História Dreams And Reality (JIKOOK) - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Bts, Jikook, Jimin, Jungkook, Romance
Visualizações 20
Palavras 2.667
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Boa leitura!!

Capítulo 9 - 8-Outro ponto de vista


Fanfic / Fanfiction Dreams And Reality (JIKOOK) - Capítulo 9 - 8-Outro ponto de vista

JIMIN NARRANDO


Acordei com uma dor de cabeça terrível parecia que tinha alguém me espancando,eu sabia o pq de estar sentindo tudo isso,sabia que era por causa da bebida e que provavelmente estava de ressaca


Abri os olhos com dificuldade e para minha surpresa me dei conta de que não estava em casa.Um flash passou pela minha mente e eu lembrei de tudo o que acontecera ou pelo menos boa parte de tudo...Eu fiquei tão bêbado que JungKook teve que me trazer pra sua casa,isso era compreensível já que ele nem ao menos sabia onde a minha ficava.


Estava para me levantar quando vi que eu estava sem camisa,mas pq?,o que eu tinha feito para estar daquele jeito?.De repente a resposta para minha perguntou ficou clara,estava bêbado de mais e não consegui resistir ao charme de Jungkook;A dor só piorava e junto com ela vinha o arrependimento de ter bebido tanto.


'Como vou olhar para o kook depois dessa? Ele realmente deve ter se assustado com a forma que eu agi,se eu fosse mais forte por conta do álcool talvez até teria abusado dele e é isso que me preocupa.'Pensei


Eu precisava esclarecer as coisas com Jeon, mas como iria até ele depois daquilo que fiz,não tenho culpa se não consegui me segurar,era a bebida,além de Jungkook ser extremamente atraente e é lógico que eu tinha vontade de tocá-lo,porém,espero que ele não tenha percebido nenhum desses sentimentos em mim,não posso ficar com ninguém,não devo amar a ninguém,e menos ainda alguém tão especial quanto Kookie


Me levanto,e quando vou abrir a porta, JungKook a empurra para entrar no quarto,por conta das minhas atitudes, me afasto e volto a sentar na cama em que havia dormindo


-Você está bem?-Diz o menor


'Ele consegue chamar minha atenção de qualquer forma,mesmo agora com esse cabelo bagunçado e com essa expressão cansada'-Pensei


Literalmente me bati depois desse pensamento,oque eu tava fazendo??


-To bem,minha cabeça ta doendo muito


-E com razão né Jimin,você deve ter tomado todas as bebidas que tinha naquele bar


-Não exagera,eu experimentei um copinho de cada só (Sorrio para ele)


Ele sorri de volta dizendo


-Não duvido nada


-Kookie


-Diga!


-Me perdoa pelo que eu fiz ontem?


-O que?,ter ficado bêbado? Não tem que pedir perdão por isso..e sobre eu ter te trazido pra cá,faria isso para qualquer um dos meus amigos


Eu o olhei surpreso


-Você bebeu ontem?-disse


-Não muito,pq?


-Você realmente não se lembra?


-Me lembro do que Jimin?


Jungkook se lembrava do que Park estava falando,só não queria entrar nesse assunto pq querendo ou não era o melhor a se fazer


-Você se lembra do que eu fiz?


-Depende do que está falando


-OHH,JungKook eu praticamente te agarrei ontem...-disse indignado por ele não se lembrar


-Ah isso..


-ISSO?,kook você tem que me perdoar,eu nunca faria aquilo,estava fora de mim naquele momento,me desculpa por favor


'Nunca faria aquilo?'Pensou kook


-Calma Jimin,você não tem culpa,entendo que estava sobre efeito da bebida então não se preo...-ele parou de falar


E eu comecei a chorar,estava magoado,meu coração ainda partido por conta de Celeste,Lógico que não sentia mais nada por ela,porém aquelas lembranças me atormentavam dia e noite


-O que houve Park?


-Tive motivos para beber ontem!


Ele rapidamente se tocou


-Ah Celeste


Ouvir o nome dela fazia tudo doer ainda mais


-Eu a amava Jungkook,nunca havia amado alguém daquela forma,ela me traiu e foi capaz de dizer que não era a verdade,eu não merecia isso,realmente não merecia!!!


Tudo que eu precisava naquele momento era um abraço,queria ser consolado,mas tinha certeza que Kook não teria tal atitude,então nem esperei isso dele...


JUNGKOOK NARRANDO


Sabia o que Park estava sentindo,mesmo sem ter passado por essa situação,isso era complexo de mais e queria ajudá-lo mas não sabia como,então apenas o abracei,tentando acalmá-lo de alguma forma


Ele estava surpreso,não me abraçava de volta,e eu não entendia o pq,depois de alguns segundos senti seus braços na minha cintura,e percebi que o mais velho voltara a chorar,não sabia o que fazer,me doía o coração vê-lo daquele jeito e não poder fazer nada,então disse a primeira frase que veio em minha mente


-Tudo vai ficar bem,confia em mim!


Park permaneceu mais alguns instantes ali,tudo parecia perfeito e completo,não sei quando comecei a sentir isso,mas assim que ele desfez o abraço,o vazio que havia dentro do meu peito,voltou,sem nem ao menos me deixar aproveitar mais alguns minutos


-Obrigada kook-diz limpando as lágrimas que escorriam de seu rosto


-Magina,me perdoa por não saber direito como agir nessas situações


-Você fez bem!eu não estava esperando isso,mas precisava desse abraço,então por favor,não peça perdão por nada-sorri


-Ok então


-Bom agora acho que tenho de ir para a minha casa,já incomodei o suficiente


-Que nada,você vai me fazer companhia a tarde toda,não tenho nada para fazer hoje


-Ah Kookie não quero perturbar você!!


'Como se isso realmente fosse acontecer'Pensei


-Deixa de ser bobo,isso não é um convite é uma ordem-Pisquei para ele


-Ta se vingando é?


-Uma hora sempre chega a nossa vez de se vingar -ele ri


-Ok então,eu fico,MAS SÓ PQ É UMA ORDEM-Diz ele em tom de deboche


-Aish Jimin não é piada,querendo ou não você vai ficar aqui sim,agora vamos,se arruma,que nos vamos ir tomar café em algum lugar


-Ah kook?


-O que é?


- Eu não estou com outras roupas aqui!-diz ele com o rosto corado


'Sério mesmo que vou ter que emprestar uma cueca minha pra ele tomar banho?'Pensei


- Eu te empresto,vem!


Ele continua vermelho,parecia não estar muito a vontade com aquilo também.


Entrego as roupas para ele que em seguida entra no banheiro,enquanto eu procurava uma escova de dente nova que eu comprara semana passada,para deixar de reserva,acabei me prevenindo sem nem ao menos saber o que ia acontecer.


Ainda estava procurando a escova em minha cômoda quando Park sai do banheiro do quarto,só de toalha,e com os cabelos molhados


'JESUS,ELE É UM DEUS GREGO E NINGUÉM SABE,SÓ PODE'Pensei


Balancei a cabeça para esquecer esses pensamentos,Jimin só observou minha reação,achei que ia fazer um comentário idiota sobre o assunto mas não o fez,apenas me olhou esperando que eu saísse do quarto,quando percebi o que queria,corei,e ele gargalhou.Saí voando dali como se nada tivesse acontecido.


Ele abriu a porta saindo de lá,e me encarou novamente


-O que foi?-perguntei


-Você está corando de novo- diz ele sorrindo


Sinto minhas bochechas queimarem,e escondo o rosto com as mãos


Ele apenas ri e comenta


- Você fica fofo assim!


'ISSO,CONTINUA,ME ILUDE MESMO PARK JIMIN'Pensei


-É Oque?


-Só falei a verdade-diz rindo


- As vezes acho que você não é tão hétero assim- comentei rindo


- E teria algum problema se eu não fosse?-diz ele sério


- Não, estava apenas brincando,mas pera ai,você gosta de...-travei


-Sim JungKook,gosto de ...,homens,quer que eu explique direitinho ou você já entendeu?-percebi que ele não ia dizer a palavra 'homens' que bom que não disse o que ia dizer com aquele tom de deboche novamente,mas dessa vez apenas sorriu


'PUTA MERDA!'Pensei


- Não precisa,já entendi,por isso você estava quase comendo aquele cara no bar


- Não me lembro quem era,oque aconteceu?


-Aish Jimin,você quase transou com o cara..


Ele parecia surpreso


-COMO?


- Isso ai,e ele era feio só pra sua informação


-Tu me tirou de lá né?


- Como sabe? Você falou que não se lembrava


Se aproximou,tocando o meu pescoço,senti um arrepio percorrer meu corpo todo lembrando de como ele me tocara na noite anterior,depois senti uma dor aguda onde havia acabado de tocar,me afastei


-Esse roxo aqui entrega tudo!Obrigado de novo-diz ele


- Ele ia te obrigar a fazer aquilo,eu não sabia se você queria,então tive que fazer algo


- Eu ia perder minha virgindade com um cara feio,desconhecido,que estava bêbado e que estava louco para abusar de mim


'Quem não estaria louco para abusar de você?'Pensei


-Virgindade?-disse desconfiado


-O que? Não acredita que ainda sou virgem?


-Não mesmo -disse rindo


-Ah,você só diz isso pelo que viu no bar


-Exatamente


-Nunca passei daquilo com ninguém..


-Nem com a sua ex?


-Nem com Celeste,não sentia esse tipo de atração por ela,e sei lá,ela se oferecia muito o que a tornava ainda menos interessante-comentou


-Uau Park Jimin é virgem!!


- Zoa mesmo,não tenho culpa se você é bem mais experiente que eu


'Mal ele sabe que eu também sou,melhor nem comentar'Pensei


-Posso perguntar uma coisa bem aleatória?


-Claro-disse ele


-Celeste disse que você ficou com a melhor amiga dela depois que viu ela te traindo,isso é verdade?


Ele apenas me olhou como se a resposta já estivesse em seus olhos,e realmente estavam


-Ah,ela mentiu,não me surpreende-eu disse


-Na verdade ela acha que fiz isso,pq foi o que espalharam,porém,não eu não fiquei com nenhuma amiga dela,um tempo depois que terminamos eu percebi que não sentia mais nada por mulher nenhuma e isso mudou todo o meu ponto de vista


-Entendi,então isso é uma forma de 'vingança'??


-Talvez seja-sorriu malicioso


-Você é mau


Ele ri


-Vamos então?


-Claro


Entramos no carro do Tae indo para a avenida,eu estava torcendo para que ele não visse a gente saindo com seu carro.


Jimin colocou uma música para tocar em seu celular depois que disse a ele que aquele pen-drive de V só tinha coisas pessoais


-Canta kook..


-Eu não,canta você Jimin


E então sem rodeios,ele começou a cantarolar a música que havia escolhido


E meu queixo caiu.


QUE VOZ DO CÉU ERA AQUELA??


Eu parei o carro em frente ao café,olhando-o boquiaberto


-Caramba Park


-Que foi? Diz ele empolgado


- SUA VOZ ME TIROU O CHÃO E VOCÊ ME PERGUNTA O QUE FOI?


Ele ri,mas não igual das outras vezes,foi uma risada verdadeira e sincera


-Eu não canto pra ninguém,se sinta especial


-Nossa que honra,to brincando não ta,Jesus,você poderia ser K-idol


-Eu sou muito tímido para isso-reparei q suas bochechas coraram


Toquei nelas e ele corou mais ainda


Sorri


-Você fica fofo assim!-Repetindo o que ele havia dito mais cedo


Ele ri


Entramos no café,não estava cheio,mas havia algumas pessoas ali.Nós nos sentamos na mesa do fundo,fizemos nossos pedidos,e quando eu ia perguntar algo a Jimin escuto alguém,atrás de nós, falando alto de mais


-NUNCA VOU DESCOBRIR QUEM ERA SE VOCÊ NÃO ACREDITAR EM MIM TAEHYUNG


Eu reconheceria em qualquer lugar,era Jin e Tae,(SIM ESTAVA REZANDO PARA QUE ELE NÃO REPARASSE NO CARRO),Tae estava com uma cara péssima,conseqüência de toda aquela bebida tbm,Jin se levantou e saiu,V nos reconheceu


-Olá!


-Oque houve?


-Seok já te falou que é pra ir lá mais tarde né?


ASSENTI


-Então,aconteceu uma coisa na festa ontem,ele precisa de você,então assim que você terminar de fazer 'as coisas' com o Jimin vai até lá por favor,Jin ta surtando!


-As coisas?


Ele pisca pra mim e sai


Jimin ri


'PQ JIMIN SEMPRE ENTENDE E EU NÃO?'


-O que ele quis dizer com isso?


-Nada não deixa pra lá- ele sorri


Nossos pedidos chegaram,Ele havia pedido um café expresso e um pedaço de torta,eu pedi um suco natural e um sanduíche


-Me diz mais sobre você


-Tipo?


-Oque gosta de fazer,hobbys,interesses pro futuro etc.


-A não tem muito o que falar de mim


- Me tira uma dúvida?


-SIM!!


-Você mora sozinho mesmo?


-Aham,infelizmente,meus pais faleceram em um acidente a algum tempo,..


Tentei não deixar transparecer minha tristeza em relação a morte dos meus pais,essa ausência deles era algo que ainda me machucava e provavelmente me machucaria pra sempre


-Eu te fiz uma pergunta na loja a uns dias atrás você se lembra?


Tentei me lembrar de coisas que ele havia dito e a única pergunta que me lembrei foi


QUAL É O SEU SONHO?


E isso foi antes da vaca entrar,então prefiro fingir que não sei


-Não lembro Park


-Eu havia perguntado qual era o seu sonho..


'NO MOMENTO É VOCÊ!'PENSEI


-Ah,então,meu sonho está bem longe de ser alcançado,a não ser que alguma oportunidade enorme caia do céu e me ajude a torná-lo mais fácil


-É meu sonho tbm é difícil de se concretizar,fala qual é o seu!


-Fala você primeiro


-Então falamos juntos


-Ok


-1..2..3..-CONTOU PARK


-ME TORNAR CANTOR-FALAMOS AO MESMO TEMPO


-PERA


-QUE?-eu disse


-VOCÊ..?


-TEM O MESMO SONHO QUE EU?


-Se tornar cantor..


-Debutar em um grupo


-E REALIZAR UM SONHO?-dizemos juntos de novo


-Isso é incrível


-Exatamente


-Estou surpreso,você disse que era tímido


-E sou ,mas isso não me impede de sonhar


-Não mesmo!Sonhos são bons,eles até podem nos trazer pessoas boas pra mais perto


-Assim como você-disse ele sorrindo


Conversamos sobre o assunto por mais algum tempo,quando dou a idéia de irmos para casa assistir filme na TV,Jimin nem hesitou pra me dar uma resposta ele tbm adorava.


Cheguei abri a porta,já eram duas horas da tarde,isso significa que eu e Jimin ficamos mais ou menos 1 hora e meia conversando naquele café,coloquei uma pipoca para estourar no microondas,enquanto fui ligar a TV para escolhermos qual iríamos assistir


JIMIN NARRANDO


Kook estava agachado perto do balcão,eu apenas o observava, já que por não saber onde as coisas ficavam, não podia ajudar em nada


-Jimin,a pipoca!!


Corri e peguei a pipoca no microondas,coloquei no pote que ele já havia deixado em cima da mesa, e fui para a sala,Sentamos no chão mesmo,e escolhemos assistir um de romance


Jungkook reclamou sobre o filme coisas como 'Ele deveria se declarar pra ela', 'ele a ama pq não faz alguma coisa', 'ela vai morrer e ele vai perder a maior oportunidade da vida dele'.


Cerca de 30 minutos depois estava deitado em meu ombro,dormindo,parecia estar sonhando com algo,e eu comecei a acariciar seus cabelos.


Ele é tão lindo,de perto fica ainda mais bonito,eu não entendo como ele continua sozinho,talvez por fugir de mais ,geralmente as pessoas daqui procuram por relacionamentos fáceis e liberais, kook com toda certeza era alguém muito especial,e seja quem for que o menor amasse,essa criatura seria a pessoa mais sortuda do mundo por tê-lo.


Comecei a acariciar novamente seu pescoço,sim eu me lembrava da noite anterior e sabia que eu havia o tocado ali,desci minhas mão para suas pernas,que estavam me convidando,ele gemeu meu nome.. Eu me assustei pois ele dormia,então estava realmente sonhando..


'ELE ESTÁ SONHANDO COMIGO?...' ESSA PERGUNTA SURGIU EM MINHA CABEÇA


Varias coisas começaram a se passar em minha mente,mas eu já não estava mais prestando atenção nas teorias que ela estava criando,adormeci,com a cabeça encostada em Kookie


JUNGKOOK NARRANDO


Eu havia dormido o filme todo Park deve estar revoltado,Acordei,Porém assim que abri o olhos quase infartei,eu e Jimin estávamos a alguns centímetros um do outro, eu gritei e cai pra trás


'MEU DEUS DO CÉU,OQUE ACONTECEU AQUI?'


Jimin foi com o rosto em direção ao chão e eu o segurei a tempo,ele acordou


-UÉ,oque aconteceu??


-Nada eu só me assustei pq acordei no seu ombro


Ele corou


-Não fique envergonhado,eu achei que estava na minha cama


Ele ri


Olho no relógio e já são 9 horas,Jin iria me matar se eu chegasse la depois das 10


-Kook, meu deus já são 9 horas


-Sim,dormimos muito


-Você precisa ir no Jin e eu tenho que ir pra casa,amanhã temos trabalho pela frente


A gente foi lavar o rosto no banheiro,Jimin pegou suas coisas e colocou no carro,entramos e então fui levar ele em sua casa.


Quando chegamos não me surpreendi a casa era sua cara,era linda e parecia muito confortável


-Quer entrar Kook?


-Tenho que ir falar com o Jin,quem sabe outra hora- sorri


-Obrigada por tudo,pelas roupas,por ter me deixado te incomodar o dia todo...


-Que isso!,foi um prazer!Deveríamos fazer mais vezes.


-Sim-ele corou novamente


-Quer que eu passe te buscar amanhã?Vou devolver o carro para Tae só de tarde-pergunto


-Eu vou com o meu..


-Ele ficou na frente do bar...


-AISH!,então acho que aceito!


-Preciso ir-digo a ele


Fomos nos despedir com um abraço,mas sem querer nosso lábios quase se encontraram,e nós dois travamos,um choque novamente me percorreu,ele parecia ter sentido o mesmo,será que ele sentiu?


-Ah,Tchau Kookie,-obrigada de novo..


-Imagina,Tchau...


Saí dali,indo em direção a casa de Jin,mas meus pensamentos estavam longes,eu acabei de 'QUASE' beijar o Jimin,estava surtando por dentro, nunca havia sentido isso,será que aquilo era normal?Ou eu estava pirando?



Notas Finais


★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★


Nota da autora
Oiii!Tudo bemm?? Espero que sim!!
Essa é minha primeira fanfic ,me perdoem se houverem erros,espero que eu consiga agradar a todos vocês
Obrigada por lerem!!!! 
사랑해 ( SARANGHAE)😍


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...