História Dreams - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol
Tags Baekhyun, Baekyeol, Chanbaek, Chanyeol, Lemon, Pwp
Visualizações 438
Palavras 2.762
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Fluffy, Lemon, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii...
Sou a Ana
Então essa não é minha primeira fic
Eu já tinha postado ela aki antes
Mais resolvi excluir por alguns motivos

Estou dedicando ela as minhas duas saengs lindas
A isah (SeoSunghyo ) e a iza ( Iza.do.ra)

Espero queria agradecer a (HoyMinJoon) que fez essa capa linda da fic

A do cap quem fez foi uma amiga minha a luana
Eu não lembro o user dela . Sorry mais eu amo essa capa de coração. .

Espero que gostem
Me inspirei no station de dreams do baek cm a suzy

Boa leitura

Capítulo 1 - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction Dreams - Capítulo 1 - Capítulo Único


 -Cara você vai abrir um buraco no chão se não parar de andar de um lado pro outro.- Sehun que estava sentado em um dos grandes sofás da mansão dos Exo disse a ChanYeol que andava de um lado pro outro no centro da sala onde se encontravam ele,Sehun,Kai que estava deitado no sofá ouvindo música de bruços com a cintura sobre as pernas de D.O que assistia na grande tv a qual ChanYeol não parava de passar na frente até que umas almofada atingiu em cheio a sua cabeça.

- Yah, sua coruja por que fez isso?- ChanYeol se vira e pergunta com uma expressão inconformada para KyungSoo. 

-Por que eu estou assistindo meu dorama, e você está me atrapalhando com essas orelhas gigantes passando na frente.- KyungSoo diz de uma maneira rude e ChanYeol olha para JongIn. 

- Kai olha esse anão de jardim zóiudo me agredindo,eu estou sofrendo.

- Amor, coitado do dumbo não bate nele nã...aaai, por que fez isso.- kai diz acariciando sua bunda onde kyungSoo acabará de beliscar. 

- Não defenda ele e fique quieto se não quiser que eu belisque em outro lugar.- kyungSoo lança um olhar mortal a JongIn que apenas ascena positivo com a cabeça e lança um olhar para ChanYeol como se dissesse "desculpa cara,mas não quero apanhar" e volta a ouvir suas musicas.- E Você seu poste orelhudo, vai sentar ou vai querer um beliscão também?.- ChanYeol nada disse apenas foi se sentar ao lado de Sehun que até agora observava tudo calado.

- Pra que tanto drama cara? O Baek te ama.- sehun se pronuncia novamente depois de tanto tempo.

- Você viu?viu o jeito em que eles se olhavam?. - A verdade é que esse show todo de ChanYeol foi causado por nada mais nada menos que a gravação do Mv Dreams que BaekHyun estaria gravando junto com Suzy, a troca de olhares entre os dois fora deverás estranha para ChanYeol que sentia ciúme até do fio de cabelo que BaekHyun tinha no dedão do pé direito.

E seus pensamentos eram" será que ele não me ama mais?","será que ele vai me deixar?","eu vou resolver isso agora","não acho melhor esperar ele".

- cara vai logo buscar ele, você tá dando chilique hà uns quarenta minutos, daqui a pouco ele te liga por conta do seu atraso.- Sehun diz como se estivesse lendo os pensamentos
do amigo que arregala os olhos se lembrando de que tinha marcado de buscar BaekHyun na empresa por volta das 19:00hs e olha em seu relógio de pulso vendo que já estava dez minutos atrasado. 

- Droga.- diz se levantando apressado e pegando a chave do carro de SuHo pendurada na entrada da mansão e saindo apressado para que não se atrasasse mais, ou BaekHyun o mataria. 

Cerca de dez minutos depois ChanYeol estacionou na saída dos fundos da empresa para que ninguém o visse e logo BaekHyun entrou no carro.

- Oi amor,se atrasou em, o que houve?.- BaekHyun se inclinou para o lado dando um beijo na bochecha do namorado.
Por outro lado ChanYeol estava achando estranho BaekHyun não estar lhe dando um sermão por estar atrasado e blábláblá .
A verdade é que BaekHyun recebeu uma ligação de kyungSoo assim que ChanYeol havia saído da mansão e o amigo lhe contou sobre a crise de ciúmes de seu namorado, os dois riram ao telefone e BaekHyun disse que daria um jeito nisso.

BaekHyun já estava ficando nervoso com o silêncio do namorado que dirigia o carro sério sem nem ao menos apoiar a mão em sua coxa como costumava fazer toda vez que trocava as marchas do automóvel, de repente teve um ideia, estavam passando por uma rua totalmente deserta, eles já encontravam no bairro de gangnam próximos a mansão então o menor virou o volante para o seu lado com tudo e logo puxando o freio de mão fazendo o carro parar bruscamente em cima da calçada de uma loja que já se encontrava fechada.
BaekHyun abriu a porta do automóvel e se dirigiu para o banco de trás sem dizer uma única palavra e ChanYeol fez o mesmo sabendo que o silêncio do namorado significava" vamos conversar agora", mais o maior não estava disposto a ceder dessa vez aos caprichos do menor,pelo menos era o que pensava.
Ambos se sentaram no banco de trás e ChanYeol fazendo jogo duro continuou olhando para frente sem dar atenção ao menor que sorriu,

ChanYeol já estava na palma de sua mão e sabia que o maior não resistia a suas investidas.

- Channie. - chamou manhoso e o maior ao menos se moveu, então passou mão pelas coxas do maior, e vendo que o mesmo ainda continuava a te ignorar, em um movimento rápido sentou no colo do maior de frente para ele que vira o rosto para a janela.
- Channie olha pra mim.- BaekHyun diz virando o rosto do amado para si.
- Não precisa ficar com ciume,sabe porque? .- o maior nega com a cabeça,e então BaekHyun sela seus lábios e em seguida leva o boca até o ouvido do maior.
- Porque da fruta que ela gosta eu chupo até o caroço.

ChanYeol não pode deixar de soltar um riso baixo, pois é claro que ele sabia o jeito que o namorado tinha, sem papás na língua com certeza. 
BaekHyun aproveitando a distração do namorado suga seu lábio inferior e o solta em um estalo observando a vermelhidão que mesmo se encontrava após o ato.

-Você é tão gostoso Yeollie. - BaekHyun diz distribuindo beijos e chupões pelo queixo do maior logo descendo para o pescoço.

- Aahm anjo você vai se arrepender de ficar me tentando.- O maior disse baixo próximo ao ouvido do menor e sugou a ponta de sua orelha deixando com que sua língua deslizasse de cima abaixo e se deliciou ao ver a pele arrepiada.- Vou te fazer meu de uma forma que seu corpo não aceitará nenhum outro toque que não seja o meu.- BaekHyun gemeu esganiçado com a sucção que ChanYeol fazia em sua orelha.O menor entendeu muito bem o que o mais novo quis dizer com aquilo.

- Gosto de atitude e não de palavras.- Debochou o menor mordendo o lábio inferior e fechando os olhos.
- Não me provoque baixinho.- ChanYeol rosnou mordendo o pescoço menor com força e BaekHyun gemeu arrastado para logo seguir com os lábios até a orelha do maior.

- Porquê? Você vai fazer o que?.- Seus dentes aprenderam com força o lóbulo da orelha do maior que soltou um resmungo deleitoso, logo em seguida lambeu a região dolorida.
BaekHyun e ChanYeol apenas se separaram para tirarem as suas camisetas Ja logo se encontrando os dois com os troncos nus.
ChanYeol abaixou sua cabeça deixando sua língua deslizar pela pele do menor. BaekHyun tombou a cabeça pra trás enquanto saiam sons desconexos de puro prazer de sua boca.

A língua de ChanYeol passava pelo peitoral do mais velho deixando um rastro molhado, sua boca sugava e marcava a pele do outro e logo se afastou podendo ver os chupões roxosque haviam ficado na altura do pescoço.
ChanYeol admirou aquilo.

- Você é tão lindo...- o mais novo rosnou mordiscando os mamilos de BaekHyun e em seguida lambendo os deixando eretos, e passou a brincar gostosamente com a língua nos pequenos brotos enquanto BaekHyun maltratava sua cabeça, e Ja gemia em um tom alto.

Começou a chupar com mais força se deliciando com a rouquidão dos gemidos do menor, mordiscou com mais força podendo sentir o corpo do mais velho tremer acima do seu.
BaekHyun grunhiu e deixou o corpo deslizar entre as pernas do maior, e agradeceu pelo carro o amigo ser espaçoso pois apenas sentia suas nadegas encontrarem nos assentos da frete Ja que que estava praticamente no meio de ambos.
Beijou o abdômen do maior e pode ouvi-lo sussurrar.- Você quer me deixar louco.- deixou um rastro molhado com a boca até chegar no cós da calça do mais novo aonde levou suas mãos que antes se encontravam nas coxas do maior e abriu o botão, logo em seguida abaixando o zíper. 

- Esta é a intenção.- ditou o menor mordendo o lábio inferior e deu um tapinha na coxa do mais novo que entendeu o recado e ergueu o quadril permitindo assim o menor arrancar a sua calça e boxer, passou pelos pés e logo as peças de roupas Ja fazia companhia as outras no banco do passageiro a frente.

- Então está consegui...- teve sua fala interrompida assim que o menor agarrou seu membro e começou a masturba-lo vagarosamente, ChanYeol entreabriu os lábios soltando um gemido manhoso.

- Está gostoso?.- BaekHyun perguntou baixo e o maior gemeu tombando a cabeça para trás. 

-Baek...mais forte...por favor.- choramingar e mordeu o lábio inferior e BaekHyun aumentou a velocidade se deliciando com os gemidos desconexos do amado.

-Assim Yeollie.- sussurrou para o maior que apenas choramingou mais alto.
Levou sua boca até o membro do maior fazendo movimentos de sobe e desce e uma sucção que estava levando o maior a loucura.
O mais novo levou suas mãos até os fios de cabelo do mais velho e começou a ditar o ritmo dos movimentos, a visão de BaekHyun chupando seu membro o estava tirando toda a sanidade.
Quando percebeu que estava perto de atingir seu limite, fez com que o menor parasse seus movimentos.
BaekHyun entendendo o recado, levantou se mantendo inclinado por estar em um carro e Ja foi logo levando suas mãos ao cós de sua calça desabotoando-a e abaixando o zíper da mesma.

ChanYeol logo começou a ajudar o amado a retirar a calça e a boxer que tiveram o mesmo destino das suas e o ajudou a sentar-se em seu colo.

- Abre um pouco os vidros amor.- BaekHyun pediu baixo e assim ChanYeol abaixou minimamente os vidros que apesar do ar condicionado Ja começavam a ficar embaçados significando que o ar Ja começava a ficar rarefeito dentro do automóvel Ja que os corpos dos rapazes ali se encontravam em chamas.
ChanYeol levou três dedos a boca do mais velho, que logo começou a chupa-Los e a lubrifica-los com sua saliva, sabia que teria de ser preparado Ja que com a correria para as gravações, Ja faziam três dias que ele é ChanYeol não tinham um contato tão íntimo. 
Após os três dedos estarem bem lubrificados, ChanYeol direcionou a mão até a entrada do menor que inclinou um pouco as coxas elevando seu quadril, dando assim mais liberdade para o maior o preparar.

ChanYeol inseriu o primeiro dedo causando um pequeno desconforto no mais velho que abaixou a cabeça e a deixou sobreposta sobre o ombro do maior.
Inseriu o segundo dígito arrancando um gemido sôfrego do mais velho e começo a fazer movimentos de tesoura para alarga-lo, pouco tempo depois inseriu o terceiro, fazendo movimentos de entra e sai simulando uma penetração. 
Quando o maior achou que o amado Ja estava pronto para recebe-lo, retirou os dedos de seu interior fazendo-o gemer com o ato.

- Eu não tenho camisinha aqui.- ChanYeol disse encarando o menor.
Apesar de serem limpos,ambos optavam por usar a camisinha, até por que a mesma facilitava a penetração. 

- Tapado.- BaekHyun ditou divertido, o menor não se importava de transar sem, mais o maior pareceu ter entendido errado.

- Yah, Baek eu estava bravo com voçê também sai atrasado, até me esqueci.- ditou meio desesperado e com uma cara de quem dizia "eu não tenho culpa", BaekHyun riu.

- Ain bebê não quebra o clima.- BaekHyun se inclinou pra frente e beijou o maior levando sua mão até o membro do mesmo e o posicionou em sua entrada começando a sentar lentamente no colo do maior, sentindo a característica dor que Ja estava acostumado.

- Aahm, você é tão grande, tão gostoso.- BaekHyun subiu e desceu novamente no pênis do maior que gemeu com o ato e agarrou a cintura do mais velho.
BaekHyun gemeu alto ao que ChanYeol apertou sua cintura forçando-a para baixo enquanto o outro se forçava para cima e os dois seguiam nesse ritmo lento e prazeroso.
A dor ainda estava ali para BaekHyun, mais a cada investida era como se seu corpo entrasse em chamas.

- Dói...mais e tão gostoso.- BaekHYun franziu o cenho com os olhos meio fechados e mordeu o lábio inferior enquanto ainda se movia lentamente.
Os gemidos de ChanYeol eram desconexos e completamente desesperados para acelerar o ritmo. 
O maior mordeu o lábio com força enquanto apertava com ainda mais força a cintura do mais velho buscando controle.

- Baek mais rápido.- ChanYeol ditou sôfrego e então o menor o olhou o encontrando também com o cenho franzido mais ao contrário de si, se segurava para manter o controle e deixar o menor ditar o ritmo.

O mais velho se inclinou e capturou os lábios do maior e acelerou o ritmo em que subia e descia no membro do maior arrancando gemidos de ambos o que os fez quebrar o ósculo, colando assim ambas as testas e mantendo os olhares fixos um no outro que só foi desviado pelo mais velho que fechou os olhos Ja se sentindo cansado por estar se movimentando a tanto tempo e também pelo ápice que sabia Ja estar perto pelos espasmos que percorriam seu baixo ventre.

O maior vendo que o mais velho Ja estava perdendo o ritmo das investidas e gemia alto com os olhos fechados, percebeu que esse Ja estava perto do ápice e se sentia cansado.
Inclinou a cintura mais para baixo fazendo o mero parar de se mover com o movimento.
Sentiu os joelhos tocarem os bancos da frente mais não se importou.
Segurou a cintura do menor para cima e começou a estoca-lo e rápido e fundo, em uma das estocadas BaekHyun gemeu alto, então o mais novo passou investir mais vezes naquele ponto.

Os gemidos se mesclavam e se tornavam cada vez mais altos, o menor colou sua testa na do maior que grunhiu ao ver seus olhos semicerrados e sua expressão perdida em prazer enquanto sua boca entreaberta buscava ar e gemia manhosamente pedindo por mais.

BaekHyun enlouquecia ChanYeol. 

-Ahh...Channie...eu...eu.- sua voz saia como um choramingando fraco, ele estava perto.
Sem parar de movimentar seu quadril freneticamente ChanYeol levou sua mão até o membro esquecido do menor que escorria uma quantidade exagerada de pré-gozo e começou a marturba-lo sentindo-o inchar e pulsar em sua mão. 

Suas lamúrias aumentavam e o menor reviravam os olhos enquanto ChanYeol o estocava sem dó. 
O corpo do mais velho estremeceu e seu membro pulsou mais uma vez e em um gemido alto e rouco se desmanchou entre os dedos do maior.

ChanYeol observando aquela cena de tirar o fôlego e tendo seu membro sendo esmagado pela entrada do menor se desmanchou dentro do mesmo com um gemido esganiçado, agarrando a cintura do mais velho colando os corpos em um abraço desengonçado. 

O corpo de BaeKHyun relaxou sobre o corpo de ChanYeol e o maior deixou a cabeça tombar para trás com a sensação de letargia no corpo.
Após alguns minutos BaekHyun finalmente se ergueu fazendo careta com a sensação do membro Ja adormecido do maior deslizar de seu interior.

ChanYeol levantou a cabeça do observou o menor se sentar ao seu lado, logo se inclinando para frente e pagando as roupas de ambos entregando as do maior para si e lhe oferecendo um sorriso que foi prontamente retribuído. 
Após estarem devidamente vestidos, BaekHyun deu um jeito de limpar o banco do carro do amigo com alguns lenços de papel que achou no porta-luvas, o que deu certo e assim seguiram para casa, chegando lá em pelo menos cinco minutos, estavam realmente perto de casa.

Após chegarem, entraram em silêncio notando a sala totalmente vazia e a casa em um silêncio assustador, deduziram que os outros Ja deviam estar dormindo e só notaram quanto tempo ficaram fora por conta disso.

- Nós realmente demoramos.- ditou quase em um sussurro para o maior que concordou e pegou sua mão guiando ambos escada a cima em direção ao quarto que dividiam para tomarem banho.

O sexo que fizeram no carro foi realmente algo bem intenso,e sugou totalmente a energia de ambos que apenas tomaram um banho relaxante sem mais provocações. 
Deitaram na enorme cama de casal ao centro do quarto e dormiram abraçados, dormiram como se não houvesse o amanhã, só que tinha um porém, o amanhã realmente existia e os dois com certeza estariam encrencados com isso.

The End
 


Notas Finais


Vcs podem encontrar essa fic na minha conta do wattpad @AninhaLeaoChu

Vcs tem twitter ??
Adoraria conhecer vcs @AninhaLeaoChu

Até a próxima. .


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...