1. Spirit Fanfics >
  2. É preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã >
  3. Mulher

História É preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã - Capítulo 11


Escrita por:


Notas do Autor


Gente tem uns capítulos que vão ter muitas palavras outros que não.

Capítulo 11 - Mulher


Fanfic / Fanfiction É preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã - Capítulo 11 - Mulher

cedo faltei trabalha e fomos no médico....ele examinou ela,qui ficou com mt medo.

Médico:alergia a camisinha.

Ed:oq vou fzr agora.

Médico:preucurar outro metodo preventivo,mt raro as mulheres tr essa reação.

Anna:oq são metodos preventivos?.

Médico:são metodos qui protegem vcs de doenças,e previnem de tr filhos.

Anna:por isso qui eu engravidei,n usamos isso.

Medico:vcs correram risco de pegr varias doenças.

Anna:doenças?.

Ed:eu converso com vc sobre essas coisas.

Médico:se a mochinha quiser vim aqui pra tirar duvidas.

Anna:to sentindo dr.

Médico:esse rémedo vai vc melhorar rapidinho,dps vão ta tranzando .

Ed:vamos anna.

Fomos pro meu apartamento.

Ed:vou ficr em cs hj,quer fazer alguma coisa?.

Anna:me ensina a conzinhr.

Ed:vc n precisa conzinhr.

Anna:eu quero,vai me ensinr?.

Ed:oq quer aprendr?.

Anna:Fazer...um bolo de cenoura com calda de chocolate.

Ed:eu gosto mt de bolo de cenouro com calda de chocolate.

Anna:me ensina.

Ed:pra que qui vc quer conzinhr se sou rico.

Anna:quero fazer alguma coisa pra te agradr.

Fomos pra cozinha e tava td

Ensinei a ela,tentei ser ms paciênte possivel.

Ed:e agora só esperar.

Fomos pra cama.

Pensamentos de anna.

Só quis aprendr fazr o bolo pq a mãe dele falou.

Pensamentos de ed.

Pus no desenho horrivel qui uma menina,era mt chata,e td queria saber,como uma vz ela disse qui gostava de desenhs .a msm qui antes qui o episodio do terminasse durmiu,ms td bem só queria ficr agarradinho com ela nesse frio,n gosto de desenhs.

.......n me permiti durmir por causa do bolo,quando começei a sentir o cheiro do bolo cozido,desliguei me ajeitei do lado dela e durmir.

Acordei com o barulho de alguma coisa caindo no chão.

Ed:qual é anna.

Anna:derrubei,des....culpa.

Ed:deixa qui eu limpo.

Olhei o pé dela tava enfaixado.

Ed:deita aqui cmg,dps eu arrumo.

Anna:eu,limpo.

Tava tão chapado de sono qui acabei deixando.

..........ela me acordou.....

Anna:to com fome.

Ed:come anna ,n to com fome to com sono.

Pus o travesseiro.

Ela pos no desenho irritante.

Ed:porra,abaixa anna.

Anna:n.

Ed:eu quero durmir.disse falando grosso.desligou e saiu dali.

Fui atras.

Sumiu de cs preucurei ela na cs toda linguei pra ela e ela atendeu.

Ed:onde vc ta?.

Anna:to com meus amigos.

Ed:vc se machucou?.(tinha sangue no chão)

Anna:cortei o pé,ms eu to bem.

Ed:vc ta onde anna.

Anna:na praça,com meus amigs novs.

Ed:ta chuvendo mt.

Anna:eu to bem ed.ela falou cm uma vz cansada espirrou.

Ed:vou te buscr.

Fui a praça....ela estava debaixo da chuva cantando,numa roda com varios homens e um velho com um violão.

Bati bolação tava com um vestido curto preto,e com um casaco de n sei quem.

Tirei meu casaco e pus nela...dei aquele casaco pro velhinho.

Velho:volta mas vezes ,menina....

Ela disse sim espirrando.

Velho:cuida bem desse menina,é um anjo.

Ed:ta .peguei anna com uma dificuldade já qui seu pé tava duendo mt e ele tava chorando.

Chegams em cs.

Ed:Pq vc saiu sem me falar.

Anna:VC Queria durmir,eu atrapalhando.

Ed:olha essa roupa, aqueles homens n pararam de olhr pra vc ,parece louca,mulher minha n sair assim.

Anna:ninguém tinha

Maldade cmg ,lá n.espirrou.

Ed:para de ser assim.ela desfarçou o choro.

Anna:eu n queria brigr,to com medo,eu fiz comida pra nois dois ,queria comer com vc deixei td limpo,vc n queria eu só queria durmir.espirrou denovo.

Ed:desculpa anna.

Anna:cbç doi mt.

Ed:vou te dr um banho.peguei ela no colo,e botei a no box com cuidado,mal conseguia ficar em pé.

Tirava a roupa dela devagr.já tava duro.

Anna:quero tabm dr banho em vc tira a roupa.

Anna,começo com seus toques de carinho.

Ed:n anna vc ta machucada.

Anna:n ,to bem ed.passava a bucha em mim.desligou o chuveiro.

Ela começou a me beijr dps eu ela,

Anna:n me solta n. Abri a perna dela ali msm pus devagazinho.

Ed:vc é minha mulher,ouviu anna.disse sim com a cabeça já tava virando o olhinho levei ela pra cama ainda nos bjs,deitamos devagr na cama.

Ela tava levando quetinha cheia de tezão.

Contribuia com os beijos dela todo delicado,simples.

Ed:vou avabr te engravidando denovo.

Disse com a vz falhando.

Anna:perdi o controle cmg denovo.

Ed:assim qui vc quer.fui com ms velocidade.o celulr começou a toca.

Anna:eduardo meu.começou a gemer no meu ouvindo baixinho.

Ia parar agora nd. Peguei a nuca dela .....dps de meia hora.

Ed:deixa eu tirar anna.

Anna:n quer mas anna.

Tentei tirar ms ela n deixou.foda-se n ia parar ms n.

Anna:te amo eduardo.

Ed:te amo anna.fui ms carinhoso com ela.

Anna:deixa eu n.disse apertando os seios,apenas ajudei.ficou rendida. Dps de uma hora,e ms de três gozads.tirei ele de lá devagazinho.

Anna:ta indo atender o telefone.

Ed:vou por sua cmd.

Anna:quero comer com vc.

Dei um selinho e fui por.

Quando voltei.

Ela tava fuchicando meu celulr.

Ed:vamos comer?.

Anna:quem é essa?.

Ed:Sem seninha.

Anna:ae entãovou sair tirando foto de biquini com meus amigs.

Ed:vc n é nm maluca.

Anna:se vc pode tirar ft com uma garota na praia só de sunga tabm posso tirar de biquini.

Ed:abre a boquinha.

Anna:n vou comer,n quero falr com vc.

Bicha ciumenta.

Ed:ela é minha irmã ,cabeção.

Anna:vc disse pra mn qui é filho único.

Ed:para de ficr com ciumes atoa.fiz aviãozinho.

Anna:n quero,acha qui sou besta.

Ed:ela é adotada anna, dps de mn minha mãe n pode ter ms filhos adotou a Helena.

Ficou quieta.

E me deu ms uma garfada de macarrão.

Anna:pq ela n mora com a sua mãe.

Ed:fugiu com o namorado de escola,nm contato temos ms.

Liguei pra farmacia pra com uma pirula pra ela.

Ela tava se tocando se sentindo,rindo.

Beijei o ombro dela.

Ed:ta se sentindo bem.ela ficou me olhando e apertando seus peits.

Ed:qui foi.

Anna:nd.disse rindo.

Ed:fala pra mn anna.

Anna:me sinto.

Ed:se sente?.timidamente disse.

Anna:Mulher. Dps disso chupei os peitos dela começou td denovo.

Mulher....sabe oque vou te dizer.....seus problems agente tem qui resolvr.

.....deixa pra amanhã,deixa pra manhã pq hj eu vou te fzr....mulher.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...