História E Viveram Felizes Para Sempre;; - Capítulo 7


Escrita por:


Capítulo 7 - The end;;


Fanfic / Fanfiction E Viveram Felizes Para Sempre;; - Capítulo 7 - The end;;

Narrador do capítulo:Jungkook

Não consegui dormir muito, foi uma noite péssima, só queria poder ter notícias de Taehyung.

Ao sol nascer e iluminar meu quarto, me levantei, vestindo meu uniforme e indo o mais rápido possível pro hospital.

Ao chegar lá os médicos me olhavam com dó, estranhamente com dó. Me aproximei rapidamente, estava ofegante e nervoso.

- Meus pêsames- Um dos médicos disse enquanto tocava em meu ombro

E foi aí que meu mundo desabou, Taehyung havia falecido e eu ao menos pude estar junto de si em seu último suspiro. Oh céus

Encarei o médico enquanto chorava e mordi o lábio.

- O que ele tinha?- Falei o encarando

- Taehyung era trans, ele nasceu menina, começou a usar muitos remédios e cirurgias fortes, o problema é que antes de ser 100% menino, acabou engravidando. O parto foi super difícil pro Tae e ele acabou tendo uma hemorragia interna. Com o tempo seu corpo foi regeitando os remédios e seus órgãos já não funcionavam corretamente- Falou tudo claramente

- Calma, ele teve um filho? E  o que aconteceu com ele?- Falei limpando as lágrimas

- No orfanato do centro- Falou e saiu- Boa sorte.

Sai correndo do hospital enquanto chorava e sentia meu mundo cinza, eu queria poder abraçar Tae novamente, sentir seu cheiro doce, oh céus.

Ao chegar no orfanato, perguntei por alguma criança filha de Kim Taehyung e logo me trazendo uma criança que parecia ter no máximo 3 anos e segurava um papel.

- Você é o tio Gguk?- Falou sorrindo

- Sim, sou- Falou confuso

-Taehyung veio aqui por esses dias e deu isso ao pequeno Jin, dizendo que deveria entregar pra um tal de Jungkook, no caso, você.

Peguei o papel, e li com lágrimas nos olhos.

"Caro, Jeon. Eu te conheço e sei que você perguntou a minha doença, seu curioso!

Eu nunca quis te contar isso, é bem medíocre.

Eu queria agradecer por você me fazer se sentir vivo mesmo enquanto estava morrendo.

Seus abraços quentes, seu sorriso meigo, suas piadas de mal gosto.

Eu te amo muito, tá bom? 

Seu final feliz não vai ser comigo, mas acho egoísta não te dar um motivo pra continuar radiante.

Cuide do Jin, ele é amável, vai por mim.

Beijos do TaeTae.

Se cuida, babaca"

Limpei minhas lágrimas e guardei o papel no bolso, assinando o papel de adoção e levando Jin pra casa, enquanto via o mesmo sorrir pra qualquer coisa.

4 anos depois.

Jin estava na sala, fazendo um de seus desenhos enquanto eu organizava minhas fotografias, no meio delas achei uma das fotos que tirei de Taehyung (imagem de capa), me fazendo sorrir e a colar no centro da minha parede branca.

- Eu sinto tanto sua falta- Falei mordendo o lábio

- Pai! Tem visita!- Gritou Jin

Desci pra sala, vendo Jimin ali na porta, sorrindo enquanto segurava um livro, e logo me deu enquanto entrava e se jogava no sofá.

Meu final feliz não foi do jeito que eu esperei, foi bem difícil na verdade, mas meu coração ainda batia por Taehyung e eu nunca iria desistir de ser alguém melhor todos os dias.

-Papai, diga ao Jimin-si que errado ficar com os pés no sofa!- Falou fazendo um bico

Jinnie se tornou tudo pra mim.

- Sai do meu sofá, baitola safado- Falei rindo e o joguei pra fora do sofá.


Notas Finais


Querido leitor, não me bate, okok


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...