1. Spirit Fanfics >
  2. É só amizade?- Narusaku >
  3. Two

História É só amizade?- Narusaku - Capítulo 2


Escrita por: luiiza_slytherin

Notas do Autor


Estou pretendendo postar um capítulo por semana, mas se der, vou postar um novo capítulo nessa semana ainda!!!
Boa leitura 💜
(Não revisado)

Capítulo 2 - Two


Sakura

 

- O Testa de marquise, acorda para a vida. – Sinto um tapa na minha testa.

- Eu não sou surda, ok? E não precisava bater tão forte assim Ino porca! – Murmuro acariciando a minha testa.

Viro para o lado e vejo Naruto concentrado no celular, e assim que percebe que eu o fito, o mesmo levanta o olhar para mim e sorri olhando para minha testa. Baka.

- Não é surda? Já estávamos ficando sem paciência tentando te chamar- Shikamaru boceja e se levanta- Eu e Ino já estamos metendo o pé.

- Tchau testa de marquise, tchau loira azeda- Ino se despede da gente e Shikamaru apenas acena em forma de comprimento.

- Olha só quem fala sua loira oxigenada- Naruto fala sorrindo debochado para a Yamanaka e se vira para dar um aperto de mão no Shika.

Hoje esse cabeça oca anda muito debochado. – Penso.

O Nara puxa a loira para fora, antes que ela parta para cima do Uzumaki. Apenas rio com a cena. Eles são um fogo mesmo.

- Vai querer outro sorvete? – Naruto me pergunta e olho para o meu sorvete totalmente derretido.

Fiquei tão desligada assim? É engraçado que eu ainda me pergunto, ultimamente eu ando muito aérea.

- Não quero, obrigada. – Dou um pequeno sorriso. - Sabe, eu acho melhor a gente ir embora- Levanto porém Naruto me puxa para sentar novamente.

- Você não vai me falar no que estava pensando? Tu ficou em transe depois daquilo que o Shikamaru disse.

- Ele só me fez acordar para vida baka. – Rio e ele fica mais confuso ainda.

Ele fica tão lindo quando está confuso...

Corto os meus pensamentos quando o vejo cair na gargalhada e ficar corado ao mesmo tempo.

 Naruto corado? Essa é nova!

- Do que você está rindo loirinho?

- Não sabia que você me acha lindo quando fico confuso. - Fala e ri de um jeito sínico. Fecho a cara na hora. 

É sério que eu falei alto? Culpa desse baka que me deixa desorientada. Pera o que?  

- Tsc- Levanto rapidamente para fugir do assunto - Eu acho melhor nós irmos logo Naruto. - O mesmo se levanta e se aproxima para perto de mim. Perto demais.   

- Como quiser minha florzinha de cerejeira - Sussurra com uma voz rouca. Tão sexy. Meu rosto assume uma carranca que até o Sasuke invejaria.

Esse loiro de farmácia está me dominando e sabe muito bem disso. Baka. Mil vezes Baka.

 

 

Fomos caminhando até o estacionamento em um silencio confortável. De uma vez ou outra, eu encarava o Uzumaki e o mesmo devolvia o olhar com um sorriso, me deixando corada.

Adentramos no carro e Naruto começa a dirigir.

- Sakura-chan, eu vou te deixar na nossa casa e depois vou na do Sasuke. Ele me pediu ajuda com os preparativos da festa de amanhã, tudo bem? - Me encara por um tempo e depois a sua atenção se volta para a estrada.

- Você escutou o que eu disse Sakura?

- Sim sim, tudo bem. – Murmuro voltando para os meus pensamentos.

Esqueço das outras coisas que ele disse e foco apenas no “Eu vou te deixar na nossa casa”.

 Moramos juntos já faz um tempinho e ele como eu, sempre falamos assim. Só que dessa vez foi diferente, confesso que senti uma pequena, enorme, satisfação em ouvir isso.

Devo estar sorrindo igual uma boba.

 

[...]

 

- FINALMENTE - Karin berra do outro lado da ligação.

Já faz um tempo que eu cheguei em casa e liguei para a Uzumaki, prima do Naruto, para colocarmos o papo em dia.

- Não precisa gritar assim, você é tão escandalosa quanto a Ino e o Naruto. – Resmungo.

- Sakura fala sério, você é tão careta.- Ri de mim- Só o Shikamaru para te acordar para a vida mesmo amiga, estava na cara que o que você sentia pelo Sasuke não era amor, como você costumava a dizer! Era até engraçado o jeito que você se jogava para o Sasuke.

- Que vergonha – Falo envergonhada- E sim, eu estava cega demais com tudo isso e... – Sou interrompida pela mesma.

- E confessar que sou APAIXONADA PELO NARTUO UZUMAKI NAMIKAZE - A ruiva completa rindo mais ainda.

- Ei, você está confundindo amizade com amor, tá legal? - Falo indignada - Eu e Naruto nos conhecemos desde crianças e... - Sou interrompida novamente por ela.

-E mais nada. Fala sério cabelo de chiclete, você e meu primo são apaixonados um por outro desde sempre. E é obvio para todo mundo que o Naruto é caidinho por você e vice versa - Ela fala e paro para pensar.  

- Olha, o Naruto gosta de mim como uma irmã Karin, não confunda a coisas.

- Quando eu falo que você é tapada você não acredita, mais que porra Sakura. Todos sabem que o Naruto gosta de você e tu se faz de sonsa – Profere e fico mais intrigada. – O meu primo fica se remoendo de ciúmes quando vê você ficando com algum garoto e quando você dava em cima do Sasuke, principalmente.

- E você também gosta dele Sra. Haruno! Não somos lerdos como tu e o idiota do Naru. – Fala e continua:

– Saky, quando nós estamos com os nossos amigos, percebemos que você fica igual uma idiota secando o Naruto, principalmente nos treinos. Quando ele fica todo suado, com o uniforme grudando naquele corpinho dos Deuses ou quando ele tira a blusa você fica babando por ele. Preciso falar mais alguma coisa ou você quer mais evidencias? - A Uzumaki finaliza. Não é atoa que ela quer ser advogada.

Só consigo ficar envergonhada com as suas “revelações”.

- Talvez eu tenha uma atração pelo Naruto e mais nada. – Quem eu estou querendo enganar?

-VOCÊ ADMITIU, você admitiu! Vou até falar no grupo das meninas que você deixou de ser cabeça oca e percebeu o obvio. - Da ênfase no “obvio”.

SAKURA CHEGEUI!

Ouço Naruto me chamando.

- Bom amiga, o papo e as revelações estavam boas demais porém vou desligar para você dar atenção ao seu futuro namorado - Ri debochada- Manda um beijo para ele.

Na hora que iria responder ela, a mesma desliga na minha cara.

Quenga.

- Está falando sozinha Sakura-chan? - Naruto pergunta adentrando no meu quarto.

- O-oque? Não, estava falando com a sua prima. - Digo soltando uma risada nervosa, ao lembrar que ele era o assunto da conversa.

-Ok então - Me encara desconfiado – Bom, vou ir tomar banho quando eu acabar vamos ir assistir um filme?

-Vamos sim! - Respondo rapidamente e ele dá um sorriso de lado e sai.

Solto o ar que nem percebi que estava prendendo me jogando na cama. Fico encarando o teto e pensando no que a Karin me falou.

Será eu, Sakura Haruno, apaixonada pelo meu próprio melhor amigo baka gostoso?

Merda.

 

[...]

 

- Chega Naruto, não aguento mais assistir essa porra que você chama de “o filme”! – Digo impacientemente e o vejo ficar incrédulo. Já estamos no número não sei qual desse filme que aliás, nem sei o nome!

- É O QUE? Como alguém em sã consciência nesse mundo não gosta de Jason Bourne? Você é inacreditável Sakura-chan. - Levanta indignado parando na minha frente.

Subo o meu olhar para a figura que está na minha frente e o observo.

Já perdi quantas vezes eu já pensei no quão sexy ele é em menos de um dia. Naruto está com uma calça moletom preta, com seu tronco desnudo e as tattos a mostra que eu tanto amo. Seus cabelos rebeldes, que dá ao meu amigo um ar mais badboy.

- Sabe Sakura, uma foto dura mais. - Diz me olhando maliciosamente. – Se bem que ficar me secando pessoalmente é mais excitante.

- Seu baka, você consegue ser mais safado do que o seu padrinho - Desvio meu olhar para qualquer quanto da sala. Com certeza estou ruborizada.

Vejo o mesmo rindo e começa a recolher as coisas que estávamos comendo na mesa de centro, indo em direção a cozinha.

- Já estou morrendo sono – Fala parando no meio da sala - Estou indo dormir Sakura-chan, boa noite! - Se aproxima de mim e deposita um beijo na minha testa. Sinto minha amiguinha formigar ao sentir o seu pequeno contado. É isso que eu chamo de poder Uzumaki.

- Boa noite, Naruto- kun - Sussurro o encarando igual uma boba.

Meu Kami, devolva minha dignidade- Penso chorosa.

Shannaro

Ele sai do meu campo de visão e reúno minhas forças para levantar.

Ajeito mais algumas coisas que estavam foram de ordem e desligo a TV, a luz e vou para o meu quarto dormir.

 

[..]

 

Já vai dar 3:00h da manhã e não consigo dormir de jeito nenhum. Aqui em Konoha, começou o inverno há alguns dias atrás e neste momento, está caindo uma baita tempestade lá fora. E eu, como uma bela medrosa, estou morrendo de medo de dormir sozinha e decido ir para o quarto do Naru.

Saio da minha cama e vou correndo para fora, adentrando rapidamente no quarto dele. Percebo que bati a porta forte demais ao ver o mesmo dar um pulo da cama com uma cara sonolenta.

- O que foi Sakura-chan? Aconteceu alguma coisa? Você está bem? – Pergunta preocupado e nego.

- Estou com medo de dormir sozinha Naru, posso dormir com você? – Pergunto manhosa. O vejo dar um pequeno sorriso de canto.

-Você ainda pergunta cabelos de algodão doce?! Vem cá - Rio um pouco me tranquilizando indo em direção sua cama.

Me deito já ocupando bastante espaço da cama e apoio minha cabeça do seu tronco desnudo.

- Você é muito folgada, já te falei isso né? – Fala enquanto acaricia os meus cabelos.

- Não tenho culpa se você me mima demais Naru. – Respondo me aconchegando mais a ele. – Naruto – O chamo.

- O que foi Sakura- chan? – Me pergunta curioso.

- Lembra do que o Shika falou hoje mais cedo?

- Lembro sim, aquilo te magoou? - Me fita preocupado.

- Não! Como eu falei, aquilo me acordou Naruto. Pude perceber que aquilo que achava que sentia pelo Sasuke não era amor, pois foi apenas hoje que eu realmente me toquei no verdadeiro sentido dessa palavra! – Falo e levanto minha cabeça para olhar o loiro e continuo:

- Tive uma conversa com a Karin, deixei minha lerdeza de lado e finalmente pude enxergar a pessoa que me ensinou, mesmo sem saber, o verdadeiro significado do amor...

- E quem foi essa pessoa Sakura- chan? – Pergunta com uma feição curiosa. Profiro:

- Não estou pronta para falar agora Naruto- kun, me desculpe – Ele concorda e me abraça. Apoio minha cabeça no seu peitoral novamente, sentindo minhas bochechas esquentarem.

- Nunca esqueça que eu sempre estarei com você minha flor de cerejeira- Sussurra para mim.

- Nunca! Obrigada Naruto- kun, por tudo... – Olho para cima e o vejo dormindo. Ele tem um sono muito pesado. Tão pesado quanto o do Shikamaru.

Subo mais um pouco e começo a acariciar sua bochecha pensando em como eu pude ser tão cega.

O Uzumaki por se popular, era tão famoso pelas garotas, e garotos também, quanto o Sasuke, mas por ser meu melhor amigo, eu só me preocupava com o que o Uchiha iria achar quando me visse dançando sensualmente nos ensaios, por exemplo.

Que vergonha, eu sei!

Eu mandava indiretas e dava em cima dele, porém o mesmo ignorava ou falava “nós somos apenas amigos”.

Eu ficava triste? Não! Apenas frustrada por não conseguir ficar com o Sasuke Uchiha.

Agora me lembro das meninas na arquibancada babando no Uzumaki, o Naruto nos amassos com as garotas por cada canto da escola ou fudendo uma menina qualquer no quartinho da limpeza.

 Eu ficava sentida e na minha cabeça, era apenas um ciúminho bobo de amigos, mas não! Eu estava, estou, é apaixonada pelo meu melhor amigo!

E isso aconteceu de uma forma tão natural!

 

Agora eu sei

O que eu sentia pelo Sasuke era apenas

Uma obsessão.

 


Notas Finais


Até a próxima🥀


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...