História Ele e Ela - Capítulo 36


Escrita por:

Postado
Categorias CNCO
Personagens Christopher Vélez, Erick Brian Colón, Joel Pimentel, Richard Camacho
Tags Drama, Revelaçoes, Romance, Tragedia
Visualizações 37
Palavras 1.013
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem .

Capítulo 36 - Ele e Ela 36


Fanfic / Fanfiction Ele e Ela - Capítulo 36 - Ele e Ela 36

Narra ( sn ) :

Chris : ( sn ) por favor , não comece agora , fique aqui você vai ficar mais segura .

( sn ) : eu sempre sou aquela que não serve para nada aqui .

Chris : é perigoso.

( sn ) : eu venho ouvindo isso há três meses .

Chris : Eu só tento cuidar de você , você não sabe o quão arriscado pode ser isso para você .

( sn ) : como saber se nunca me deixam tentar ?

Miguel : Vélez , rápido !

Chris : vamos discutir isso mais tarde , tenho que ir agora.

( sn ) : Mas ...

Chris : mas nada ! Meu Deus ! Você não se contenta em ter tudo o que você quer ? Serio vc deve gritar por tudo ? A Johanna está capacitada para fazer isso e você não . Tchau !  - vai embora ao lado da Johanna , essa vadia estava sorrindo vitoriosa -

Fiquei realmente muda , papai e Richard foram ao lado deles e fiquei com o Zabdiel , ele se aproximou de mim e tomou no meu ombro .

Zabdiel : você está bem ?

( sn ) : S ... Sim ... é que ele nunca me tinha levantado a voz dessa maneira .

Zabdiel : Chris perde muito rápido a paciência mas eu te garanto que foi só pelo momento de tensão , ele te ama e muito .

( sn ) : você não precisa defender ele , não há desculpa para me tratar assim .  - me sento na cadeira giratória do Chris -

Zabdiel : Eu sei , deve ser duro às vezes aguentar o Chris mas você deve admitir que ambos têm personalidades fortes .

( sn ) : Sim , mesmo assim estou farta que sempre esteja me tratando como uma menina mimada e depois me jogue na cara e mais , me irrita essa Johanna .

Zabdiel : Johanna é ...

( sn ) : insuportável ? Sim , bastante .

Zabdiel : você está com ciúmes dela ?

( sn ) : Claro que sim , só olhe pra ela , ela fica feliz quando Chris e eu brigamos e vive dizendo que ele merece alguém melhor .

Zabdiel : é que ela o quer como um irmão .

( sn ) : essas são puras mentiras .     - digo brava -   ferve de raiva porque Chris e eu somos casados .

Zabdiel : Não sei o que te dizer , só sei que Christopher só tem olhos para você . Vive falando sobre o seu casamento e quando brigam ... Senhor , fica insuportável , nem podemos falar com ele .

( sn ) : - sorri um pouco -  Talvez por hoje não seja bom estar perto de ele.     - eu me levanto -

Zabdiel : ei onde você vai ?

( sn ) : para casa da minha mãe , eu dormirei lá hoje .

Zabdiel : eu aviso ao Chris ?

( sn ) : Eu não acho que ele se importe .

Abro a porta e vou embora , o meu plano de que hoje seja o dia perfeito foi pro lixo .

( ••• )

Narra Chris : Chegamos bastante esgotados ao escritório , foi fatal ter que assustar essa família , tinham crianças muito pequenas e a esposa desse maldito tremia de medo , são coisas horríveis que traz isso mas faz tempo entendi que não tenho opção de pular esta parte do trabalho .

Johanna : você tinha que ver seus rostos , havia crianças pequenas , até eu queria chorar com eles . Foi horrível .     - diz ao Richard e ele só a abraça -

Vi o Zabdiel sentado com o seu celular mas não vi a ( sn ) em nenhum lugar e isso me assustava .

Chris : ei e a ( sn ) ?

Zabdiel : Ela foi embora .

Chris : pra onde ?

Zabdiel : disse que ia dormir na casa da mãe ou algo do tipo .  - diz sem decolar os seus olhos do celular -

Chris : - suspiro pesadamente - de um ao dez que tão idiota fui com ela ?

Zabdiel : Eu diria que cem . - roda os olhos -

Chris : ficou chateada com o que eu lhe disse ou porque eu saí com a Johanna ?

Zabdiel : por ambas as coisas , mas ainda mais porque gritou com ela , devia se acalmar mais da próxima vez .

Chris : Eu sei , eu sou um idiota e blá blá blá .  - roda os olhos -

Zabdiel : para você talvez seja puro " blá blá blá " Mas você tem que entender , como você quer que ela deixe de ser a menina mimada se você é aquele que a trata como uma ? 

Chris : Ah Zabdiel , não me venha com besteira . Quando você tiver esposa você vai me entender .

Zabdiel : exato , é a tua esposa , não a tua filha . Seja mais compreensivo ou você vai perdê-la . Eu sei o que eu te falo .     - vai embora me deixando sozinho no meu escritório -

Já era tarde e precisava descansar um pouco , hoje foi um dia pesado para mim . Cheguei em casa e suspirei ao ver que a ( sn ) não estava , acho que hoje vou dormir sozinho por ser um idiota . Eu tiro os sapatos e vou em direção ao quarto mas ao abrir a porta meu coração se quebra ao ver o que ( sn ) tinha preparado para minha .

Ela sempre sendo tão linda e detalhista e eu sendo um idiota , queria ligar pra ela e pedir desculpas , mas não era hora , talvez amanhã seja melhor . E aqui eu me encontrava , passando meu aniversário no sofá , sozinho , comendo sorvete e assistindo um bobo filme de amor , pareço uma adolescente com o coração partido , se alguém me visse com certeza riria muito de mim . Pois assim me deixa a ( sn ) , me faz ser uma explosão de sentimentos .

 

 

Continua ............ Pequena maratona de 4 capítulos . ( 1/4 


Notas Finais


Espero que tenham gostado .


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...