História Ele mudou o meu mundo - Capítulo 7


Escrita por: e OtakuAnonimous

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Lgbt
Visualizações 29
Palavras 811
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Ecchi, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo-Ai, Shounen, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 7 - Imprevisto


Fanfic / Fanfiction Ele mudou o meu mundo - Capítulo 7 - Imprevisto

Mike e eu tínhamos ido pegar uma bebida, mas logo o Dean veio e levou ele para algum lugar, de início fiquei um pouco retraído por estar em um lugar estranho e não conhecendo ninguém além dos que vieram comigo para essa festa. Dum lado olho e vejo as gêmeas conversando e sentadas no colo de alguns carinhas, obvio que não irei interromper a diversão delas para me fazerem companhia, ou pelo menos me apresentar a galerinha, meu primo saiu com o dono da festa, o que resta agora é me virar. Dou um gole na bebida que estava em minhas mãos, bati levemente em meu rosto para afastar o nervosismo (tentar), e fui ao encontro de uma rodinha de garotos para me apresentar.

Chegando lá eu dei tudo de mim para conseguir me enturmar, e por incrível que pareça não foi difícil puxar assunto com eles, que bom consegui companhia, vou aproveitar.

- Nossa a fantasia de vocês está um estouro. (Chego chamando a atenção dele)

- Iae Brother. (Toque) – Valeu mesmo, diz ai você é o garoto novo né?

Um dos garotos da rodinha me pergunta.

- Ah sim sou eu mesmo, prazer me chamo Edward. (Dou um tchauzinho no ar como cumprimento a todos)

Alguns fizeram o mesmo, outros deram salve e alguns só sorriram mesmo.

- É um belo nome, eu me chamo Miguel, venha vamos beber juntos. (Me ofereceu uma garrafa de cerveja)

Eu já não me importo em beber bebidas alcoólicas, para mim isso já é normal.

- Obrigado. (Aceito)

O papo foi rolando fluentemente, assunto é o que não faltava, estou adorando fazer novas amizades esses caras são uns loucos, mas nada que que me assuste, aliás posso até me considerar um deles. Após muito tempo de conversa a rodinha já não estava tão cheia quanto antes, alguns saíram para dançar, outros para comer, e também para pegarem, eu super entendo essas atitudes,

- Ed eu irei pegar mais umas bebidas para gente Ok? (Miguel me diz)

- Faloh, te espero aqui. (Escoro na parede um pouco afastado da festa e com o meu copo nas mãos a espera de novas bebidas)

Assim que o perco de vista, me viro e a minha frente vem Mike cambaleando, um pouco estranho, chegando mais perto de mim ele simplesmente cai quase apagando. Para não o deixar se destroncar neste chão duro o agarro evitando algo pior, e pergunto se está se sentindo bem, mas como o esperado, nenhuma resposta eu obtive, apenas uns múrmuros baixinhos.

- O que? Não ouvi repete Mike. (Digo)

Ele já havia desmaiado, logo aparece Miguel com algumas bebidas nas mãos.

- Ed, eu trouxe essas variedades, já que não sei o que você tom- (Olha para o meu primo) – O que aconteceu com o Mike? (Assustado)

- Eu sei lá, ele saiu com o Dean para algum lugar e agora voltou assim.

- Ah, até já sei o que é, vem vamos sair daqui.

Eu acompanho Miguel até o seu carro e vamos para casa.

- Não se preocupe Ed, ele vai ficar bem, provavelmente só acordara mais tarde.

- Mais o que deu nele para apagar desse jeito?

- Dean é um pervertido, e quando ele está afim de alguém, simplesmente o prende em seus encantos para se satisfazer, portanto ele coloca sonífero nas bebidas de sua presa, que em questão de segundos já está desacordado e devora o seu corpo. Digamos que Mike se livrou do que o esperava.

- Cacete que porra louca, mas obrigado mesmo pela carona.

Despeço dele que voltou rapidamente para a festa, pego em seu bolso a chave da casa e abro a porta.

- Chegamos.

Todos estavam na cozinha conversando e comendo, nem deram atenção direito para mim.

- Sejam bem-vindos de novo. (Minha tia diz de longe)

Era perfeito, ninguém irá aparecer e me fazer perguntas chatas, subi rapidamente com Mike em meus braços e fui em direção ao seu quarto.

- Mike desce aqui, deixa eu ver a sua fantasia.

Puta que pariu minha tia o chamou.

- Tia! Ele bebeu bastante e está enjoado, provavelmente só irá acordar amanhã.

Meus tios aparentemente são tranquilos referente a bebidas, já que todos eles estavam se bebedando na cozinha, não tinham muito que falar.

- Está bem.

Ufa mesmo mal, pensei que não me safaria dessa. (O coloco deitado na cama e retiro os seus tênis)

- Ed!! Já estamos indo para casa.

Ajeito ele na sua cama e desço.

- Então eu também já vou indo. (Aceno para os meus tios)

- Sabe Ed, acho melhor você dormir com o Mike hoje, só para o olhar, não tem problema não é Hannah?

Minha tia é intimidadora, ela pergunta para minha mãe que logo diz que não tem problema.

- Perfeito, então você vai ficar para dormir não é Ed? (Meu tio pergunta)


Notas Finais


Até....


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...