1. Spirit Fanfics >
  2. Dream of dark -jormungand >
  3. Floyd Hekmatyar

História Dream of dark -jormungand - Capítulo 10


Escrita por:


Capítulo 10 - Floyd Hekmatyar


Fanfic / Fanfiction Dream of dark -jormungand - Capítulo 10 - Floyd Hekmatyar

Ela entrou no salão , eu estava com ela e o Len também, estava vestido de terno , ela estava com um vestido super decotado pegou logo uma taça de champanhe e o primeiro ministro veio conversar com ela e logo era mais quem queria conversar com ela 

- Meu irmão - disse ela correu o abraçando - ele a abraçou.

- Len eles são gêmeos- ele me olhou- não , ele é mais velho- ela sorriu ele segurando na cintura dela e falou algo no ouvido dela , que pulou encima dele - você é o melhor - beijou na bochecha dele que sorria muito

- Chiquita - essa é a ex do Len- você não mudou nada - ela me olhou - não conhecia ele - eu virei- Renato Socci- ela me olhou - iai gostou de trabalhar com ela - eu olhei para a Koko- sim ela é incrível- o Len interrompeu - é segredo, ele é o amante dela - ela me olhou - coitado , deve está muito cansado para ficar em pé - ela olhou para o Len - o Kasper também está namorando- ela disse - Alice Martins - eu engasguei - a militar ? - ela é um mito - vejo ela segurando a mão ele - aquela é ela - a koko pulou encima dela - que a abraçou e logo elas estavam inseparáveis rindo de tudo , ela foi até mim e levou a Alice- Renato socci vocês tem muito em comum.- ela me olhou e piscou .

Pegou outra taça de champanhe , começou a falar com todo mundo - ela é incrível e mulher ainda por cima, deve ser difícil para você lidar ela .- eu olhei para ela -não vou dizer que é fácil.- ela me olha de longe e sorri - ela fica bebe para poder falar mais - disse a Alice - eu não sabia , para poder ri mais - ela olha para alguém que entra na porta com uma ruiva lindíssima - aquele é o pai deles - ela corre e o abraça - Pai- ele a abraça e ela beija a bochecha da sua mãe - a mãe dela parece ter a mesma idade dela - Linda não - o Kasper vem e os comprometa - ela volta ao meu lado e o Kasper vem junto - você está bem ? - pergunta ele - sim, Renato vamos para o bar - ele olhou para ela- leve ela até lá fora - fomos até a varanda e ela vomitou tudo que havia comido e me abraçou - não me deixe só - ela pediu - o que foi que aconteceu- ela me olhou- eu não gosto do meu pai .- eu beijei sua cabeça- calma .

O Len veio - vou chamar a limpeza - leve ela de volta e dê água para ela, segurei sua mão - eu vou está atrás de você o tempo todo - ela respirou e voltou como se nada tivesse acontecido- olhei aquilo -seu pai era o motivo de tudo isso - ela era cortejada várias e várias vezes e fechava vários negócios , o Len- agora ela vai cantar-  eu olhei pasmo para ele -ela subiu no palco hoje eu vou fazer e começou a cantar do piano, todos a aplaudindo e olhei para o Floyd , me olhava , Kasper dava forças para ela, o Floyd pegou a mão dela e ajudou a descer, ele pegou o braço dela e colocou no seu e foi conversando com o ela .

Ela se mantinha seria sem dar um sorriso, ela o beijou na bochecha e voltou para perto de mim- abraço ela - Floyd fala com o Len e eu a levo novamente para o bar - eu quero água - disse ao barman, o leilão vai começar- ela me abraça e fica no bar mesmo- meu pai vai comprar o que ele quer - trouxe todos eles aqui os investidores - a Alice veio para perto- Koko, parece cansada - eu a abracei- ela tem que ficar até o final- eu olhei para ela - que bebeu a água- me vê algo para comer- disse ao garçom - ele chegou com um prato de petiscos para ela comeu todo e bebeu um copo de uísque - ok - voltou ao normal , ela vai passar a noite fazendo isso - sim - foi até o Espantalho e eles começaram a conversar ela sorriu e ele parecia está contando piadas muito ruins, ela olhou de longe e ele olhou para um homem e ela foi atrás dele e logo ela estava flertando com ele, ele me pareceu familiar, ele contou algo que a fez ri o Floyd - Renato Socci ? - ele me olhou de perto ,quando ele se aproximou? - sim senhor- respondi com medo

-ainda não o conhecia - ele me olhou da cabeças ao pés- Bookman esta bem? - eu fiquei palido- Len disse - não o assuste desse jeito Floyd - a Chiquita sorriu.

- você está com ela , não é? - eu fiquei surpreso- desculpe a pergunta como o senhor sabe- ele sorriu- como eu não saberia .

- Aquele é o magnata fundador da Halo technology, da Russia, ela conquista com facilidade e isso ela usa rapidinho a pessoa eles caem - ela sorri para ele que parece adorar ela- é o que ela faz- ela anota o número de telefone dela no celular dele e volta até o pai dela - pronto , ele vai entra em contato amanhã- disse fria.- o Len abraçou ela e beijou sua cabeça- outra dose - ela me abraçou novamente na frente do seu pai.

Ele foi se sentar para o leilão , ela colocou a cabeça no meu peito- Renato - disse ela - eu estou cansada, amanhã quero dormi- ela me olhou sorrindo, eu sorri de volta, ela levou o copo até a boca e virou , eu segurando sua cintura, sentei na cadeira , ela ficou encostada em mim -Espantalho- ela olhou para ele - conseguiu ? - ela olhou para ele - sim- ele me olhou- Renato Socci- ela saiu da minha frente - Esse é o Espantalho- ele me olhou- o cara do outro dia - ele me olhou- eu entendo, ele é seu favorito, eu pensei que fosse a Sofia Valmet -ela cortou ele - o meu favorito é o Len- eu sorri, que conversa é essa de favorito - eu tenho o resto da informação mais vou cobra mais caro- ela olhou- ok depois conversamos- ele deu tchau e foi.

Kasper -eu já comprei o que queria estou indo - abraçou ele e o beijou - cuidado com os Chineses , tem um rato Chinês que está fazendo negócio na África cuidado com ele - ela o abraçou - obrigada irmão, eu vou tomar cuidado.

Nós já vamos - disse ela indo até o pai dele - o beijou e abraçou , fez o mesmo com sua mãe e pegou minha mão e saiu junto com o Len, ela chegou e foi correndo para o banheiro e vomitou tudo que havia comido - ela respirava fundo ,tomou banho e se deitou- eu tomei banho e me deitei- ela trabalhou muito hoje, ela estava muito pálida - Renato- ela me abraçou e colocou a cabeça no meu peito. Fechou os olhos e sentiu o meu cheiro , ela estava frágil como se fosse de vidro

Ela me olhou e me beijou e logo dormiu 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...