1. Spirit Fanfics >
  2. Elas que se cuidem >
  3. A conversa de Tae e OH

História Elas que se cuidem - Capítulo 26


Escrita por:


Notas do Autor


*****

Capítulo 26 - A conversa de Tae e OH


Fanfic / Fanfiction Elas que se cuidem - Capítulo 26 - A conversa de Tae e OH

Sexta feira. Por volta das 9:00 horas, Oh foi até a emissora KBS. Ele precisa assinar uns papéis importante da emissora e queria falar com seu tio. Os seguranças ficaram na porta e Oh entrou na sala do tio.
– Bom dia meu tio.
– Bom dia, Seok. Ainda bem que veio para assinar esses papéis.
– Sim. – respondeu, Oh. Tae entregou os papéis para o sobrinho ler, mas ele apenas assinou.
– Não vai ler?
– Não quero perder tempo lendo, já sei do que se trata.
– Oh, devia ler os documentos que lhe mandam assinar. Não confie nas pessoas ao seu redor.
– Isso o senhor tem razão. Vou tomar seu conselho sim. Então, meu tio como está a estadia da Seulzinha em sua casa? – Tae sorriu com a pergunta do sobrinho e respondeu:
– Está tranquila. Confesso que é estranho ver outra pessoa o tempo todo lá em casa. Ela está dormindo no quarto ao lado do meu, mas ontem à noite ao encontrá-la na cozinha com babydoll fiquei muito excitado e queria a convidar para dormir comigo.
– Porque não a convidou?
– Seok, ela não gosta de mim. Não vou ficar mendigando o amor dela. Essa menina mexe comigo desde à noite que ficamos. Pensei em não a vê mais. Então, olha o que o destino fez.
– Quero ver até quando vai aguentar resistir a essa garota, tio.
– Sou resistente. Aproposito estava no Instagram agora pela manhã para a seguir e me deparei com uma solicitação de uma Heyoon. Parece que é modelo.
– Aceitou?
– Sim. Quero que a Seulzinha pense que tenho muitas mulheres bonitas nas mídias.
– Tio, pensei que nunca ia te ver apaixonado.
– Vamos mudar de assunto, Seok. — falou Tae sorrindo
– Sim, tenho algo importante para te falar, tio.
– Então, fale.
– Eu vou a uma festa de noivado da família da Sofia.
– Já começou estragando o dia falando dela.
– Tio, sou apaixonado por ela. Penso que agora me entende.
– Um pouco, mas essa garota pode estragar sua vida politica.
– Não irá. A festa vai ser no Brasil.
– No segundo, ou terceiro mundo, Seok?
– Tio, não fala assim.
– Oh, Sabe que não pode viajar para um país tão longe sem um motivo aparente.
– Sei disso. Vou convidar a Sae para ir comigo, assim todos vão pensar que vamos a uma viagem a namoro.
– Isso é verdade, mas a Sofia não vai gostar e poder aprontar alguma contra você e Sae.
– Eu já falei com a Sofia e ela concordou. Está tudo certo.
– Vejo que está mesmo apaixonado. Espero que não se arrependa por ir a esse país.
– Não irei. Eu agora vou ligar para Sae para falar dessa viagem, estou indo meu tio.
– Está bem, Tchau – Oh saiu da sala e Tae ficou balançando a cabeça por imaginar que seria ruim essa viagem. Oh ligou para Sae e ela concordou em ir para o Brasil.



                                                       *****

Horas se passaram e por volta das 13:00 horas. Yo mandou uma mensagem para Sofia falando que não ia poder voltar agora do Afeganistão, pois, estava resolvendo uns problemas burocratísticos de uma fábrica de armas que estava abrindo no país em sociedade com um Sheik. Voltaria em uma semana e ia resolver o problema com Daemok. Ele estava confiante que ia acabar com qualquer relacionamento que ela tivesse com Jung-kook, pois, já tinha alguns planos para pôr em prática.
Sofia sorriu e ficou confiante e contou para Meiza. Elas também planejavam algo para mais alguns dias.


                                                      *****

Sae e Daemok combinaram de ir a nova moradia de Seulzinha. Sae queria conversar com as meninas a respeito da sua ida ao Brasil. Seulzinha recebeu as meninas na casa da piscina. Onde ficariam a vontade para conversar. Hyo levou chá de hortelã para as meninas.
– Obrigada, Hyo.
– Vai querer mais alguma coisa, menina?
– Não, obrigada – respondeu a jovem.
– Eu amo chá de hortelã – falou Daemok.
– Então, Sae, estou curiosa para saber sobre o que você queria falar com a gente – falou Seulzinha se servindo com o chá.
– O Seok, me convidou para ir com ele e a Sofia para o noivado da prima dela.
– Você aceitou o convite? – perguntou Daemok.
– Sim, como namorada dele para a mídia tenho que ir.
– Sae, conheço muito bem Sofia e ela não é confiável – falou Daemok olhando para a Miss.
– Também penso que essa Sofia não é confiável. Ela vai está lá com toda a família e você vai está sozinha em um país que você o mais perto que sabe do idioma é o espanhol.
– Sei muito bem Seulzinha. Tenho que ter cuidado com ela – falou Sae.
– Tenho mau pressentimento com essa sua viagem.
– Agora está toda mistica, Dae?
– Não, Sae, mas com a Sofia não tem que ser mistica para saber que coisa boa ela não é – Respondeu Sae.
– Sae, fica de olhos bem abertos com ela – falou Saeulzinha.
– Vou fazer isso sim. Agora vou falar com a senhora Yerin, pois, já estou indo. Tenho um ensaio fotográfico daqui a pouco. – Elas terminaram o chá e foram falar com a senhora que estava na sala fazendo tricor.


Notas Finais


*****


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...