cabeça quente. Havia tido sua primeira discussão com kyabe por conta da rotina dele que estava cada vez tomando mais tempo do garoto.

Chateada Chichi sentou-se no degrau do prédio onde estava anteirormente e suspira, quando de repente sente uma mão em seu ombro, que lhe causa um arrepio estranho, a fazendo olhar para trás e ver quem era a pessoa que tinha lhe tocado, ficando surpresa ao ver quem era. 

- O que houve? - Pediu Goku encarando a moça. 

- Briguei com o meu namorado, ele já não me dá mais atenção como antes, me sinto colocada de lado - Desabafou a morena. 

- Posso te fazer se sentir melhor se quiser - Sussurrou Goku com um olhar lascivo. 

- Eu não sei se seria certo fazer isso com Kyabe, agora que estamos sérios - Levantou-se Chichi caminhando em direção ao prédio que ficava seu dormitório. Ficar perto de Goku despertava algo incontrolável nela e sabia onde acabaria aquela onda de calor, então foi seguida por Goku de perto.

- Vamos Chichi! Só uma rapidinha não vai fazer mal, ninguém precisa saber disso. -implora o garoto que se sentia cada vez mais desejoso dela

- Você só pensa em sexo Goku! Quando vai crescer? - Repreendeu a morena. 

- Talvez você esteja certa, será que podemos ter uma papo sério sobre isso? -Goku fala em um ato desesperado

- Não sei Goku, nossos papos sempre terminam na cama... 

- Tá legal, você quer compromisso sério então? Deixe esse panaca que você chama de namorado, que assumo um relacionamento sério contigo - Declarou Goku decidido. 

- Vou pensar no seu caso, eu não posso simplesmente o largar, você não me deu segurança nenhuma quem me garante que eu termine com ele e você só me use na cama novamente?- Disse Chichi quase entrando no prédio dos dormitórios, só que foi impedida pela mão do rapaz que a segurou pelo braço. 

- Pense nisso então - Murmurou Goku antes puxar Chichi contra o seu corpo e a beijar de forma intensa, a deixando molinha. 

Nesse mesmo instante, no ginásio, Kuririn terminava de se arrumar no vestiário masculino, quando de repente ouviu um choro desesperado e soluços, incomodado com aquilo resolveu ver quem era, e se precisava de ajuda. 
Caminhou pelo corredor e constatou que o som vinha do vestuário feminino, em passos lentos foi até lá e constatou que a porta estava fechada, receoso, bateu na porta. 

- Tem alguém aí? Precisa de ajuda? - Pediu o rapaz. 

Videl que chorava desesperada parou o choro e levantou-se com dificuldade, por conta da dor horrível que estava sentindo em sua parte íntima e atendeu a porta e olhou triste para o jovem, que notou que ela não estava bem, que algo tinha acontecido, tinha sangue em suas vestes. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...