História Girl's Dream- INTERATIVA - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias AOA, Apink, ASTRO, Bangtan Boys (BTS), Black Pink, CrystaL Clear (CLC), EXID, EXO, F(x), Fiestar, G-Friend, Girl's Day, Girls' Generation, Got7, I.O.I, Laboum, Mamamoo, Miss A, Monsta X, Oh My Girl, Pristin, Rainbow, Red Velvet, Seventeen, Sistar, TWICE
Personagens Baekhyun, Eunwoo, Jackson, Jungkook, Kim Mingyu, Won Ho
Tags Interativa, Personagem Original, Romance
Visualizações 44
Palavras 1.385
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - Yoon Minji


Fanfic / Fanfiction Girl's Dream- INTERATIVA - Capítulo 3 - Yoon Minji

Tempo restante para o debut: 30 dias

 

Beleza

Um dos maiores quesitos para boa socialização, imposto em um padrão específico para que o ser humano consiga separar o popular do excluído. Para muitos, a “beleza” é um sonho inalcançável e que deve ser trabalhado ao longo da vida inteira em busca da aceitação dentro do padrão, enquanto para outros, não passava de um detalhe que podia ser ignorado, mas isso não era para muitos.

 

Yoon Minji era uma jovem coreana que trabalhava numa cafeteria local e enquanto observava um grupo notavelmente bonito entrar, surgiu tal pensamento em sua mente. Haviam sete pessoas no total, sendo que somente uma era mulher e o resto tudo rapazes com jeito de famoso, usavam bonés, máscaras e óculos como se temessem serem reconhecidos por algo.

 

-Posso anotar o pedido de vocês?- perguntou a menina com um sorriso tímido, ao se aproximar da mesa.

 

Mesmo de longe, Minji já havia reparado que aquele grupo de amigos era bonito mas ao se aproximar e de fato reparar, ficou um pouco surpresa o quão bonito eram tais pessoas. Principalmente a menina e mais um rapaz de cabelos negros, podiam ser confundidos com um casal, ao mesmo tempo, tinham um jeito mais leve, diferente do que se vê nos relacionamentos hoje em dia.

 

-Eu vou querer um chocolate quente, por favor.- pediu a desconhecida, com um sorriso animado- Vamos ver, dois expressos, esse aqui vai querer um chá, suco para aqueles dois e, Eunwoo, não vai pedir nada?

 

O tal de Eunwoo, era o rapaz que chamará a atenção Minji. Ele era estranhamente familiar, mas ela não sabia dizer da onde, tinha certeza que era a primeira vez dos amigos na cafeteria, mas então onde teria o visto?

 

-Se importa que eu decida depois?- perguntou Eunwoo envergonhado, abrindo um sorriso pequeno -Gosto de olhar antes de decidir.

 

-De modo algum, fique a vontade. Logo trago o pedido de vocês, com licença.- pediu Minji, se afastando e indo em direção ao balcão preparar as bebidas, apenas quando chegou à área das máquinas de café foi que percebeu que o rapaz a seguiu e que agora, analisava distraidamente os salgados e doces expostos por ali.

 

POV´s Minji

Enquanto preparava os sucos, minha mente teimava em perguntar sobre o moreno próximo a mim, havia ficado extremamente curiosa em relação a ele, mas não sabia explicar o motivo.

 

-Moça?- chamou o rapaz, chamando minha atenção- Você confeita esses biscoitos?

 

-Sim, tem alguns doces que o confeito já está pronto e outros, o cliente pede e confeitamos na hora.

 

-Entendo, hã… desculpa, mas como se chama?- perguntou o rapaz que novamente parecia envergonhado, pois exibia um sorriso tímido

 

-Sou Yoon Minji, senhor. Gostaria que eu confeitasse algo?

 

-Por favor, se você não se importar,  Eunwoo está ótimo, senhor soa muito formal

 

Não respondi, apenas acenei com a cabeça de forma educada. Estava terminando o segundo suco quando Eunwoo me chamou, escolhendo o doce que queria que eu decorasse, algo bem simples, era apenas uma bolacha doce com cobertura de chocolate e um suspiro em forma de flor.

 

-Vou levar as bebidas, prefere que eu leve o doce agora ou espere o seu pedido?- perguntei sorridente

 

-Eu prefiro levar na verdade.- falou calmo, pegando o pequeno prato com as duas mãos.

 

Observei o maior se virar e levar o doce até a mesa com os amigos, dando lhe para a garota que chegará junto com ele, toda feliz a desconhecida se emocionou e abraçou Eunwoo, recebendo um beijo em sua testa, naquele momento pensei o quanto aquela menina era sortuda e acabei ficando feliz por ela.

 

-Aqui estão seus pedidos, seu chá e o suco dos senhores, e o chocolate…- ao tentar pôr a xícara com a bebida quente na mesa, segurei errado o pires, fazendo tal líquido cair no ombro e peito moreno, que não conseguiu disfarçar a careta de dor- Me desculpa, Eunwoo, eu sinto muito.

 

Todos os outros na mesa pareciam surpresos com o ocorrido, mas a menina se mostrava divertida com a cena, segurando o riso e encarando fixamente o podre e molhado rapaz que tentava não rir junto, enquanto eu passava um enorme sufoco devido ao silêncio do rapaz.

 

-Teria algum lugar mais reservado para que eu possa lavar minha camisa?- perguntou ele, finalmente me encarando- Não se preocupe, foi apenas o susto.

 

-Por favor, tem um banheiro dos funcionários, eu te levo lá, me permita limpar a sua blusa- minhas bochechas denunciavam minha vergonha e sentia meus olhos arderem, realmente queria chorar

 

Com um aceno curto, pedi licença e guiei o moreno para dentro da cafeteria, pedindo para que outra moça assumisse o balcão para que pudesse cuidar de meu erro, sentia Eunwoo atrás de mim, andando distraidamente, observando tudo com certa curiosidade, pelo jeito ele não andava muito por cozinhas de cafeteria.

 

Ao passar da cozinha, havia um curto corredor com paredes claras e alguns quadros de café e retratos de funcionários, nele havia entrada apenas para dois cômodos, o escritório e o banheiro coletivo, bati na porta, esperando uma resposta que não veio, significando que estava vazio.

 

-Por favor entre, eu vou procurar algo para você por, enquanto eu limpo sua camisa- expliquei tímida, sentindo minhas bochechas pegando fogo.

 

Não esperei ele me responder, apenas fui em direção ao meu armário que ficava mais ao fundo e rezei para que ainda estivesse guardado minha camisa de entrega, que ficava extremamente larga em mim, possivelmente cabendo nele, por sorte ou coincidência, a mesma estava lá, pendurada e bem passada dentro do meu armário, esse que fechei assim que a peguei.

 

-Eu achei uma camisa, está um pouco usada, espero que não se importe e- travei.

 

Ao voltar para perto do rapaz não imaginei que o mesmo já se encontraria sem camisa, todo envergonhado de estar com o tronco nu para uma desconhecida, mas podia imaginar que tem tinha o vermelho de vergonha nas bochechas era eu mesma. Não podia deixar de reparar no porte físico do rapaz, o perfeito padrão coreano.

 

-Obrigado, não precisava.- ele parecia desconfortável sem camisa, mesmo que negasse ele parecia feliz ao ver que não ficaria exposto e aceitou rapidamente a blusa que eu havia lhe emprestado -Yoon Minji, esse é seu nome?- perguntou sorrindo, lendo em voz alta meu nome no crachá da roupa.

 

Concordei com a cabeça, concentrada em tirar a mancha amarronzada daquela camisa branca e simples. Tinha que ser eu, imagino o desconforto dos amigos, estraguei o clima, mas o que posso fazer?

 

-Você sabe que foi um acidente, certo?- como se conseguisse ler minha mente, Eunwoo começou a me acalmar- Quero dizer, não foi culpa sua, acidentes acontecem, esse foi divertido pelo menos.

 

Mesmo que eu continuasse a me sentir culpada, o jeito que o rapaz falava me deixava mais calma, ele parecia bem tranquilo, apoiado na parede próximo a mim, rindo das caretas que eu sem querer fazia, talvez tenha sido apenas um acidente engraçado. Continuamos a conversar, ele havia me contado que fazia parte de um grupo e que logo debutaria, por enquanto estavam apenas se apresentando em praças e eventos pequenos, talvez por isso que tenha achado seu rosto familiar, ele já trabalhará com moda e seu rosto tinha estampado diversas revistas populares, também contou que hoje era um dia de folga e que por isso tudo se tornava bom aos olhos deles, pois era um dia livre e calmo.

 

-Caso não a mancha não saia, fique com um pouco de dinheiro para mandar na lavanderia- ofereci tímida, tentando não deixá-lo ofendido- É o mínimo que eu posso fazer, por favor aceite.

-Não seja assim, Minji. Não houve problema nenhum, não posso aceitar seu dinheiro, sinto que te devo um agradecimento, tornou meu dia mais divertido- Eunwoo parecia muito sincero em suas palavras e confesso que me sentia bem por causa da forma que ele sorria- Obrigado Minji.

 

Nesse momento, minha colega de balcão entrou no banheiro, me chamando toda apressada pois um grupo de crianças entrou na cafeteria e estava quase destruindo o balcão, não sabia muito bem o que podia fazer, mas despedi de Eunwoo, o deixando a vontade para se trocar ou não, com a pressa de minha amiga não tive tempo de instruí-lo, mas ao fechar a porta, sem querer o escutei dizer:

 

“-Ela é fofa”

 


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...