História EddsWorld-"Eu te odeio mas ao mesmo tempo te amo"TomTord - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Eddsworld
Personagens Edd, Matt, Tom, Tord
Tags Eddmatt, Eddsworld, Patryckpaul
Visualizações 89
Palavras 863
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Bishoujo, Bishounen, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


OIIII;-; OQ SE FAZ AQ?EU NUN ZEI MAIS OIA UMA FIC DE EDDSWORLD Q CHAVE,_, mds vai fica uma merda eu me odeio;-;

Capítulo 1 - A chegada do vagabundo sem vergonha


Fanfic / Fanfiction EddsWorld-"Eu te odeio mas ao mesmo tempo te amo"TomTord - Capítulo 1 - A chegada do vagabundo sem vergonha

<Tom On>

As cortinas estavam fechadas como sempre, impossibilitando a entrada da luz, garrafas de vodka jogadas pelo chão e o quarto fedia como um lixão, eu estava estremamente magro e meu travesseiro já estava molhado de tanto choro, meus pulsos cortados e sangrando, a faca em mãos me tranzia angústia e os cobertores manchados de sangue me trazia mais tristeza.

Oque mais me leva a tristeza é o fato de eu ter sido um dos grandes melhores amigos de Tord, o que nos abandonou e traiu nós de uma forma que deixou Edd triste por semanas e foi oque mais deixou eu triste...ver meu melhor amigo chorando por um vagabundo sem vergonha.

-Clock Clock!-Meus pensamentos são interrompidos com batidas na porta:

-ENTRA!-Grito abafadamente ja que meu rosto estava no travesseiro, Edd entra no quarto com um sorriso largo:

-Tom desce agora!-Ele diz correndo para sala, me levanto pego uma garrafa de vodka e desço as escadas...me arrependo de descer:

-Ola velho amigo.-Diz o vagabundo sem vergonha de chifres como se fossemos "amigos":

-Eu não sou seu amigo.-Digo friamente sem me importar com os olhares revoltantes de Edd:

-Tom não seja mal educado!Vamos sei que não se deram bem mais vamos dar uma chance agora!-Edd fala e eu tomo um pouco da minha vodka e olho com um olhar tenebroso a ele:

-Se acha que vou perdoar esse vagabundo sem vergonha pode perdendo suas esperanças prefiro morrer do que perdoar esse filho da puta.-Digo me virando mas algo me segura, era Edd:

-Olha aqui o "vagabundo sem vergonha filha da puta" ira dormir no seu quarto por que quero que se entendam entendeu caso tiver uma briga eu mando os dois pra rua entendeu?

-Entendi.-Digo me surpreendendo, Edd nunca falava assim mas parece que hoje algo o mudou.

<Tord On>

Sigo Tom até seu quarto onde ele apenas se joga na cama e deixa sua vodka no chão ingnorando minha presença, pego o colchão que havia do lado da cama, retiro o plástico, deito no colchão abrindo minha mala e pegando minhas revistas de hentai, parece um gosto de tarado mas...ta eu sou tarado mesmo, não tem como disfarça eu sou um merda.

Minutos depois parece que Tom estava dormindo, me sinto culpado pelo seu estado físico, mas eu estava realmente parecido com ele já que entrei em depressão ano passado e só consegui sair dela nesse ano e eu sei como Tom se sente...é como estar preso em um mar da solidão onde todos querem esfaquiar sua alto-estima, felicidade e vontade de viver, seus pensamentos só tem tristeza e você só sente dor e mais dor e dor e dor e dor...me deixa abalado ver Tom assim por minha causa...eu sou um merda mesmo.

[UMA HORA SE PASSA]

E parece que ele acordou, seu olhar triste me encara por alguns segundos e depois vira, ele se senta na cama:

-Oque você esta lendo?-Ele pergunta para mim, sinto vergonha em dizer mas não me importo sou um tarado com orgulho:

-Hentai.-Digo e Tom taca seu travesseiro em mim:

-TARADO DO CARALHO!-Grita ele, eu começo a rir e parece que ele acabou deixando escapar um sorriso de canto mas virou o rosto não me deixando ver seu sorriso magnífico:

-Não é minha culpa se essa garotas são muito bonitas e me deixam louco...quer ler?-Coloco a revista na sua frente com um olhar malicioso:

-Sai daqui!-Ele empurra minhas mãos pra lá rindo um pouco, eu me sinto feliz de ver Tom rir então tento inciar uma conversa:

-Tom você ainda toca a Suzan?

-Sim.-Essa reposta me animou mesmo que tenha sido falada de uma forma tediosa:

-Pode cantar uma música pra mim?

-Ok.-Ele sai da cama e se dirije a o lugar que a Suzan fica(lembrando eles estavam morando numa casa igual a antiga que o Edd havia comprado)ele abriu usando suas senhas e pegou a Suzan:

-Tem uma música de preferência?

-Não.-Digo apenas olhando para ele, que logo em seguida senta na cama e começa a tocar o baixo e canta minha música favorita:Changes do XXXTentacion e meus olhos brilharam, sua voz encantava meus ouvidos ela era suave me deixando com um pouco de sono, quando ele termina meus olhos já estavam quase fechando:

-Você não aguenta muito né  dorminhoco.-Diz Tom sorrindo de canto, eu respondo com um sorriso e coloco minha revista embaixo do colchão e Tom apenas guarda a Suzan e se joga na cama de qualquer jeito, eu e ele dormimos.

<Edd On>

Parece que até agora não ouvi nenhum grito ou barulho de coisas quebrando, é tão bom ver que talvez tenham entrado em um acordo mas do mesmo jeito acho que Tom vai piorar com a presença de Tord, pelo fato dele começar a lembrar de tudo que Tord fez ou suas brigas toscas com ele...eu só me preucupo com ele agora, já que não quero ver um dos melhores amigos meu se suicidando eu não vou consiguir superar...bem espero que Tord consiga pelo menos levantar sua alto-estima naquele quarto e também limpa-lo por que a situação ta horrivel nele.

Tomo um gole da minha coca-cola e olhei para  a cozinha ao meu redor, Matt tinha ido dormir e talvez até Tom e Tord...bem eu vou dormir também amanhã quero animar esse lugar sabe, bem eu subo para meu quarto e deixo a latinha do lado da cama e durmo.




Notas Finais


Eae tudu blz?;-; essa fic vai fica horrivel mas eu vou continua huehue:3 espero q tenham gostado já que demorei pa kacetinhu nela e mds meu dedo morreu kakaka obg por ler e flw!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...