1. Spirit Fanfics >
  2. Elas que se cuidem >
  3. Um compromisso com você

História Elas que se cuidem - Capítulo 25


Escrita por:


Notas do Autor


****

Capítulo 25 - Um compromisso com você


Fanfic / Fanfiction Elas que se cuidem - Capítulo 25 - Um compromisso com você

Na ONG, Daemok e Jung-kook estavam envolvidos um, nos braços do outro. O beijo era intenso entre eles. O rapaz queria aproveitar bem aquele momento. Ela estava curtindo o beijo. Só pararam para respirar e esse foi o medo de Jung-kook. Ele sabia que ela cortaria o clima como sempre fazia.
Eles se olharam e continuaram abraçados. O rapaz sorriu para e falou:
– Sabe que eu te amo, mas eu não canso de te falar.
– Eu não tenho certeza desse seu amor.
– Porque não?
– Você namora a Meiza.
– Sim, isso é verdade, mas só a namoro para não ficar sozinho pensando como você me repele.
– Eu te repelo?
– Sim. Desde o ano passado que faz isso.
– Fazia porque eu não confio nos seus sentimentos comigo.
– Na festa do Rain, seria apenas uma ficada, mas você me rejeitou e isso fez bater o meu coração por você. Hoje eu a quero para um compromisso – Ele sorriu quando terminou de falar e se inclinou para beijar a jovem novamente. Daemok permitiu novamente o beijo. Depois do beijo, ficaram abraçados. Ela com a cabeça no ombro dele. O rapaz afagava os cabelos negros da jovem.
Daemok ainda com a cabeça no ombro de Jung falou:
– Jung, tenho medo de ser abandonada depois de me apaixonar.
– Ei, não vou te deixar. – Ele a encarou – Quero um compromisso sério com você que pode nos levar para o altar e construirmos uma família.
– Não está me enganando?
– Não estou. Quero ter uma família com você – Ele tocou o rosto dela e a beijou novamente.
– Jung, faz cinco anos que não namoro um rapaz como você. Me envolvi com o Kang e não deu certo e depois com o Kim, que mal começou.
– Ouvi você comentando com as meninas do Congo que tinha sofrido um tipo de abuso. Quero te ajudar com isso e terei paciência com você.
– Está bem. Penso que vou te dar a oportunidade de me provar.
– Então, somos namorados?
– Sim – respondeu ela sorrindo. Ele a levantou nos braços. Logo foram interrompidos pelo celular dela tocando. Ele a colocou no chão. Daemok pegou o celular e atendeu. Era a Dan. Jung abraçou Daemok por trás e beijou o pescoço dela enquanto a mesma falava ao celular.
– Oi Dan.
– Dae, estou aqui na Samsung. Já peguei os computares que vão ser doados para Ong. Foi formatado e configurado para o idioma francês.
– Que notícia boa. Quando podemos enviar?
– Eu vou despachar ainda hoje.
– As irmãs Kim não criaram caso?
– Não. Elas queriam ajudar. Vai 6 computadores, 1 impressora e 2 notebook e 2 TV de 42.
– Diga a elas e ao Kim que agradeço muito a ajuda deles para ONG.
– Sim, vou falar. Bom, agora vou desligar para fazer os procedimentos.
– Obrigada Dan. – Elas desligaram o celular e Jung a virou para beijar a garota novamente, mas o seu celular tocou novamente. Ele sorriu e falou abraçado com ela.
– Você é muito solicitada.
– Um pouco – respondeu ela sorrindo e falou – Vou atender, pois, é o meu tio.
– Sim, atenda – respondeu ele beijando o pescoço dela.
– Oi tio.
– Daemok, amanhã passe na Hyundai para assinar os papéis para a doação da picape para o Congo e assim já despachamos, pois, amanhã vamos enviar alguns automóveis para a Egito e Marrocos.
– Está bem, tio. Vou sim. – Ela desligou o celular e sorriu e Jung-kook falou:
– Vejo que a ONG está ganhando muitas coisas. Fico muito feliz. Posso ajudar em alguma coisa?
– No momento não, mas posso precisar no futuro. – Eles se beijaram de novo e o rapaz a levantou a sentando na mesa e falou olhando para ela.
– Quando sair daqui, vou terminar o namoro com a Meiza.
– Ótimo. Então vai agora, tenho que trabalhar.
– Sim, vou minha princesa. Apenas mais um beijo – Ele sorriu e se beijaram novamente. Depois Daemok o acompanhou até a portão da ONG. Ele colocou a máscara e o boné e Daemok ficou sorrindo. Jung estava muito feliz. Era o que ele queria a alguns meses atrás. Daemok estava sorrindo e voltou para sua sala.


                                                  *****
Por volta das 16 horas Jung-kook foi até o salão de Meiza. A mesma estava na sala conversando com Sofia. Ele bateu à porta e entrou.
– Jung, meu amor – Falou ela se levantando e indo ao seu encontro. Sofia então falou:
– Vou deixar os pombinhos a sois – Ela saiu fechando a porta. Meiza abraçou o rapaz que não retribuiu e falou a fazendo olhar para ele.
– Meiza, tenho que te falar algo muito sério.
– O que foi. Você está doente? – perguntou ela o encarando. Ele se afastou dela e respondeu:
– Meiza, quero terminar o nosso namoro.
– Isso é brincadeira? – perguntou ela com um semblante assustado.
– Não é. Eu não quero mais ser seu namorado.
– Jung-kook, isso é pegadinha. Você vai me pedir em casamento ou algo do tipo.
– Não é pegadinha. Acabou, Meiza. Acabou! – ele repetiu isso e viu que os olhos delas se encheram de lágrimas. Ela foi até ele o abraçando.
– Eu te amo! Não me deixa.
– Meiza, acabou! Entenda! – ele tocou o rosto dela e as lágrimas rolavam.
– Jung, você vai ficar com a piranha da Daemok, é por ela que está acabando comigo.
– Sim, não é justo ficar com você sem te amar.
– Ela não gosta de você.
– Mas vai me amar. Agora tenho que ir – Ele afastou Meiza e Saiu da sala. A jovem ficou parada sem acreditar.
Jung tirou o celular do bolso e discou o número de Daemok e passou por Sofia e Dumas e nem olhou para eles. Meiza saiu da sala chorando e Sofia, e Dumas viram a amiga chorando.
– Meiza o que houve?
– O jung terminou comigo.
– Não acredito!?
– Foi Dumas.
– Senta aqui, vou pegar um chá para você, minha linda.
– Meiza, estou chocada, e agora?
– Ele me trocou pela Daemok.
– Será que ela deu uma chance para ele? – perguntou Sofia.
– Penso que sim. Estou chorando agora, mas eu não vou permitir que eles fiquem juntos. Tenho que colocar aquele plano em prática. Vou precisar de sua ajuda.
– Sabe que vou te ajudar.
– Obrigada Sofia.
– Eu não vou permitir que aquela mulher seja feliz em cima da sua infelicidade. Vou ligar para o Yo. Ele tem que saber disso e voltar logo do Afeganistão.

Jung-kook ligou para Dameok e contou do fim do seu namoro e colocou nas mídias que estava solteiro. Muitos fãs gostaram. Daemok ligou para Seulzinha e contou que estava namorando Jung-kook. A garota ficou feliz com a notícia que amiga lhe deu. Daemok mandou uma mensagem para Lia, contando a novidade, pois, lá em New York ainda era madrugada.

Jung-kook contou para os seus amigos do grupo BTS e todos ficaram felizes.

 

                           *******

Anoiteceu e por volta das 21 horas, Sofia ligou para Oh, pois, tinha acabado de receber o telefonema de sua prima do Brasil a convidando para o seu noivado. Ele estava em seus aposentos, deitado na cama quando atendeu uma chamada de vídeo de Sofia.
– Oi, Sofia – disse ele soltado beijo para ela.
– Oi meu amor – ela soltou beijo para ele também.
– Eu estou sentindo sua falta aqui comigo.
– Eu também estou. Seria bom que você deixasse essa Sae e me assumisse, assim poderia ficar sempre ao seu lado.
– Isso é verdade, mas no momento não posso. Ainda penso em me reeleger novamente.
– Vamos deixar isso para falarmos depois. Minha prima me convidou para o noivado dela no Brasil. Quero muito que você vá comigo.
– Sofia sabe que sou muito ocupado para fazer uma viagem para um país tão longe.
– Poxa, Oh, o que custa me agradar só uma vez. – ela fez cara de triste e ele falou:
– Não faz essa carinha. Eu não quero te ver assim.
– Então, faz isso por mim.
– Sim, vou com você, mas sabe que talvez tenha que levar a Sae. Como presidente não posso ir para um país tão longe sem motivos.
– Que droga! Não sei se quero que ela vá.
– Sofia, entenda.
– Está bem, faço tudo por você, meu presidente.
– Sabe que amo quando me chama assim.
– Eu sei, bem me fala um dia que pode ir, voltaremos logo, coisa de dois dias devido à viagem.
– Sim, vamos de jatinho para ser rápido.
– Eu te amo, Oh.
– Também te amo, Sofia. Vou desligar, estou recebendo uma ligação do ministro de minas e energia.
– Está bem. Tchau amor – ela desligou o celular e ficou pulando em cima da cama.


Notas Finais


Kiseu!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...