1. Spirit Fanfics >
  2. Efeito Borboleta - Noah Schnapp >
  3. Chat with Chad

História Efeito Borboleta - Noah Schnapp - Capítulo 46


Escrita por:


Capítulo 46 - Chat with Chad


- Eu tentei...tentei finalizar com tudo isso....

- Chad..., não em diga que você....

- Me Desculpa! Eu...não aguentava mais....

- Você se machucou? – Perguntei.

- Não...eu não tentei de fato. Eu só pensei..., mas acho que isso já é ruim o suficiente. – Ele suspirou. – Só que vocês duas salvaram a minha vida.

- Nós duas? – Perguntei confusa.

- Você e a Chloe. Ela me mandou uma mensagem falando para nos encontrarmos, e você, você falou que você era maluca. Você falou que me amava.... – Disse um pouco relutante.

- Amo mesmo. Nós somos melhores amigos agora, lembra?

- É que na hora, a gente não tinha se encontrado ainda. Foi um pouco antes de conversarmos.

- Chad, se eu te falar uma coisa, você não fica chateado comigo? – Perguntei receosa.

- Sim. Digo...depende.... O que foi?

- Eu...você precisa de um psicólogo...!

- Eu sei. Mas por que você achou que eu ficar chateado?

- Porque tem gente que acha que psicólogo é coisa de gente louca.

- Não é meu caso. Mas, eu não tenho como pagar. Meus pais se recusam a cuidar de mim, quem dirá pagar um psicólogo.

- Como assim? Como eles se recusam a cuidar de você? – Perguntei já sentindo a raiva subir.

- Eu te falei que eles estavam que eles estavam de divorciando, certo?

Eu apenas concordei com um barulho feito com a boca.

- Então, nenhum dos dois querem ficar comigo.

- Como assim “eles não querem”? Eles são seus pais!

- Eu sei...! – Concordou triste. – Mas eu acho que eles não me veem mais como um filho. E sim como um fardo, alguém que eles têm que aguentar por obrigação.

- Mas que idiotas. – Sussurrei aos ventos.

- Por que eu não posso ter uma família estruturada? É pedir muito?

- Minha família também não é estruturada. Mas minha mãe cuida de mim....

- Por que a sua família não é estruturada? – Perguntou curioso.

- Quando minha mãe ficou grávida de mim, meu pai se separou dela. Eu acho que ele não queria mais uma filha. E...a cada ano que passa, ele quer mais diminuir nossa pensão. E...era até legal só eu, minha mãe e minha irmã. Só que depois que minha mãe começou a namorar, o inferno começou.

- Que merda.... – Sussurrou Chad.

- É...merda.

Depois de alguns segundos em silêncio, eu decido falar novamente.

- Por que eu não posso morar aí com vocês? Seria, tão...melhor. Os dias que passei aí, foram os melhores da minha vida. E seria tão mais fácil se eu vivesse aí.

- Eu tenho certeza que todos ficariam felizes se você morasse aqui. Mas...a vida é injusta...e triste.... – Murmurou.

- Me promete uma coisa? – Perguntei.

- Claro.

- Você promete que vai cuidar da sua saúde mental? Eu não quero mais te ver mal....

- Tudo bem, mas só se você me prometer algo também.

- O que?

- Você promete que nunca vai me abandonar? Você...foi a única amiga que eu tive..., na minha vida inteira.

- Claro. Eu prometo.

- Um dia eu sei que você irá morar aqui, e nós estudaremos juntos! – Falou animado. – Pode não ser hoje, nem amanhã, mas um dia sim.

- É...um dia....

Sorri pensando na hipótese. E aí, eu lembrei de algo.

- E a Chloe? – Perguntei enquanto me deitava de bruços na cama.

- O que tem ela? – Perguntou.

- “O que tem ela?”. – Repeti com uma voz escrota. – Eu quero saber o que deu entre vocês dois. O Noah me falou que viu vocês dois juntos na escola ontem.

- Ah...então...a gente ficou.... – Falou tentando dar de ombros.

- O que?! – Praticamente saltei da cama. – Como assim? Me conta agora!

- Não tem muito o que falar...! Eu falei que gostava dela...e a gente se beijou...!

- Só isso? – Perguntei curiosa.

- O que você está querendo insinuar? – Perguntou confuso. Cara, a gente estava na escola..., e eu tenho 16 anos...!

- Você entendeu errado! – Falei fazendo uma cara de repulsa. – Eu estou querendo saber se você pediu ela em namoro!

- Ehrr...não...?

- Como não?! – Perguntei indignada.

- Eu não quero ser precipitado...!

- “Precipitado”? – Repeti. – Sério, há quanto tempo vocês estão remoendo esses sentimentos que tem um pelo outro?

- Eu não sei...! Um ano?

- Olha só! – Bati minha mão na mesa. – Viu? Já faz bastante tempo que gostam um do outro. É bem simples, fala tudo e dá um beijo, sempre dá certo!

- Funcionou com o Noah? Porque vocês dois não namoram ainda...ou namoram?

- Bem...não! Mas...a gente mora em lados opostos do continente, já vocês, moram na mesma cidade.

- Eu sei disso, mas é simples também. Você encontra um velho rico, faz ele cair “acidentalmente” da escada, pega a grana dele e vem para cá. Simples.

- Boa ideia, vou ir em obituários ver quem são os viúvos.

- Isso, faz isso. Quando você for bilionária, a gente vai para Dubai juntos, combinado?

- Mais que combinado. A gente pode até fazer uma viagem mundial, juro que banco tudo.

- Adorei, vou aderir. – Riu.

- Chad, você acha que eu tenho alguma chance de ser atriz? Porque, eu não sinto a menor vontade de ir para uma faculdade, e...eu gosto de atuar. Mas eu sinto, que eu nunca vou realizar esse sonho, o mercado de artistas do Brasil é tão...fútil...?

- Acho que você tem sim. Nunca te vi atuar, mas tenho certeza que você é ótima nisso. E eu acho que sim você tem chance. Sei que é difícil depender dos outros, mas acho que ele pode ter incluir nesse meio. 

- Como assim? – Perguntei confusa. 

- Ele é um ator fluente, e conhece outras pessoas fluentes nesse ramo. Então, ele conseguiria um teste para você ter um papel ou algo do tipo.

- Ah....

- Mas você parece se alguém que não gosta de ficar dependendo dos outros para conseguir o que quer.

- Sim.... É que desse jeito, parece que eu só sou próxima a ele, por interesse....

- Parece. Mas nós dois sabemos que esse não é o caso.

- Mas os fãs dele irão achar isso.

- Que se dane eles, vai realmente ligar para o que eles falam?

- É que...é um pouco complicado. Eu sempre achei que seria fácil ignorar, mas...é difícil. – Suspirei. – Desde que cheguei nessa realidade, as pessoas já tacavam hate em mim, só por eu ser amiga dele.

- Nessa realidade? – Perguntou confuso.

- Sim. – Concordei. – Sempre que tomamos decisão, uma realidade paralela é criada. E já que eu voltei no tempo, e tomei outra decisão, eu fui parar em outra realidade. Entendeu?

- Eu acho que não...mas tudo bem. – Sua voz saiu confusa. – Mas agora eu tenho que ir para casa, já enrolei demais na escola.

- Você ainda está na escola?

- Sim, o time de basquete ficou treinando até mais tarde, aí....

- Você está no time de basquete? – O interrompi.

- Não. – Riu. – Mas a escola ia ficar aberta até mais tarde para eles treinarem, aí eu aproveitei para ficar lendo na biblioteca. Mas agora, eles já estão terminando o treino. E se eu não quiser ficar preso na escola, é melhor eu me apressar.

- Tudo bem então. – Ri. – Até mais!

- Tchau!

 

Já tinha se passado algum tempo desde que desliguei a chamada com o Chad, e desde então eu fiz uma pesquisa para tentar ajuda-lo com seus “problemas”. Mas eu não vou conseguir nem metade do que um psicólogo faz.

Eu poderia tentar conseguir dinheiro de alguma forma. Só que quando converter para dólar, não será quase nada. Eu poderia pedir ajuda para a família do Noah, eles têm bastante dinheiro. A Chloe gosta bastante dele, e o Noah...poderia ajudar (?). Mas se eu contar para eles o que o Chad tentou fazer, ele ficar chateado, não iria querer ficar incomodando a família dos outros.

Antes que meus pensamentos fluíssem, recebo uma ligação da Chloe.

- Oi! O que foi? – Perguntei feliz.

- Eu preciso conversar com você. É sério.

 

...


Notas Finais


Roooi galeris!
Sabe que dia é hoje? É primeiro de agosto, faz literalmente um ano que eu escrevo aqui no spirit (e na minha vida inteira tbm)! Se vocês forem no primeiro cap de fruto do acaso (ou no meu perfil), verão que eu postei meu primeiro cap no dia 01/08/19. E eu sou muito agradecida por quem me acompanha até hoje. Eu lembro que eu fiquei muito feliz quando o primeiro capítulo chegou a 6 visualizações (sim, eu fiquei feliz com isso), e hoje estamos cm mais de 500 visualizações. Eu nunca teria conseguido sem vocês, muito obrigada! Obrigada a cada um que comenta em todos os caps, e que gostam dos capítulos. Vocês são muito importantes para mim. Amo vocês! E eu prometo nunca parar enquanto vocês estiverem gostando. Vocês não têm noção de quantas ideias eu tenho. Obrigada pelo carinho e apoio! AMo muito, muito vocês!!!!
EU queria fazer algo especial para vocês, mas não tenho nenhuma ideia. Se alguém tiver, pls me fala!

Agora vamos para o papo sério. COMO ASSIM AQUELA LARANJA DE REALENGO QUER BANIR O TIKTOK DOS EUA?????? COMO EU VOU XONAR NOS GRINGO DO MEU FY????? COMO EU VOU FICAR ENLOUQUECIDA ESPERANDO O NOAH SARRAR (inclusive fiquei com muita raiva do Bryce porque ele não duetou com o Josh)? COMO EU VOU FICAR DESEJANDO DANÇAR COMO A ADDISON E A CHARLI???? COMO EU VOU FICAR VENDO OS VÍDEOS DA HYPE HOUSE??? EU TO PUTAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA. TMNC

E em relação ao cap, eu fiz completamente voltado à amizade do Chad e da Catarina (sou rendida KKKKK). Tô pensando em ter um friendshipp para eles, alguma sugestão?
O que será que a Chloe quer falar? Me diga nos comentários, quero saber o que vocês pensam!
Bem acho que é isso.
Espero que tenham gostado
Comentem a opinião de vocês.
Não esqueçam de votar!
E até quarta!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...