História Ecstasy - Capítulo 17


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, Drama, Revelaçoes, Romance, Tragedia
Visualizações 7
Palavras 905
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa boa boaaaa leiturinha nenês 💛💛💛💛

Capítulo 17 - E que tal você vir comigo?


Fanfic / Fanfiction Ecstasy - Capítulo 17 - E que tal você vir comigo?

 

 

JHENNIE 

 

 

Entro em casa, estava tudo escuro, então meu pai ainda estava trabalhando. Subo até o meu quarto e fecho a porta. Escorando na mesma. Aaaaa, o que deu em mim? Eu não sou de ficar abraçando os outros. Nem com o Jimin eu era tão grudenta. O Jungkook deve estar me achando uma menina fácil agora. Não que eu me importe com o que ele pensa de mim.

Aaaaaaa que vergonha. Decido ir tomar banho para deitar, não estava com fome de novo. Então ia dormir sem jantar mesmo. Amanhã seria um longo dia. 

* Alarme Toca *

Acordo com o primeiro sinal de vida do alarme. Já vou logo fazer minha higiene matinal, e no banho uso um shampoo novo que tinha comprado. Eu gostei do cheiro, eu precisava inovar um pouco. A maioria das coisas que eu tenho, me lembra dele, então eu preciso tentar me animar um pouco. É como minha amiga mesmo me disse: “ Jhennie, você acha mesmo que o Jimin,se estivesse aqui, iria mesmo querer te ver sofrendo por ele desse jeito? Não, ele iria ficar muito decepcionado  com você por não estar nem tentando melhorar. Não digo seguir em frente, até por que o que você sente pelo Jimin, ainda é muito forte, mas oque custa se dar uma nova chance?” 

Sim, eu estou disposta a tentar, mas será que a vida me dará mais uma chance para ser feliz de novo? 

Termino de me arrumar e desço as escadas, vou direto para porta de saída.

- Bom dia, senhorita. Não vai nem cumprimentar seu appa não? 

- Ah, me desculpe appa. Bom dia pro senhor. Como o senhor está? 

- Eu vou bem e você filha? 

- Eu vou bem.

- É Filha, esse mês estou muito ocupado com a empresa então, vou viajar a negócios o mês inteiro. Não queria, ter que te deixar sozinha em casa depois do ocorrido, mas não tenho escolhas. Tudo bem?

- Tudo bem appa.

- Me acompanhe até meu carro então. 

Vou com meu appa, até o carro dele. Ele sempre viajava a negócios, então já estava acostumada. Dessa vez eu estava um pouco aflita pois não queria ficar só. Mas ... meu plano foi por água abaixo. 

- Se comporte, deixei dinheiro no cofre e você tem sua mesada. Qualquer coisa ligue para minha secretária. Mas só se for com urgência entendeu?

- Sim, appa. 

- Tchau

-Tchau, se cuide. 

Ele entra no carro e da a partida. Vejo seu carro desaparecendo pela rua. Após isso ainda fico olhando.

- Que jeito de se despedir mais estranho...

Ouço a voz vindo de uma região próxima, essa voz...

- Jungkook! - olho para o mesmo que estava escorado em uma árvore que tinha na minha casa perto da janela do meu quarto. - O que você tá fazendo aqui? - digo indo em sua direção. 

- Ué, eu moro por aqui esqueceu princesa? - diz com o sorrisinho cinico de sempre.

- Esqueci - digo sorrindo de volta entrando em seu jogo. 

- Verdade, tinha me esquecido que princesas não se importam com simples plebeus. -diz parado em minha frente ainda sorrindo.

- Quem disse? E você está mais para um Playboy do que um plebeu. - digo o encarando.

- Ata, achei que fosse me chamar de príncipe. - diz rindo com a hipótese. 

Na hora meu sorriso morre. Príncipe ... como eu poderia. Como eu poderia chamar outro alguém de príncipe. Não, não dava. Sinto meu  coração Fraquejar, mas hoje eu prometi para mim mesma que não ia chorar.

- Eii- ele me olha e levanta meu queixo- porque você ficou assim do nada huh? Falei algo de errado? - diz ainda me olhando fixamente. 

Esses olhos... 

- N-não- eu estou bem- tiro a mão dele do meu queixo- só estava pensando que a escola não é tão longe e dava para mim ir a pé, como fiz ontem. 

- hum... - ele diz andando para outra direção. - e que tal você vir comigo?

- Com você? - digo o olhando incrédula.

- É

- Porque? 

- Você vem ou não? - ele diz já andando me dando as costas.

- Aish, tá bom. - pego minhas coisas. - tchau Freddy - digo tchau ao meu motorista. 

Olho para Jungkook e o mesmo já está longe, ele manda eu andar mais rápido se não ele me abadonaria ali mesmo então eu corro até ele. 

Ele ri - Enrolona- diz bagunçando meus cabelos e voltando a andar.

- Eii, você podia andar mais devagar né? 

- Eu não sou uma lesma não princesa, além de eu te esperar você quer que eu demore como você? Só se eu parar de andar - ele diz e começa a rir. Começo a dar tapas no braço dele.

- Oxe, tá louca, não me bate não doida. - diz ainda rindo da minha cara

- Me Esperaaaaa! - digo enquanto o mesmo começa a correr me deixando para trás.

- A princesinha daqui a pouco vai querer que eu te carregue no colo? - diz vindo em minha direção-  tipo assim óóh - ele diz isso e então me pega no colo, me levanta e gira.

- Me solta Jungkook! -digo-  Olha o mico!!!- ele ignora-  ME SOLTAAAA- começo a gritar quando ele me gira mais rápido.

 

- Éeer, Hurum - escuto a voz de outra pessoa - interrompo algo? 


Notas Finais


MEU DEUS KKKKKK,KKKK


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...