1. Spirit Fanfics >
  2. Dúvida cruel - Nosh >
  3. Capítulo- Minha falta?

História Dúvida cruel - Nosh - Capítulo 50


Escrita por:


Notas do Autor


Espero q gostem

Capítulo 50 - Capítulo- Minha falta?


Fanfic / Fanfiction Dúvida cruel - Nosh - Capítulo 50 - Capítulo- Minha falta?

                  --Josh--

Acordo, já são 7 da manhã, e hoje temos aula, me levanto com tudo sem nem mesmo perceber que o Noah estava dormindo com a cabeça no meu peito.

- Aiii. Ele reclama quando eu salto da cama.

- Desculpa baby, nem tinha te visto. Digo sorrindo para ele.

- Porque a pressa? 

- Aula Noah, nem me lembro como é ir a escola depois de tanto tempo.

- Aí que exagero Josh...

- Anda Noah levanta essa bunda dai que a gente tem aula.

- Tá tá...

Ele vem até mim me dá um selinho e entra no banheiro, coloco uma roupa e arrumo minhas coisas enquanto espero o Noah desocupar o banheiro.

- É aí como vai ser hoje? Noah diz é eu percebo que ele já havia saído do banheiro.

- Sem nos falar na escola.

- Isso não vai dar certo já tô vendo...

- Vai sim Noah, a gente vai ter que fazer isso.

- Tá bom tá bom.


(...)

Cheguei na escola já distanciado do noah, ficar sem beijar aquela boquinha vai ser difícil mais e necessário.

- Oi Josh você já está melhor. Uma menina que eu não me lembrava me pergunta assim que eu entro no prédio.

- Estou sim obrigada...

- Eai brother já tá melhor. Joe me pergunta, ele faz parte do time de futebol comigo.

- Estou, obrigada.

- Você fez falta no time, você é o melhor. Ele diz dando um tapinha no meu peito.

- Que bom que voltei então.

- Sim, bom saber que você melhorou cara, até mais ein. Ele diz é volta a andar.

Andando pelos corredores um monte de gente me parou para perguntar se eu estava melhor, respondi todo mundo... Nem sabia que eu conhecia esse tanto de gente.

Estou colocando meus livros no armário até que sinto alguém tocar meu ombro.

- Oi James. Digo seco, só de lembrar o que ele fez com a Saby e a Any me dá vontade de socar a cara dele, mais não posso...

- Oi Josh, que bom que você está melhor senti sua falta.

- Minha falta? Oxie que noiado...

- Sim... você é um cara legal.

- Obrigada James, mais enfim tenho que ir para aula. Eu digo e já estava indo sair quando ele segura meu braço.

- Só uma coisa...

- O que? Pergunto.

- Você quer ir tomar um sorvete comigo depois da aula.

E agora o que eu respondo? E se ele quiser me machucar, melhor eu aceitar aí eu chamo alguém para nós vigiar, caso ele tente algo... mais eu não quero sair com ele.

- Não sei, porque isso agora?

- Só para passarmos um pouco de tempo juntos, ou você tem planos com o Noah?

- Não tenho não, pode ser então...

- Você é ele?...

- Não, não estou falando com ele... odeio dizer isso.

- Entendi então eu te espero na saída depois da aula. 

- Ok... Eu saio andando mais escuto ele dizer " iei" baixinho, como se tivesse comemorando algo, esse cara e muito estranho.

Vou até minha sala e passo por um questionário sobre minha saúde feito pela professora, o Dylan me encarava com um olhar fulminante enquanto eu respondia.


(....)

Finalmente o intervalo, não aguentava mais aulas e mais aulas, agora vou ir encontrar o pessoal no refeitório, preciso conversar com.o Bailey também...

Vou até o refeitório e os encontro sentados em uma mesa no fundo, mais Noah não estava lá...

- Oi gente, aonde tá o Noah?

- O Dylan veio aqui procurando por ele é eles saíram. Sina diz.

- É ninguém foi com ele, vocês sabem o Dylan e suspeito, caralho Saby.

- Calma Noh, eu tinha me esquecido, vou ir atrás dele.

- Do que vocês estão falando? Hina pergunta.

- Aí é mesmo eu me esqueçi de contar... 

Digo toda a história do Noah para eles...

- Nossa...

- Eu vou quebrar esse moleque na portada. O Bailey diz exaltado.

- Por enquanto não vamos fazer nada, mais sabe de uma coisa estranha, o James me chamou para "sair".

- Calma, o James? Sabina grita.

- Sabina porra. Uma menina que eu não tinha reparado que estava ali diz dando um tapa no braço da Sabina.

- Calma, quem é essa? 

- Essa e a Sofya, enquanto você estava em coma ela começou  andar com a gente, fica tranquilo ela é confiável.

- Entendi, muito prazer. Digo para a menina de cabelo rosa muito fofa.

- Prazer e meu, pode deixar que não abrirei minha boca.

- ok.

- Voltando... você não aceitou né Josh. Any diz

- Aceitei...

- Porra ele é perigoso caralho. Sabina diz.

- Calma, se acontecer algo vai ficar tudo bem o Bailey vai ficar nos vigiando.

- Eu?

 - Sim cara, por favor quebra essa.

- Afe Beauchamp.

- Eu acabei de sair de um coma, e você vai fazer isso com o seu amigo.

 - Tá tá.

- Valeu Bay.

- Toma cuidado Josh. Any diz.

- GENTEEE o Noah. Digo me levantando da mesa.

- to aqui. Olho para o lado e vejo Noah vindo em nossa direção.

- Eu tô bem Josh relaxa.

- Que bom. Eu ia o abraçar mais ele esquivou.

- Ei...

- Lembra, brigados.

- É mesmo...

- Mais então qual são as novidades...

- Eu vou sair com o James. Digo rápido.

- O que? O mesmo James que sequestrou a Sabina e ameaçou a Any? Você não vai mesmo.

- Noah faz parte do plano o Bailey vai ficar vigiando caso aconteça algo.

- Tá bom, mais isso não faz nenhum sentido.

- Né, eu também achei estranho...

- Muito estranho. Joalin completa.

Quebra de tempo

Acabou as aulas estou indo me encontrar com o James na saída, Bailey está me seguindo de longe.

- Oi Josh. Ele diz me abraçando, que cara estranho da porra, eu não retribuo o abraço apenas continuo com minha mão no bolso.

- Oi, vamos. Pergunto seco.

- Claro, vamos na sorveteria aqui na esquina, eu pago.

- Beleza.

- É aí você está melhor, fiquei preocupado quando você estava em coma.

-  Não entendo o porquê, a gente nunca foi muito amigos.

- É...

- O que foi James, porque isso do nada? 

- É que....


Notas Finais


Espero que tenham gostado.

Estou meio desmotivada porque os comentários diminuíram, e fiquei triste mais vou continuar postando, eu sei que tem gente que gosta então...

Quando eu terminar essa fanfic eu vou começar outra vocês tem sugestões?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...