1. Spirit Fanfics >
  2. Droga... Eu amo meus irmãos. >
  3. Puberty I

História Droga... Eu amo meus irmãos. - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


UwU parecem que 6s gostaram né?🍡💕💦

Capítulo 2 - Puberty I


Fanfic / Fanfiction Droga... Eu amo meus irmãos. - Capítulo 2 - Puberty I

•Puberdade•

Um pouco mais tarde daquele mesmo dia.

Em uma casa grande, o banheiro era uma questão de pontualidade e.... SOBREVIVÊNCIA tipo com tantos irmãos e um pai, ter privacidade era quase impossível!

Então para cobrir os gastos, os meninos tomavam banho juntos e Hinata,Hanabi e eu tomamos juntas bem eu sinto falta de tomar banho sem cueca mais okay...

Ainda tenho seios embora não sejam tão ... Robustos e enormes quanto os da minha irmã, mas e... E a vida.

São mais ou menos cinco e meia da manhã e infelizmente temos que ir pro colégio, menos o Itachi e o Neji porém ambos trabalhavam e não eram porcos *rsrs*.

– Hinata: Imouto-chan, pode segurar um pouquinho a Hana?

Pediu gentilmente.

Hinata e eu estávamos na porta do banheiro esperando os bonitos terminarem o banho, qual e eles não tem quase nada pra lavar! Ela com seu pijaminha de raposa, Hanabi só de fraldinha e eu com um conjunto rosa de calça e camisa longa.

Peguei a pequena que estava inquieta, comecei a brincar de "cadê o bebê" e a pestinha fez a mesma cara irônica de Sasuke. – Puff! Essa aí teve a quem puxar! — Reclamei e Hinata riu.

– E porque você tem que fazer um carinho na barriga dela, ela gosta. 

A perolada pegou a pequena e demonstrou o carinho na mesma hora a morena riu e mexeu o corpinho

Essa menina e seletiva tô dizendo!

– Onee eles tão demorando muito!

Reclamei. Fazendo bico, Hina apertou minha bochecha. 

– Não sei como tu e o Nii-san Tachi conseguem ser tão tranquilos.

Cruzei os braços.

– E fácil Imouto, você já devia ter se acostumado com tanto homem em casa!

A morena afirmou, eu tinha uma boa resposta porém a saída do grupinho maravilha me distraiu.

– Otosan: Ohayo Hina, Sakys e Ooow — Papai carregou Hanabi – Minha pequena nanabi! 

Colocou a boca sobre a barriguinha da bebê fazendo um belo "puuuff" – Você vem comigo meu anjinho.

– Neji: E ele nem tem um filho favorito.

Alfinetou o moreno, que UAU!? Nii-San!??? Neji estava apenas de hobby branco com bordas cinzas eu nunca reparei nisso.

Corei internamente, minha inner que a muito tempo não se manifestava ficou com estrelas nós olhos ESSE E MESMO SEU IRMÃO!?

Ela perguntou, balancei a cabeça me perguntando o que tinha acontecido.

– Itachi: Eu espero vocês lá embaixo, não demorem meninas a escola abre daqui a 1h30m e a mamãe teve que ir mais cedo pro trabalho.

– Naruto: Nii-San porque você não fez omelete. — Provocou.

– Itachi: vai se fuder.

Soltamos uma gargalhada enquanto o mais velho dava as costas.

– Sasuke: Kkkkk vocês são cruéis, mas sério pensam desculpas depois o Itachi puto e igual a ficarmos sem comer literalmente. 

Sasuke desceu as escadas juntamente com Naruto.

– Hinata: Não vai com eles?

Perguntou confusa.

– Neji: Tenho que arrumar o cabelo, mas e melhor vocês se apressarem.

O perolado deu as costas então Hina e eu entramos no cômodo.


Como de costume Hinata ligou a banheira no quente, jogando alguns produtos para fazer bolhas no recipiente.

Dei os ombros e retirei as roupas e ela fez o mesmo ritual seguindo para o chuveiro.

Qualquer poderia considerar estranho mas e tão da rotina que eu dormo de cueca, sério. Só de cueca.

– Onee, quando pensa em dar logo um beijo no Kiba.

Hina corou enquanto se ensaboava.

– IMOUTO-CHAN! isso n-não e assunto... Pra criança!

Ela gaguejou achava tão fofo isso, ela toda adulta e mesmo assim tímida igual uma adolescente de 12 anos.

– Até parece. Ah Onee! Tenho certeza que ele quer muito até diria que...

Fiz uma cara safada.

De lá do box ela me tacou um sabonete e cair na risada. 

Sorte que estava na banheira.

– As coisas tem que acontece naturalmente imouto-chan, não e assim... Do nada.

Ela explicou enquanto a água caía sobre seu corpo, um estranho arrepiou surgiu em mim. 

Nunca tinha parado pra reparar na Hina antes, ter seios fartos okay impossível de não se reparar mas...

Essas curvas, céus ela parece que não pega sol e... São tão rosinhas... CÉUS!?.

DROGA! DROGA! 

O que está acontecendo comigo hoje?

Primeiro o Neji e agora a Hinata?

- Inner: Hormônios princesa, puberdade tá aí 

E falando nisso. Ela estralou os dedos.

*Amiguinho acorda*

Me encolhi na banheira, meu rosto ficou totalmente vermelha.

– imouto? Tudo bem?

Hinata estranha.

Céus não olhe pra mim!

Acenei com a cabeça.

Inner: e por culpa sua fiquei de pau duro.

Me reepreendi mentalmente.

– Hina ainda vai demorar muito aí no chuveiro?

Perguntei quase tentando um infarto. Não dá pra fazer isso na banheira com essa água quente.

Confusa Hinata desligou o chuveiro. 

Para de me olhar Onee!!!

– Sakura, já estou começando a me preocupar!

– E... Que... Eu quero muito mas MUITO mesmo... E fazer que humilhação Xixi.

Apertei os olhos.

Hinata franziu. – Faz na banheira ué. 

Ela ligou o chuveiro de novo

Puta merda.

– Hina eu preciso muito muito mesmo!

Ela ignorou.

Minha mão involuntariamente foi até meu pau SAKURA SENJU UZUMAKI! 

– HINATA POR FAVOR!

Gritei. Oooopa.... Acho que toda casa ouviu.

Um fato: Os meninos falavam alto pra caramba ou seja mesmo no segundo andar dava pra ouvir perfeitamente o que eles conversavam. E eu havia gritado.

– Imouto-chan d-esculpa eu n-

Ela pegou uma toalha e correu para fora do banheiro.  O que eu acabei de fazer com minha onee?!


Outro fato: Hinata era muito sensível... Tanto que.

*Flashback*

Aniversário da Hinata oito anos quintal.

– Hiashi: DALE MINHA AFILHADA!

Hinata saiu correndo.  E ela estava tentando quebrar uma pinhata.

Off

E... Eu nunca tinha gritado com ela na vida. Assim que resolver meu pequeno problema converso com ela.


Carro do Otou-san

– Não acredito que gritou com sua irmã! Deve ter sido bem séria, pra seus irmãos não te deixarem entrar no carro.

– Hanabi: Sacula baka 

Hanabi que mordia um patinho de borracha no banco de trás se pronunciou.

– Essa menina me odeia tô dizendo.

Revirei os olhos. – Otou-san foi sem querer....

Me lamentei.

– Não a nada no mundo que justifique sua at-

– Eu tava de pau duro.

Um silêncio constrangedor.

– Hanabi: Vish 

SÓ EU OUVIR ISSO?!

– É... A não ser isso...



Colégio

(Konohagakure School)


– Ino: nossa SAKU-

Coloquei minha mão na boca dela.

– Ino quieta! Quer que o banheiro todo saiba!

– Foi mals, mas tipo! Tá um Neji e o tesão em pessoa até eu cometeria um incesto com ele. — Ino comentou com aquela cara de safada que só ela tem. – Mas a Hinata e novidade. 

– Eu até iria perguntar o porquê mas... Isso já e muito bizarro.

– Oras porque!? Ela e uma garota e você toda hétero.

– Até pra mim essa e nova.

Disse ligando a torneira e jogando água no rosto.

– Puberdade Sakura... Você não pode lutar contra seus desejos por muito tempo.

Fiz uma careta. – Que saber eu vou arrumar e alguém, não posso levar esses absurdos adiante.

– Soube que o Sasori do terceiro ano tem uma queda por você.

Arregalo os olhos. – Sasori? Tipo o-

Ela me corta.

– Sim gata! Sasori-kun o ruivinho sedução mestre da manipulação de estratégias nós tigres de Konoha! E cá entre nós e todas as garotas.

A loira me chamou com o dedo.

Ele deve ter um pau maior que o seu! A lenda dos 42cm deve ser verdadeira.

Corei. – Puff! Eu não sou um monstro não Ino, e você sabe bem disso.

– Ata.

Ergui a sobrancelha. – Que?

– Sakura eu não vejo seu amiguinho desde que tomávamos banho na banheira juntas e isso faz anos.

– Tudo que você precisa saber e que... Isso e mentira. 

Ela fez cara de cachorro pidão.

– Você tá na seca né?

Perguntei.

– Claro que eu estou! O Sai tá estranho comigo desde que fez amizade com o professor Yamato.

Cresci meus olhos céus...

– Ele?... Ino.

Ino negou.

– NÃO! NÃO! que dizer eu espero né...

A loira se deixou cair no piso de mármore escorregando até o chão, sentei ao seu lado e ela descansou no meu ombro.

– E muita sacanagem isso, primeiro o Gaara e agora o Sai?

Ela pós as mãos no rosto.

– Ino... Você sabe que o gaa... Ele perdeu o pai e ter uma empresa tão grande quanto os "No Sabuko"  e uma grande responsabilidade!

– Ata então quarto anos de namoro, jogados fora? E as promessas de amor Sakura? Não éramos só o casal maravilha! Não. — Ela jogou uma lágrima no chão. – Éramos a cara metade um do outro e ele me trocou por uma empresa idiota.

Suspirei. Ela tinha razão, Gaara nem se quer cogitou na possibilidade. Parecia mesmo que ele queria ir embora de Konoha o mais rápido possível.

Como se estivesse escondendo Algo.

Ino...

Ela rapidamente limpou as lágrimas. Engoli em seco.

– São... 36cm 

A loira se afastou como se tivesse visto um fantasma.

– CARALHO SENJU UZUMAKI!

Ela olhou de baixo a cima.

– Na hora a tristeza passa né?

Disse revirando os olhos com rubor.

– Sakura eu te amo mas... Isso e mentira.

Inner: E O QUE? SÓ PQ VC EMULHER NÃO PODE TER UM PAUZAO?

– E verdade! Eu medi três vezes!

Cruzei os braços, já pistola.

– Não Sakura... Não tem COMO você não conseguiriam nem esconder na cueca!

– Droga Ino e verdade!

Ino bufou de raiva.

– Se isso foi uma tentativa de piada, nota dez eu rir muito. Só acredito vendo Sakura bengala.

Ela Debochou

– Ah e? Pois então!

Desabotoei meu jeans.

– Sakys e brincadeira, eu sei que você não tem mas-

Deslizei o zíper para baixo.

– Sakura pela amor de rikudou.

E por fim arriei a cueca.

O queixo dela foi parar no chão. Fiz minha melhor pose de: Eu te avisei não é?

– Sakura....

Nunca tinha visto Ino corada, rir tanto por fora quanto por dentro.

– Poisé é provável o segundo ou terceiro maior da casa.

Rir levantando minhas calças de volta só que aí ....

– Imouto-chan eu conversei com os garotos e-

Hinata ficou estática.



Continua...


Notas finais





 








Notas Finais


Então o que acharam da Inner da Sakura?😏
E do momento com o Minatao? 😂😂😂😂
A Hanabi e má com a Sakura? 😈
Hinatinha ficou tão tititi😓
E o segredo do Gaara? 😶
Qual será?

Esse final.....


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...