1. Spirit Fanfics >
  2. Dramione- God save the new Queen >
  3. I'll show you

História Dramione- God save the new Queen - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura

Capítulo 3 - I'll show you


Fanfic / Fanfiction Dramione- God save the new Queen - Capítulo 3 - I'll show you

Hermione 

Eu fiz questão de ir junto com minha mãe para a tal clinica que a rainha a colocou, passei a noite lá e combinei para que no outro dia cedo eles venham me buscar em casa, talvez, só talvez eu estivesse fugindo, eu só queria ter alguém para conversar, alguém para me dizer se eu estou certa ou não, ver minha mãe bem naquela clínica e saber que caso aconteça qualquer coisa eu serei avisada por um aplicativo próprio da clínica,  me trazia uma paz que a tempos eu não sentia, mas por outro lado me perturbava em saber o preço que estou pagando por isso, eu iria me casar, provavelmente para sempre pois não são permitidos divórcios na família real, paro de pensar em tudo e finalmente me levanto da cama, era hoje, de hoje não passava, eu finalmente iria conhecer os 4 castelos que meu pai fez, nunca achei que realizar um sonho fosse tão doloroso assim, me levanto da cama e vou tomar um banho e fazer minhas higienes pessoais, quando saio do banheiro pego em meu guarda roupa o vestido que me mandaram ontem para me apresentar no castelo, pelo que vejo minhas roupas de camponesa não são tão boas para a realeza, o vestido pelo menos era bonito, era verde claro e ficou bom em meu corpo quando vesti, estranhei por ele ser curto, normalmente nos filmes que eu assisto as mulheres da realeza não podem nem mostrar os joelhos, paro de pensar nisso quando a buzina de um carro me assusta, só ai me lembro de tudo e volto ao normal, pego minha pequena mala que contém apenas meu secador, chapinha, notebook e outros eletrônicos, a rainha disse que eu não precisava levar minhas roupas, só deixando mais claro que minhas roupas não serão adequadas ao ambiente, desço com pressa pois a buzina toca novamente, abro a porta e vejo um carro preto parado na frente de casa, fico encarando o mesmo até a buzina soar mais alta ainda, acho que aquela era minha carona para o inferno, tranco a porta de casa e vou em direção ao carro, abro e entro no banco de trás. 

-Bom dia prima. -Olho para o homem ruivo sentado em minha frente e pergunto. 

-Você é da minha família e eu não sei? -Ele ri e dá partida no carro. 

-Você vai fazer parte da família real não? -Apenas assinto com a cabeça me perguntando se entrei no carro certo. 

-Então prazer, eu sou o Marquês Ronald Weasley. -Arregalo meus olhos instantaneamente, nem bom dia eu dei para ele, e ele é Marquês.  

-Porque um Marquês veio me buscar? -Continuo o olhar para frente e meu cérebro manda eu ficar quieta, é muita vergonha por um dia só. 

-Eu sou um membro confiável da família, acho que sou o único que pode te levar em segurança. - Olho para frente e vejo seu olhar para minhas pernas, desço um pouco o vestido e me concentro em continuar a viajem sem passar mais nenhuma vergonha. 

Draco 

Minha querida futura noiva está a caminho do palácio exatamente agora, Ronald foi buscar ela e espero que ela não se assuste com ele, fomos criados todos como primos, mas só o pai de Theo é irmão do meu, o pai de Gina e Ronald é apenas de consideração, talvez seja um dos motivos para Theo e Gina não assumirem nada, seria um escândalo para mídia saber que dois “primos” estão tendo um caso, mesmo que eles não sejam primos, foram criados como e a mídia não perdoa nada. 

-Terra chamando Draco. -Theo fala com uma voz engraça enquanto segura o nariz. 

-Estou aqui. -Ele olha o fundo dos meus olhos e abaixa para me observar. -Tá louco Theo? 

-A reizinho, estava vendo se você não estava sob efeito de drogas. -Empurro ele que cai sentado no sofá rindo da minha cara. 

-Ela chegou. -Gina abre a porta do escritório afobada e tropeçando em seus próprios pés. -Mamãe disse que ela é linda. 

-Do que adianta ser linda e interesseira. -Completo virando o resto de whisky que tinha em meu copo. 

-A sobre isso. -Gina fecha a porta do escritório e Theo não tira os olhos dela. -Mamãe me contou uma fofoca ótima. 

-Tá esperando o que para nos contar? -Theo fala animado querendo saber. 

-O que eu ganho com isso? -Ela fala se sentando e sorrindo como se fosse 100% inocente. 

-O que você quer? -Ela pisca os olhos como se tivesse conquistado o mundo. 

-A chave da casa na praia. -Ela fala e olha para Theo, só Deus sabe o que ela queria fazer naquela casa, e eu também não espero saber. 

-Que seja, apenas tome cuidado para não ser vista. -Pego a chave no painel e jogo na mão dela. 

-Ela disse que a mãe de Hermione e sua mãe foram melhores amigas, se afastaram pelos deveres reais de sua mãe, mas continuaram sendo amigas, acontece que a mãe dela está com um câncer sério no estomago e pelo que eu ouvi, ela só aceitou porque a tia Narcisa a ofereceu o tratamento para sua mãe. -Todos continuam sem falar nada, gostei dessa minha noiva, vejo que ela se importa com a família, vamos ver o que ela pode fazer pela coroa. -E tem mais, sabem de quem ela é filha? 

-Do pai e da mãe dela? -Theo fala como se fosse obvio e Gina revira os olhos e mostra o dedo do meio para ele. 

-Não seu idiota, Mike Granger. -Theo cospe todo a água que estava tomando no chão, eu caio sentado na cadeira e Gina parece ainda estar em choque. 

-O fucking Mike Granger, a menina deve ser um pequeno gênio. -Theo fala e limpa sua blusa. 

-Entendi o porquê minha mãe falou que ela era uma cópia dela mais jovem. -Ouvimos batidas na porta e Gina vai abrir. 

-Acho que solicitam sua presença no salão principal. -Respiro fundo e ajeito meu cabelo, Gina passa a mão no vestido para o ajeitar e Theo coloca o blazer para disfarçar a mancha enorme de água em sua blusa, juntos como se fossemos perfeitos saímos do escritório em direção ao salão principal. 

-Será que ela é bonita? -Theo questiona e Gina olha com raiva para ele. 

-Porque você quer saber Theodore Nott? -Ele ri de nervoso e fala. 

-Os herdeiros do trono têm que ser bonitos também, já que a imagem é tudo na nossa família. -Ela olha meio desconfiada para ele e continua a andar. 

-Ela não tem nenhuma mídia social, só vamos saber se ela é princesa ou sapa agora. - Chegamos na frente da grande porta do salão e eu bato na porta para abrirem. 

-Boa sorte irmão. -Theo aperta meu ombro e as portas se abrem, relevando minha mãe, meu pai e ela, minha noiva que agora tinha nome e rosto, e um rosto muito bonito por sinal. 

-Uau. -Gina fala baixo enquanto caminhamos, os três em nossa frente se levantam e ela tenta ao máximo não ter contato visual comigo. -Será que aceitam casamento lésbico na família real? -Agora é a vez de Theodore lançar um olhar de ciúmes para ela. 

-Filho, que bom que chegou, essa é sua noiva, Hermione Granger. -Meu pai anuncia e ela finalmente me olha diretamente nos olhos, sinto um arrepio de imediato quando nossos olhos se encontram, ela pelo visto sente o mesmo e aperta suas pernas. -Vamos deixar vocês conversarem sozinhos.  

-Droga. -Gina diz baixo e todos começam a sair da sala aos poucos, observo mais um pouco ela e vejo que está corada, que bom, espero que seja uma esposa que saiba seu lugar e não essas que querem revolucionar o mundo. 

-É um prazer conhece-la Hermione. -A minha voz parece fazer algum efeito nela, então finalmente ela me olha e diz. 

-Queria poder dizer o mesmo, majestade. -Ela dá um sorriso forçado, vejo que terei um grande trabalho daqui para frente, a garota tinha mesmo a boca afiada, a minha sorte é saber como colocar ela em seu lugar. 


Notas Finais


Hermione com a boca afiada = Tudo pra mim.
Even more queridos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...