História Dragon Ball Z(Super) HighSchool DxD - Capítulo 26


Escrita por:

Postado
Categorias Dragon Ball, High School DxD
Personagens Akeno Himejima, Brolly, Gohan, Goku, Goten, Issei Hyoudou, Koneko Toujou, Personagens Originais, Rias Gremory, Vali Lucifer, Vegeta
Tags Ação, Animes, Aventura, Dragon Ball, Dxd, Mangás
Visualizações 15
Palavras 735
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Ecchi, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shounen
Avisos: Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Qual é rapaziadaaa

Capítulo 26 - O Renascimento de uma Lenda


Fanfic / Fanfiction Dragon Ball Z(Super) HighSchool DxD - Capítulo 26 - O Renascimento de uma Lenda

"Eu sino frio de novo;

Eu me sinto sozinho de novo".


A batalha era árdua e tensa, pois o inimigo da dupla Goku e Vegeta, era o seu pior pesadelo, Broly que estava no controle de super 17. O mesmo aumentava mais e mais seu ki, deixando super 17, mais surpreso do que já estava antes.


Goku: - Vegeta, temos que nos transformar em Super Sayajins Deuses para igualar as nossas forças e os poderes dele. Senão é bem capaz de tudo dar errado e então ele destruir todo o universo.


[~Na mansão dos Gremorys~]


Rias estava um pouco aflita, pois queria ajudar os dois Sayajins que lutavam contra seu amado, seu irmão Lúcifer por outro lado, ficou preocupado, pois há uma noite atrás, o mesmo ficava sabendo do retorno do último rei do inferno e do grito que só os de sangue puro, poderiam ouvir.

Rias: - Algo lhe preocupa irmão?

Lúcifer: - Rias..pessoal, acho melhor que devo contar tudo a vocês. 

Issei: - Mas contar o que?

Lúcifer: - O Super 17 não está sozinho nessa. O antigo rei do submundo tá nessa com ele.

Rias: - E quem seria esse meu irmão?


Logo uma figura altamente conhecida pelos demônios, entrava pela porta da frente, nele carregava duas potentes pistolas e também uma espada demoníaca. 

Dante: - Seu nome é Mundus. E parece que estou na festa certa. Cheio de demônios de alta classe e de altos poderes, com medo de um velho?! Que desperdício. 

Outra figura entrava pela porta da frente, e era quase igual ao que já havia entrado, mas suas vestes eram azuis e carregava só a espada.

Vergil: - Perdoe-me meu irmão, as vezes ele leva tudo na brincadeira.

Rias: - E quem são vocês? 

Lúcifer: - Bem-vindos, filhos de Sparda. Rias, eles são Dante e Vergil. Ambos caçadores de demônios, e foram eles que conseguiram me ajudar a subir no trono e controlar o inferno, para garantir que não houvesse nada com a raça humana. 

Todos que estavam naquela sala, ficaram com medo, pois ao verem a força que ambos os irmãos gêmeos carregavam consigo mesmos, era de se espantar até o rei do inferno. Por outro lado, existiu uma certa tara, vinda de Xenovia e Ásia, sobre os gêmeos. 


[~No campo de batalha~]


Broly: - Grrrrrr.......AAAAAAAAHHHHHHHHHHH 


O grito de Broly era igual ao de um verdadeiro demônio, assim então partindo para o ataque; enquanto eles lutavam, Baby e Kid Buu foram até o super 17, lutando contra os mesmos.

Baby: - Só há uma maneira de tudo isso voltar ao normal. Que é destruir você. 

Super 17: - É, tem razão. Uma coisa que é impossível, já que eu sou o andróide mais forte do universo.

O mesmo ria ironicamente, enquanto lutava contra Kid Buu e Baby. 

Goku: - Vegeta, temos que recorrer a última opção. 

Vegeta: - Droga Kakarotto, não temos escolha. Vamos logo com isso.


Antes de começarem os passos da fusão, surge uma luz branca no meio da batalha, e nela saía Vali na sua forma de Dragão Branco, e outra figura totalmente conhecida, mas que se perdeu no universo: Kenshiro.

Vali: - Desculpe a demora, iremos ganhar tempo para vocês fazerem a fusão para destruir o andróide e o colar que está em Broly.

Kenshiro: - O coração dele está dizendo pra se libertar, pois aquele não é ele de verdade.

Super 17: - Ótimo, mais lixo pra ser reciclado. Isso tá ficando cada vez mais interessante. Vamos o que você está esperando seu macaco, destrua todos eles.

Broly: - Grrrrrr....AAAAAAAAHHHHHHHHHHH...

Rias: - Broly..meu querido, está aí? Sou eu...sua amada, lembra? 

Era Rias fazendo uma conversa por telepatia, pra tentar tirar o mesmo do controle mental.

Rias: - Eu sei que você está aí...no fundo ainda é você, o mesmo homem que eu me apaixonei desde o primeiro dia em que lhe vi. Meu amor, quero que saiba que eu te amo, e não me importo em morrer nos seus braços, eu só quero apenas olhar nos seus olhos e dizer o quanto eu sou feliz com você. 


Uma lágrima caía do rosto de Broly, fazendo com que ele relembre do que ele realmente era. Gritava aos céus como se nunca tivesse gritado, quebrando o colar e se libertando do poder mental do Super 17.


Broly: - Onde....onde eu estou? O que aconteceu? 

Goku: - Depois nós explicamos. Agora temos que derrotar aquele inimigo.

Broly: - Certo. 


Super 17 que não estava nem um pouco satisfeito com o acontecimento, resolveu lutar contra todos os que estavam ali.


Notas Finais


Até a próxima.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...