1. Spirit Fanfics >
  2. Duas nem sempre é demais!- (SaiDahMo) >
  3. Desaparecida?

História Duas nem sempre é demais!- (SaiDahMo) - Capítulo 28


Escrita por:


Notas do Autor


Então kkk eu já tô chegando nos últimos 10 capítulos dessa fanfic, triste? Sim, mas eu tô pensando em fazer outra depois, só que de blackpink dessa vez, comentem aí qual shipp vcs querem.

Relevem os erros pls 💜💛

Capítulo 28 - Desaparecida?


{Seulgi on} 

Eu acordei e não havia nem sequer uma mensagem de Irene, achei estanho pois a mesma sempre me mandava algo, um "Bom dia" ou um "Acorda meu amor". Fui ao banheiro e fiz minhas higienes matinais para depois tomar um banho. Depois disso desci e encontrei minha mãe e minha irmã mais nova que correu em minha direção. Nos damos muito bem, ela além de minha irmã é uma das minhas melhores amigas, está sempre comigo e com meu grupo de amigas que é o grupo dela também.

Yeri - Bom dia unnie! A Irene vai vir aqui pra nós irmos pra escola juntas? - ela perguntou enquanto separava o abraço. 

- Eu não sei Yeri-ah. Ela nem me mandou mensagem hoje, vou ligar pra ela depois do café! - nos sentamos para comer e a preocupação tomava conta de mim cada vez mais. - Não estou com fome mãe, vou subir e ligar para a Irene! 

Srª Kang - Certo, mas leve algo para comer no intervalo entre as aulas! - murmurei um "sim" e subi as escadas correndo. 

Peguei meu celular e ainda não havia nenhuma mensagem de Irene, apenas uma de Dahyun, sim eu havia pegado o número de Dahyun ontem. 

{Mensagem on} 

Dahyun : Oi Seulgi-unnie! A Irene está com você? Estou tentando mandar mensagem pra ela mas ela não recebe! 

                                 Me : Não Dah, eu ia ligar pra ela agora! Estou ficando preocupada! 

{Mensagem off} 

E foi aí que eu perdi a cabeça, comecei a pensar em tudo que poderia ter acontecido com Irene, se ela estava bem ou machucada. Resolvi ir até sua casa. Desci as escadas já com a minha mochila nas costas e uma maçã na mão. 

Yeri - Onde vai unnie? 

- Vou até a casa da Irene ver se está tudo bem! Depois eu já vou direto para a escola! 

Yeri - Espera eu escovar os dentes e eu vou com você unnie! 

- Certo mas vá rápido! - a menor assentiu e subiu as escadas. Não passados 3 minutos ela já estava de volta. 

Yeri - Vamos Seugi? - balancei a cabeça em concordância e nós saímos de casa - O que acha que pode ter acontecido com a Irene? 

- Eu não sei minha linda mas eu vou descobrir de um jeito ou de outro! 

{Dahyun on} 

Acordei mais tarde e estava sozinha na cama. Olhei em volta procurando alguma das meninas e meu olhar parou nas duas japonesas se beijando em uma das paredes do quarto. Fiquei observando enquanto Momo provocava Sana que estava sendo prensada contra a parede e o corpo de Momo. 

- Mas já nessa safadeza de manhã cedo? - perguntei com a voz rouca ainda por causa do sono. As duas me olharam e sorriram vindo na minha direção.

MM- Bom dia meu amor! - falou e deu um beijo em minha boca, logo Sana fez o mesmo. 

- Bom dia meus amores! Vocês estavam planejando se pegar logo de manhã cedo e sem mim? - falo fazendo um biquinho fofo em meus lábios.

SN- Não seja por isso neném! - Sana fala e sobe em cima de mim. Ri de seu ato enquanto recebia beijos carinhosos pelo rosto. Momo nos observava com um sorriso lindo nos lábios. 

- Eu amo vocês... - Sana parou o que estava fazendo e me encarou, logo encarando Momo também. As duas tinham sorrisos no rosto e começaram a me encher de beijos. 

MM- Eu também amo vocês, mas infelizmente temos que nos arrumar para a escola! - Momo para de me beijar e levanta indo em direção ao guarda roupa. 

- Poxa Sannie! - reclamei com um bico maior ainda nos lábios. 

SN- O que foi bebê? 

- Você não disse que me ama! Você não me ama? 

SN- Amo - ela fez uma pausa para me beijar - Mais - outro beijo - que - mais um - Tudo! - e ela deu um beijo final em meus lábios.

MM- E eu Sana? Fui eu que te salvei, se não fosse por mim, você estaria até hoje sentada naquele banco, chorando e esperando seus pais! 

SN- Minha ciumenta! É claro que eu te amo! - Sana se aproximou de Momo e deu um beijo longo em seus lábios. 

MM- Agora sim! Vem, vamos nos arrumar! 

- Eu só vou mandar mensagem pra Irene, avisar que eu não vou com ela pra escola hoje. - peguei meu celular e mandei mensagem para a mais velha. A mesma não recebeu a mensagem, o que é estranho pois ela está sempre conectada. Resolvi mandar mensagem pra Seulgi, já que as duas estão sempre juntas. 

{Mensagem on} 

                             Me: Oi Seulgi-unnie! A Irene está com você? Estou tentando mandar mensagem pra ela mas ela não recebe! 

  Seulgi-unnie : Não Dah, eu ia ligar pra ela agora! Estou ficando preocupada! 

{Mensagem off}

Achei estranho ela não receber mas ignorei e me levantei indo até às garotas a minha frente. 

SN- Seu uniforme tá aqui Dah, você pode ir lá acordar a Minari? Hoje a princesa resolveu dormir até tarde! - ri do seu jeito de falar e fui andando até o quarto de Mina. Entrei e vi a mesma atirada pela cama com as cobertas por cima e por baixo de si. 

- Mina unnie... Acorda unnie... - sussurro no seu ouvido ao lado da cama. 

MN- hummm, só mais cinco minutinhos mamãe... - ela que é a mais responsável? 

- MINA UNNIE! - grito já sem paciência, subo em cima de sua barriga me sentando ali e começo a balançar a maior. 

MN- PARA TOFU! JÁ ACORDEI OK? Seu tofu estragado maldito! 

- Poxa Minari, assim magoa! - falo fazendo um bico enorme enquanto a mesma se sentava e eu estava em seu colo.

MN- Desculpa pequena! Bom dia Tofu estragado! - Mina fala dando um beijo na ponta do meu nariz. Sorrio e dou um beijo em sua bochecha.

- Bom dia unnie! Você está quase atrasada e precisa se arrumar! 

MN- POR QUE VOCÊS NÃO ME ACORDARAM ANTES??? - Mina levantou e saiu correndo pro banheiro, pena que ela não olhou o horário kkk ainda é beeeem cedo.

{Seulgi on} 

Eu e Yeri estávamos chegando na casa de Irene. Eu estava muito nervosa e acho que minha irmã percebeu isso.

Yeri - Seulgi! - ela para de andar e segura meus ombros me fazendo olhar para ela. - Ela vai estar bem unnie, calma. - A mais nova me abraçou, um abraço de conforto e carinho que eu retribuí na mesma hora.

- Obrigada Yeri-ah... Espero que você esteja certa. - ela apertou o abraço por mais um tempo e depois nos separamos.

Yeri - Vamos unnie, talvez ainda possamos ir com ela para a escola. - ela era sempre tão positiva, isso me deixava feliz, ela sempre ao meu lado.

- Tá bom, já estamos chegando mesmo - andamos mais um pouco e chegamos em frente a casa de Irene. - Chegamos! 

Yeri - Toca a campainha! - a menor fala e eu o faço. Nada. Toco novamente. Nada de novo. Toco mais uma vez e aparece um Jinyoung com cara de que vai matar alguém.

Jinyoung - Caralho Seulgi! O que você quer? - sempre bem educado.

- Cadê a Irene? - fui bem direta, não queria ter que ficar muito tempo ali com aquele idiota 

Jinyoung - Ah, minha mãe está na delegacia agora pois ela foi dada como desaparecida desde ontem a noite.

E foi aí que eu entrei em pânico.

⭐ Continua ⭐




Notas Finais


Eaiii estamos chegando nos últimos 10 capítulos dessa fanfic né? Comentem aí idéias pro final e pra próxima fic!

Bjss 💖 hj sai mais um cap, prometo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...