1. Spirit Fanfics >
  2. Duas nem sempre é demais!- (SaiDahMo) >
  3. Discussão e término!

História Duas nem sempre é demais!- (SaiDahMo) - Capítulo 10


Escrita por:


Notas do Autor


Esse capítulo vai ser mais voltado a vida da tofu ok? Espero que gostem!

E nós chegamos aos 20 fav!!! Muuuuito obrigada 💜💜💜

Capítulo 10 - Discussão e término!


Fanfic / Fanfiction Duas nem sempre é demais!- (SaiDahMo) - Capítulo 10 - Discussão e término!

{Momo on}

Eu e Sana chegamos em casa completamente desarrumadas e desajeitadas. Mina estava sentada no sofá enquanto jogava vídeo game, ela olha para mim e para Sana e revira os olhos, acho que ela já percebeu o que havia acontecido. Nós duas fomos tomar um banho e depois sentamos no sofá junto de mina. Já estava perto das 22h, fiquei imaginando como dahyun estava.

MN- Vocês acabaram de chegar na escola, já levaram detenção e ainda aproveitaram pra fazer sexo na escola? - mina fala sem tirar os olhos do vídeo game, eu e sana apenas abaixamos a cabeça. Por mais que mina fosse a mais nova entre nós três, ela era a mais responsável e "santa" digamos assim. - Vocês realmente não tomam jeito! Como vocês conseguiram fazer isso na detenção? - ela pergunta dando ênfase na última palavra.

SN- O professor teve que deixar eu, momo e dahyun sozinhas porquê sua mulher estava em trabalho de parto! - porque sana tinha que abrir aquela boca? 

MN- Calma calma, a dahyun? Vocês e a dahyun...?  Pobre garotinha inocente... Chaeyoung me disse que ela era a mais inocente entre as meninas! Vocês tiraram a inocência da garota! Vocês deviam ter vergonha na cara! - Mina fala olhando em nossa direção e ela parecia indignada, como se não soubesse como nós somos hehe

-Poxa Minari, foi tão legal, dahyun é fofa e linda e minha japa perfeita é muito boa! Você podia tentar se envolver com alguém né...? Sei lá... Uma garota baixinha de quem você não tirou os olhos hoje! 

MN- O-o que? A chae? Ela é só m-minha amiga... - minari já namorou com garotos e garotas mas faz um tempo desde que ela não se envolve com ninguém, depois que o Kai, seu ex namorado a traiu ela tem um tipo de... Medo? De namorar e ser traída novamente.

- Tá bom tá bom mina... Você mente e eu finjo que acredito! - debochei rindo da cara vermelha de Mina kkkk ela era muito fofa.


{Dahyun on} 

Eu saí da escola depois de colocar minha roupa e ir no banheiro, estava muito tarde, já passava das 21h e minha fixa ainda não havia caído. Eu realmente perdi a virgindade com duas garotas? Mas o pior de tudo é que eu teria que aguentar uma bela bronca vinda dos meus pais, sempre fui uma filha exemplar, mesmo com minhas escapadas e as poucas detenções que peguei. Dessa vez eu peguei 3 fucking horas e ainda me atrasei pra chegar em casa. Não queria que aquele momento com as japonesas tivesse acabado, não queria ter que entrar em casa e encarar a bronca dos meus pais, mas eu não tinha outra escolha. Abri a porta de casa e estava um estranho silêncio na sala, acendi a luz e vi meus pais sentados no sofá. Minha mãe parecia que havia chorado e meu pai estava neutro, como sempre, a verdade é que eu nunca fui tão próxima do meu pai como sou da minha mãe,ele vive viajando a "negócios" e sempre que está em casa, quer dormir, descansar e assistir televisão.

Srª. Kim- Dahyun... Sente-se aqui, precisamos conversar. - eu estranhei seus braços que estavam com alguns hematomas, mas estranhei mais ainda seu tom melancólico bem diferente do tom bravo que eu esperava. 

-O que foi mãe? - disse me sentando no meio dos dois no sofá. 

Sr. Kim- Dahyun eu e sua mãe vamos nos divorciar! - meu pai fala ainda sem nenhuma expressão no rosto e como se aquilo não afetasse ele de maneira alguma. Naquele momento eu senti meu chão desabar, eu não queria que isso acontecesse, acho que foi minha culpa, se eu fosse uma filha melhor.. Desabei em lágrimas e meu pai levantou indo até o quarto. - Eu vou arrumar minhas malas! Amanhã eu saio desta casa, não quero ter que ver mais esse seu rosto nojento Ha-yun! - eu não estava mais entendendo nada, meu pai disse que não queria mais ver minha mãe? O que havia acontecido aqui? 

Srª Kim- me desculpa dahyun, não queria fazer você sofrer! - minha mãe começa a chorar e eu abraço ela, ficamos ali abraçadas e ouvimos a porta do quarto de meus pais bater, ou seja, meu pai havia ido dormir. - Dahyun... Você não merecia isso, você é uma filha incrível e dedicada, eu admiro muito você filha. - eu choro novamente e abraço minha mãe mais forte

Pedi para que minha mãe dormisse comigo, já que meu pai havia tomado conta do quarto de casal deles. Minha mãe e eu estávamos abraçadas e eu resolvi me arriscar a perguntar:

-Mãe... O que aconteceu entre você e o papai? - ela me olha e seus olham começam a marejar 

Srª Kim- Ok filha, você já é bem crescida e madura para saber disso... 

{Flashback on}

{Srª Kim on}

Eu estava fazendo o jantar enquanto meu marido assistia futebol na televisão, a verdade é que ele nunca ligou muito para nada e nem para a família, muito menos para a filha. De repente meu telefone toca e eu atendo sem ver quem era.

- Alô? Quem é? 

Xx- Alô? Você é a senhora Kim? Mãe de kim dahyun? 

-Sim sou eu, quem é? 

Xx- Senhora Kim, é o diretor! Liguei para avisar que a dahyun pegou detenção de três horas após a aula! 

- Eu não acredito, obrigada por me avisar diretor! Espero que ela não tenha causado muitos problemas! 

Diretor- Não, dahyun apenas matou a primeira aula e tentou mentir para mim, mas segundo as regras isso é proibido. Eu tenho mais alguns alunos para atender, até mais Senhora Kim! 

-Até mais diretor! 

Desligo o telefone e respiro fundo. Dahyun iria ter que tomar jeito! Voltei minha atenção ao jantar que logo ficou pronto e eu servi o mesmo e meu marido veio da sala para comer.

Sr. Kim- Onde está dahyun? 

-Ela ficou de detenção por três horas depois da aula! - respondo e escuto ele soltar uma risada nasal e de certa forma, debochada.

Sr. Kim- é claro, você não faz nem metade do seu trabalho de mãe nessa casa! - de repente ele fala isso me fazendo largar o garfo e encarar o mesmo surpresa.

-Como eu não faço nem metade do meu trabalho de mãe nessa casa? - levanto um pouco o tom da minha voz e ele me encara

Sr. Kim- Abaixe o  tom para falar comigo! 

-Não vou abaixar o tom com ninguém! Você nem se importa com a nossa filha! Eu que faço tudo por ela! - sinto algo ser desferido em meu rosto, sim, ele havia me batido, e parecia estar com muita raiva

Sr Kim- CALA A BOCA SUA IDIOTA! EU NÃO PRECISO ME IMPORTAR COM AQUELA VAGABUNDA DA DAHYUN! ELA É UMA VADIA ASSIM COMO A MÃE! - nisso ele me deu tapas e socos, logo em seguida me dando mais um tapa na cara - ENQUANTO VOCÊ LUTA POR UMA SEM FUTURO QUE É SUA FILHA, EU TENHO UM MONTE DE MULHERES ME ESPERANDO! ACHA QUE EU TE AMO? HAHAHAHA EU TENHO COISA MELHOR PARA FAZER! E NÃO OUSE CONTAR A DAHYUN SOBRE O QUE HOUVE AQUI! - Ele desferiu mais um tapa em meu rosto e saiu me deixando ali, sozinha, machucada e de coração partido...

{Flashback off}

{Dahyun on} 

Depois do que minha mãe me disse, eu comecei a odiar meu pai com todas as minhas forças, como ele pode fazer isso com a minha mãe? Eu estava triste e abalada, acabei pegando no sono abraçada com minha mãe... O dia seguinte seria cheio.




Continua⭐








Notas Finais


Desculpa a demora pra postar galera, é que tem muita atividade da escola e aula online pra fazer! Mas acho que essa semana eu consigo postar 2 cap por dia 💜✨


Comentem o que acharam do cap 😗👇🏻


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...