1. Spirit Fanfics >
  2. Dragon Ball Z Super Legends >
  3. O Passado dos Saiyajins

História Dragon Ball Z Super Legends - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


Não sou profissional faço isso por diversão!!!

°•<《Tenha Uma Boa Leitura》>•°

Capítulo 5 - O Passado dos Saiyajins


Fanfic / Fanfiction Dragon Ball Z Super Legends - Capítulo 5 - O Passado dos Saiyajins

Ao longe, Príncipe Vegeta viu seus companheiros irem enquanto seu pai, Rei Vegeta, estava prestes a deixar seu quarto quando foi barrado pelo príncipe que disse:

"Papai."

"O que foi?"

"Precisamos conversar sobre Carrot."

Em resposta, Rei Vegeta cruzou os braços e fechou seus olhos por um curto período de tempo e quando voltou a abri-los ele se direcionou seu olhar ao seu filho dizendo:

"Meu filho, já é chegada a hora de você saber sobre a história da família da Guarda Real e a história de nossa gloriosa raça!!"

Uma gota de suor escorreu pela cabeça do príncipe sentindo a fria forma que seu pai havia lhe respondido. Ambos sentaram na cama e Rei Vegeta começou a explicar sobre as origens dos saiyajins.

A muito tempo, antes mesmo da Grande Guerra entre os Saiyajins e Tsufurujins e até mesmo da chegada ao Planeta Planta, no verdadeiro planeta natal de todos os saiyajins, o Planeta Sadala, havia diferentes tipos de classes dentro da moderna e avançada sociedade saiyan. Em sua maioria a classe de guerreiros, era e é até hoje uma das 6 classes mais ambulantes de toda a espécie.

As seis classes: Serviçal, Guerreiro, Cientista, Sangue Real, Guardião e Lendário são aquelas que definem um usuário dentro de sua sociedade saiyan.

Os membros da classe serviçal era aqueles que tinham um baixo nível de luta, mas compensaram com uma maior resistência e forma bruta no quesito carregamento e outros trabalhos mais braçais, os da classe guerreira tinham o objetivo de lutar proteger sua raça, os da classe científica eram os responsáveis pelo desenvolvimento da raça tecnologicamente, os membros de sangue real fazia parte diretamente da família real ou imperial da raça e geralmente são mais forte e mais inteligentes do que as duas classes anteriores e eram os responsáveis por governar toda a espécie, os guardiões tinham como objetivo proteger a família de sangue real e o planeta de qualquer ameaça e os lendários era aqueles que tinham um alto nível de poder de luta superando qualquer classe anteriormente dita além de ter um tempo de vida dez vezes a maior do que normal, no entanto, a cada quatro milhão de anos um membros de uma das 6 classes pode nascer como um lendário ou seja poderia nascer um lendário cientista extremamente inteligente ou um serviçal lendário que teria uma força verdadeiramente colossal ao ponto de poder fazer parte da classe guerreira.

Também havia uma classe que não era diretamente categorizada. Essa classe se chama Lendário Berserker, um guerreiro tão forte quanto um lendário das classes guerreira ou guardião. Ao contrário do "Lendário Normal", esses eram aqueles que só surgiam para aniquilar a raça de seu próprio sangue assim que elas tomassem um nível tecnológico alto. Isso ocorreu com os saiyajins do passado, mas graças aos esforços do último Rei do Planeta Sadala, Yamoshi, que enviou em uma nave de transporte com diversas crianças e jovens de famílias que compunham cada classe para o infindável espaço vazio.

Entre essas famílias que foram enviadas, havia o último guardião e o último de sangue real. Descendente direto do Lendário Guardião Maligno, Kamba; e descendente direto do último Rei do Planeta Sadala, Yamoshi.

Após dez longos anos vagando sem rumo pelo espaço, a nave começou a dar diversos defeitos graças a falta de manutenção e experiência que os jovens saiyajins não tinham.

Quando caíram no Planeta Planta, eles rapidamente foram bem recebidos pelos habitantes locais, os Tsufurujins, mas estava claro que uma boa relação não duraria muito tempo.

Quase cinquenta anos após a chegada ao novo planeta que eles viriam a chamar de lar, os saiyajins já haviam se dividido em diversas tribos ao arredores do planeta e a histórias de seu planeta natal foram se perdendo com o decorrer do tempo, contudo, havia apenas uma única tribo que mantinha sua verdadeiras origens viva e essa era a tribo do descendente direto de Yamoshi, o primeiro de quatro gerações de grandes reis que viriam, Vegeta 1°, como viria a ser conhecido passou suas experiências e conhecimentos para seu filho Vegeta 2° e que eventualmente fazeria o mesmo com seu sucessor sempre lembrando-os do fim eminente que eles teriam e que medidas se não fossem tomadas de antemão, o pesadelo que seus ancestrais tiveram iria retornar.

Com a morte do primeiro Vegeta, Vegeta 2°, assumiu o trono de seu pai e liderou sua pequena tribo com mão de ferro no que viria a ser tornar a maior batalha dos remanescentes saiyajins. Muitos achavam que Vegeta 3° foi aquele que orquestrou o início da Grande Guerra, no entanto, a verdadeira verdade era aquela que somente ele sabia. Bem antes do nascimento do terceiro Vegeta, Vegeta 2°, foi aos poucos reunindo sua raça pelas sombras através de seu poder e inteligência para aquele que seria o maior massacre do Ano 549.

"Entendi, então você não foi o responsável por orquestrar toda a libertação de nossa raça nas mãos dos Tsufurujins e sim o vovô.  Você apenas orquestrou aquilo que faltava e finalmente liderou na linha de frente na Grande Guerra. Tá, mas o que eu realmente quero saber é onde a família de Carrot se encaixa nesta história!!"

"Vegeta, meu filho. Você sabe o porque os membros da Guarda Real são todos familiares de Carrot?"

"Hã?"

"Carrot e sua família fazem parte da classe guardião. E eles são os únicos que são dessa classe, eles são tão poucos quanto a classe de cientistas!"

"Hmm… poderia me explicar novamente sobre a tal classe de guardiões?"

"Preste bem atenção, Vegeta! Qualquer membro que for da classe guardião é diretamente responsável por proteger a família real saiyajins. Zorn, Tablas, Carrot todos eles são da mesma classe. Uma característica única deles é seu tamanho anormalmente alto se comparado aos outros, no entanto, com a recente luta que vocês estiveram além dos relatórios antigos… eu começo a suspeitar que Carrot possa ser um lendário guardião maligno, assim como seu ancestral Kamba."

"Huh? E porque você acha isso?"

"Foi dito uma por Vegeta 1°, que Kamba emana uma aura diferente que os saiyajins normalmente não emanavam. E pelo que eu vi, a aura que Carrot emanou certamente era diferente de qualquer uma que já vi! Além disso, qualquer membro que seja que tenha a classe lendária correndo pelo sangue tem altura, força, resistência e personalidade diferentes das quais poderíamos considerar normais na classe em questão."

"Hmm… uma vez eu escutei você conversar com Tablas sobre um tal de Broly. Diga pai, o que te fez ficar com aquela cara de tanto medo?"

Em resposta a pergunta feita pelo seu filho, Rei Vegeta levanta da cama indo até a janela enquanto respondia:

"Broly é um membro da classe guerreira de alto nível, além de possuir poderes realmente altos ele costuma perder facilmente a cabeça assim como Carrot, contudo…"

Ele virou em direção ao seu filho.

"Enquanto Carrot pode ser facilmente controlado com uma simples ordem vinda diretamente de um membro com sangue real. Broly por outro lado não irá parar até que alguém o faça usando a força!!"

"Hmm…"

"Bem, agora que sabe sobre o passado de nossa raça, o meu dever aqui está feito."

Rei Vegeta caminhou e ajoelhando de frente ao príncipe, ele o encarou seriamente dizendo:

"Vegeta 4°, eu Vegeta 3° atual Rei dos saiyajins! Peço a você, meu filho, que me prometa que contará a mesma história que eu lhe contei para seus descendentes quando a hora certamente chegar!!"

O Príncipe então levantando do cama responde abraçando seu pai:

"Eu prometo que irei fazer!!"

Após isso, o Rei saiu do quarto do Príncipe. Enquanto isso, em uma pequena vila com casas esculpidas a pedras e havia janelas redondas escuras, suas portas eram panos amarrados nas portas de cada arp que formava a passagem.

"Chegamos, lembre-se de contar nada aos seus pais o que aconteceu!!"

"Tá pode deixar, boa noite senhor Tablas!"

Na nave de transporte de Freeza.

Sangue podia ser visto por toda a sala, até mesmo as câmeras que vigiam aquele lugar estavam manchadas com o sangue fresco.

Zarbon e Dodoria tinham Carrot jogado no chão diante deles, contudo, não importava o que acontecia, o saiyajin sempre se levantava e tomava medidas defensivas.

Uma risada sádica e irônica podia ser ouvida por toda a nave, Freeza observava o treinamento que ele havia mandado dar para aquele saiyajin. Não havia palavras que definiam a satisfação de ver alguém ser torturado e estava quase à beira da morte na visão do tirano.

"Muito bem, soldados Zarbon, soldado Dodoria já podem parar com o treinamento!"

Ordenou o tirano através de seus rastreadores, logo dois soldados adentram a sala para levar o saiyajin até a cápsula de regeneração, mas antes que eles pudessem fazer algo Carrot caminhou por conta própria com uma das mãos na barriga até a sala de regeneração.

Havia uma clara repulsa nos olhares dos dois generais, que antes eram os responsáveis por manter a segurança do imperador.

Aquele treinamento aparentemente era só o início que Freeza tinha em mente a dar ao saiyajin. No Planeta Vegeta, Rei Vegeta convidou Bardock, um membro de classe guerreira de alto nível a se juntar em seu treinamento no planeta Freeza 103. Vegeta, Raditz e Atikus continuaram indo à escola e a conquistar planetas normalmente e em nenhum momento eles falaram sobre seu companheiro.

Nos próximos dez anos, Rei Vegeta e Tablas treinaram incessantemente para ficarem mais fortes e finalmente superarem Freeza. Com um real medo de serem substituídos pelo saiyajin, Zarbon e Dodoria terminaram Carrot de forma que ele aumenta-se pouco seu poder de lutar.

Vegeta, Raditz e Atikus continuaram a ir à escola normalmente e a conquistar planetas.


Planeta Vegeta

Ano de 737


Passaram-se dez anos desde então, apesar da queda de Lord Slug, o Exército Freeza ainda tinha em sua maioria os saiyajins como principal raça de combate.

Era dia 76 do mês 5 do ano 737, a capital do Planeta Vegeta estava mais movimentada que o normal, além disso, o coliseu que havia em meio a cidade estava sendo decorado e diversas barracas estavam sendo erguidas.

Aquela data era em comemoração a formatura dos saiyajins de classe guerreira que viriam ser escalados para suas respectivas futuras hierarquias militares no Grande Exército Saiyajin (Alta classe, Média classe e Baixa classe). Além disso, membros que faziam parte da Guarda Real também lutariam para decidir quem seria o sucessor do supervisor Guarda Real, que atualmente era o General Zorn.

Autoridades das mais altas patentes como a família real saiyan, o imperador Freeza e os anciãos que faziam partes das igrejas e aconselhavam a guarda real e o próprio rei estavam presentes para avaliar as lutas.

Havia uma região privilegiada onde esses membros da alta elite estavam. Havia uma enorme mesa retangular cheia de comida, as paredes tinham o brasão da família de Freeza, do Rei Vegeta e o brasão da Guarda Real.

Os dois soberanos se encontravam sentados próximo a janela com vidro que disponibiliza uma ótima visão panorâmica da plataforma.

A esposa de Vegeta, Ika, tinha em seus braços um bebê e logo ao lado dela estava seu filho mais velho, o Príncipe Vegeta 4° e ao lado do dele podia se ver diversos senhores e senhoras saiyajins já de idade trajando um tipo de armadura antiga. Ao lado de Freeza podia se ver Zarbon e Dodoria bebendo e começando.

"Muito bem!! Então vamos começar o torneio para a classificação!!"

Gritou para o público um saiyajins trajado com uma armadura vermelha com mais barba que cabelo.

A luta seria contra um membro da alta elite saiyajin. Este ano o escolhido foi nada mais nada menos que o General Nappa, membro da alta classe de guerreiros.

Nappa sendo um homem alto careca tendo pouco bigode e bombado tinha um poder de luta latente de 5.000 sendo seu máximo 7.500.

As lutas começaram e a cada luta os anciãos faziam anotações prancheta a classe que eles iriam servir.

Nesta lista, Raditz ficou como membro de classe alta enquanto Atikus como membro de classe média. A lista era bem diferenciada e abundante, apesar da classe baixa ser a predominante.

No final, os três finalistas que teriam o maior poder de luta de cada classe teriam que enfrentar um membro da alta classe saiyajins pertencentes à Guarda Real.

A luta pela classificação do sucessor de Zorn já havia acontecido no subterrâneo e com isso o finalista deveria vencer os mais fortes de cada classe para provar seu valor e respeito.

"Muito bem, agora vamos para a luta mais aguardada de hoje!! O sucessor do nosso queridíssimo General Zorn versus a elite de cada classe!!"

O narrador acenou para um saiyajin frente a um painel que apertou um botão onde uma porta se abriu embaixo da área privilegiada das elites. Os portões em sua maioria tinham mais de quatro metros de altura, no entanto, as mãos que surgiram ao lado delas fizeram todos ali ficarem espantados.

O Príncipe Vegeta imediatamente levantou de sua cadeira olhando para baixo enquanto Freeza riu sadicamente dizendo:

"Eu sabia que ele iria ser o ganhador!!"

De repente, um enorme saiyajin saiu de forma desajeitada para fora do coliseu, todos olharam com espanto seu tamanho gigantesco de seis metros.

Ele usava uma máscara e tinha uma cicatriz na bochecha esquerda em formato de X enquanto outra Scarface no olho direito. Além disso, ele tinha longos cabelos negros e espetados e uma feição inexpressiva, porém de causar medo. Sua armadura de alta proteção da coloração preto e cinza realmente o deixava amedrontador.

"M-minha nossa…"

Falou o narrador enquanto observava os pesados passos dados pelo saiyajin enquanto o mesmo ia em direção a plataforma.

"N-não pode ser!!"

Gritou Vegeta sentando na cadeira olhando desacreditado para aquele enorme saiyajin.

"D-de um lado temos o gigantesco saiyajin, Carrot!!"

Carrot em resposta subiu afundando a plataforma com seu tamanho por onde passou.

"D-do outro lado! E que kami-sama os ajude, Raditz membros de classe alta, Atikus membros de classe média e-"

"Eu to fora!!"

Gritou o saiyajins de classe baixa que saiu correndo na mesma hora que iria falar seu nome.

"M-mas…"

"Eu fico no lugar dele!!"

Falou Vegeta descendo até a plataforma fazendo com que todos da arquibancadas entrassem na animação.

"P-Príncipe Vegeta!? C-certo… Boa sorte!!"

"Não preciso disso."

"Hya!!!"

De repente, um grito de espanto chamou a atenção de todos ali.

"O que fizeram com o meu bebê!!"

Gritou Hanasia surgindo em meio ao público pulando e correndo em direção a Carrot que rapidamente desceu a plataforma.

"M-mãe! Por favor, você não pode ficar aqui!!"

Fala o enorme saiyajin envergonhado erguendo sua mãe colocando de volta nas arquibancadas. Hanasia rapidamente puxa as bochechas dele enquanto voltava a perguntar o que havia acontecido com ele.

"Ohohoho!! Então essa é a mãe dele? Interessante!!"

Indaga Freeza bebendo vinho.

"Tudo bem, eu estou bem só cresci demais! Cadê-?"

"Deve estar em algum lugar comendo!"

"Entendo, eu já esperava isso…"

Após alguns minutos acalmando Hanasia, Carrot voltou para a plataforma enquanto o público não tiraram os olhos de Hanasia que olhou para os mesmos respondendo aos olhares:

"Que foi!!? Querem levar uma surra do meu filho por algum acaso!?"

Com os demais desviando seus olhares com diversos "não não…" "perdão!" Saindo das bocas deles.

"Já faz muito tempo, não é Carrot?"

O enorme saiyajin não respondeu a pergunta de Raditz e assim que o sinal foi dado ele avançou contra os três golpeando e destruindo o chão com um único golpe.

Os três saiyajins desviaram rapidamente do golpe e rapidamente franquearam Carrot lançando diversas rajadas de energia nele.

"Ative o campo de força!!"

Ordena Nappa para o saiyajin frente ao painel. Vegeta que estava com um rastreador, analisou o poder de luta de Carrot e se surpreendeu com os números:


PDL

Vegeta: 18.000

Carrot: 15.000

Raditz: 3.000

Atikus: 2.400


Carrot voltou a avançar contra seus companheiros saiyajins, Raditz e Atikus desviavam enquanto Vegeta preferiu defender o golpe contra atacando logo em seguida, no entanto, o golpe que ele havia dado no rosto do enorme saiyajin não havia surtido efeito.

Raditz utilizando toda a sua velocidade diferiu centenas de golpes em todo o corpo de Carrot impulsionando o gigante para trás.

Atikus se afastou e lançou uma esfera de ki nos braços cruzados de Carrot criando fumaça enquanto Vegeta atacava o mesmo pelas costas. 

De repente, diversos raios rodeiam Carrot causando uma forte a para Freeza que sorriu sadicamente para ele balançando um controle com uma das mãos enquanto a outra balançava sutilmente a taça com vinho. Freeza havia feito aquilo dizendo para ele não se segurar, já que ele podia facilmente acalmá-lo com aquele controle. Com isso em mente a fúria aos poucos começou a tomar conta de Carrot enquanto recebia a descarga de choque.

Vegeta, Raditz e Atikus olharam sem entender o que estava acontecendo, Carrot começou a se contorcer lançando uma poderosa rajada de ki a frente da boca de forma descontrolada.

Rei Vegeta olhou para Freeza vendo o que o mesmo estava fazendo, mas ele não fez nada. Não podia fazer, afinal isso poderia causar retaliação de Freeza imediatamente e ele não estava pronto para combatê-lo naquele momento onde sua família estava muito próximo, tudo o que ele poderia fazer era observar.

Hanasia vendo o sofrimento de seu filho tentou pular para dentro da arena, mas o escudo a impediu de ir.

A essa altura, Carrot já havia perdido o controle e Vegeta e os outros já estavam ficando sem plataforma para pisar.

A plateia ia à loucura com tamanha demonstração de poder.

Em um momento de descuido, Vegeta é jogado contra o chão enquanto era esmagado pelo punho de Carrot. Raditz e Atikus  tentaram ajudá-lo, mas o saiyajin gigantesco os ignorava.

Vegeta explodiu de raiva liberando uma enorme quantidade de energia fazendo Carrot ser arrastado para trás.

"Como você ousa, me fazer chegar a esse nível!? Prepara-se para sentir a fúria do Príncipe de todos os saiyajins!!"

Falou Vegeta com Carrot olhando para o mesmo amedrontado juntamente com Freeza voltando a dar uma descarga de choque onde ele rapidamente tenta golpear Vegeta, mas o Príncipe desvia lançando ele ao céu e de volta ao chão lançando diversas esferas de energia logo em seguida.

Após a poeira abaixar Raditz surgiu acertando diversos golpes em Carrot, mas rapidamente ele foi agarrado e jogado de um lado ao outro até que Atikus surge-se para salvá-lo dando uma voadora em Carrot lançando o mesmo até as arquibancadas.

Vegeta desceu e ordenou Atikus a recuperar suas forças com a habilidade de cura dele enquanto Carrot saiu em meio aos escombros sem controle avançando com tudo para cima deles contra ele.

Vegeta rapidamente empurrou os dois saiyajins para longe e logo em seguida lançou seu punho em direção ao punho de Carrot. O impacto foi tão forte que uma onda de choque surgiu quebrando qualquer vidro e lançando algumas pessoas ao chão.

Rapidamente Vegeta agachou e usando todas as forças acertou um potente golpe na boca do estômago de Carrot paralisando ele momentaneamente.

Naquele momento Carrot andou para trás com a mão na barriga sem perceber que estava chegando perto da beirada da plataforma que por sua vez quebrou derrubando o enorme saiyajin.

O silêncio tomou conta do coliseu com todos olhando impressionados. Vegeta caminhou até a beirada onde Carrot havia caído e ergueu sua mão ao céu onde o narrador disse:

"A vitória é do Príncipe Vegeta!!"

Com toda a plateia gritando em comemoração a vitória do príncipe e dos demais. Assim que o campo de força abaixou, Hanasia pulou das arquibancadas e foi até Carrot tentando ajudá-lo a se levantar.

"Hahaha!! Maldição, perdi de novo para você, Príncipe Vegeta! Mas desta vez eu quase ganhei!!

Falou Carrot para Vegeta que olhou para o mesmo sorrindo sarcasticamente enquanto respondia:

"Não seja tolo! Você nem chegou perto de me derrotar, Carrot!!"

"Haha! Madilto… assim eu terei que voltar a treinar!!"

"Muhaha!! Não se preocupe…"

Vegeta desceu a plataforma onde estendeu a mão para Carrot enquanto ajudava o mesmo a se levantar.

"... Vamos treinar juntos para superar nossos limites!!"

Após ouvir essas palavras, Carrot ergueu Vegeta colocando o mesmo no ombro enquanto dizia:

"Viva! Vida longa ao Príncipe Vegeta!!"

Com a plateia segundo ele. Depois deste evento eles se reunirão no castelo onde haveria uma comemoração.

Os pais de Raditz e Atikus também estavam presentes juntamente com Freeza e seus generais Zarbon e Dodoria. Grande parte da Guarda Real também estava presente, o único que não podia estar dentro daquela sala era o próprio Carrot que não conseguia passar por alguns corredores do castelo e por isso parte da festa estava ocorrendo no jardim do castelo.

A festa durou a noite inteira e logo pela manhã Freeza e seus homens foram embora levando Carrot juntamente com ele. Já naquele ponto, Freeza já havia decidido quais saiyajins ele iria levar. Seu real objetivo de ir a um evento relativamente pequeno tinha como único objetivo fazer uma seleção dos melhores jovens saiyajins e enviá-los para um planeta distante enquanto o seu planeta natal era aniquilado.

Mesmo tendo um certo nível de camaradagem na festa com eles, Freeza sabia que isso não duraria para sempre e que saiyajins como Carrot e Vegeta poderiam vir aparecer com mais frequência. Aquilo deveria ser feito, querendo ele ou não, afinal, um homem precavido vale por dois.

"Carrot, eu achei um planeta com seres realmente poderosos para você invadir. Quero que você e aqueles seus amigos saiyajins vão a esse planeta e eliminem por completo a raça, soldado Zarbon!"

"Sim senhor!"

"Quero que leve pessoalmente essa carta ao meu pai!"

"Claro!!"

Após pegar o papel enrolando com uma fita vermelha, Zarbon saiu imediatamente para cumprir sua missão. O conteúdo daquela carta certamente era importante uma vez que, Zarbon, o braço direito de Freeza e o soldado de sua maior confiança foi mandando para fazer algo tão trivial que até mesmo uma criança seria capaz de fazer.


Notas Finais


°•<《Obrigado Por Sua Leitura》>•°

Peço desculpas se houver algum erro de português!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...