História Ela é o cara - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Bangtan Boys (BTS)
Visualizações 5
Palavras 614
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Two


Fanfic / Fanfiction Ela é o cara - Capítulo 2 - Two

_ Consegui

Foi a primeira coisa que Amber disse ao pisar no quarto bagunçado do Kim.

Explicando melhor como ninguém descobriu sobre a grande mentira dos dois.

1- Amber é do clube de literatura, por isso, quase ninguém sabe seu nome ou a conhece na escola.

2- as tatuagens e o cabelo agora bem curto mostram outro lado da Liu, lado esse que só Junmyeon conhecia até agora.

3- mesmo sendo uma garota, Amber, pode sim, jogar muito melhor que um garoto.

Sim, a uma grande parte machista na escola e no time, um exemplo a um deles é Kim JongIn, o crush estúpido da Amber, aquele que faz o coração dela bater de nervosismo ao passar na frente dela, aquele que faz a garota se perder em pensamentos na aula – especificamente na de história – o que a faz receber muitas reclamações – que parando pra pensar nem vale tem a pena assim já que o Kim nem mesmo sabe de sua existência –

_ Graças a Deus~

_ Graças a mim mesmo. Chanyeol não tirava os olhos de mim cara, eu me senti muito observada e violada.

_ Chanyeol é o vice líder do time, já que JongIn não sabe reconhecer o talento dos outros, Chanyeol o faz pelo bem – ou nem tanto – do time

Não que JongIn fosse um narcisista que só vê seu próprio talento e que pra ele só ele importa naquele time – ou talvez pra ele só ele importe sim – mas acontece que o Kim, por ser "mais" habilidoso que os outros ali, se acha no direito de receber todos os créditos e méritos pelas vitórias do time – que muitas vezes foi por causa do Park ou dos outros Kim's que o time ganhou – e ninguém, nem mesmo o treinador o corrige ou coloca outro nome naquele mérito – mesmo os outros jogadores ficando bem irritados e frustrados por isso –

_ Aliás, já conheceu todo mundo lá?

_ Nem sabemos se eu entrei pro time Junmyeon

_ Não significa que você não pode conhecer o pessoal oras...

_ Eu não quero conhecê-los Junmyeon, não quero me apagar a ninguém e... Eu não vou continuar lá quando você voltar, o clube precisa de mim.

_ E você precisa é sair desse seu mundinho particular onde só Seokjin e Kyungsoo podem entrar.

Amber suspirou pesadamente, talvez o amigo estivesse certo, mas sem a literatura ficaria maluca e deslocada nesse mundo tecnológico de adolescentes que mesmo sem idade saem bebendo e transando com qualquer um que aparecer e também tinha que ajudar o clube de matemática na maior disputa que a escola está concorrendo com uma outra escola – considerada uma das melhores da Coreia – então não podia se dar ao luxo de simplesmente desistir e mandar o prêmio e mérito de reconhecimento a merda – isso estava bem longe de acontecer, já que a escola estava sofrendo por não ter tantos alunos, e os que tem, não são lá os melhores – então era isso, mesmo certo, Junmyeon não podia cobrar tanto da melhor amiga, mesmo que fosse tão importante pra ele que seu time ganhasse aquele prêmio.

[...]

JongIn estava irritado, sua áurea denunciava isso a quilômetros de distância e ninguém queria – ou deveria – estar perto dele naquele momento.

O motivo de tanta raiva despejada em qualquer um tem nome e sobrenome, talvez até mesmo altura e tatuagens horríveis – na opinião do Kim claro– Amber Liu era o motivo de tanta raiva, o Kim não aceitava o fato do treinador ter colocado um "qualquer" em seu time, JongIn não estava nem um pouco feliz com aquilo, e obviamente não deixaria aquele garoto ficar por muito tempo no seu time, se depender do Kim, Amber nem mesmo treinaria em seu primeiro dia.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...