História Dragon Ball High school - Capítulo 21


Escrita por: e Arielo

Postado
Categorias Dragon Ball
Personagens Bardock, Bulma, Chichi, Gine, Gohan, Goku, Personagens Originais, Vegeta
Tags Bardock, Bra, Bulma, Chichi, Gine, Goku, Pan, Trunks, Universo Alternativo, Vegeta
Visualizações 130
Palavras 1.695
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Esporte, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


boa leitura a todos

Capítulo 21 - Planos e segredos


Fanfic / Fanfiction Dragon Ball High school - Capítulo 21 - Planos e segredos

No dia seguinte Bulma e tights foram liberadas para visitar os pais, uma vez que tights iria conversar com os mesmo sobre seu atual estado. A família Briefs eram muito unidos entre si. E apesar de conflituosa a notícia, o pai e a mãe de tights ficam muito felizes. Começando a decidir detalhes como fariam já que tights e raditz decidiram se casar. O que fariam provavelmente após o nascimento do bebe, mas a mãe de tights já se animou com a organização da festa.

No dia seguinte na escola, Ribrianne já tinha montando uma vingança perfeita contra 18, que garantiria a separação de Gohan daquela loira azeda. A aula de educação física transcorreu maravilhosamente bem no ginásio, no final desse, Ribrianne se aproximou de Gohan, aproveitando que 18 não estava lá no momento. 

- Oi Gohan! - Falou timidamente a morena. 

- Olá Ribrianne! O que posso fazer por você? - Pediu atencioso, ao mesmo tempo que secava o suor do rosto numa toalha que tinha em mãos. 

- Gostaria de lhe pedir uma coisa, tipo... estou tendo problemas com o conteúdo de matemática do segundo ano, será que você poderia me dar uma explicada na matéria hoje a noite? 

- Mas claro que posso! Não vai se problema nenhum! - Sorriu Gohan inocentemente, não sabendo o que iria acontecer com ele. 

- Então oito em ponto na sala abandonada do zelador do bloco E - Avisou a morena empolgada. 

- Certo! Então até lá... - Despediu-se o moreno indo para o vestiário masculino. 

Nesse mesmo instante, Bra e Trunks caminhavam de mãos dadas pelo corredor que levava até a lagoa, quando de repente uma morena toda sorridente vem em direção deles, e abraça o arroxeado beijando o seu rosto, fazendo a azulada fechar a cara de imediato. 

- Trunks! Quanto tempo? Não sabia que você estava estudando aqui! Vim transferida ontem, vou cursar o meu último ano aqui - Mai falou contente, ignorando Bra, que estava bem do lado do rapaz. 

- A que bom Mai! - Replicou Trunks notando Bra ficar vermelha de raiva já. 

- Que tal revivermos os velhos tempos mais tarde? - Falou com a voz carregada de malícia a morena, deixando Trunks sem jeito. 

- Não posso Mai, eu estou namorado a Bra agora - Gesticulou o arroxeado mostrando a azulada que abraçou de forma possessiva o namorado. 

- Sério é? Uhuumm. Prazer sou a Mai, a ex do Trunks - Cumprimentou falsamente a morena. 

- Ele nunca me falou de você, me chamo Bra, atual namorada - Sussurrou perigosamente estreitando os olhos. 

- Preciso ir agora, nos vemos por aí! - Despediu-se Mai deixando o casal sozinho. 

- Essa sua ex é uma abusada, não gostei dela - Reclamou a garota chateada. 

- Relaxa meu amor, eu só tenho olhos para você! - Sussurrou Trunks puxando Bra para um beijo longo e avassalador. 

O dia passou rapidamente na escola, a noite finalmente se fez presente, e Ribrianne já aguardava sua vítima no local combinado, ela já tinha até batizado o suco de laranja com o tranquilizante, só aguardava para dar o bote. 
Não demorou muito para Gohan aparecer na sala e adentrar rapidamente, ele estava empolgado, pois gostava de ajudar as pessoas. 

- Ah como você é pontual! Gosto disso - Elogiou a morena. 

- Pois é, eu gosto de chegar no horário combinado. Qual é sua dúvida? 

- Eu gostaria que revisássemos Trigonometria - Falou pensativa. 

- Ótimo! Minha matéria preferida, me alcança seus cadernos - Gesticulou enquanto sentava em uma mesa de tamanho médio. 

- Prontinho! - Sussurrou a garota abrindo o caderno e entregando ao moreno, para logo se sentar ao lado dele. 

- Então... vamos começar por esse exercício mais simples - Apontou sério. 

Após meia hora de explicação, Ribrianne já estava ficando ansiosa para que aquela aula terminasse logo, então resolve colocar o seu plano em ação, se levantando e pegando a garrafinha térmica com a mistura. 

- Aceita um pouco de suco de laranja - Gesticulou a garota. 

- Sim, adoraria, vou querer um pouco - Anuiu Gohan. 

Ribrianne sorriu maligna e encheu dois copos descartáveis com o liquido e deu para seu alvo, que aceitou sem desconfiar de nada e o bebeu de uma vez só, deixando a garota feliz. 

- Que suco bom! 

- É feito de laranja natural - Confessou sentando-se novamente ao lado do rapaz. 

Mais meia hora se passou e Gohan começava a sentir um sono esquisito, seus olhos pesavam, já não conseguia se manter acordado, até que desmaiou em cima dos cadernos, deixando Ribrianne feliz da vida. 

A garota não perde tempo e o coloca sobre a cama o despindo por completo e aproveitando o corpo dele. Depois se despiu e deitou-se junto dele e aproveito o celular do garoto para tirar algumas fotos intimas do casal.

Chichi estava vendo goku sentando na arquibancada ao longe. Ele parecia pensativo...distante. então se aproxima dele tocando em seu ombro. Ele a olha e segura as mãos dela no seu ombro.

-está tão triste, nunca te vi assim antes – chichi fala carinhosamente

-Vai passar... O que está fazendo aqui? seu namoradinho tá ocupado demais de novo?- goku fala mantendo o semblante triste junto com a voz

-Não. Na verdade eu deixei ele essa noite pra te ver. Estava preocupa com você depois do que houve com seu irmão.- chichi fala olhando goku nos olhos

Ele então a puxa fazendo com sentasse em seu colo uma perna de cada lado colando os dois corpos. E a beijando intensamente sem falar mais nada. chichi se rende aos carinhos de goku. Naquele momento ela só queria estar com ele.
 

Gine agora iria aproveitar o fato de raditz está afastado por um período para ficar com bardock. Já era mais de 10h da noite quando bardock entrou no ginásio de ginastica.

-vai me deixar esperando a noite toda sozinho? – briga bardock ao ver Gine treinando ainda sozinha

-nossa não sabia que era tão exigente assim – Gine fala com um sorriso antes de finalizar uma saída na trave.

-Sou possessivo amor. Você já fica tão pouco comigo. To fincando louco de saudade do seu corpo- bardock fala agarrando Gine e mordendo seu pescoço

-tá bom você ganhou – fala a  garota sentindo o corpo todo arrepiado – vou tomar um banho e já vou para o quarto

-eu vou banhar com você hein – bardock sussurra no ouvido de Gine

-acho que vou apreciar a companhia – Gine fala maliciosamente

Então eles saem dali e Gine passa no seu dormitório para pegar suas coisas e segue para o banheiro junto com bardock

 

Já pela manhã Gohan acordou com a cabeça doendo muito e ouvindo o seu celular tocar. Ele mal conseguia abrir os olhos atendeu a ligação

--onde você tá? – 18 pergunta irritada

-como assim, to no meu quarto! – Gohan responde confuso tentando se situar

-não Gohan, não está. Eu estou aqui agora. Eu passei a droga da noite toda te ligando. – 18 fala aos gritos

-minha cabeça tá doendo amor fala um pouco mais baixo – Gohan gemeu

Então Gohan se levanta da cama e ve Sanka nua na cama e ele tambem

-Caralho! -Ele fala chocado pelo susto quase caindo ao telefone

- o que foi Gohan...onde você tá! – 18 esbraveja

-depois te ligo – Gohan fala desligando a chamada

 

-o que? Ele desligou na minha cara! Quem ele pensa que é?

A loira acorda o irmão na hora

-que foi? – 17 pergunta sonolento

-rastreia o celular do Gohan agora, quero o local exato que ele esta

Então 17 puxa o notebook e começa a trabalhar e de forma rápida ele localiza.

-pronto bloco e complexo 12-A sala 20 pela planta da escola agora eu vou dormir sai daqui – 17 fala puxando a coberta de novo para si

18 então marcha com raiva até o lugar, estava possessa espumando pela boca, rapidamente entra no tal prédio onde estava o namorado, entrando de supetão no dormitório, flagrando seu namorado seminu se vestindo e Sanka ao seu lado adormecido totalmente nua. Uma fúria assassina tomou conta da loira que pula em Gohan, o socando. 

- Seu desgraçado! Como ousa me enganar, como essa vadiaaaaa - Esbravejou tentando se soltar das mãos de Gohan, que a seguravam, enquanto Sanka acorda meio zonza e se encolhe na cama puxando o lençol para cobrir seu corpo que estava totalmente exposto. 

- Pare 18, deixe eu me explicar - Suplicou o moreno hiper preocupado. 

- Isso não tem explicação seu cretino! Me solte! Eu te odeio - Esbravejou a loira conseguindo se soltar e pulando em Sanka, dando uns tabefes nela. 

- Por favor, amor! Pare! - Tentou Gohan segurar a namorada que estava possessa. 

- Vou parar quando acabar com a raça de vocês! - Vociferou se soltando e caminhando para fora do quarto, sendo seguida por Gohan que estava desesperado. 

- Eu não me lembro de nada do que aconteceu! Até parece que me drogaram, estou morrendo de dor de cabeça - Revelou passando a mão nas têmporas. 

Nesse momento, 18 suspira tentando controlar a onda de pensamentos que invadem sua mente, tentando achar uma explicação para aquilo e do nada como se estivesse inspirada por algo sobrenatural, se dá conta que o namorado tinha sido enredado numa armadilha. Tentando se acalmar, virou-se para ele. 

- Quero que me diga onde você teve o dia inteiro, quero todo o seu itinerário, preciso analisar o que está faltando nessa história - Ordenou furiosa, com os olhos pegando fogo. 

- Certo.... eu te direi - Sussurrou triste. 

- Me acompanhe até o meu quarto agora! - Gesticulou caminhando rapidamente até seu bloco, sendo seguida pelo moreno. 

Nesse mesmo instante, em outro bloco, exatamente num banheiro desativado, Caulifla e Marron se beijavam agarradas num dos cubículos sanitários. A loira estava arfante, ao sentir seu vestido ser levantando até a cintura, enquanto a morena puxava sua calcinha para baixo, expondo sua intimidade. 

- Como estou com saudades de chupar você! - Sussurrou Caulifla acariciando a parte intima da loira. 

- Humm e eu estou com saudades dessa boquinha me fazendo gozar - Murmurou desejosa a loira. 

Ao ouvir aquilo Caulifla deu um sorriso de canto. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...