História Duas histórias de amor - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Undertale
Personagens Asriel Dreemurr, Chara, Frisk, Sans
Tags (friskxsans), Chariel
Visualizações 6
Palavras 870
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Luta, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural
Avisos: Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


E assim que eu visualizo a floresta (imagem )

Capítulo 4 - A floresta


Fanfic / Fanfiction Duas histórias de amor - Capítulo 4 - A floresta


P.O.V Chara 


Me levanto da minha cama e olho para meu espelho, minha casa não era tão grande pois meu quarto era a cozinha e a sala ao mesmo tempo, só o banheiro que fica nos fundos. Caminho até um caldeirão e acendo o fogo usando minha mágia, sinto o cheiro de veneno, o líquido do caldeirão passa de verde para roxo em instantes. Enquanto ele fica pronto me teleporto para o meio da flores, colho algumas plantas até que Frisk e um muleque loiro aparecem 

-Oi Chara! Bom dia ! Esse e o menino que falei, Asriel essa e a Chara 

-Oi... Disse tímido, revirei os olhos e voltei a colher as plantas 

-Eu estou mostrando a floresta com ele, sabe, mostrando onde ele pode e onde não pode ir. Ri alto 

-Ate parece, Frisk ele e humana, humanos são curiosos e a curiosidade dele vai mata-lo HAHAHAHAHA

-Chara assim você assusta ele.

P.O.V Asriel 

Agora sim eu estou com medo, aquela garota matou vários guardas e ainda tem uma risada maligna ela e como uma bruxa de conto de fadas, mesmo que seja muito bonita 

-O que tá olhando Humaninho nojento ?! Ela diz irritada 

-Na...nada desculpe senhora. digo morrendo de medo dela 

Frisk riu 

-Senhora, hahahahah, Asriel ela tem sua idade bobinho. Disse Frisk rindo ainda mais 

Olhei para ela e ela realmente parecia ter a minha idade, talvez até um pouco mais nova 

-Seu....se você me chamar de senhora de novo eu vou arrancar seus olhos! Disse desaparecendo, aquilo me assustou

-O ...que ?

-E um dos poderes dela, desaparecer em um lugar e aparecer em outro.

-Um dos ? Perguntei assustado 

-Ela e uma bruxa poderosa, sabe vários feitiços.

-Ela não vai arrancar meus olhos né? 

-so se você chamar ela de senhora. Ela começou a rir

O QUE E TÃO ENGRAÇADO? EU AQUI MORRENDO DE MEDO DESSA BRUXA ASSASINA ?! 

Ela riu e continuou seu caminho, eu a segui 

-Então -perguntei- como você, uma fada gentil conheceu uma bruxa do mal como ela?

Ela sorriu gentilmente

-A bruxa má se chama Chara, e eu conheço ela dês que ela tinha 7 anos, nos tornamos amigas de cara, ela tem toda essa pose de "Humanos idiotas" mais tem um coração bom e eu também não sou uma fada 

-Não e ? 

-Não 

-Então, o que você e? Perguntei confuso 

-Vai ter que descobrir ! Disse rindo 

-Você não e uma bruxa também né ? 

-Não sou, sou uma coisa diferente de todo o resto, basicamente 

-Sei, E Gaster ? Sabe ele não disse muita coisa depois que você foi embora ontem 

-Gaster era um aventureiro perdido, chegou aqui uns 15 anos antes de Chara, ele não tinha família e então decidiu dedicar a  vida a estudar a floresta, até onde eu sei. Disse Frisk meio receosa 


Caminhamos mais um tempo até que ela para na frente de duas árvores 

-Suba nessa aí do lado. Disse subindo em uma árvore 

-Espera ... Que você tá fazendo ?! 

-Subindo em uma árvore! E se quer ter uma vista boa suba também ! 

Resolvi subir, a e primeira vez que escalo uma árvore e ... Não sei explicar e uma sensação diferente, talvez seja exitante, desafiadora ? Eu não sei só sei que estava gostando daquilo 

-Finalmente ! Disse Frisk segurando meu braço e me puxando para um galho grosso que parecia ser resistente

-por que você não saiu voando ? 

-Seria muito fácil né ? 

-seria 

-Coisas fáceis são sem graça, agora olha. Eu olhei em volta e pudia se ver toda a floresta da li

-Uau .digo quase perdendo o fôlego 

-Nossa floresta e dividida em 4 parte, a nossa que eu gosto de chamar de "As árvores altas", e toda essa área e segura;  -ela aponto em direção ao mar - o mar de cristal, lá e um lugar cheio de sereias, ela podem ser suas amigas até você entrar na água, depois disso você virá petisco; -Ela aponta para um lugar mais afastado, que tinha árvores baixas de cores mais desbotadas - ali e o pântano, os mostrou de lá são muito tímido, porém se você ofender eles de alguma maneira eles podem acabar te matando, então não vai sozinho tá ?; - e logo depois ela aponta para um lugar sem vegetação apenas com uma gigantesca fenda -Ali e o penhasco, você não pode ir lá ! Aquele lugar tem vários vampiros e outros monstros  que eu nem sei o nome, muitos vivem dentro do penhasco porém ainda e perigoso aos arredores tá ? 

Eu assenti amedrontado, sereias ? Vampiros ? Outros mostro ?! Eu estou começando a achar que governa um reino não poder ser tão mal assim 

-alguma dúvida? Perguntou 

-So tem monstros assassinos nessa floresta ?! 

-Ela não tem o nome de "Floresta dos mortos" a toa, mais não, tem uma vila de elfos perto do mar, são um pouco mais de 56 elfos, até menos eu acho, porém eles se acham muito, vivem falando sobre si e como são bonitos e muito chato. Disse rindo acabei rindo junto 

-Então, vamos? Gaster deve estar fazendo alguma coisa gostosa, e dessa vez vamos voando. Ele segurou meus braços e voamos até a cada de Gaster 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...