História Drunk - Capítulo 144


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Josh Devine, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Niall Horan, One Direction, Texting, Zayn Malik, Ziall Horlik
Visualizações 97
Palavras 1.479
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Fluffy, Romance e Novela, Slash, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 144 - Capítulo CXLIV


Fanfic / Fanfiction Drunk - Capítulo 144 - Capítulo CXLIV

Terça-feira 12h40m

- Não está com fome, Z?_ Louis perguntou preocupado quando do viu o amigo apenas mexer distraído a comida.

- Não muito._ respondeu voltando a comer, não percebeu que não havia comido nem metade do prato._ Cadê os meninos?

- Liam e Sophia foram almoçar no Mc, e Justin disse que foi resolver uns problemas.

- Ou seja, correr atrás de alguma menina._ Zayn concluiu divertido.

- Exatamente._ Louis concordou rindo.

- Como você e o Harry estão?

- Muito bem. Apesar de ainda não termos transado.

- Não é como se fosse algo ruim. Vocês nem estão saindo há tanto tempo assim.

- Sim. Por isso não estou preocupado, quando eu menos esperar vai acontecer. Por enquanto vamos apenas sair e nos divertir.

- Está certo._ Zayn disse engolindo em seco.

- O que foi?_ Louis perguntou ao perceber seu desconforto.

- Nada, é só...

- Fale, Zayn._ Louis pediu ansioso, queria muito poder ajudar o amigo. Ele estava muito estranho.

- Acho que eu e Niall tomamos o caminho errado.

- Você diz quanto ao sexo?

- Sim.

- Eu não acho. O que sexo casal tem demais? Isso é tão comum, muito me admira, você, o praticante fiel de sexo casual, pensar assim.

- Eu geralmente sou, mas não quando estou transando casualmente com meu amigo.

- É... É complicado. Mas Niall precisa ser apenas seu amigo? Você não quer tentar ser mais do que isso para ele?

- Louis, eu-

- Esquece aquele encosto do Shawn, ok? A história não vai se repetir. Niall é infinitamente mais maduro, mais amoroso, e confiável. Eles são completamente opostos um do outro.

- Não é só isso. Você sabe muito bem o que me envolver com ele causou. As coisas não são tão simples._ Zayn retrucou entre dentes, sentindo os olhos lacrimejarem, não de tristeza, mas de raiva.

- Não são, mas já se passaram quase três anos, você precisa superar isso.

- Eu não sei se sou capaz disso.

- Me diga o que posso fazer para te ajudar?_ Louis implorou desesperado, olhando nos olhos do amigo, que abaixou a cabeça e a sacudiu, desanimado.

- Você me escutou, aconselhou, me ajudou. Mas não há mais o que fazer. Eu pensei que estar com o Niall me ajudaria, mas eu não mudei, não o suficiente. E isso é tão frustrante._ Zayn finalmente foi derrotado pelo choro, e deixou cair os ombros.

Louis se levantou, e ao sentar ao lado do amigo, o abraçou. Estava preocupado, Zayn sempre procurou suportar tudo sem demonstrar fraqueza. Sempre fora orgulhoso, e agora estava chorando no meio do refeitório. Algo que não fez nem mesmo em sua fase mais difícil, alguns anos atrás.

- Você progrediu muito nos últimos anos, Zayn. Você voltou a cantar, e até a escrever. Não desista, não ainda.

- Eu só não sei mais o que fazer. Eu adoro estar com Niall, mas esse é o meu limite, não posso avançar mais do que isso. Eu tentei, eu juro. Mas não deu.

- Está tudo bem, ninguém está te cobrando nada, nem mesmo o Niall.

- Sim, está cobrando. Não ele, mas a situação que vivemos. Estamos cada dia mais ligados, conectados, mas sempre que tento dizer algo mais importante ou significativo para ele, eu travo.

- Olha. Eu era o maior apoiador de você confessar para o Niall que você gosta dele muito mais do que amigo.

- Eu não-

- Zayn, por favor. Eu te conheço muito bem.

- Tudo bem, eu gosto dele, Louis. Mas e daí? Eu não posso fazer nada em relação a isso, nem ao menos consigo confessar isso para ele.

- Olha, não estou dizendo que deva pedi-lo em namoro. Além de ser realmente muito cedo, apesar de já parecer ter um século que estão se falando. Enfim, mas você pode ao menos dizer que sente um carinho muito especial, que quer estar só com ele. Vocês podem levar isso com calma, até que esteja pronto para o próximo passo.

- Eu vou tentar de novo. Mas não sei que não vou conseguir.

- Tentar de novo? Como assim?

- Ontem quando o deixei em casa depois da surpresa que fiz pra ele...

- Depois do encontro, você quis dizer.

- Chame do que quiser, Louis.

- Então eu chamo de encontro mesmo, cavalo.

- Enfim. Quando o deixei em casa, tentei dizer que estava gostando dele. Que ele era mais do que um amigo querido para mim. Mas não consegui. Simplesmente...

- Eu sei, Z._ Louis disse compreensivo._ Olha. Eu estava errado antes, eu fiquei tão empolgado de ver você finalmente confiando em alguém novamente e começando a gostar de outra pessoa, que esqueci o quanto tudo isso é difícil para você. E até mesmo fui egoísta, com medo de perder o Harry, que me preocupei mais com o que tenho com ele, do que o que tenho com você. Somos amigos desde garotos, e por mais que eu goste muito do Harry e deseje que nós demos certo, você é mais importante para mim.

- Eu sei, Louis. E não fiquei Yom raiva de você, justamente porque sei que não fez por mal. Você gosta do Harry, e eu torço de verdade por vocês, porque se você é o maior apoiador do meu, digamos relacionamento, com Niall, eu também sou o maior apoiador de Larry. Eu prometo não machucar o Niall, mesmo que nunca consiga dizer o que sinto por ele.

- Eu confio em você, e sei que vai dar certo com Niall. Você não precisa confessar seus reais sentimentos, basta fazer o que está fazendo. Eventualmente as coisas vão se encaixar. E quem sabe o Niall não confesse primeiro, ele tomou a iniciativa no primeiro beijo, afinal.

- Se ele gostar de mim...

- Você sabe que ele gosta. Não se faça de besta.

- Tem razão, eu sei que ele gosta. Aqueles olhos azuis são realmente a janela da alma dele, da alma e do coração.

- Seus olhos avelã não são tão reveladores assim, mas sua poesia é. Demonstre sempre que estiver nervoso, através de sua música.

- É em dias assim que me lembro de porque suporto suas chatices e fofocas.

- Ah, poxa. Nosso momento fofo já acabou?

- Já._ Zayn disse sorrindo, se afastando dele para o provocar.

- Foi bom enquanto durou. Até daqui há três anos.

Zayn gargalhou assim como Louis e ajeitou os cabelos, que havia cuidadosamente penteado e arrumado pela manhã. E limpou os olhos também.

- Ah! Justin não quis te perguntar antes, porque você estava meio desanimado, mas ele realmente estava bastante curioso para saber por que você está com esse cabelo assim.

- Por que ele não vem e pergunta na minha cara?

- Só responda de uma vez.

- Pelo jeito não é só o Justin que está curioso.

- Claro que não. É por causa do encontro, não é?

- Não é um encontro, mas sim, é porque vou sair com o Niall. Queria ficar um pouco diferente e usei quase toda minha pomada para cabelo tentando fazer algo legal, e como não fiquei satisfeito com nada e vocês já estavam chegando, apenas o prendi.

- Ficou legal. Diferente, mas legal. Mas ainda prefiro o do Harry. Desculpa.

- Obrigado? Hein, vou para o biblioteca terminar uns exercícios, você vem?

- Hoje não, estou morrendo de preguiça e ainda vou para casa de ônibus.

- Então nós falamos mais tarde?

- Ok. E Zayn, se precisar de qualquer coisa, me deixe saber.

Zayn já de pé, sorriu e para ele e sacudiu a cabeça afirmativamente.


Terça-feira 14h25m

Zayn já tinha terminado de fazer seus exercícios e agora jogava pelo celular, enquanto esperava ansiosamente por Niall.

Ter conversado com Louis tinha lhe aberto os olhos para muitas oportunidades e estava esperançoso de que ele e Niall pudessem, não namorar, mas evoluir ainda mais o tinham.

Ele bufou irritado, quando ao se perder em pensamentos, morrera no jogo, mas quando a barra de notificações do seu celular mostrou uma mensagem do Niall, a frustração foi embora imediatamente.


Niall 🌞: Z, onde está?


You: Em uma das bibliotecas, já mando a localização.


Niall 🌞: Mande logo que quero te ver e também ir lanchar.


You: Mas quer me ver mais do que ir lanchar, não é?


Niall 🌞: Claro, Z :)


You: Eu sou tão idiota que acredito em você.


Niall 🌞: fshshsgafg

Niall 🌞: Em outros dias seria uma mentira. Mas hoje eu realmente quero ver você mais do que qualquer outra coisa. Eu prometo.


You: Awn, Nialler

You: Parece que esse coraçãozinho está mudando.


Niall 🌞: Se você não me mandar essa localização logo, esse coraçãozinho pode ser possuído por um buraco negro.


You: Deus me livre se algo assim acontecer justamente hoje.

You: [Localização]


Niall 🌞: Já estou indo!


You: Estou esperando :')


Niall 🌞: 😊


Zayn, com um sorriso de orelha a orelha, guardou todos as suas coisas de qualquer jeito na mochila, e apressado, foi em direção à saída da biblioteca, esperar por Niall na escadaria.

Uma empolgação inexplicável tinha tomado conta dele, e sentia que não demoraria muito para algo realmente grandioso acontecer.


Se você apenas percebesse

O que eu acabei de perceber

Que nós seríamos perfeitos um para o outro

E nós nunca acharemos outro

Apenas perceba.

Realize - Colbie Caillat


-x-x-x-



Notas Finais


Sim, gente. O filho da puta da fic é o Shawn.

Eu sempre gosto de fazer os bonzinhos de vilão. Sorry not Sorry. 


E Zayn é muito esperto e já percebeu que Niall está apaixonado por ele, ou Niall que é muito transparente mesmo. 


Sobre o cabelo do Zayn no capítulo, não era aquele ele queria mudar o cabelo, eu que não achei nenhuma outra foto mesmo

 kkkkkkkkk

Hahahahahaha

Rsrsrsrsrs

~Parei


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...