História É tudo culpa sua - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook
Visualizações 25
Palavras 824
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Violência
Avisos: Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Mutilação, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - .único;


Eu estava sofrendo.


Eu precisava de ajuda, de apoio. E mesmo assim, vocês não deram bola. Não ligaram para mim, porque achavam que era bobagem.


1 ~ Jimin, você pode ser o garoto mais bonito e popular que já havia visto na escola, mas... Também era o mais traiçoeiro e vingativo, além de ganancioso e incrivelmente persuasivo.

Eu estava sozinho, só tinha a Taehyung como amigo, e bum, você chega balançando o meu mundo e de repente me chama para uma festa... Uma festa a qual eu deveria ter desconfiado desde o começo.

Você me seduziu. Sabia que ele viria atrás de você uma hora ou outra, e mesmo assim continuou tudo, me induzindo a fazer você ser meu, e mesmo tendo um namorado, queria isso tanto quanto eu naquele momento.


2~ Yoongi, você parece um imbecil esquentadinho e de cabeça fechada, mas na verdade você só demora um pouco para enxergar a verdade. Eu não lhe culpo pela raiva, eu sei que foi tudo causado pelo seu lindo boyfriend perturbado e sedutor.

Não, eu não sabia que você estava com ele, nunca faria nada se soubesse. Mas foi por causa dele que tudo começou.


3~ Namjoon, esse cara rico e mimado que fazia de tudo e não se dava mal em nada.

Próximo de Taehyung, meu único amigo, e acidentalmente fomos apresentados um ao outro. Merda, não era para isso ter acontecido.

Na gestão neguei tudo que fosse ilegal, eu não queria beber. Mas fomos inventar de jogar um jogo... Maldito jogo idiota. Eu perdi, e você me fez beber da pior bebida do lugar. Ninguém estava sóbrio o suficiente para me ajudar, apenas Yoongi. E eu não sabia que ele só quis me ajudar.

Você me deu aquilo. Droga, literalmente, droga! Porra, Namjoon! Agora eu estava vomitando no banheiro sem ninguém para ajudar, e o único suporte que me foi oferecido, eu neguei.

Empurrei Suga com força para trás, e caí no chão gélido estático. Eu queria que ele tivesse insistido, mas ele não o fez, e saiu.

Sim, ele simplesmente saiu de lá, e eu me senti mal por algum momento, apenas porque Min Yoongi não havia ficado por mim.



4~ Taehyung, meu grande amigo. O mais traquinas da sala, junto ao mais calado da turma. Daria certo essa dupla extraordinária?! Provavelmente não na sua cabeça, mas para mim deu certo.

Bom, mais ou menos.


Tae foi preso na noite da festa de Namjoon, por agressão a um outro bêbado da festa, e ninguém estava lá para livrá-lo.

Taehyung, tenho que lhe dizer: Você é um louco. Eu me orgulho de você ter sido meu amigo, e não me importo em ter sido o único de verdade.


5~ Agora, sem amigos, eu comecei a frequentar a biblioteca desta vez definitivamente sem ninguém. Não que Tae costuma ser ir até lá comigo muitas vezes, mas era notável a minha solidão por completo.

Hoseok, você não devia ter se aproximado.

Seu filho da puta...


* não acredite em tudo que leu a partir daqui. *


Como começamos a ficar amigos, contei-lhe todos os meus segredos, e você, me confiou a maioria dos seus também.

Em troca pela amizade, Hoseok me ensinou passos de dança. Ele também não tinha muitos amigos devido à sua inteligência, o que na minha opinião seria motivo para atrais pessoas, e não afastá-las.

Sim, Jimin ficou muito bravo por não ter sido aprovado para a apresentação de dança...

Mas não era culpa minha.


Você revelou todos os meus segredos para todo mundo. Você espalhou para todos minhas coisas pessoais e particulares, e não duvido que fosse amigo de Jimin e tivesse feito isso apenas por vingança.

Sou tão sortudo que não me restam dúvidas.


6~ SeokJin, minha última esperança.

Você, o modelo famosinho e novo conselheiro da escola... Meio psicólogo, e meio irônico. Seu ego maior que tudo me impediu de pelo menos tentar me dar apenas uma chance à mais, porém você não permitiu.


" - Diga o que quer.

 - Você... Ouviu os rumores sobre... Mim?

- Apenas me diga o problema.

- ...

- Vamos, me diga!

- Eu apenas me sinto... Sozinho, e...

- Ah, saia daqui. Não estou disposto a essas brincadeiras de vocês. Não vão conseguir nada de mim, agora vá.

- Mas...

- Vá embora.

-  *Porta batendo*    "


É, Jin. Você não escutou.


E agora, querido? Saudades??


Isso é tudo culpa sua.

Não sua somente da sua pessoa, mas sua, que para mim, simboliza todas as pessoas que me agrediram, que me colocaram para baixo e cometeram Bullying durante anos e anos, que não ligava mais se eu andava machucado pelos corredores, porque simplesmente não davam a mínima.


Eu parecia bem nas fotos, eu não estava. Eu parecia saudável, eu não estava. Eu parecia estável ou feliz, mas não, eu não estava.


Muito obrigado às poucas pessoas que moram no meu coração sempre que eu estive vivo, que me fizeram rir de verdade e não me fizeram forçar uma expressão agradável ou me forçaram a fazer nada que eu não fosse fazer.

Agora chegou a minha hora. Eu cansei de sofrer... Tudo isso é demais para mim.

A última frase que eu tenho a dizer, é...























Adeus.





Notas Finais


Reflitam.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...