1. Spirit Fanfics >
  2. Eles >
  3. Desculpas: o primeiro ato

História Eles - Capítulo 34


Escrita por:


Capítulo 34 - Desculpas: o primeiro ato


Depois de enviar a mensagem para Henrie, Lucy se dirigiu até o balcão onde estava Josh e o atendente e com um tom seco pediu um café forte para se desestressar. O atendente rapidamente começou a preparar o pedido enquanto Lucy continuava a olhar a conversa de Tod e percebeu que ele não tinha visualizado ainda.

- Está tudo bem? – instigou Fred tomando um pouco do café logo em seguida.

Lucy virou rapidamente para ele com aquele olhar furioso, mas percebeu que ele não produziu efeito algum sobre Fred, que apenas deu um sorriso de canto. Ela então bufou e com um tom quase normalizado respondeu:

- Não é nada... É que parece que estou perdendo o controle de toda a situação, e isso me deixa irritada.

- Sei bem como é isso... – retrucou Fred abrindo um sorriso torto. – Mas pode ficar tranquila, que depois disso só tem dois caminhos, ou você toma as rédeas da situação, ou outras pessoas acabam tomando por você. – ele finalizou sorrindo e apontando para o balcão avisando que o café dela estava pronto.

Lucy sentiu como se uma flecha tivesse atravessado o seu corpo com a resposta de Fred, ela ficou pensando se ele queria a alertá-la de alguma coisa que ela não estava conseguindo perceber, mas rapidamente se distraiu e pegou o café agradecendo logo em seguida. Quando ela se virou de volta para Fred, percebeu que ele já estava chegando na mesa para se sentar e rapidamente o acompanhou.

Ao chegar à mesa, os três imediatamente pararam o assunto e ficaram se entreolhando, até que Tod resolveu interromper:

Pois então, já que estamos todos aqui, acho que então devemos começar o que realmente pretendemos fazer aqui, não acha?

Lucy simplesmente concordou com a cabeça, sem dizer uma única palavra e os meninos fizeram o mesmo.

- Então, estamos aqui para debater sobre o aniversário do colégio e o que nós poderemos pensar no grupo para arrecadar fundos... Alguém tem alguma sugestão? – perguntou ele encarando cada um.

Fred estava tão por fora, ele foi ali apenas como acompanhante, então seu olhar simplesmente estava perdido, e Josh seguia com o mesmo olhar, ou seja, Tod sabia que aquilo acabaria sobrando para ele e para a Lucy.

Contudo, Lucy estava com tanta raiva do acontecido que nem tinha prestado atenção no que Tod havia falado, tanto que Tod a chamou:

- Lucy! – exclamou ele passando a mão em frente ao rosto dela tentando captar sua atenção.

Lucy ouviu na segunda vez que ele chamou, e rapidamente respondeu:

- Oi... Desculpa, eu estava pensando em outra coisa... – disse tomando mais um pouco do seu café.

- Eu percebi, está tudo bem? Se quiser podemos deixar para marcarmos isso para depois, o problema é que não temos muito tempo...

- NÃO! – exclamou ela de volta. – Não precisa, não é nada mesmo, são apenas pensamentos aleatórios, então vamos focar aqui agora... – desconversou.

- Tudo bem! Então... Se ninguém não tem nenhuma ideia eu irei apresentar algumas sugestões que eu acabei pensando. – exclamou Tod com um tom firme e olhando no olho de cada um enquanto falava. – Eu pensei em usarmos o grupo de fotografia para poder cobrir o evento no dia do aniversario do colégio, assim podemos usar um valor mais atrativo e chamarmos a atenção dos coordenadores e do diretor para esse grupo... – terminou ele olhando meio sem jeito para todos.

Josh rapidamente abriu um sorriso enorme ao ouvir a ideia de Tod e se colocou a frente para responder:

- EU ACHO INCRÍVEL, TOD! – exclamou ele deixando os outros um pouco desconfortáveis, mas logo se conteve e abaixou o tom de voz. - Eu acho que a ideia será muito bem vinda, uma vez que o grupo de fotografia não é tão visto pelos coordenadores, meus parabéns!

Lucy por sua vez tentou não esboçar nenhuma reação com a ideia de Tod, mas não se conteve em retrucar:

- Mas então esses alunos trabalharão no dia do aniversário do colégio enquanto os outros grupos, não?

Josh e Fred rapidamente viraram para Tod esperando alguma resposta que resolvesse aquele problema, pois mesmo sendo o aniversário do colégio, era uma festa para os alunos.

- Não necessariamente... – respondeu Tod. – Na verdade, eu pensei em fazer uma escala com os alunos do grupo, assim eles revezariam o turno entre si, fazendo com que todos curtam e também ajudem no trabalho.

Josh e Fred rapidamente respiraram aliviados, porque acharam a ideia ótima, e com uma boa execução, o que fez Lucy ficar um pouco irritada, mas tentou não demonstrar a sua emoção sendo que a qualquer minuto ela sabia que poderia explodir:

- Eu acho a ideia boa... – disse com um tom mais baixo não querendo elogiar. - Mas ainda acho arriscado, e caso o diretor não concordar com isso, já pensou em algo? – perguntou ela olhando com uma feição intimidadora para Tod.

Tod percebeu aquela feição, mas não se deixou levar, porque ele tinha pensado nessa hipótese, e tinha sim uma reposta a altura, então ele pigarreou e respondeu olhando bem nos olhos dela, o que deixou os meninos completamente assustado porque sabiam que Tod sempre pensava nos detalhes e provavelmente viria algo...

- Pois então, eu também tive o mesmo pensamento que você, e também consegui uma solução para isso. – disse ele com um tom certo, porém frio. – Caso o diretor não aceite que cobrimos o evento, eu pensei em fazermos uma cabine de fotos e cobrarmos pela revelação na hora.

Fred e Josh rapidamente viraram para Lucy na tentativa de captar a expressão dela no momento que Tod pronunciou aquelas palavras, o que a deixou um pouco desestabilizada, porque viu três pares de olhos a encarando.

Ela rapidamente tentou manter a pose, mas resolveu não responder de imediato a proposta de Tod, o que deixou todos intrigados, ficou alguns segundos pensando e finalmente resolveu responder:

- Eu acho que é uma ideia interessante, não sei se vai ter muita demanda, ainda mais hoje para alguém querer guardar fotos, mas acho que pode dar certo... – disse ela os encarando de volta.

Tod tentou se controlar, e conseguiu, mas não se conteve em retrucar:

- É por isso, que eu incrementei a ideia... – disse ele com um tom sereno.

Os meninos viraram rapidamente de volta para ele e soltaram:

- Uau! Ainda tem mais? – exclamou Josh.

Tod apenas balançou a cabeça em concordância e continuou:

- Essa parte ainda terá que ser feita com mais cuidado, mas pensei em anunciarmos um concurso com a fotos que serão compradas na cabine. – Continuou ele com o mesmo tom frio. – Ou seja, nós anunciaremos um concurso colocaremos as fotos na página do colégio, e a mais votada ou interagida ganhará um vale compras em um valor a ser estabelecido depois, ou qualquer outro prêmio...

Lucy sentiu a fúria transbordar dentro do seu corpo, ela sabia que Tod conseguia trabalhar com as coisas que lhe eram demandadas, mas achou que não teria tempo com todas essas coisas acontecendo na vida dele.

- Que incrível, Tod! Quando foi que você pensou nisso? Da onde você tirou esse tempo? – exclamou Josh.

Tod apenas deu um sorriso de canto e logo Fred disse:

- É porque você não conhece o meu amigo. – disse Fred olhando para Josh com um olhar frio.

- Eu acho que as ideias que você pensou foram bem elaboradas... – disse ela num tom normal. – É verdade então sobre o que dizem de você ser uma pessoa muito responsável e criativa... – finalizou ela com um tom de desdém no final, algo que Tod deixou passar, já que não se importava com isso.

Não demorou muito e o celular dela vibrou em seu bolso, ela rapidamente o pegou, era uma ligação de Henrie, ela rapidamente sem pensar atendeu:

- Oi amor...

Todos da mesa rapidamente mantiveram os olhos fixados nela, Tod sentiu uma pontada ao ouvir aquelas palavras, mas Lucy estava tão absorta com a ligação de Henrie que nem percebeu os olhos a fuzilando.

- Eu estou aqui em frente à cafeteria, resolvi ficar te esperando, já acabou? – disse Henrie com um tom calmo.

- Você está aqui? Como assim? Você não leu o que te mandei? – exclamou Lucy alterando sua voz rapidamente sentindo a raiva transparecer por ela.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...