História Dramione e Gitt - O jogo do prazer - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Blásio Zabini, Draco Malfoy, Gina Weasley, Hermione Granger, Luna Lovegood, Theodore Nott
Tags Bluna, Dramione, Gitt
Visualizações 63
Palavras 2.350
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela
Avisos: Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 9 - O baile


Fanfic / Fanfiction Dramione e Gitt - O jogo do prazer - Capítulo 9 - O baile

Quando eu vi você naquele vestido
Parecendo tão linda, Eu não mereço isso.
Querida, você está perfeita esta noite.
(Perfect -Ed sheeran)

 

O dia havia se passado rapido para o desespero de Hermione, as garotas estavam mais que euforicas em Hogwarts e Hermione? Bem, a garota estava nervosa. Ela estava em seu quarto junto com Gina e Pansy que se arrumavam cada vez mas, por algum motivo a menina não estava animada para ir com McLaggen, não que ele fosse uma má companhia ela não tinha como saber, mas ela sentia que por dentro queria ir com outra pessoa, e tentava a todo custo afastar esses pensamentos ou iria desistir a qualquer momento da ideia estupida de aceitar ir ao baile com o garoto.  Ela suspirou alto chamando a atenção da ruiva ao seu lado.

— Algo de errado mione? - ela perguntou sentando-se ao seu lado.

— Nada - menti descaradamente - Preciso de sua ajuda. - ela tentou mudar de assunto, pelo visto funcinou por causa do sorriso que brotou nos lábios da menina.

Gina e Pansy ajudavam Hermione com o cabelo e a maquiagem e por fim com o vestido. A garota estava se sentindo uma completa princesa, olhando outra vez no grande espelho ela viu que fez a escolha perfeita para vestido. O vestido era rosa bebe que reasalva sua cintura e o busto, sorriu sastifeita, por mais que uma sensação ruim lhe apertava no peito fazendo o seu estogamo revirar. Hermione tentou deixar os pensamentos ruim de lado e pensar em como sua noite poderia ser maravilhosa....bem, quase. 

— Eu deveria ter recusado o pedido! - ela murmurou alto.

— Recusado, oque? - Pansy perguntou arrumando mais uma vez o vestido verde e logo dela. 

— Oh, - Hermione saiu de seus desvanteios - Não é nada...

— Hermione Jean Granger! - Gina disse autoritária sentando-se ao seu lado junto com pansy. - Quer parar de tentar enganar suas amigas?

— Bem, eu apenas não estou animada. - a garota suspirou pesadamente - Estou com uma sensação ruim, não deveria ir ao baile, eu nem deveria ter aceito o pedido de McLaggen. 

— Ora, Hermione - a ruiva disse ao seu lado - Está ansiosa apenas.

— Tente relaxar, você está maravilhosa - Pansy disse sorrindo, céus, Hermione achava a garota da sonserina tão tosca e tão chata e agora que a conhecera bem, percebeu que a garota era uma boa amiga. E alem de doce e gentil - quando queria - Hermione sorriu tentando ao maximo afastar aqueles pensamentos de sua cabeça. 

— Tudo bem? - Hermione assentiu sorrindo, e agradecendo a Merlin por as garotas não terem percebido a sua tentativa de tentar se acalmar falhar.

A sonserina de cabelos negros foi mais uma vez a frente do espelho suspirando :

— Será que ele vai gostar? - ela perguntou para si mesma, ela havia gostado do vestido, más também queria agradar Neville.

Gina que estava sentada ainda ao lado de Hermione encarou a sonserina desconfiada.

— Ele quem pan? - ela cerrou os olhos sorrindo. 

    - É mesmo Pansy, - Hermione resolveeu descontrair - Você ainda não nos disse quem era seu par....

     - É, bem...- ela sorriu nervosa - Irão descobrir daqui a pouco. - ela disse por fim.

     - É o garoto que te levou ao céu? - Gina perguntou sorrindo zombeteira.

      - Ora, Ginevra! - ela repreendeu antes de sair - Vou indo na frente, meu par deve estar me esperando. - ela sorriu sonhadora antes de fechar a porta. 

  - Ela está apaixonada! - Hermione e Gina disse juntas rindo.

...oOo...
Thodore esperava Gina nervosamente Gina, céus o garoto se sentia um peixe fora da água. Draco estava ansioso...meio que ansioso, até porquê Astoria tagarelava ao seu lado enquanto ele esperava as garotas com Nott, o loiro revirou os olhos mais uma vez pelas conversas futeis que a garota ao seu lado dizia. 

— Draco, por favor. - Nott sussurrou no ouvido do loiro - Oque diabos você tem na cabeça para convidar Astoria?! 

— Querido, eu realmente estou arrependido! - murmurou o loiro de volta.

— Elas estão lindas! - Astoria disse fazendo os garotos se virarem para onde a menina estava olhando.

E de repente acontece...

Draco e Theodore vidraram nas duas garotas que desciam as escada deslumbrantes, com sorrisos no rosto. Draco sentiu um pontada em seu peito, céus oque estava acontecendo? O garoto perguntou-se em seu pensamento enquanto olhava bobamente a garota descendo as escadas.

Dá um estalo e nesse momento você sabe que as coisas vão mudar.

Theo se posicionou a frente de Gina e beijando delicadamente sua mão, - maravilhosa - pensou o garoto vendo a menina corar pelo seu gesto, oferecendo seu braço para a ruiva que pegou seguiram para o salão comunal. 

Já mudaram.

Draco sentiu seu coração apertar assim que viu McLaggen fazer o mesmo gesto de Theo com Hermione, teve uma vontade subita de sumir quando a mesma sorriu sincera para o garoto antes de pegar seu braço e sumir em direção ao salão principal.

E a partir de então as coisas não serão as mesmas...

...oOo...

Draco sentou-se em uma das mesas com Astoria ao seu lado resmungando por querer dançar, mas o garoto não ligou, ele não queria dançar com ela. E sim com a garota de vestido rosa que estava na pista junto com outro garoto, que não era ele. O loiro poderia ver o desconforto no rosto de Hermione, ele tinha que fazer algo, tinha que fazer imediatamente.

A musica voltou-se para uma trouxa, Draco conhecia muito bem por ouvir Hermione cantarolando pelos cantos do salão dos monitores, era a hora, estava decidido.

— Astoria, me desculpe...- ele respondeu levantando-se

— Drackie, onde vai?! - ela perguntou manhosa, mas o garoto não deu ouvido, ele apenas precisava buscar sua garota.

Atravesando o salão e passando por varios e empurrando casais que dançavam animadamente, ele finalmente conseguiu avistar de novo a castanha, que sorria falsamente para algo que o seu par idiota dizia. Sem esperar mais, ele deu leves batitinhas na costas do garoto que acompanhava Hermione, fazendo o mesmo soltar a garota e o encarar junto com a castanha.

— Desculpe McLaggen, más será que Hermione me concederia essa dança? - ele disse se curvando em cavalherismo, estendendo a mão para castanha que pegou antes de McLaggen o responder.

— Claro Draco, a vontade. - ele disse de má vontade indo em direção as bebidas.

Hermione sorriu feliz ao sentir as mãos de draco pousarem em sua cintura, a trazendo para mais perto. Ela escondeu a cabeça sobre seu ombro e olhou para frente com as bochechas recem coradas pelo olhar que o loiro lhe lançava.

— Eu tive tudo, e então a maior parte de você - ele sussurrou o trecho da musica mo ouvido da castanha, fazendo a mesma arregalar os olhos e depois sorrir. - Um tanto, e agora nada de você. - ele sussurrou novamente antes de gira-la.

Hermione sentia que seu coração iria sair pela boca a qualquer momento, sentiu que a sensação ruim passará, porquê ela sabia com quem realmente queria estar, e estava com ele nesse exato momento.

— Me leve de volta para a noite em que nos conhecemos...- ele sussurou uma ultima vez.

Oque fez Hermione lembrar da noite que eles se conheceram de verdade, da noite que ele lhe deu o primeiro beijo, lembrar dos toques, lembrar do perfume e da sensação de estar no céu.

— Você está maravilhosa. - ele sussurou, Hermione ja sentia o hálito quente do garoto perto de seu rosto. E sorriu, sua noite estava começando a melhorar.

A garota fechou os olhos sentindo o garoto se aproximar, seu coração estava prestes a explodir, em seu estomago a sensação de borboletas voando pela primeira vez, estava quase no céu. Mais o tão esperado beijo não chegou, a garota não foi para o céu, pois a musica ja tinha acabado e o seu par estava ao lado de Draco esperando.

— Se não se importa Malfoy. - ele disse pegando a mão de Hermione - Vou levar Hermione para tomar um ar fresco. Vamos Herms

O garoto não deu chance para castanha responder, apenas a puxou para longe do Malfoy que ficara no meio do salão vendo sua garota ser arrastada para longe dele, com outro, com outro que não era ele.

...oOo...

Do outro lado do salão, Theodore Nott encarava a ruiva que dançava com ele bobamente. Céus, como Gina ficará mais linda do que já era em apenas uns segundos?! Ora, ele estava incomodando com tamanha perfeição que estava em sua frente.

— Theo, pare com isso. - ela respondeu abaixando a cabeça ainda dançando a musica lenta com o garoto.

— Ora Ginny, - ele disse levantando seu queixo - Parar com oque?

— De me encarar desse jeito. - ela respondeu corando mais ainda, morangos que a invegem. 

— Estou apenas encarando a garota mais linda de todo o salão! - ele sorriu mais ainda quando viu o rosto da menina ficar mais vermelho. - Você está perfeita, Ginny. 

Foi tudo oque ele disse antes de tomar seus labios carinhosamente, a garota sorriu entre o beijo fazendo o garoto sorriu junto. Ela não sabia explicar, mas sentia borboletas em seu estomago, e seu coração acelerar desesperadamente. Assim que se separam o garoto depositou um beijo em sua testa carinhosamente, fazendo a garota corar novamente. As pessoas a sua volta os olhavam de olhos arregalados, uns sorrindo e uns ainda estatico com a cena dos "melhores amigos" se beijando. E apenas uma pessoa que os encarava vermelho de raiva no canto do salão, os observando com os dentes tricandos não acreditando no que seus olhos estavam vendo. Harry potter suspirou pesadamente e continou olhando a garota que um dia fora quase sua, nos braços do Sonserino.

..oOo...

Pansy e Neville estavam  sentandos na mesa mais afastada do salão. o grifinorio estava sorrindo apaixonadamente para a garota morena de vestido verde em sua frente, ele ainda não conseguia acreditar como o mundo dava voltas. Em um dia ele a odiava, e no outro estava simplesmente caindo de amores pela garota. Percebendo o olhar do menino sobre si, ela sorriu nervosa.

— Oque há de errado? - a morena perguntou com ressentimento que tenha feito algo de errado.

— Não olhe agora - ele murmurou -mas estou vendo a garota mais bonita que já vi em toda minha vida. - ele respondeu vendo o sorriso nervoso da morena sumir e  se tornar uma carranca.

— Onde?! - ela esbranvejou baixinho, apertando com força o talher em sua mão.

— A sua esquerda. - ele respondeu vendo a garota olhar para o lado depressa, e sorrir bobamente quando seu reflexo apareceu no espelho que estava ao seu lado sobre o salão. 

...oOo...

— Onde está me levando? - Hermione perguntou nervosamente enquanto o garoto a arrastava para o jardim.

— Achei que talvez quisesse tomar ar fresco...- ele disse com sua voz "doce".

— Oh, sim - ela sorriu amarelo - Más está muito frio...- ela disse, porem arrependeu-se assim que sentiu as mãos do garoto rodearem seu corpo. 

— Posso aquece-la se quiser. - ele respondeu aproximando seu rosto ao da garota. 

— Oh...- ela murmurou tentando se soltar do garoto, fracassando, pois o mesmo era muito mais forte que ela. - Oque pensa que está fazendo Cómarco?!

O sorrisso doce de Córmaco McLaggen sumiu, em no lugar surgiu um maldoso e cheio de segundas intenções. 

— Estou tentando fazer oque queria a muito tempo. 

Ele disse tomando seu labios com força, Enquanto Hermione tentava com todas as forças empurrar o garoto que tentava a beijar de todas as formas. Cómarco apronfundou o beijo ainda mais apertando o corpo da garota contra o seu, enquanto Hermione sentia o desespero espalhar por todo seu corpo. Os beijos de McLaggen não era como os de Draco, seu toque não era o mesmo, seu perfume não era o mesmo, e ela lembrou dos beijos do menino de cabelos loiros, e dos toques confortantes dele.

As lágrimas ja caiam livremente pelo rosto de Hermione.

— Porquê está fazendo isso? - ela perguntou quando conseguiu o afastar. 

— Porquê santa Granger? - ele disse a apertando ainda mais contra seu corpo. - Apostei todo meu dinheiro que a levaria para cama hoje! e eu vou leva-la, por bem ou por mal! -Ele respondeu fazendo Hermione arregalar os olhos. 

A castanha começou a chorar desesperadamente ao sentir o garoto distribuir beijos por todo seu pescoço, fazendo a mesma chorar ainda mais.

— Por favor, me solta. - ela pediu alarmada, fazendo o garoto rir e apertar sua coxa com força por cima do vestido. - Solte-me por favor! - Ela choramingou.

— Você não a ouviu? - a voz rouca e cheia de raiva soou como um trovão atrás - Solte-a.

— Ora Malfoy, vá procurar as suas. - exclamou o garoto em tom zombeteiro - Essa já tem don....- Ele não conseguiu terminar o que ia dizer porque um dos braços fortes de Draco o agarrou pelo pescoço e o arrastou para a para longe de Hermione como se ele fosse feito de papel.

— Draco, vamos embora. - Hermione o chamou desesperada.

Mas o garoto não a ouviu, estava carregado de raiva. Em sua cabeça ele ainda podia ouvir a voz chorosa de Hermione pedindo para o garoto a soltasse. Pensando nisso, ele deu um soco certeiro no rosto de McLaggen, partindo os lábios dele e fazendo o sangue jorrar.

— Draco por favor. - Hermione tentou puxar o braço do loiro que apenas a ignorou, voltando a sorcar o garoto em sua frente, Cómarco tossiu Sufocando, sentindo o loiro apertar seu pescoço 

— Draco você vai mata-lo! - Hermione gritou em meio suas lagrimas.

O garoto pareceu voltar a sua realidade assim que olhou para a garota atrás de si, céus ele estava assutado, não queria imaginar oque teria acontecido se ele não ouvesse chegado. Draco sentiu seu corpo voltar ao normal ao abraça-la, a apertando ao seu corpo.

— Não deve se meter na minha vida Malfoy! - Cómarco disse sorrindo.

— Então não se meta com oque é meu! - Foi tudo que Draco disse antes de dar outro soco em McLaggen, quase quebrando-lhe o nariz e o fazendo desmaiar. 

E virando-se novamente para Hermione a pegando no colo, e a levando para longe dali.

 

Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...